Coronavírus (SARS-CoV-2) - O perfil do doente com COVID-19 e até onde a epidemia pode chegar

E o que vale é que a Rita Rato arranjou um tacho. Senão ainda aparecia: Rita Rato, intelectual

1 Like

Será que podemos ter a Ministra da Saúde a apresentar a Meteorologia? Ou então o Costa a fazer o lugar do José Rodrigues dos Santos no Telejornal? O Marcelo a assinar um relatório de análise hidrográfica da bacia do Vale do Tejo?

2 Likes

E estranho porque apesar de nao ter qualquer relevancia pratica, sempre vi o CFP como uma entidade competente nas funcoes que lhe dizem respeito.
Mas provavelmente durante a governacao PS e possivel que tambem tenha sido tomado de assalto

2 Likes

Já foram vacinados 7 mil polícias, imagino que sejam eles que façam escolta às uci com doentes covid. Ou estão mesmo lá dentro, para garantir que todos cumprem o confinamento e ninguém foge?
E eu que pensei que seria logo vacinado por ser profissional de saúde. Que ingénuo!

1 Like

Isso é porque os policias têm de ir fiscalizar os irresponsáveis que vão sozinhos para a praia. Têm de estar protegidos dos recalcitrantes.

2 Likes

É a maior razão do atraso do nosso país: o desprezo e desvalorização do conhecimento, ensino e formação. Visível quando até as pessoas formadas em áreas específicas desvalorizam totalmente a sua falta de formação noutras áreas, e acham que podem ir lá mandar bitaites de forma oficial, que acham que com o que sabem chega para dar contributos relevantes.

@Reavstone , mais estranho/surreal é quando deviam estar bastante ocupados a analisar coisas como uso da bazuca/vitamina, ou analisar o estado das contas públicas devido á pandemia.

1 Like

O efeito Dunning-Krugger e fortissimo na sociedade portuguesa.

1 Like

“First vaccine dose cuts transmission - UK studies” First vaccine dose cuts transmission - UK studies

Isto de cortar a transmissão é muito importante

Não têm reparado que as pessoas estão cada vez mais «desconfinadas» e contra o fecho permanente de tudo sem data para abrir?

Parece-me que o chip está novamente a mudar.

2 Likes

Consigo pensar em 20 ou 30 razões primeiro que essa. Nem sei de onde isso vem, porque o caso do conselho de finanças não se trata de desprezo pelo conhecimento alheio, é apenas um frete ao governo.

O confinamento vai durar no máximo dos máximos até a segunda semana de Março. Depois a pressão vai ser tanta que o Costinha e Selfies vão abrir tudo, ou correr o risco de o PS se ■■■■■ à grande em Setembro.

Esta situação, acontecendo agora com o conselho de finanças públicas, é recorrente em Portugal. E resulta do facto de sendo o Pais bastante atrasado em termos de qualificações e conhecimento, olha, “em terra de cegos, quem tem um olho é rei”. Quem tem formação numa área, tende a achar que pode-se meter em várias. E como a população em geral não tem qualificações/formação/conhecimento suficiente para identificar quem de facto é especialista em quê, vai aceitando.

É só veres agora na pandemia, a quantidade de gente que aparece nas TVs e até decide a falar dos vários aspetos da pandemia, quando se for de facto um especialista num aspeto especifico já é uma sorte. E quem diz pandemia, diz sempre.

É só mais um sinal de que em Portugal é geralmente tudo feito de forma amadora por amadores, e com pouco conhecimento. E quando tudo é feito de forma amadora, sem se ter conhecimento suficiente para se perceber as falhas, fica difícil de evoluir.

Ainda bem, para pensar estes temas não são precisos especialistas para nada. Por exemplo, eu que não tenho formação nenhuma em medicina e muito menos em infecciologia, em janeiro/fevereiro percebi logo que o covid ia ser devastador. Não é preciso ser especialista de porra nenhuma, é apenas preciso ter um cerebro.

Edit: obviamente que percebi porque havia especialistas a analisar, não fui eu que descobri o virus. O que estou a dizer é que para pensar um assunto não são precisos especialistas…

Desconfinar? Estão malucos?

Nada disso, ainda há todos os dias 1000 e tal casos reportados. Se o confinamento prosseguir até ao fim de 2021, podemos estar a falar aqui em 10 vidas poupadas à conta do covid. Mas nem que fosse só uma, só isso já justifica um confinamento até final de 2022 se for preciso! Isso de confinar não custa nada e quem se queixa é porque não sabe o que são dificuldades reais… há gente a morrer à fome em África, pá, e a malta a querer desconfinar… só visto!

6 Likes

Eu “gosto” é de como se continua com a ilusão de que se realmente não se abra nada até à Páscoa, que “sair de casa” vai ser só esperar mais um mês. Mas quê, está tudo inocente à espera que o desconfinamento vai ser total logo?

Desconfinar a partir da Páscoa é manter tudo igual como agora em Abril inteiro, sem ser alguns graus de ensino e postigos. Sair de casa de facto só em Maio, e com sorte.

Mas depois disto, porque ter o país parado somente por causa do covid? Acho que devíamos ficar todos confinados para salvar vidas que eventualmente se podiam perder por acidentes de viação! Para quando uma ação efetiva do governo para acabar com os mortos na estrada??? E as pessoas constipadas??? Quantas vezes fomos trabalhar constipados, acabando for infetar outros? Nunca mais! Tudo em casa até haverem o R das constipaçoes ser 0!!! Ou os infetados por constipação são menos que os outros?

3 Likes

Também me parece inegável que as pessoas estão cada vez mais fartas e com a chegada do sol e do bom tempo, vai-se vincar ainda mais a vontade de sair de casa.

Como já aqui referi, neste confinamento fui “obrigado” a descobrir novas rotas por essas serras fora. Nada como sair de casa, conduzir uma hora rodeado de natureza, com as duas crianças a fazer a sesta. E depois, escolher um bom local e caminhar ao ar livre. Para mim é verdadeiramente uma questão de saúde mental.

Mas ainda ontem, uma tarde cheia de sol, ainda que dia de semana, reparei num movimento muito maior naquelas estradas onde é raro me cruzar com quem quer que seja.

Para muitas pessoas, embora muitas possivelmente não o reconheçam publicamente (devido à triste sina da moral e bons costumes), já estamos no ponto de saturação.

2 Likes

Esta semana também tenho notado um movimento muito maior na rua.

No fundo é só a certeza do que já foi aqui dito várias vezes:

As pessoas estão a cagar para o governo e tomam as medidas por si mesmas.

Em principio a vacina da Biontech é segura…excepto talvez para alguns. Por exemplo, os grupos de pessoas que não participaram nos estudos. De acordo com a Biontech, estes são:

"Os doentes que têm um historial clínico conhecido de reacções adversas graves a uma vacina ou alergia a qualquer componente dessa vacina são excluídos do estudo, tal como os doentes que estão a receber imunossupressores para outra condição (por exemplo, cancro ou doença auto-imune), ou que estão a tomar corticosteróides, ou que têm um historial clinicamente relevante de doenças de coagulação do sangue que impedem a vacinação intramuscular. Se algum destes critérios se aplicar, a vacinação não é recomendada no momento actual. As alergias são relevantes se for alérgico à própria vacina ou a componentes individuais. Por favor, consulte o seu médico ou o centro de vacinação em pormenor.

Além disso, os idosos com as seguintes condições crónicas pré-existentes, que são consideradas factores de risco para a doença COVID19 em pessoas com mais de uma certa idade, não foram elegíveis para os estudos até agora: Indivíduos com hipertensão, diabetes, doença pulmonar crónica, asma, doença hepática crónica, e doença renal crónica (GFR <60 mL/min/1,73 m²). Por esta razão, não está actualmente claro se os indivíduos mais velhos com as condições crónicas pré-existentes acima mencionadas devem ser vacinados".

No entanto, a Merkel e companhia falam no desejo de se vacinar toda a gente.