Ciclismo - Parte II

Obrigado

Vamos ver o que sai desta história do Evenepoel. Infelizmente o ciclismo continua a gravitar em torno destas polémicas.

Também acho que o que se passou ali foi muito suspeito, agora se algo para o ciclista tomar ou algo para transmitir dados não sei.

Sprint brutal do Caleb Ewan na etapa de hoje do Tour.

Já fizeram um comunicado a esclarecer essa situação. Pelo visto, era uma “pequena garrafa que continha produtos nutritivos”.

O grande Caleb Ewan a cumprir com mais um excelente sprint para a vitória :clap:

Ninguém a acompanhar o Tour?

Tem sido um Tour interessante. Os eslovenos até agora têm dominado e a vitória deverá ser de um deles. A aramada colombiana tem sido a deceção, principalmente Bernal e Quintana. Mas as etapas têm sido muito disputadas e quase sempre com espetáculo.

Sempre. O Tour e todo o ciclismo que passe na TV.

O Landa e o Porte parecem-me bem, pena terem perdido aquele tempo no dia do vento (já é habitual este tipo de coisas naqueles dois) o perfil deles é um pouco diferente para atacarem como faz o Pogacar.

Era muito interessante ver o Porte com um tempo aproximado do Roglic, é que tendo em conta o CR final a estratégia da Jumbo Visma tinha de ser diferente.

Olha que o Landa se á coisa que gosta de fazer é atacar.
Este ano está muito calmo mas normalmente é sempre a atacar.

O problema é que tem sempre 1 dia que o mata em todas as grandes provas.

Já o porte sim concordo que é mais de ir na roda e pouco mexe.

Sim sem dúvida, ataca e muitas vezes parece até contra as ordens da equipa.

O que queria dizer é que o tempo está a ser ganho nos últimos metros, quase como um sprint final, até por causa das bonificações e neste caso aqueles dois não tem a mesma capacidade que o Pogacar, para ir sacando segundos.

Ainda na última etapa o Pogacar ganha conseguindo encurtar tempo e eles os dois acabam é por perder alguns segundo na recta final.

Acho que doutra forma vai ser muito complicado alguém sair daquele grupo com o comboio que a Jumbo Visma mete a rolar (ter ali um Dumoulin que está pronto a sacrificar-se, como já o fez mete muito respeito), já devem ir todos com a corda no pescoço e sabem que provavelmente tentando vão ser rapidamente alcançados e acabam é por ficar para trás. E isto é o Tour em que um top 5 já tem uma importância enorme, se fosse um Giro ou Vuelta era diferente. Mas estou a torcer para que alguém ataque seja Landa, Porte ou o López (este é que secalhar ainda vai tentar alguma coisa).

O problema é nenhuma equipa ter um 2 ciclista para atacar e mexer com a Jumbo.
A unica que tinha era a Ineos com Bernal e Carapaz mas os 2 morreram muito cedo.

Por isso também me parece que tanto Landa como Porte não vão mexer se muito.
E Uran então ainda menos.

Bem lembrado o Lopez.
Esse vai mexer pra bem ou para o mal (o mais normal é pro mal dele).

Nos próximos dias podem acontecer coisas giras. Bernal e Quintana estão fora da luta, logo podem atacar. Outros podem tentar aproveitar essas situação.
Mas a verdade é que a Jumbo impõe tal andamento que ninguém (dos que lutam pelo top5) tem capacidade para atacar.
Caso nada mude, os eslovenos vão continuar como querem, a ganhar segundos nos últimos km e depois no cc Roglic tem tudo para vencer o Tour.

Não assim tão certa a vantagem do Roglic no contra relógio, se não estou em erro o Pogacar já o venceu este ano no contra relógio do campeonato nacional da Eslovénia.

O problema é que a Jumbo está a fazer o que fazia a Sky nos tempos áureos:
Pacing elevadíssimo em que vai tudo no limite e se alguém tenta atacar tem de estar muito melhor para aguentar alguns minutos com esse tal ritmo acima de todos…
O Bernal esteve sempre no limite e quebrou mentalmente!

Não deixa de ser curioso que toda a Ineos parece mal preparada… o castroviejo estar melhor que o Carapaz diz tudo…

Sim a vantagem não é certa, até pelo perfil do CR é quase uma crono-escalada e também por estar no final das três semanas , o que atenua as diferenças entre os ciclistas.
Mas para o Pogacar ter hipótese tem de encurtar a vantagem prai para metade, 20 segundos deve dar para sonhar.
Hoje é a etapa rainha, talvez haja luta pelo top 5 com o Enric Mas que está em crescendo de forma, ver se a Jumbo Visma responde a esses ataques.

Hoje vai ser uma etapa muito importante com duas subidas (HC) nos 2000m de altitude.

Parece-me que este ano está entregue.

Ainda tinha esperança que o Pocagar ontem ou hoje colocasse o Roglic em sentido mas um não tem equipa o outro tem um comboio.

Parec-me também que o Pogacar está mais desgastado.

Que grande TT está a fazer o Pogacar até à subida pelo menos

Go Pogacar! Go!

Épico! Tadej!

FODASSE… 21 ANOS… QUE CLASSE