Como eu vi o Derby - Mourinho

Isto é comentar um jogo!!

http://www.record.pt/noticia.asp?id=651575&idCanal=6

Já tinha lido e está excelente. O homem vê um jogo dentro do jogo, é incrível.

Aprendi tanto a ouvi-lo comentar o Portugal-Espanha como em vinte anos a ver futebol. Qualquer comentador desportivo ao pé dele parece analfabeto (e na maioria dos casos sê-lo-á mesmo).

[i]O ultimo paragrafo e algo incoerente com as criticas que teceu em relacao ao boxing day na premier league. Fiquei a saber que, a forma, ou falta de forma, nao tem influencia no jogo…ta bem!

Pode ser bom treinador mas por vezes mais valia fechar a retrete…[/i]

Sera que alguem podia fazer copy-paste, é que registar-me naquelas coisas eu nao gosto la muito, depois recebe-se muito lixo… e ja que ha quem esteja registado… :?:

Sera que alguem podia fazer copy-paste, é que registar-me naquelas coisas eu nao gosto la muito, depois recebe-se muito lixo... e ja que ha quem esteja registado... :?:
COMO EU VI O DERBY Três minutos fatais

Parece contraditório, mas o Sporting foi melhor com dez. Inicialmente em 4x4x2 – um sistema que tive de estudar para de-senvolver, no qual a disciplina táctica assume preponderância para a ocupação equilibrada. Com 11 jogadores, Carlos Martins e Rochemback actuaram no mesmo espaço e o Sporting não teve um vértice lateral para oferecer largura ao jogo, não teve um vértice ofensivo no seu meio-campo, enquanto que Custódio, livre, não encontrava linhas múltiplas de passe para que, quando de posse de bola, se sentisse de facto que havia superioridade numérica no meio-campo.

Com a expulsão, a equipa jogou com um só atacante, disciplinou o seu posicionamento no meio do campo, teve “pivot” defensivo, teve dois interiores, e Carlos Martins, entre as linhas defensivas e média do Benfica, foi referência nas saídas para o último terço. Controlou o jogo mesmo em inferioridade numérica, marcou em igualdade.

Momento 1 – a expulsão de Rui Jorge. O Benfica – ao contrário do que já ouvi e daquilo que seguramente se irá escrever – não teve falta de ambição. Teve falta de qualidade. Para se ter ambição tem de se ter confiança; para se ter confiança tem de se ter qualidade.

Penso que Manuel Fernandes, para o presente do Benfica e para o seu próprio futuro, se deveria especializar e jogar como “pivot” defensivo. O Benfica não controlou os ritmos do jogo, não o dividiu, retirando a bola de um meio-campo ocupado, e por isso a iniciativa e o arrastamento do jogo para o terço ofensivo não aconteceu.

O Benfica não conseguiu explorar a velocidade de Simão, por deficiente construção nas duas primeiras fases, o que não proporcionou ao seu mais talentoso jogador situações de um para um ou diagonais interiores.

Por vezes, o trinco tem como qualidade principal a sua capacidade de marcação ou de recuperação; por vezes, o controlo defensivo começa com a definição dos ritmos de jogo e controlo da sua posse. Manuel Fernandes jogou a espaços e como “pivot” tem papel mais marcante no jogo.

Para alimentar a esperança de todos aqueles que como eu têm saudades de Mantorras, vimos-lhe dez minutos a pedir mais e que Deus o ajude.

O momento 2 foi a expulsão de Alcides. E os três minutos sem outro central foram fatais para o Benfica. A resposta e a adaptação não foram imediatas, Ricardo Rocha era o único central; Argel entrou um minuto mais tarde. Num campeonato cheio de “experts” em “inteligência malandra”, ninguém teve a capacidade de liderança para “parar” o jogo e obrigar a substituição/entrada do central brasileiro para equilibrar posicionalmente a equipa.

No “flash interview” ouvi falar de quebras físicas e logo dei por mim a pensar que a minha cruzada vai ser mesmo difícil. É que não consigo mesmo que se perceba que isso não existe. A forma não é física. A forma é muito mais que isso. O físico é o menos importante na abrangência da forma desportiva. Sem organização e talento na exploração de um modelo de jogo, as deficiências são explícitas, mas pouco têm a ver com a forma física. E os nossos comentadores/repórteres, como quase sempre, continuam a influenciar negativamente a opinião daqueles que, em suas casas, precisam de ser orientados na sua capacidade de absorção ou entendimento do jogo.

Também gostei, só é pena que apenas analise o benfica em 80% do texto.

Antes de mais, obrigado FLL.

Quanto ao Mourinho, por muito detestavel que eu o ache tenho de admitir que o gajo percebe a pacotes do que faz e quando escreve sabe transmitir isso, percebe-se o porque das suas equipas serem o que sao, e sobretudo percebe-se bem que se Peseiro foi o melhor da classe deve ter-se encostado a sombra disso depois, porque o Mourinho, admitindo que sabia menos que o Peseiro , agora meu Deus, ultrapassou-o totalmente… :o

O melhor da classe usualmente é um panhonhas que leva porrada e calduços e chegado a uma certa altura da vida ou vira panhonhas para todo o sempre ou vira dirigente de extrema direita e/ou esquerda cheio de recalcanços.

O segundo, terceiro, quarto melhores é que chegam longe pra caraças.

PS - Eu não tou nem num nem noutro, fui prá aí o 10º :slight_smile:

em 4x4x2 – um sistema que tive de estudar para desenvolver

Só faltou o gajo dizer que ele é que inventou o 4x4x2. :lol:

É muito bom treinador, mas é um arrogante do cacete, este merdinho! :twisted:

Isto e uma analise somente a equipa do Benfica.

Ele raramente fala num dos jogadores do Sporting.

Esqueceu-se que o Benfica nao jogou mais,porque houve qualidade na outra equipa que jogou .

Queima-lhe a lingua ou a caneta para falar do Sporting.

O melhor da classe usualmente é um panhonhas que leva porrada e calduços e chegado a uma certa altura da vida ou vira panhonhas para todo o sempre ou vira dirigente de extrema direita e/ou esquerda cheio de recalcanços.

O segundo, terceiro, quarto melhores é que chegam longe pra caraças.

PS - Eu não tou nem num nem noutro, fui prá aí o 10º :slight_smile:

Mas o Peseiro ja chegou longe na vida…ta a treinar o Sporting! Melhor do que Carvalhais e outros que para ai andam.

Não me interessa o que este gajo possa dizer. É mais um para ignorar completamente. :roll:

Isto e uma analise somente a equipa do Benfica.

Ele raramente fala num dos jogadores do Sporting.

Esqueceu-se que o Benfica nao jogou mais,porque houve qualidade na outra equipa que jogou .

Queima-lhe a lingua ou a caneta para falar do Sporting.

Tu é que te estás a esquecer que se ele fizesse uma analise da equipa do Sporting teria que falar bem do Liedson. :smiley: :wink:

Golo do Gaucho :smiley:

Era a esse mesmo que eu queria chegar!

Como e que adivinhaste?

:smiley: :smiley: :smiley:

Quando o Mourinho fal a no 4x4x2, afirma que teve de o estudar e aprofundar para tirar dele os melhores resultados.

Aprendi a apreciar o Mourinho quando li o livro dele e tb quando vejo os jogos do Chealsea. Temos de tirar o chapéu a um tipo que, sendo arrogante, convencido e insuportável é um estratego impressionante.

Não sei que raio de treinos ele dá, mas os tipos (jogadores) absorvem aquela treta melhor que o evax e os resultados aparecem! Os que não absorvem, vão embora…

Fui um dos que criticou (sem grande convicção, diga-se) a entrada deste senhor no Sporting, mas hoje já mordi 500 vezes a língua…imaginem o que não teria feito na nossa Academia!

O Peseiro, tem uma personalidade diferente, mais reservado e pior comunicador. No entanto, acredito que vá desenvolver um bom trabalho no Sporting - já se nota no futebol, na mentalidade dos jogadores…só foi preciso arrumar uns quantos artistas!!!

Ouvi o tal comentario no jogo de Portugal e quando comecei a ler a crónica estava à espera de mais. Explicar um jogo com a falha de uma equipa, ignorar propositadamente a outra, a sua raça, lição táctica e o desempenho de Liedson é ser nojento, como é é, sempre foi e sempre será. Naquilo tudo que ele escreve, a única frase surpreendente, a única coisa que interessa, e aquela da “esperteza”, nisso ele tem total razão e foi uma coisa que mais ninguém disse. De resto, banalidades, ainda por cima com o desplante de dizer ao MF como é que ele deve evoluir no futuro, no género “caga no teu treinador e faz o que eu te mando porque dentro de algum tempo posso estar a treinar-te, ou fazes o que mandou ou estás out”.

Mourinho deve ser tratado como personna non gratta em alvalade, por tudo o que fez ao nosso clube, em particular a um atleta que representa o Sporting.
Nojento! que o chelsea não ganhe nada!

Desde que o pequeno mouro foi eleito o melhor treinador do mundo e arredores que tudo o que faz, diz ou escreve é motivo de aplauso, acho mesmo que se ele der um traque vai haver quem fique extasiado, :stuck_out_tongue: como aliás me parece evidente com esta merda de crónica que ele escreveu, onde se recusa a dar mérito ao Sporting que é um Clube que visivelmente lhe provoca urticária.

Reparem que ele praticamente só fala no Benfica, do Sporting a única coisa que diz é que jogou melhor com 10 do que com 11, :shock: o que também me parece um perfeito disparate, pois enquanto estivemos em igualdade numérica o nosso domínio foi total e as estatísticas do jogo demonstram-no, mas pronto falou o supra sumo dos treinadores está falado.
:roll:
Também esta atitude deste palhaço não me espanta nada, pois se bem se recordam ele nas suas sábias análises de alguns meses atrás desfez-se em elogios ao velho Trap e à sua equipa, enquanto em relação ao Sporting a única coisa que viu foi a lentidão do nosso meio campo, uma descoberta que a partir daí passou a ser repetida por tudo quanto é jornaleiro.

Ele que vá mas é chatear os bifes :frowning:

Meus Caros,

Digam o que disserem, Mourinho do ponto de vista técnico, é um génio e lê o jogo como poucos… A análise a que se referem é excelente e revela até que ponto é que muitos dos comentaristas usuais percebem de futebol… muito à frente !!!

O Sporting e as suas vitórias continuam a causar-lhe azia!

Não sei porquê, ou talvez saiba…