Antonio Adán (GR)

Fez uma exibição sólida, que permitiu que não saíssemos de Famalicão com dois ou três no saco.

Sem o Adán nem um ponto levávamos . Obrigado uma vez mais.

Grande exibição.

Não consigo entender como teve tanto trabalho

gigante!

Defendeu 3 golos feitos. Bem sei que o guarda-redes está lá para isso, mas nem todos conseguem fazer o que o espanhol fez ontem. Gracias muchacho!

MVP de muito, muito longe. Salvou-nos de uma derrota por dois ou três. GR que ganha campeonatos.

Como é bom ter um guarda redes de classe mundial finalmente em Alvalade. O Adan da pontos, grande keeper

1 Curtiu

Enorme, se ganhámos em Braga e pontuamos ontem muito de deveu ao Adan. MVP.

RÚBEN AMORIM: «ADÁN FEZ MAIS UMA GRANDE EXIBIÇÃO»

SPORTING 28-08-2021 23:08

Instado a falar sobre a exibição do guarda-redes Adán, que fez um punhado de boas defesas, Rúben Amorim não se coibiu de tecer elogios ao espanhol, de 34 anos.

«Estamos muito agradecido ao Adán por todas as boas exibições e aqui não há problema em dizer que fez mais uma grande exibição. É mais um grande guarda-redes que nos salva semana a semana como dizem», realçou.

ADÁN SALIENTA DIFICULDADES DOS LEÕES NA PRIMEIRA PARTE

SPORTING 28-08-2021 22:40

O guarda-redes espanhol do Sporting destacou, na zona de entrevistas rápidas, as dificuldades que os leões enfrentaram na primeira parte e considera que a equipa de Alvalade podia ter feito mais.

«Na primeira parte não estivemos bem, visto que tivemos algumas dificuldades para sair para o ataque. Depois, no segundo tempo, melhorámos significativamente, mas não foi suficiente. Depois de tudo o que se passou, conseguimos não perder, porém podíamos ter feito mais qualquer coisa», disse Antonio Adán.

1 Curtiu

Adán: «Creio que não estivemos, de todo, bem na primeira parte»

Guarda-redes do Sporting em declarações no final da partida em Famalicão

Adán assume que o Sporting não esteve muito bem no arranque da partida em Famalicão, que terminou com um empate ( 1-1 ). “Creio que não estivemos de todo bem no primeiro tempo, mas no segundo tempo, após o golo do Famalicão, a equipa teve uma boa reação e lutou pela vitória até ao fim”, começou por dizer o guarda-redes do Sporting, em declarações na ‘flash-interview’ da Sport TV.

Ainda assim, o guardião espanhol diz que continuar sem derrotas é sempre positivo. “Vínhamos de uma sequência de vitórias, mas é positivo continuar sem perder. Agora é descansar e recuperar”, terminou.

Ontem foi o melhor em campo sem qualquer duvida e por larga margem

Finalmente temos um redes de nível Mundial.

1 Curtiu

Eu prefiro quando ele tem jogos descansados.

1 Curtiu

Adán de piquete

Guarda-redes igualou recorde de defesas esta época (5), com exibição determinante no Minho

Adán saiu de Vila Nova de Famalicão, no sábado, com um sorriso amarelo: a exibição expressiva que rubricou e que os números ajudam a comprovar – já lá vamos – não são sinónimo de festa, pois o leão deixou dois pontos no Minho; e até podia ter deixado mais um, não fosse o espanhol, de 34 anos, mostrar que está de piquete para ajudar os colegas quando é chamado, atingindo o recorde de defesas (5) na época, que tinha registado em Braga, aí com desfecho diferente, uma vitória por 2-1.

Sem pejo de lhe dar palco, Rúben Amorim elogiou-o e é caso para isso: em apenas quatro jogos do campeonato, o camisola 1 já foi chamado a intervir 11 vezes com ‘paradas’ de nível médio ou elevado, cerca de um quinto em relação às que registou em 32 duelos da competição já citada na temporada passada (57). Mais: num total de 36 jogos na Liga, Adán só acabou com cinco ou mais defesas em cinco embates, os dois já abordados, mais três de 2020/21, contra Benfica (5 defesas), Portimonense e Belenenses SAD (6 intervenções).

Rúben deu folga antecipada

Não foi um prémio, mas sim uma atenção: Rúben Amorim sabe como gerir o grupo e neste caso foi Adán quem precisou da compreensão do seu treinador, que lhe permitiu ir de folga mais cedo – o plantel só descansa hoje –, uma vez que ontem foi o dia que marcou na agenda para batizar o seu rebento, Antonio Adán Moreno, nascido em março e fruto da sua relação com Ana Mamore. Assim, o guarda-redes rumou a Espanha para um dia de celebração, assinalado nas suas redes sociais, onde horas antes se dirigiu aos adeptos dos verdes e brancos.

“Uma pena não poder continuar a somar vitórias. Trabalho mais aprendizagem é igual a voltarmos a ganhar!”, atirou.

Escolhido a dedo e decisivo

Adán foi um dos futebolistas que Rúben Amorim, com a chancela de Hugo Viana, trouxe para o seu projeto no Sporting, isto depois de terminar contrato com o Atlético de Madrid, onde estava tapado por Oblak, ex-águia. Escolhido a dedo, viria a revelar-se decisivo desde cedo, com exibições que ficaram na retina, como no Jamor, contra o Belenenses (vitória por 2-1), onde defendeu um penálti; ou em Faro, diante do Farense, segurando um precioso 1-0 numa altura em que o Sporting, líder, estava a perder terreno para o FC Porto. Esta época, foi figura no tal jogo em Braga e, agora, em Famalicão.

NÚMEROS

68 defesas de médio ou nível elevado em 36 jogos de Adán na Liga: 57 registaram-se nos 32 da época passada, mais 11 em quatro da atual. Em 2020/21, fez cinco defesas na visita a Braga e no sábado, com o Famalicão.

2022 é quando termina o contrato do espanhol com o Sporting, mas há uma época de opção para acionar. Sem pressas, esse será um processo para tratar, talvez, em dezembro.

1 Curtiu

Acho muito bem o GR também decidir jogos.

Vi dezenas dw jogos onde o Sporting perdeu pontos com equipas cujo GR nesse jogo fez a melhor exibição da carreira.

Não pode calhar só a uns.

1 Curtiu

É absolutamente inacreditável quando o guarda-redes espanhol em melhor forma atualmente continua sem ser convocado para a sua Seleção.

1 Curtiu