A Homosexualidade e o Forum?

Tem havido promoção exaustiva dessa prática com os próprios pais a permitirem isso. Não tanto aqui mas nos países anglo-saxónicos têm havido uma clara intenção de se normalizar isso. Tudo porque passou a ser uma moda (ou isto ou identificarem-se como “não-binários”) e não por problemas mais profundos.

Disforia de género existe mas com uma representatividade de 0.0000001%. Explica-me porque é que vários partidos falam disproporcionalmente sobre um assunto tão mínimo.

Nada contra tudo o que escreveste… excepto esta parte… não estás concerteza a dar a entender que a igreja acolhe deliberadamente pedofilos… certo? A igreja acolhe milhares de pessoas, tem uma estrutura brutal, talvez das maiores e mais complexas do mundo… e é dirigida por pessoas, com mais responsabilidade certo, mas pessoas… que tem defeitos… e daquilo que conheço, tem muito mais gente boa do que má… mas again… já nem sei hoje em dia o que é bom e o que é mau…

O que é gente boa??
É que geralmente os pedófilos são gente normal, até boa… até terem uma chance de mostrar os verdadeiros predadores que são.
As religiões (não todas) são verdadeiros ímans para esses rapazes. Tal como todas as profissões que lidem com crianças.
Obviamente, ao recusarem ou ostracizarem mulheres nas suas fileiras, a grande maioria das religiões oferece ainda esse bónus. Há menos controle e maior apetência para olhar para o lado. Se quisermos colocar aqui a ironia, diria que sabem realmente perdoar… aos pedófilos que têm nas suas fileiras.
Basta compararmos o que geralmente acontece quando se descobre um professor/a pedófilo/a com o que geralmente acontece quando se descobre um padre pedófilo.
Em vez de continuarem década após década com tanto perdão, talvez fosse tempo de realmente fazerem alguma coisa que se veja em relação ao assunto.
Mas como devo pertencer à “elite ateísta” caguem nisso.

1 Curtiu

Não, nada disso. Não digo que acolhe deliberadamente homossexuais, por o serem. O que tentei expressar foi que, porque as práticas e a orientação sexual dos membros da Igreja acabam por ser conhecidos de alguém, a responsabilidade da Instituição nasce a partir do momento em que encobrem estes episódios. Porque acolher pessoas, independentemente da sua orientação sexual, é humano. Protegê-las quando praticam atos sexuais com menores indefesos (neste ponto, estou a marimbar-me que sejam atos hetero ou homossexuais, porque houve abusos de menores de índole heterossexual), é criminoso.

1 Curtiu

Concordo. Um problema “mínimo” . Logo, não percebo a histeria do “andamos a mutilar crianças” quando o assunto é de uma enorme delicadeza e sendo “mínimo”, não o é para as pessoas em causa.

Lá está.
Há uma enorme diferença em dizer que se aceita a homosexualidade, dizer que não se aceita a homosexualidade e dizer que não cabe a ninguém dizer que se aceita ou não.

Mais grave ainda ‘e a igreja (bispos/cardeais) que perante casos de pedofilia, decidem nao haver razao para informar as autoridades pois os castigos dentro da instituicao sao suficientes.
Isto quando os ha’ ou quando nao e’ apenas mudanca de paroquia.
Ou seja, a ha um sentimento de que se esta’ acima da lei, ou entao a necessidade de abafar os casos para nao manchar mais a imagem.

1 Curtiu

concordo totalmente. seja quem ele for, padre ou outra coisa qualquer.

Ai que maus querem direitos

2 Curtiram