Continuam...

[b]O antigo dono do Chelsea e actual proprietário do Leeds, Ken Bates, fez queixa do clube de José Mourinho à FA (Federação Inglesa), Liga Inglesa e FIFA por, alegadamente, ter abordado de forma ilegal três jogadores do seu sector de formação. O dirigente não se contenta com o pagamento de uma multa e vai mais longe, quer que o Chelsea perca pontos, seja impedido de inscrever jogadores e seja suspenso das provas europeias.

Bates alega que o clube de Stamford Bridge contratou Michael Woods e Tom Taiwo, estabelecendo contactos sem conhecimento dos responsáveis do Leeds, o que viola os regulamentos, e que terá abordado Danny Rose, que acabou por não sair.

A queixa foi apresentada, disse Ken Bates, deixando claro que o clube pretende ser compensado pelos custos de formação dos atletas: «Dada a capacidade financeira do dono do Chelsea, Roman Abramovich, sanções financeiras não farão qualquer diferença. Cremos que a dedução de pontos, o impedimento de inscrição de jogadores e a suspensão das competições europeias seria o mais apropriado.»

Ken Bates recordou o caso de Ashley Cole, do Arsenal, em que o Chelsea foi multado e ainda ficou com a possibilidade de perder três pontos. O dono do Leeds pede cerca de 27,5 milhões de euros pelos dois jogadores que já se transferiram para Stamford Bridge. [/b] *Maisfutebol

Estes tipos não param nunca… já cansa

ja existe um topico a abordar esse assunto.

http://www.sportingcp.artinova.pt/viewtopic.php?t=2423&postdays=0&postorder=asc&start=15