Daniel Carriço (Sevilha) - TVI 24

Para mim, não tem lugar no Sporting.
Jogador mediano em final de carreira.
Falta vir o Adrien Silva e mais alguns pré-reformados…
Apostem nos jovens, há alguns com potencial na academia

Se ditar a saída do ilori

É mesmo sportinguista, logo não creio que regresse.

Obviamente que um quarteto com Coates, Mathieu, Neto e Carriço seria suficiente para um candidato ao título. Arriscaria dizer que era o melhor quarteto de centrais do campeonato. Não diria que não. O problema seriam sempre as outras posições.

comebacks nunca resultam muito bem…tipo Rochemback

1 Like

Eu venderia o Coates e procuraria uma alternativa para ir alternando com o Mathieu.
O quarto central tem de ser um jogador barato.

4 jogadores mais que caros…tirando o Mathieu, e para o ano ñ devia ficar, os restante ganham bem acima do que valem.

O Sporting precisava de um Demiral, um Tiago Djalo…jovens, rápidos, agressivos e com bom jogo de cabeça.

INCOMPETENTES

este serve para que mesmo?

que va p a China

Naturalmente está disponível para regressar. Nada contra o rapaz, o seu tempo cá já passou. Temos que olhar para outras soluções, sobretudo outros perfis.

2 Likes

os Espanhois diziam ontem q estava muito tentado com uma proposta da China

Que vá para a China, ganha mais e não se chateia

Não é por falta de qualidade… ainda este ano leva 12 jogos numa equipa claramente superior à nossa. É visto quase como um ídolo por lá.

Nunca percebi porque sempre foi tão desvalorizado por cá, principalmente nas escolhas do selecionador nacional (sempre o achei superior a um Neto por ex.).

Tem um historial de lesões demasiado grande e perigoso e está a entrar na fase descendente da carreira. Por isso, e mesmo apreciando o jogador (mesmo não achando que seja um grande central), não gostava que voltasse.

Ainda este ano, só não fez já mais jogos porque mais uma vez, teve uma lesão.

Tenho noção de que isto é uma opinião nada popular por aqui mas eu digo-a na mesma: trocava pelo Coates na hora.

O regresso do Carriço “assina” o fim do Coates ou do Mathieu no Sporting. Não pensem que ele vem para substituir o Ilori e ficar como terceiro ou quarto central. Não temos capacidade para ficar com o quarteto de centrais tão caro.

Posto isto, prefiro que não regresse e que se aposte na renovação do Mathieu.

Acho que o Mathieu não deveria renovar, seria melhor acabar por cima este ano do que arriscar tê-lo a arrastar-se no próximo.

Preferia que fosse substituído por um defesa canhoto e mais novo (Dória, Rojo, Laifis) mas atendendo à falta de referências no plantel — do grupo de capitães, se saírem Bruno e Mathieu, só fica o Coates —, perceberia a contratação do Carriço: português, sportinguista, experiente, capaz de entrar no grupo de capitães. Não temos nenhum português há muitos anos no Sporting ou com espírito de liderança para entrar no grupo de capitães e isso é um problema se o Bruno sair.

Mas o Mathieu tem feito o suficiente para merecer mais um ano. Eu faria proposta de renovação sem pestanejar.

Tem estado a bom nível este ano, o que não significa que vá manter este rendimento para o ano. Terá 37 anos uns 3 meses depois da época começar, ganha bem (porque é um grande jogador) e não sei sequer se quererá continuar. Ou se o Sporting deveria arriscar a continuidade. Admito que sim, mas não tenho certeza se não era uma boa altura para sair pela porta grande.

Eu compreendo o que dizes e até posso ser levado a concordar porque 37 anos - faz em outubro - não são brincadeira. No entanto, eu achava que o Mathieu nesta época já se ia arrastar em campo e para meu espanto é o nosso melhor defesa a todos os níveis, perde talvez para o Coates no jogo aéreo.
Tem 36 anos, mas sabe como ninguém a melhor maneira de gerir a sua condição física.

A sua qualidade é fundamental para estarmos mais próximos de ganhar os jogos que disputamos e, sinceramente, vejo que ele é capaz de se manter em boas condições mais uma época. Isto, claro, se essa também for a vontade dele.

Bom rapaz e tal…mas não acho que faça falta na atual fase da carreira.