(De)formação à moda do FC Porto

01-09-2005

O nome de Valter Fernandes, internacional sub-17 que representa o Sporting há sete temporadas, desde o escalão de escolas, surgiu inesperadamente no lote de juniores do FC Porto para a próxima temporada, sem qualquer conhecimento do sector de formação sportinguista. Trata-se de uma grave violação das princípios éticos que vigoravam nas relações entre os escalões jovens dos dois clubes.

O Sporting Clube de Portugal foi surpreendido pela informação inserida no site oficial do FC Porto segundo a qual o jovem internacional sub-17 Valter Fernandes integra o plantel de juniores deste clube para a temporada 2005-2006.

A inscrição de Valter Fernandes pelo FC Porto viola todas as normas de funcionamento e de bom relacionamento existentes entre os sectores de formação portista e sportinguista, reflectindo uma inquietante quebra de princípios que vigoravam, até agora, sem atropelos.

Entre o Sporting e o FC Porto tem funcionado um código de relações segundo o qual a transição de jogadores entre os respectivos sectores de formação apenas aconteceria com conhecimento e acordo prévio dos clubes, e nunca à sua revelia, como agora aconteceu.

Além de uma grave violação do habitualmente designado “acordo de cavalheiros”, este caso é um mau exemplo de conduta de uma instituição em idades onde a formação de atletas é indissociável do desenvolvimento como homens e cidadãos. Essa é, pelo menos no caso do Sporting, uma preocupação prioritária do Clube tanto na Academia como no Pólo Pina Manique. Ficou agora claro que nem todos têm o mesmo entendimento deste princípio básico das relações em sociedade.

Apesar de ser ainda muito jovem, Walter Fernandes, um médio internacional sub-17, representou o Sporting durante sete temporadas, desde 1998-99: duas em escolas, duas em infantis, duas em iniciados (onde foi campeão nacional) e uma em juvenis. Valter esteve ainda muito recentemente entre os convocados da Selecção Nacional de sub-17 que disputou o torneio da CPLP.

O Sporting ficou surpreendido com o procedimento do sector de formação do FC Porto. A opinião pública, por seu lado, ficou ciente, através deste caso, que também no futebol coexistem a formação e a deformação.

sporting.pt

Mas quando e que a nossa Sad deixa de ser anjinha? Sera que ñ aprendeu com os juvenis que sairam para o Chelsea?

Em vez de fazerem estes comunicados deviam por a mão na consciência e ver que andam a dormir à mto tempo

Enfim e mais um internacional sub-17 que perdemos

Se foi para o Porto é porque não tinha nada que o mantivesse vinculado ao Sporting.

A questão é: porquê?

Por exemplo no andebol eu sei que quando um jogador esta federado pelo clube x, para se mudar para o y, o clube y tera que pagar um valor (varia consoante o escalao e a idade) para o clube x o libertar (isto obviamente se o clube x se interessar em continuar com o jogador x)

Alguem sabe se no futebol é igual?

Só encontro uma palavra para explicar esta situação: incompetência.

Um clube que se assume como formador tem os seus atletas resguardados com acordos de cavalheiros?! :shock: Mas isto faz algum sentido?!

Ou então temos lá homens que gostam de se fazer de vítimas, que numa onda masoquista estão sempre à espera de uma oportunidade para se queixarem dos “mauzões” que não se portam como cavalheiros. Mas esta lógica vem de cima, com o Dias da Cunha a prestar vassalagem aos mafiosos do Colombo, vindo depois queixar-se que eles são levados ao colo.

Mas ainda ng percebeu que estes jogadores nao têm idade para assinar nem contrato de formaçao, e assim sendo nada a fazer—

Mas ainda ng percebeu que estes jogadores nao têm idade para assinar nem contrato de formaçao, e assim sendo nada a fazer---

O diploma legal que regula o contrato de trabalho desportivo e a formação desportiva é este:

http://www.cidadevirtual.pt/asjp/leis/trabalho_desportivo.html

No que diz respeito ao contrato de formação desportiva, as condições são estas:

1 - Podem ser contratados como formandos jovens que, cumulativamente, tenham:
a) Cumprido a escolaridade obrigatória;
b) Idade compreendida entre 14 e 18 anos.

Quem poderá prestar mais esclarecimentos é o nosso comentador residente para assuntos jurídicos e matérias relacionadas, FLL.

Mas ainda ng percebeu que estes jogadores nao têm idade para assinar nem contrato de formaçao, e assim sendo nada a fazer---

Vem no segundo dos pasquins:

Segundo conseguimos apurar, os responsáveis leoninos tentaram celebrar um contrato com o jovem durante a última temporada, mas o jogador nunca se mostrou disponível para rubricar um vínculo de formação com os leões.

Mas que culpa é que a SAD tem? podem fazer muitas coisas erradas, mas também não são os responsáveis por tudo, o jogador é que não se mostrou interessado em assinar um contrato de formação.

“Segundo conseguimos apurar, os responsáveis leoninos tentaram celebrar um contrato com o jovem durante a última temporada, mas o jogador nunca se mostrou disponível para rubricar um vínculo de formação com os leões.”

cumps,
VCoelho

Penso que a SAD não tem culpa neste caso, além da parte jurídica há a parte ética e fazendo fé no que vem escrito no site é a 1ª vez que alguém viola o acordo existente entre os clubes, espero que o Sporting responda da mesma maneira! :arrow:

Mas que culpa é que a SAD tem? podem fazer muitas coisas erradas, mas também não são os responsáveis por tudo, o jogador é que não se mostrou interessado em assinar um contrato de formação.

“Segundo conseguimos apurar, os responsáveis leoninos tentaram celebrar um contrato com o jovem durante a última temporada, mas o jogador nunca se mostrou disponível para rubricar um vínculo de formação com os leões.”

cumps,
VCoelho

A mim custa-me a crer que seja uma fatalidade. Mas se assim for, então abra-se guerra aberta aos outros clubes formadores, indo agora buscar miúdos ao FCP. Alguma coisa está errada no Sporting para tantos miúdos quererem de lá sair. Nem que seja a nível da formação moral que também se lhes deve dar.

Custa-me ver que somos sempre os correctos, os que fazem tudo “by the book”, sendo constantemente comidos pelos espertalhões. Comecem a desconfiar mais dos outros, fazendo também por não deixar para a última a assinatura dos tais contratos de formação. Pelo menos em relação aos internacionais, que obviamente sairão do anonimato mais facilmente.

Não foram assim tantos, salvo erro foram 3, 2 para o Chelsea e 1 para o fcp.

A “culpa” disto tudo é dos pais, que ficam loucos com a visão dos cifrões do Chelsea, quanto ao fcp é uma deslealdade tremenda, pelo que sei existe um acordo entre os dois clubes, que não permite “roubar” jogadores da formação e o fcp munido com o carisma e lealdade “á mouro pequeno” fez o que bem entendeu, lá está …

… “os fins justificam os meios”, mouro pequeno.

cumps,
VCoelho

Mas, vcoelho, acreditar na correcção e na palavra das gentes do FCP é ser um bocado ingénuo. É contra isso que me levanto.

Nós nesta altura já deveríamos estar com a máquina bem oleada para blindar a Academia e prevenir assaltos do género. Deveríamos ser pioneiros na protecção dos valores que lá temos até pela importância que a formação tem na nossa estratégia.

incy, se bem recordo o aranha explicou aqui uma vez que existe uma espécie de contrato especial para putos na formação, não sei é se em termos etários se aplica a este caso (embora pense que sim). O Aranha falou disto aquando do caso com o chelsea. Se assim for é de facto incompetência, independenemente da filha da putice do Porto, mas essa é previsível logo ainda mais acentua a incompetência.

É pena, mais pena ainda se vingar lá nos lança-chamas, mas nada a fazer.
Mais um liçâo: com gente desonesta nâo nos podemos defender só com acordo de cavalheiros!
Nada como tentar ir buscar alguém- de preferencia com valor- às escolas deles… :wink:

Mas, vcoelho, acreditar na correcção e na palavra das gentes do FCP é ser um bocado ingénuo. É contra isso que me levanto.

Nós nesta altura já deveríamos estar com a máquina bem oleada para blindar a Academia e prevenir assaltos do género. Deveríamos ser pioneiros na protecção dos valores que lá temos até pela importância que a formação tem na nossa estratégia.

Ok Leo,

Mas se o gajo ( ou os pais ) não quiseram assinar contrato, o que é que a SAD pode fazer ? Obrigá-lo ?

Sim, se foi o jogador que nunca se mostrou disponível para assinar o que quer que fosse, ia-se fazer o quê? Apontar-lhe uma pistola à cabeça?

A partir do momento em que se começasse a recusar em assinar era afastado da equipa e ponto final.

Mas, vcoelho, acreditar na correcção e na palavra das gentes do FCP é ser um bocado ingénuo. É contra isso que me levanto.

Nós nesta altura já deveríamos estar com a máquina bem oleada para blindar a Academia e prevenir assaltos do género. Deveríamos ser pioneiros na protecção dos valores que lá temos até pela importância que a formação tem na nossa estratégia.

True …

A boa fé e a lealdade são questões que muita gente não percebe o que querem dizer! …

… INFELIZMENTE.

cumps,
VCoelho

“nao conheço os jogadores em causa nao sei se serao diamantes ou nao, mas para o chelsea os vir “roubar” é porque alguma coisa valem. A nossa SAD na altura devia andar preocupa com outras coisas (casos CF, PB, RJ, e afins) e esquece-se que temos jovens a formarem-se na nossa cantera sem qualquer tipo de segurança para eventuais desvios. Mas pior que isso é a atitude tomada pelo Chelsea (Mourinho), que nao foi nada profissional (devem andar aprender com os lamps). Espero bem que o M.Fernandes aproveite a sua passagem por la e puche as orelhas a esses 2 reguilas.”

tinha feito este comentário no thread dos jovens que o chelsea nos “roubo”, a nossa SAD anda mesmo a dormir! E acordo de cavalheiros com com mafiosos ja se tava mesmo haver.

Nada como tentar ir buscar alguém- de preferencia com valor- às escolas deles... :wink:

Ainda bem que te referes a isso, mas acho que o Sporting não deve entrar por aí, na formação do Sporting deve ficar quem quer, não quem é obrigado ou influenciado.

Juniores e já com essa motivação financeira!? não muito obrigado, se são assim nos juniores imaginem nos seniores.

Mercenários não.

O MVeloso é lamp e continua no Sporting porque quer, já teve hipóteses de sair para os orcs e preferiu ficar, é assim se constrói uma boa base de formação, agora estar a “pagar a vontade”, não.

cumps,
VCoelho