Atletismo - Parte 2

https://x.com/SCPModalidades/status/1792526001966137777

1 Curtiu

https://x.com/SCPModalidades/status/1792937986138472943

https://x.com/SCPModalidades/status/1795485595076067427

2 Curtiram

Diamond League Oslo 2024 - 30.05

  • Emmanuel Eseme, com a sua melhor marca do ano nos 100m = 10.01s

2 Curtiram

https://x.com/SCPModalidades/status/1798334957192196404

Europeus de Atletismo 2024

07.06 - 1º dia - manhã

Portugueses qualificados:
Jéssica Inchude (18,17m no Peso Q)
Liliana Cá (64,72m no Disco Q)
Irina Rodrigues (61,32m no Disco q)
Gerson Baldé (8,10m no Comprimento Q)
Salomé Afonso (4:06.83 nos 1500m Q)

1 Curtiu

ENTRADA EM ACÇÃO DOS ATLETAS LEONINOS NO CAMPEONATO DA EUROPA AO AR LIVRE

Por Sporting CP
07 Jun, 2024

ATLETISMO

Jéssica Inchude foi nona no lançamento do peso e Liliana Cá e Carlos Nascimento deram passo em frente

Já começou, esta sexta-feira, a edição deste ano do Campeonato da Europa ao ar livre de atletismo, que vai decorrer, em Roma (Itália), até ao próximo dia 12, quarta-feira. No total, o Sporting Clube de Portugal conta com 22 atletas (14 no feminino e oito no masculino) em competição, entre os quais 20 estão integrados na comitiva recorde de 50 convocados para representar Portugal - Roman Kokoshko (lançamento do peso) e Raquel González (20km marcha) são as excepções, uma vez que competiram (ambos hoje), respectivamente, com as cores de Ucrânia e Espanha.

Neste primeiro dia de provas no Estádio Olímpico da capital italiana, a lançadora Jéssica Inchude (peso) inaugurou e encerrou a participação Leonina. Depois de, durante a manhã, ter atingido os 18,17 metros na qualificação - logo no primeiro ensaio - que valeram o apuramento directo para a decisão, a Leoa acabou a final europeia - já durante a noite - no nono lugar. Embora sem ir além dos 17,81m, marca conseguida na terceira tentativa (17,56m e 17,77m foram os anteriores registos), foi à ‘última hora’ que ficou arredada do lote das oito melhores, deixando Jéssica Inchude sem o direito aos três ensaios finais e, por isso, com o destino desde logo traçado no concurso.

A seguir à qualificação do lançamento de peso, também de manhã, a atleta Liliana Cá cumpriu a sua missão com distinção na qualificação do lançamento do disco. No primeiro ensaio, a lançadora verde e branca fixou a marca de 64,72m que a catapultou de imediato - no terceiro lugar - para a final europeia da disciplina. Além disso, este lançamento garantiu à experiente Leoa o apuramento directo para os Jogos Olímpicos deste Verão, em Paris, onde já estaria através do ranking.

Amanhã, sábado (20h37 hora de Portugal continental), Liliana Cá estará na final do lançamento do disco em busca de melhorar o quinto lugar conseguido no Europeu de 2022 e o sétimo posto em 2018.

Por sua vez, na parte da tarde, o Sporting CP foi representado em dose dupla na prova dos 20km marcha: a espanhola Raquel González terminou no 9.º lugar (1:30:05) e a portuguesa Carolina Costa foi 23.ª classificada (1:37:01).

Depois, entraram em acção os primeiros Leões presentes em Itália. No lançamento do peso, Roman Kokoshko ficou perto da qualificação para a final, mas o seu melhor lançamento (19,41m) acabou por não ser suficiente. O atleta ucraniano terminou o grupo 2 de qualificação no oitavo lugar, resultado num 15.º posto na qualificação geral.

Já de volta à pista, o velocista Carlos Nascimento participou na série 1 da primeira ronda dos 100m (quinto lugar na corrida e 13.º na geral) e cortou a meta em 10’35, o seu melhor registo pessoal do ano e que serviu para avançar rumo às meias-finais da disciplina. A corrida da série 2, onde o atleta Leonino está inserido, está agendada para as 20h18 (hora de Portugal continental) deste sábado.

A acção em Roma continua nos próximos dias e amanhã, sábado, além da final com Liliana Cá (lançamento do disco) e das meias-finais de Carlos Nascimento (100m), haverá mais participações com representação Leonina neste Campeonato da Europa: Lorène Bazolo e Rosalina Santos (eliminatórias dos 100m), João Coelho e Omar Elkhatib (eliminatórias dos 400m) e Cátia Azevedo (eliminatórias dos 400m).

RESULTADOS DOS ATLETAS DO SPORTING CP NO DIA 1 DO CAMPEONATO DA EUROPA AO AR LIVRE:

FEMININO

Lançamento do peso

Jéssica Inchude – 9.º lugar na final (17,81m) / 5.º na qualificação (18,17m)

Lançamento do disco

Liliana Cá – 3.º lugar na qualificação (64,72m – apurada para a final)

20km marcha

Raquel González – 9.º lugar na final 1 (1:30:05)

Carolina Costa – 23.º lugar na final 1 (1:37:01)

MASCULINO

Lançamento do peso

Roman Kokoshko – 8.º lugar no grupo 2 na qualificação, 15.º na qualificação geral (19,41m - eliminado) 100m

Carlos Nascimento – 5.º lugar na série 1 da primeira ronda, 13.º na qualificação geral (10’35 - apurado para as meias-finais)

1 Curtiu

O que se passou nos últimos anos para a Itália estar de novo uma potência enorme no Atletismo?

Um gajo acabou de lançar o peso a mais de 22 metros fdx!

liliana cà medalha de bronze , bem leoa , parabens

1 Curtiu

irina rodrigues 4 classificada , pena não ter medalha grande mulher e quando esteve ca muito nos ajudou

1 Curtiu

Não está no Sporting porque algum idiota resolveu que já não servia

Campeonato da Europa de Atletismo 2024 - Roma

Final do Disco F
3ª Liliana Cá (37A) = 64,53
4º Irina Rodrigues (33A) = 62,76

Irina Rodrigues, médica e a treinar na Ilha Terceira com Júlio Cirino, é a recordista nacional com 66,60, obtidos em 10MAR2024 na Taça da Europa de Lançamento do Disco, em Leiria.

1 Curtiu

Talentos geracionais e foram buscar técnicos aos USA para ajudar no desenvolvimento dos atletas. Muito ajudou a prestação da Itália nos últimos JO de Tokyo

PS: para responder ao @Ferrari … enganei-me ao citar lol

Os Italianos eram fortes em corridas, Menea, Cova por exemplo e salto em altura.

Agora em lançamentos e peso?
Mas estão fortes.

A malta mais de Leste é que dominava isso.

LILIANA CÁ DE BRONZE NOS EUROPEUS

Por Sporting CP
08 Jun, 2024

ATLETISMO

Leoa medalhada em Roma

Liliana Cá conquistou, este sábado, a medalha de bronze na prova de lançamento do disco dos Campeonatos da Europa de atletismo, que se estão a realizar em Roma, Itália.

A atleta do Sporting Clube de Portugal abriu o concurso com 61,42 metros, aumentando para 64,53 metros no segundo ensaio, uma marca que lhe valia, nesse momento, a segunda posição. Seguiu-se uma tentativa nula e um lançamento a 61,43 metros, com o segundo lugar a continuar bem intacto quando faltavam dois ensaios para o fim.

Liliana Cá voltou a protagonizar um lançamento nulo e, no sexto e último ensaio, a neerlandesa Jorinde van Klinken ultrapassou a portuguesa. A lançadora verde e branca procurou voltar à prata, mas ficou-se pelos 63,06 metros na tentativa final. O ouro ficou para a croata Sandra Perković Elkasević, com 67,04 metros.

O bronze foi a primeira medalha de Liliana Cá, de 37 anos, em grandes competições (Jogos Olímpicos, Campeonatos do Mundo e Campeonatos da Europa).

A prestação Sportinguista começou logo na sessão da manhã, com as Leoas da velocidade a procurarem a qualificação para as meias-finais dos 100 metros.

A experiente Lorène Bazolo foi sexta classificada da primeira série da primeira ronda com 11’‘35, tempo que lhe permitiu o apuramento e um lugar na fase seguinte. Já Rosalina Santos, na terceira série, foi sétima com 11’'62, não conseguindo a qualificação e sendo eliminada.

Em declarações reproduzidas pela Federação Portuguesa de Atletismo (FPA), Lorène Bazolo revelou ter ficado “ansiosa” enquanto esperava a confirmação da qualificação, mas mostrou-se satisfeita pelo objectivo cumprido.

“Queremos sempre mais, mas de manhã é sempre muito complicado. Tentei ter sangue-frio e ser eficaz. Qualificar-me é uma satisfação e agora é recuperar e preparar-me para essa corrida”, contou, referindo-se às meias-finais, marcadas a sessão da noite desta segunda-feira.

Nos 400 metros, Omar Elkhatib foi segundo classificado na segunda série da primeira ronda com 45’'80, tempo que lhe valeu a qualificação para as meias-finais da sessão da tarde de segunda-feira, onde João Coelho, também do Sporting CP, já tinha lugar assegurado à partida.

“Fiz uma prova controlada. Tentei garantir o segundo lugar, guardando energias para o que ainda vem. A meia-final vai exigir muito e venho de duas semanas muito complicadas com viagens e corridas. Mas o meu objetivo é dar o máximo e tentar chegar à final. Sinto-me preparado para tudo”, disse Omar Elkhatib.

Já Cátia Azevedo foi quinta da primeira série da primeira ronda dos 400 metros, com 52’'53, e não seguiu para as meias-finais. “Não comecei mal, senti-me dentro da corrida, mas na fase final faltou-me um pouco para ser melhor. Tive umas condicionantes. Depois de uma excelente época de pista coberta conheci o reverso. Durante quatro semanas, devido a uma lesão, não foi possível fazer o trabalho que queríamos, para poder chegar aqui a 300%, como eu gosto. Estou triste por não conseguir fazer melhor e ficar tão perto, pois queria apurar-me para as meias-finais, mas esta corrida dá-nos sempre experiência e ensinamentos para o que ainda queremos enfrentar”, afirmou a Leoa, citada pela FPA.

À noite, Carlos Nascimento foi sétimo na segunda série das meias-finais dos 100 metros, registando o tempo de 10’'43 e ficando de fora da corrida decisiva.

Para além das já referidas meias-finais dos 100 metros femininos (Lorène Bazolo) e dos 400 metros masculinos (João Coelho e Omar Elkhatib), entram em acção esta segunda-feira Hélio Gomes e Rui Pinto (meia-maratona), Carla Salomé Rocha (meia-maratona), Tiago Pereira (qualificação do triplo salto) e Vera Barbosa (primeira ronda dos 400 metros barreiras).

RESULTADOS DOS ATLETAS DO SPORTING CP NO SEGUNDO DIA DOS CAMPEONATOS DA EUROPA DE ATLETISMO

FEMININO

100 metros - primeira ronda
Lorène Bazolo - 12.ª (11’‘35, qualificada para as meias-finais)
Rosalina Santos - 19.ª (11’'62)

400 metros - primeira ronda
Cátia Azevedo - 14.ª (52’'53)

Lançamento do disco - final
Liliana Cá - 3.ª (64,53 metros, medalha de bronze)

MASCULINO

400 metros - primeira ronda
Omar Elkhatib - 11.º (45’'80, qualificado para as meias-finais)

100 metros - meias-finais
Carlos Nascimento - 19.º (10’'43)

1 Curtiu

TIAGO PEREIRA SALTOU COM SUCESSO PARA A FINAL

Por Sporting CP
09 Jun, 2024

ATLETISMO

Dia 3 dos Campeonatos da Europa de atletismo em Roma

Mais uma jornada de acção nos Campeonatos da Europa de atletismo e este domingo contou com mais uma nova numerosa participação por parte de atletas do Sporting Clube de Portugal em Roma, Itália.

Bem cedo na capital italiana (a partir das 8h00 em Portugal continental), as meias-maratonas deram o tiro de saída para o terceiro dia de competições e acabaram por ser dois atletas Leoninos a assinar as melhores prestações portuguesas, quer na prova masculina, quer na feminina.

Num percurso que atravessou alguns dos locais mais emblemáticos de Roma e terminou já dentro do Estádio Olímpico, Rui Pinto terminou os mais de 21 quilómetros de corrida no 38.º posto e em 1h04’55”. “Atendendo aos últimos dias, até estava melhor a temperatura, mais agradável, mas o calor e o percurso que não era muito fácil, especialmente na primeira parte, com adversários muito fortes. Tinha um objectivo de ficar nos 20 primeiros, era satisfatório, mas foi o possível. Dei o meu melhor”, disse Rui Pinto, citado pela Federação Portuguesa de Atletismo (FPA).

Mais infeliz foi a participação de Hélio Gomes, uma vez que o também corredor verde e branco foi forçado a desistir por lesão praticamente a meio da prova. “Tenho um ferro no pé, de uma lesão antiga, que por vezes dá sinal. Estava muito inflamado e o paralelepípedo da primeira fase da corrida tornou tudo pior”, explicou no final em declarações reproduzidas pela FPA.

Já na mesma distância, mas na vertente feminina, Carla Salomé Rocha brilhou ao fixar um novo recorde pessoal (1h11’42”), registo que resultou num 24.º lugar – também o melhor de entre as atletas nacionais em prova – na sua estreia em meias-maratonas em Europeus. Portugal terminou em sétimo lugar na classificação colectiva.

“Correu bem, fiz o meu recorde pessoal nuns campeonatos muito rápidos, veja-se que a primeira [Karoline Grovdal, da Noruega] bateu o recorde dos campeonatos. Estou satisfeita porque demos o nosso melhor”, considerou a corredora verde e branca também citada pela FPA.

Pouco depois, o saltador Tiago Pereira também cumpriu a sua missão com distinção no concurso de qualificação para a final do triplo salto. Depois de ter conquistado a medalha de bronze no último Mundial em pista coberta, em Roma garantiu à primeira tentativa um lugar na final com um salto de 16,83 metros - a quarta melhor marca do concurso – que o deixou satisfeito.

“As últimas competições têm sido difíceis, mas ontem [sábado], no treino, e hoje, no aquecimento, já comecei a sentir-me bem e a perceber que estava com bons saltos nas pernas. Cumpri com o objectivo e entreguei logo no primeiro salto”, disse o atleta de 30 anos, citado pela FPA, antes de perspectivar a final agendada para a próxima terça-feira: “A ambição é o topo, sempre o topo, o lugar mais alto, sempre. Eu vou para saltar o mais longe possível. Eu vou sempre para o melhor e ganha quem saltar mais”.

Por sua vez, no fim desta manhã, Vera Barbosa esteve em pista nas eliminatórias dos 400 metros barreiras, cruzando a meta em 56”81, um tempo insuficiente para seguir rumo às meias-finais. Nesta sua quarta presença em Europeus, a atleta do Sporting CP foi quarta classificada na primeira série e 17.ª na geral da qualificação.

Já depois de Liliana Cá ter subido ao pódio do Estádio Olímpico para receber a medalha de bronze conquistada ontem, sábado, no lançamento do disco, a representação verde e branca voltou às pistas ao início da noite e em dose dupla nas meias-finais dos 400 metros.

Primeiro, na segunda série, o velocista João Coelho fez-se com uma nova melhor marca pessoal do ano (45”36), mas ficou às portas da final. O atleta Leonino ficou em nono na classificação geral - quarto na série -, sendo que apenas os oito melhores avançaram para a decisão. Logo a seguir, um esforçado Omar Elkhatib, também com as cores de Portugal, percorreu os 400 metros em 45”65 para acabar em 16.º na qualificação – foi terceiro na sua série, a terceira.

Lorène Bazolo foi a responsável por encerrar o dia no que toca à prestação de atletas do Sporting CP, tendo estado em acção - debaixo de chuva - nas meias-finais dos 100 metros, onde não conseguiu seguir em frente. A experiente velocista concluiu a distância em 11”32, resultando num quinto posto na segunda série e uma 17.ª posição geral.

Os Campeonatos da Europa continuam amanhã, segunda-feira, com mais duas actuações Leoninas. Logo pela manhã, Lorène Bazolo vai voltar a correr, desta feita nas eliminatórias dos 200 metros, enquanto Patrícia Silva vai entrar em acção em Roma nas eliminatórias dos 800 metros.

RESULTADOS DOS ATLETAS DO SPORTING CP NO TERCEIRO DIA DOS CAMPEONATOS DA EUROPA DE ATLETISMO

FEMININO

Meia-maratona
Carla Salomé Rocha – 24.ª (1h11’42” – recorde pessoal)

400 metros barreiras – eliminatórias
Vera Barbosa – 17.ª (56”81)

100 metros – meias-finais
Lorène Bazolo – 17.º (11”32)

MASCULINO

Meia-maratona
Rui Pinto – 38.º (1h04’55”)
Hélio Gomes – desistência por lesão

Triplo salto – qualificação
Tiago Pereira – 4.º (16,83m, qualificado para a final)

400 metros – meias-finais
João Coelho – 9.º (45”36 – melhor marca pessoal do ano)
Omar Elkhatib – 16.º (45”65)

Luís Lopes, a nunca perder uma oportunidade para “puxar” pelo seu Sporting Clube de Portugal.

Um comentador que não tem medo de que identifiquem quais as suas cores clubísticas.

5 Curtiram

LORÈNE BAZOLO E PATRÍCIA SILVA EM ACÇÃO EM ROMA

Por Sporting CP
10 Jun, 2024

ATLETISMO

Dia 4 dos Campeonatos da Europa de atletismo

Quarto dia de provas no Estádio Olímpico de Roma, em Itália, e o Sporting Clube de Portugal voltou a estar representado nos Campeonatos da Europa de atletismo, contando, esta segunda-feira, com as prestações das corredoras Lorène Bazolo e Patrícia Silva.

Depois da sua participação durante o dia de ontem, domingo, nos 100 metros, Lorène Bazolo voltou a pisar a pista da capital italiana para competir nos 200 metros e começou o dia da melhor maneira. Nas eliminatórias, a experiente velocista - e recordista nacional da distância - acabou a corrida da sua série no segundo lugar e em 23”18, uma nova melhor marca pessoal do ano que também valeu o passaporte para as meias-finais como oitava classificada.

Contudo, nas semifinais, disputadas já durante a noite desta segunda-feira, Lorène Bazolo já não conseguiu superar a exigente concorrência por um lugar na decisão, baixou o seu tempo para os 23”39 e terminou em 21.ª na classificação geral – foi a sétima a cortar a meta na sua série.

Ainda durante a manhã, por sua vez, a jovem Patrícia Silva fez a sua estreia em Campeonatos da Europa. Na primeira ronda dos 800 metros, a atleta do Sporting CP concluiu a distância no sexto lugar da sua série e com 2’05”03 no cronómetro, resultando num 29.º posto que não permitiu seguir para a próxima fase.

“Senti-me muito nervosa. Estar ali com a melhor do ano, tendo sido apurada mesmo à última hora, mexeu um bocadinho. Na verdade, ainda não tenho a velocidade delas. Já consegui correr 600 metros ali, sei que ainda falta um bocadinho para lutar mesmo até ao fim”, referiu Patrícia Silva, citada pela Federação Portuguesa de Atletismo (FPA), após a sua prestação.

Amanhã, terça-feira, a representação verde e branca vai voltar a ser numerosa e com uma decisão em perspectiva, uma vez que Tiago Pereira estará na final de triplo salto. Além disso, Evelise Veiga (salto em comprimento) vai entrar em acção, seguindo-se durante a manhã o forte contingente Leonino nas eliminatórias das provas de estafetas: João Coelho e Omar Elkhatib (4x400 metros); Carina Vanessa, Cátia Azevedo, Sofia Lavreshina e Vera Barbosa (4x400 metros); Carlos Nascimento e Delvis Santos (4x100 metros); Lorène Bazolo, Lurdes Oliveira e Rosalina Santos (4x100 metros).

RESULTADOS DOS ATLETAS DO SPORTING CP NO QUARTO DIA DOS CAMPEONATOS DA EUROPA DE ATLETISMO

FEMININO

200 metros
Lorène Bazolo – 21.ª nas meias-finais (23”39) / 8.ª nas eliminatórias (23”18 – melhor marca pessoal do ano)

800 metros – primeira ronda
Patrícia Silva – 29.ª (2’05”03)