Complexo Alvalade XXI - Estádio José Alvalade

Não faço ideia. Foi o que circulou por aí, o valor.

Diga-se de passagem que deve ser das principais armas de arremesso ao varandas em termos de eleições.
Um autêntico tiro no pé.

3 Curtiram

Já tiveste o treinador do Ajax a dizer que o campo estava mau, por isso pior duvido que fique, literalmente se ficar pior vamos ter de jogar para o estádio da luz.

Quando vier as cargas de água… Choupana sem nevoeiro.

1 Curtiu

Estádio do Jamor com Lisboa, Estádio de São Miguel sem ananases, Estádio dos Barreiros sem batatas.

1 Curtiu

Perguntamos ao sr. árbitro se podemos pôr o Neto a mais em campo só para recolocar a relva no sítio.

1 Curtiu

Aposto que deixam.

Fica 11 para 11 na mesma e ainda dá vantagem ao adversário.

2 Curtiram

Ora aí está.

O pavilhão edificado pela anterior direcção, prometido durante anos pelos antecessores em moda “atirar areia” aos olhos dos sócios, é uma espinha, um tronco de arvore entalado na goela desta genteca croquette!!!

Como tal andam a tentar mudar tudo, mesmo o que está bem, sob forma de minimizar, e a mode de tentar apagar a maior edificação de patrimonio no clube desde a inauguração do estádio.
Tudo vale, e se há coisas que têm de ser mudadas e restauradas, outras mudam-se para ver se fica na história a “obra do varandas”, pois inveja é muita e o ego precisa de ser massajado.
Chegaremos ao ponto de mudar coisas “novas” só para deixar obra? trocar cadeiras e pintar de novo o pavilhão? mudar a cobertura? tempo dirá.

Isto aliado á vontade de ver o dinheiro circular, sim que este aumento de qualidade de vida pessoal não advem só do seu salário de presidente, não sejamos trouxas, faz com que se continue.

ao idiota que está na presidencia, pode até ter sido campeão, e repetir o feito até, mas duvido que na memória futura seja lembrado como um “verdadeiro presidente”!

Ps: estou “ansioso” de voltar a ver o relvado com mais areia que relva, de cor amarelada e posteriormente a ser pintado de verde como em tempos!

4 Curtiram

Todos vemos o que o Ten Hag viu

E a pergunta que se coloca, é: não era altura da Sport Relva explicar que raio de merda fez quando mudou o relvado?

Cronologia

18 Maio 2021
A gestão do relvado do Estádio de Alvalade vai mudar de mãos. Em ano de regresso à Liga dos Campeões, a ‘Relvado e Equipamentos Desportivos’ (RED) vai deixar de gerir a relva dos leões. Na pole position para substituir a RED, está a Sport Relva, que, ao que tudo indica, vai passar a fazer a gestão do tapete leonino.
Em 2016, a RED renovou contrato com o Sporting, continuando responsável pelo relvado do Estádio José Alvalade, bem como da Academia leonina. Para lá da parceria com a Federação Portuguesa de Futebol, a RED gere os relvados de diversos clubes da Liga NOS, como por exemplo o Benfica, o Porto, o Braga ou o Portimonense. Mais recentemente, aquando da realização da fase final da Liga dos Campeões em Lisboa, a RED ficou responsável por tratar dos relvados onde se jogaram as fases decisivas da prova milionária.
No caso da Sport Relva, e após consulta do site e redes sociais da empresa, é possível perceber que tem como clientes alguns clubes internacionais. Em Portugal, destaque para o Vitória SC, o Tondela, a Oliveirense ou Estrela da Amadora.

19 Junho 2021
Nova época… novo relvado. Já decorrem os trabalhos no Estádio José Alvalade, tendo em vista a colocação do tapete que vai acolher os campeões nacionais na próxima temporada. Segundo informações recolhidas por Record, a instalação do novo ‘piso’ deverá demorar cerca de um mês, ficando a obra pronta antes do início próxima campanha. A expectativa é que a estreia do oitavo relvado de Alvalade possa acontecer no Troféu Cinco Violinos, o último jogo de preparação que antecede o arranque oficial da época, o duelo da Supertaça frente ao Sp. Braga, a 31 de julho, em Aveiro.

A empresa contratada para a instalação do novo relvado é a portuguesa ‘Sport Relva’, que já removeu o anterior tapete, que estava a chegar ao limite após cinco anos de utilização (foi estreado em julho de 2016). Nesta fase, ainda com terra à vista, estão a ser criadas as bases para a implementação do novo tapete. O ‘Sport Relva Strong Grass System’ é conhecido por se tratar de um sistema mais tecnológico, sustentável e, acima de tudo, resistente, com vista a aguentar a maior quantidade de partidas que o Sporting vai disputar em 2021/22, com destaque para o regresso dos encontros da Liga dos Campeões. Este novo relvado será de alta sustentabilidade, com materiais amigos do ambiente, que ajuda a baixar a incidência dos problemas relacionados com fungos que tantos estragos já causaram em Alvalade. O novo relvado terá uma maior capacidade de drenagem do que o anterior e a vantagem de possuir uma perfeita simbiose entre relva natural e artificial. De forma a dar maior longevidade ao tapete verde, haverá mensalmente o reforço de um programa de fertilização, que visa elevar a performance da superfície e torná-la mais resistente aos constantes movimentos dos jogadores. A ‘Sport Relva’cuidou, por exemplo, dos relvados do Mundial de Clubes em Marrocos (2013 e 2014) e colabora, na Liga, com clubes como Sp. Braga, V. Guimarães ou Paços Ferreira.

Essa cronologia é de uma notícia ou de um anúncio?

:upside_down_face:

2 Curtiram

Realmente é amigo do ambiente pois aquilo deve ser um relvado reciclável, fazes o aquecimento e depois em vez de o trocares passa a servir para plantação.

A cena é que depois do aquecimento geralmente tens um jogo ou treino.

2 Curtiram

A empresa em questão apresenta um catálogo interessante de relvados.

A questão é que são conhecidas as limitações e diferenças de Alvalade em termos estruturais.

Décadas para atingir a fórmula perfeita para depois estragar tudo por “capricho”.

O Portimonense é patrocinado pela RED.
Acredito que o acordo de patrocínio seja o relvado e a sua manutenção.

Se assim for é muito bem pensado pelas duas partes.
O Portimonense fica com uma relva de luxo de graça e a RED faz daquele relvado o seu Showroom.

No entanto ainda aparecemos como clientes no site da red

Já começaram as obras.

é uma pena é as obras não serem no relvado do estádio.

São obras para a construção do quê?

Graças a adeptos como vocês é que estamos sempre na lama. Tal como o Palhinha frisou, e bem, é nos momentos maus que é preciso o suporte dos adeptos, e isso passa para os jogadores quando estes estão comprometidos com o clube. Não duvidem que depois de 4a os jogadores ficaram ainda com mais vontade de lutar por este clube. Vocês por vezes confundem as coisas. Confundem o que é ter uma equipa recheada de “vedetas” pagas a peso de ouro, que à mínima contrariedade querem dar de frosques do clube, com outra equipa, que pese embora as suas evidentes lacunas dá tudo o que tem e está exposta a eventuais noites negras como a de 4a feira. Esquecem-se que em 2018 estávamos todos aqui a fazer contas e dos anos que seria preciso para termos uma equipa minimamente competitiva. Parece que agora está tudo bem, e à primeira derrota vamos lá assobiar tudo e todos.
Também fiquei bastante desiludido na 4a, e esperava muito mais. Mas depois friamente percebi uma coisa. Temos uma equipa que basicamente tem 0 experiência europeia, ja nem falo de champions, que tem de aprender a competir nesse tipo de provas, e isso requer tempo, jogos, dissabores e angústias até que cheguem as alegrias, que hão de acabar por chegar. Portanto, muita calminha e vamos apoiar estes rapazes e ajudá-los a darem alegrias à malta.

6 Curtiram

Errado. O Clube está sempre na lama devido a ter constantemente dirigentes de merda. Já é histórico. Quando a coisa corre bem, os adeptos não falham com apoio. E as coisas não aparecem porque os adeptos comem e calam. As coisas aparecem com competência.

11 Curtiram

Concordo a 100% com isso. No entanto, e estimando que o Varandas vá para aquele sítio, reconheço nesta equipa espírito do que é ser Sporting. Muitas coisas estão mal neste clube, ainda, mas não vamos estragar aquele que está melhor porque as outras são uma m…