Adrien Silva - A Bola

Com Bas Dost de saída do Sporting, cresceram os rumores em torno da possibilidade de Islam Slimani regressar a Alvalade, sobretudo depois de Brendan Rodgers, treinador do Leicester, ter confirmado que não conta com o avançado argelino para esta época.

O jornal The Telegraph insistiu num outro nome, também ele dispensado do Leicester, como sendo desejo dos leões. Segundo a notícia, Adrien Silva está, nesta altura, entre Sporting e Mónaco. «Tive uma longa conversa com Adrien, sei o que ele está a pensar. É experiente, tem 30 anos, e jogadores como ele querem é jogar. Todos os jogadores sabem com o que contam, o mercado está aberto», disse Rodgers.

https://www.abola.pt/Clubes/Noticias/Ver/802059/147

Dost sai com a justificação do salário elevado. Adrien e Sli possuem salários elevados. Sem sentido.

Foi o que pensei, mas com esta direção já nada me admirava…

Este não me importava nada que viesse.

Só se o Bruno ou Wendel sairem, digo eu!

O Slimani não queria de qualquer forma.

O Adrien quer tanto jogar é uma questão de baixar o salário drasticamente para vir para o clube do coração e deixar de pensar que é a última bolacha do pacote.

Seria um bom reforço e extremamente útil na rotação da equipa mas nunca um titular indiscutível.

Se não continue na sua miserável carreira desde que saiu de Portugal.

Tudo depende do rácio qualidade-preço e esse rácio só depende dele e das suas pr€t€nsõ€s.

Não acredito nada, mas não me importava que viesse. O nosso meio-campo é curto, o Adrien era um upgrade enorme.

Se vier com vontade de fazer a posição 6, ok. Pior que o que temos não faz de certeza.

Não era upgrade mas era um excelente acrescento.

Basta ver:

Sem Wendel ficamos com 3 médios de equilíbrios para 2 posições. No caso do Eduardo ainda existe alguma qualidade do transporte e passe mas os restantes é medonho.

Benfica sem Gabriel é o que vemos Samaris e Florentino a distribuir mocada com a bola a sair directa do Ferro para o Rafa, Pizzi e RDT.

No Porto, o Uribe chega e entra na equipa.

Wendel e Adrien a “8” seria um luxo para a realidade do Tugão.

Lembro-me bem de quando o Adrien jogou com o J. Mário num meio campo a 2… Jogou mais recuado e deu-se muito bem. Acho que não era mal pensado trazê-lo para jogar a 6, isto é, se ele assim entender, bem como reduzir ao salário.

O Adrien, a vir, era para jogar com Wendel e Bruno Fernandes.

Por empréstimo, não jogava a médio-defensivo, com as opções actuais que temos? Claro que o ideal seria outra coisa, outra coisa que não fosse mais um nome reciclado do nosso passado, mas o Adrien, como 6 (função que não lhe é desconhecida), é incomparavelmente superior a Doumbia ou a Eduardo, Gudelj e até Battaglia.

Não é o primeiro box-to-box, nem será o último, que no crepúsculo da carreira (que nem é o caso… só tem 30 anos), faz a transição para médio-defensivo.

Nesta fase da carreira (idade, intensidade, motivação) não acredito que consiga ser um 6 razoável. Para jogar a 8 temos o Wendel que continua a crescer e é depois de B. Fernandes o nosso activo mais valioso e mais facilmente “transformável” em euros… Adrien neste momento, por TUDO, não faz sentido.

Obviamente que não seria a minha primeira escolha para o lugar, mas penso que em “certo” cenário faria sentido!

Em certa medida sim e claro que num plantel com as debilidades do nosso falar em Adrien ou Slimani, por exemplo, é falar de jogadores que têm claramente qualidade para acrescentar mais valia ao plantel. O problema, a meu ver, é que continuamos na onda dos remendos. Em vez de aproveitar-mos as contrariedades actuais, que são evidentes, para emagrecer de facto o custo do plantel e construir uma base de futuro, para depois ir melhorando e não revolucionando…, estamos a desperdiçar a oportunidade dispensando / vendem-do jogadores com salários altos para ir buscar outros jogadores onerosos, a contratar jogadores que não encaixam no sistema, a investir em jogadores que podiam ser “substituídos” por jovens da academia…

Em fim, olha-se para o nosso plantel e não se vê um fio condutor, uma lógica, uma linha orientadora. O que é certo é que no final de contas vamos ficar com um plantel cujo o orçamento deverá rondar os 80M, mais coisa menos coisa, muito pouco abaixo dos rivais, e depois em termos de qualidade é fraco e muito abaixo dos rivais.

Concordo plenamente!

Atendendo aos “6” que temos provavelmente fazia melhor do que qualquer um que temos.

já o tenho dito noutros tópicos… para mim faz muito sentido se for para subir o wendel (box to box mais livre) e o bruno fernandes (avançado descaído para uma das alas). o adrien pode trazer experiência, qualidade táctica, equilíbrio e liderança a um meio campo demasiado jovem e, tacticamente, com poucos princípios…

:inde:

Não há muito tempo era uma “preparação raramente vista”.

Os erros estavam lá. O que mudou?

No nosso esquema jogamos com um 10 e 2 extremos puros, não vejo como possamos encaixar B. Fernandes mais à direita. para mim, mantenho o que tenho dito sempre, é um erro enorme “deslocar” o nosso craque de posição, se B. Fernandes é de longe o melhor e mais decisivo jogador do plantel para quê muda-lo de posição? Devemos é construir uma equipa em seu redor (caso fique). Independente disso, neste esquema, B. Fernandes só pode jogar a 10 ou 8.