Alfândega

Peço desde já desculpa se estiver a abrir este tópico no local errado mas precisava de uma ajudita de alguém que conheça como este processo se desenrola.

Vou fazer pela primeira vez uma compra num país que, sendo europeu, não faz parte da UE. A possibilidade de ficar retida na alfândega é considerável e assim gostava de saber se, uma vez sabendo que a encomenda já entrou em Portugal, posso ir pessoalmente desalfandegar a encomenda sem ficar á espera que me enviem a carta para pagar as taxas.

Já pesquisei em vários sítios mas não consigo esclarecer esta dúvida por isso, agradecia se alguém me pudesse dar uma ajuda.

SL

Para poderes levantar a encomenda tens que levar o aviso…
Também há a possibilidade de não cair na alfandega…

O provável é que vá parar e pare por um período considerável de tempo. Muitas vezes mesmo com a carta e a documentação eles demoram semanas a enviar o produto. Taxas pagas sempre.

Não recomendo nada fazê-lo.

Boas!

Tens de esperar em casa pela encomenda ou pelo aviso. Não há mesmo nada a fazer.

E ultimamente, tudo o que for extra-comunitário, fica retido para “análise” (tanga, fica em armazém) mesmo que seja uma oferta, para desencorajar o comércio extra-UE e criar a ideia de que quem quiser sair da UE está tramado e de que só neste “paraíso” europeu da “liberdade” é que se faz comércio livre.

De Portugal para os EUA, encomendas em correio azul internacional levam entre 5 a 15 dias a chegar. E eles têm mais razões que nós para inspeccionar tudo.

Já encomendas dos EUA para Portugal em US Priority Mail (equivalentes ao correio azul internacional — e lá pagam forte e feio por isso) antes tinha-las em casa num prazo semelhante de 5 a 20 dias, agora tem-las em casa ao fim de um prazo que varia de 35 a 90 dias. Porque ficam retidas na alfândega portuguesa e ficam para no fim da fila propositadamente, então desde que o Trump ganhou não recebi nada de lá em menos de 50 dias.

Aliado a que a caça à taxa aduaneira está no auge, é seguir o tracking, ver as coisas a chegarem a Portugal e depois desaparecerem num buraco negro até que um dia qualquer te mandam o aviso para casa ou recebes quando já pensavas que estava perdido.

Ah, e claro, chocolates vêm cozidos, as caixas muitas vezes vêm rasgadas porque eles abrem-nas sem contemplação e podem partir-te as coisas para ver se têm alguma coisa suspeita lá dentro (e não se responsabilizam, estão protegidos pela lei). Conheço um gajo que lhe serraram em duas metades uma prancha de surf vinda da Austrália para ver se tinha material porta-18 dentro do tubo tensor. E entregram-lha assim na boa.

Fora da UE mas dentro da Europa não está tão mal. As coisas até vêm relativamente depressa, quando comparado.

É claro que tudo isto são as piores hipóteses mas são muito frequentes e prepara-te para esperar. E reitero, não tens maneira de acelerar o processo. Eles podem já lá ter a encomenda mas, enquanto não a inspeccionarem, não ta dão. Às vezes nem sequer a passam no tracking para tu não saberes que ela já lá está e meteres as culpas nos correios estrangeiros. Muito menos podem comunicar qualquer coisa por telefone, só nos CTT é que aceitam falar contigo sobre encomendas e apenas vão consultar no computador o mesmo que tu podes consultar. Como o contacto é 707, gastas dinheiro para nada.

Nos contactos telefónicos das alfândegas a única coisa que te vão dizer é que eles não comunicam com a central de distribuição nem com os armazéns e vão dizer que não serve de nada deslocares-te lá. Só se para fazer uma reclamação que eles analisarão num prazo longo, bem longo.

PS: faz sempre seguro por coisas que tenham algum valor substancial (embora isso não acelere o processo, eles não querem ter que te dar o dinheiro da coisa). Não sei é se cobre algo mais que extravio. Isso sim podes saber por telefone,

Espero ter ajudado. :great:

Reza para que não fique preso na alfandega!!! Tenho lá uma encomenda há 1 mês e meio porque os idiotas andam sempre a pedir documentação estupida de um livro que me foi enviado como oferta para fazer uma revisão para uma revista.

Podes fazê-lo sem o aviso, por mail, ou pessoalmente, mal saibas que a encomenda chegou a Portugal e está na alfândega. Sei, porque recentemente forneci os contactos normais que costumamos receber na carta a um colega de trabalho, que o fez, e agilizou e muito o processo. Conseguiu ter o produto 4 dias após a chegada à alfândega.

Nota:
Eu já cheguei a ter lá uma encomenda praticamente 2 meses parada, e enviei os documentos todos certinhos no mesmo dia em que recebi o mail a pedi-los…
Fiz reclamação, e a resposta que tive foi um pedido de desculpa porque estavam sobrecarregados.
No processo de troca de emails de reclamação vim a perceber que, os CTT, após receberem os meus documentos, demoraram cerca de 1 mês a passá-los à alfândega, depois de serem alvo, por parte dos ctt, de uma, e cito, “pré-análise”…

Só para agradecer a ajuda que têem dado.

Está a ser bastante útil.

SL