Andebol Sénior Masculino- Época 2021/2022

Va parar a onde ?

Qual deles? Se fosse o Alexandre ficávamos bem resolvidos, mas parece-me impossível que queira voltar para Portugal nesta fase.

Mas também achava o mesmo do Alexis…

1 Like

Completamente impossível.

Vai para a 3a época que a manter a tendência será de total afirmação no campeonato francês e com o clube que melhor paga a seguir os seus passos.

Mais utópico que o Alexis que envolveu um investimento gigante do Benfica…

vermelhos

Ah ok, vamos aguardar então

Mas muito menos utópico que o Rogério Moraes, em teoria.

Era giro especialmente porque são primos

O Berlin é lateral direito. Deves estar a confundir com o bogojevic. Questão dos nórdicos é que são difíceis de trazer para este lado da Europa

1 Like

O Angel está emprestado, mas diz se que vai ficar por lá. Já se fala que o Diogo pode ficar no plantel em vez de rumar ao águas

Muitas mudanças de jogadores, de treinador, partimos bem atrás do porto e vamos ver como vai ser em relação ao adversário da segunda circular. Vamos ver se o grupo que está a ser formado tem capacidade para evoluir e tornar-se num sério adversário do porto nos próximos anos.
Até ver o que esta equipa vale em prova, o que hoje se projecta não passam de suposições.

A este plantel falta um pivot. Um craque para elevar o nivel e chegarmos mais perto dos porcos.

Mas existem duas grandes duvidas:

  • Será que os miúdos vão dar o salto (principalmente Salvador e os Costa)?
  • Será o treinador capaz de dar replica ao sueco?

Os nomes não jogam. O que conta são as prestações e neste dominio, os gr deles estiveram muito bem, principalmente nos jogos internacionais. O Nikola Mitrevski pode não ser um nome impactante mas nos dois ultimos anos teve prestações excepcionais, com percentagens absurdamente boas. Tomara nós termos um gr com as percentagem de defesas dele.
O novo dinamarquês é uma incógnita. O Sebastian Frandsen é uma promessa que ainda não se afirmou e já tem 26 anos. Foi considerado o melhor gr da prova quando foi campeão do mundo sub19, em 2013.
Os centrais deles são o Rui Silva e o Pedro Cruz. Este, apesar da idade, é mais eficaz do que o Ruesga. Os nossos miúdos são isso, promessas. Em termos de futuro não os trocaria pelos do porto, mas os deles renderão mais no imediato.
E as afirmações arriscadas, meras opiniões pessoais, ficarão por aqui. O intuito do meu post foi apenas de voltar a pôr os pés no chão face ao crescendo das expectativas de sucesso na próxima época. É óptimo ter-se um projecto para o futuro mas há muito trabalho a ser feito. Manter humildade e ambição .

2 Likes

26 anos para um GR de andebol não é muito

O mistrvski foi o melhor GR do porto a época passada , estava a ter mt mais impacto que o Quintana na altura. Também ajuda e muito, ter aquela defesa, é meio caminho andado para o gr

Quanto ao Ricardo Costa, agora que é oficial:

  • Bom discurso, ambicioso e focado no trabalho e aparentemente com um plano a médio prazo. Tudo coisas muito positivas;

  • É reconhecido como competente no andebol nacional e com conhecimento de jovens promessas;

  • Tenho muitas dúvidas que tenha sido contratado pela sua competência e não por ser pai de dois jogadores, o que me faz ter sérias reservas.

Que seja bem-vindo e mostre trabalho e competência diariamente. Se o fizer, as minhas reservas diluem-se, independentemente de não ganhar o Campeonato este ano, não lhe posso exigir tal coisa.

1 Like

Foto Isabel Silva

FRANCISCO TAVARES RENOVA CONTRATO

Por Sporting CP
23 Jul, 2021

ANDEBOL

Andebolista está no Sporting CP desde 2013

Francisco Tavares, jogador da equipa de andebol do Sporting Clube de Portugal, renovou o contrato que o liga ao emblema de Alvalade. O ponta-direito de 24 anos vai assim continuar de Leão ao peito em 2021/2022, sendo que vai partilhar a posição com o reforço Mamadou Gassama e trabalhar às ordens do técnico Ricardo Costa.

Tendo começado a jogar, a nível federado, no CCRC Cruzeiro e Rio Seco, no escalão de minis, Francisco Tavares esteve depois vários anos nos escalões de formação do CF “Os Belenenses”. Em 2013, no último ano de juvenil, transferiu-se para o Sporting CP. Desde então, tem vindo a ganhar cada vez mais espaço e preponderância na equipa sénior. Em 2018/2019, foi emprestado ao Boa-Hora FC.

Nas primeiras palavras após a assinatura do novo contrato, que contou com a presença de Miguel Afonso (membro do Conselho Directivo) e de Carlos Carneiro (director do andebol), Francisco Tavares garantiu que a renovação “significa muito”.

“É um passo importante na minha carreira. Acredito muito no projecto que o Sporting CP está a criar, tem tudo para correr bem. Foi com base nisso que tomei esta decisão e estou muito feliz por continuar na família Sporting CP”, começou por dizer aos meios de comunicação Leoninos.

Escolhendo os Campeonatos Nacionais de 2016/2017 e 2017/2018 e a Taça Challenge de 2016/2017 como “os momentos mais marcantes” da sua carreira em Alvalade, Francisco Tavares explicou que o objectivo é voltar a conhecer o sabor da vitória.

“Isso já aconteceu há algum tempo e tenho vontade que isso volte a acontecer. Quero contribuir para isso. Gostava de voltar a ganhar títulos. É um projecto novo, estamos todos entusiasmados e queremos seguir jogo a jogo a acreditar que, no fim, vai correr bem”, explicou.

Com 2021/2022 prestes a chegar, Francisco Tavares não escondeu que “é bom estar de volta”: “Temos muitos jogadores novos e temos de fazer um bom trabalho para os integrar. Temos, também, de começar a adquirir as ideias do treinador. Se isso tudo for bem feito, os frutos colhem-se no final. É nisso que estamos focados”.

Questionado sobre as suas metas para o futuro, o Leão falou do objectivo individual de integrar cada vez mais a selecção nacional e do objectivo colectivo de fazer um Campeonato positivo.

“É uma ambição que tenho. Sei que na minha posição termos fortes candidatos, mas o meu objectivo é estar cada vez mais perto desse lote. Mas agora estou focado no Sporting CP e em fazer uma boa época ajudando a equipa no que for preciso. Colectivamente, temos tudo para fazer um bom Campeonato. Como diz o treinador do futebol e o nosso director também, tem de ser jogo a jogo. Há que tentar adquirir tudo o que o treinador nos quer passar e isso é o mais importante neste momento”, afirmou.

Sobre a ausência dos Sportinguistas das bancadas ao longo do último ano e meio, Francisco Tavares mostrou o desejo de voltar a poder contar com o apoio presencial: “É muito estranho jogar uma época inteira sem adeptos na bancada, mas esperemos que isto se consiga resolver o mais rápido possível. Os nossos adeptos são uma força muito grande que nos vai ajudar ao longo da época”.

Por fim, o atleta dirigiu-se aos jovens da formação que têm o sonho de singrar nas equipas principais: “Que olhem para os exemplos que estão a acontecer no nosso Clube. Temos casos no futebol, no futsal, no andebol… Com trabalho e vontade do jogador e com a ajuda do Clube, as coisas vão todas dar a um caminho certo. Depende muito da força de vontade de cada um. Cada dia não pode ser desperdiçado e há que olhar para o futuro com vontade de vencer”.

Carlos Carneiro também falou à margem da renovação de Francisco Tavares, um atleta que se enquadra naquilo que a secção de andebol procura para 2021/2022.

“O Francisco Tavares faz parte do que pretendemos para o presente e futuro. Tem o perfil e a qualidade que procuramos e, portanto, foi um casamento feliz com alguém que é da casa. É um miúdo que veio da formação que, espero, possa fazer história juntamente com todos nós”, referiu o dirigente, que destacou o exemplo de Francisco Tavares, entre outros, para os jovens da formação.

“É importante os mais novos verem que é possível. Temos alguns atletas vindos da formação, como o Francisco [Tavares], o Salvador [Salvador] ou o Manuel Gaspar. É sempre importante termos exemplos práticos para que os miúdos acreditem que é possível”, finalizou.

2 Likes

O Francisco Tavares era um dos poucos do plantel da última época que fazia questão que por cá ficasse, a par do Manuel Gaspar e do Salvador.

Ainda bem que renovou, fico satisfeito.

3 Likes

Para mim, ele é que deveria ser o novo Capitão de equipa

2 Likes

grande renovação no Tavares

Discordo, Natan e André José já são certezas. Sobretudo o Natan. Levaram os 2 as suas equipas às costas, e o Natan ainda mais porque estava numa equipa melhor, jogava na EHF e num campeonato melhor que o nosso. De impacto imediato o Rui Silva faz diferença, mas não muita assim.

Concordo.

O Natán não andará longe do Rui Silva atualmente.

O André José não é um jogador feito mas prefiro ao Diogo Oliveira do Porto todos os dias. Comparável ao potencial do André só o Miguel Martins.

De resto, são segundas linhas e rotação mas não somos inferiores.

Em termos de pivot temos como 3o Erekle que era pretendido pelo Porto que ficará com o cubano. Ficamos melhores.

Nas laterais, o Kiko Costa não ficará a dever muito ao Diogo Silva. Salvador e Martim não encontram par no Dragão, visto que a ala esquerda do Porto é experiente.

Como tal, não vejo que os jovens deles tenham melhor rendimento que os nossos.

Têm é no geral um plantel mais experiente mas isso é notório e expectável nesta fase.

Questões:

Vamos ver o Fábio Magalhães dar mais do que isto? Duvido.

Salvador pode cumprir o seu potencial? Sim.

É só um exemplo de como a avaliação HxH do plantel pode significar tudo ou nada.

A confirmar-se os rumores do Rogério Moraes e da vinda de outro lateral-esquerdo não trocava o nosso plantel por nenhum dos outros. Óbvio que vários jogadores dos rivais teriam lugar na atual equipa mas a relação juventude-experiência fica super interessante e promete resultados a curto-médio prazo.