Abrir uma EAS no estrangeiro - passos a seguir, conselhos, sugestões?

Boa noite malta,

Vou directo ao assunto para não estar a maçar ninguém. Mudei-me há uns 2 anos para os Estados Unidos (tenho passaporte) e acabei o curso este ano e agora estou a trabalhar. Ao mesmo tempo estou a tirar o meu curso de treinador com a US Soccer. Aquilo tem vários níveis e neste momento estou de “quarentena” entre níveis. Estive pelo site do Sporting hoje e encontrei a secção de abertura duma EAS.

Eu vivo em New England e o futebol aqui está muito enraizado, para não falar do crescimento do desporto em si e da MLS. Acho que a região é boa para a primeira EAS do Sporting nos Estados Unidos, dado que também temos 2 (se não me engano) núcleos sportinguistas nesta região assim como milhares portugueses/emigrantes. Ignorando os prós e contras, para já, gostava de receber algum feedback de malta envolvida com as EAS pelo país fora e, se possível, alguém que tenha conhecimentos da EAS de Toronto. Acho que a proximidade a Toronto também ajudaria o estabelecimento da EAS em Nova Inglaterra.

Alguém aqui abriu uma escola? Trabalha numa? Qual é o procedimento, investimento, passo a passo, etc.

Acho que a marca Sporting tem muito potencial aqui e, claro está, temos sempre a vantagem de termos o Ronaldo e afins a passar pelas nossas camadas jovens. Com a possivel vinda do CR7 para os EUA daqui a uns anos acho que a escola iria beneficiar também. Enfim… shower thoughts. Outro ponto de comparação é o facto de, que eu saiba, só existem cerca de 2 escolas DE VERÃO aqui nesta zona, iniciativa do Arsenal e do Bayern e os miúdos pagam um autêntico balúrdio para passar lá uns 4 5 dias.

Se alguém me pudesse ajudar agradecia imenso!

SL

Não tendo quaisquer contactos nem conhecimentos na área, a minha sugestão seria de contactares em primeiro lugar a EAS Toronto, para conhecer um pouco o processo de desenvolvimento da mesma (suponho que não seria muito diferente do Canadá para os EUA no que diz respeito a procedimentos, etc.).

http://www.sportingfc.ca/

Vou tentar entrar em contacto com eles ainda esta semana. Ainda assim, temia que a EAS de Toronto fosse iniciativa do Sporting e não de alguém que, por consequência, teve o aval do Sporting. Estava mais interessado na experiência da malta com a criação duma EAS (mesmo que seja em Portugal) a nível financeiro, parcerias e de capital humano.

Ainda assim, vou seguir a sugestão e ver se contacto o Steve Paiva ou o Pedro Dias a ver o que me dizem!

SL

New England seria mesmo o sítio perfeito visto que nós temos uma parceria com os Revolution.

Não será que existiria um overlap entre a academia dos Revs e a nossa?
Obg pela dica, já me tinha esquecido!

Penso que as EAS só funcionam até ao nível sub-15, e salvo erro a academia dos Revs também só funciona a partir desse nível, até esse escalão eles quando muito têm parcerias com escolinhas. Mais do que concorrente deles parece-me é que serias um feeder club.

Não sei se o exemplo de Toronto será o melhor porque eles já eram um clube, o Sporting de Toronto, antes de abrirem a EAS, mas não perdes nada em perguntar. Eu sei de alguém que tem algumas ligações ao Sporting de Toronto, não sei é se conhece os dirigentes. A ver se o mando vir cá.

Obrigado João. O facto de complementar a Academia dos Revs dá mais força ao projecto, até porque com a licença actual que tenho só posso treinar miudos/as até uma certa idade (a volta dos 10). Já entrei em contacto com o Steve Paiva, o administrador da academia em Toronto. Estou à espera que o Pedro Dias volte de férias e entramos em contacto. Queria o exemplo da academia de Toronto porque é no estrangeiro. Os moldes de começar uma academia em Portugal devem ser bastante diferentes (julgo eu). Se quiseres posso-te dar o meu e-mail e podemos entrar em contacto via email ou mesmo facebook (os contactos que tens)

SL

Se já estás em contacto com os tipos de Toronto esquece. Eu sei de quem conheça gente lá e te podia fazer a ligação a eles, mas como já tens essa parte feita não te ia servir de nada.

Ok obrigado na mesma. Vou dando updates

Posso ajudar manda MP
SL

Falei com o Pedro Dias de Toronto a semana passada. Realmente é muito dificil começar uma sem ter uma estrutura já existente na área. Além do mais o facto de funcionar como um franchising e o investimento inicial ser um bocado puxado vs reconhecimento da marca na região. Uma escola qualquer duma equipa do top 6/8 inglesa trazia mais miudos com certeza