É por isto que gosto do Sporting actual

o patrocínio não é totalmente escandaloso.

Confesso que esperava que a tarja aos pés do 100 dissesse simplesmente uma de duas coisas:

“VENDE-SE”

ou, na senda do “Lost”:

“HEEEELP!”

ou, na senda do "Lost":

“HEEEELP!”

:mrgreen:

Não digo que seja escandaloso, mas que me entristece um pouco isso é verdade.
Eu ía mais na linha VENDO ou EMPRESTO a custo zero :smiley:

O Logo está bem feito, e de facto aquele pessoal acima do “1” simboliza uma vela…

O espalhafatoso da situação é que 100 pessoas eram esperadas para o Logo mas apenas 96 apareceram, e nem sequer foram capazes de arranjar mais 4… Nem que fossem a rua busca-los…

Acho que estas na fase do dispara contra tudo o que se mexe Mauras…
Desde a ultima vez que te melindraste comigo que tinha prometido a mim mesmo que nao voltava a dizer nada, mas NESTE caso, estás a exagerar…

De qq das formas, whatever, mas um pau, menos um pau… :roll:

já conheço essas tuas fases :slight_smile: mas também já devias saber que sou um perfecionista. Não concebo trabalho ao serviço do Sporting que não seja feito com o máximo de empenho e qualidade (não é sinónimo de megalomania) pq não concebo maior orgulho que é trabalhar para o Sporting e ainda ter a sorte de ganhar dinheiro com isso.

Vê lá que nem sabia disso dos 96 em vez dos 100.

Para já isto para mim teria sido feito num dia de jogo, horas antes, mais perto do verão, convocando tudo o que era sócio e adepto a participar. Facilmente reunirias gente suficiente para fazer um verdadeiro logótipo gigante que nos colocasse nas notícias internacionais, e não esta miséria franciscana tipo clube de bairro com 100 adeptos.

Nepia man,

Se nao pertences a comissao centenario nao entras no Logo :twisted: :twisted:

P.S- pura especulaçao, nem sei quem fez e integrou o logo… :lol:

Sobre esta questão do logo fico com a impressão de que os tipos por cima do 1 são mesmo uma chama.

Mas em matéria de incompetências, recordo a apresentação de Abel e Romagnoli, e uma foto que vi no pasquim 2. Via-se uma perspectiva da sala de imprensa e as costas dos dois jogadores. Um e outro tinham os números impressos nas camisolas em posições completamente diferentes; além disso, um tinha o nome impresso numa lista branca, e o outro numa lista verde. Quem os visse diria que vestiam imitações baratas compradas nos ciganos.

Já vejo à distância os do costume a dizer que isto não tem importância nenhuma, que é pura vontade de dizer mal e que, na falta de outro assunto, implico com isto. Poupo desde já o trabalho da resposta: não só não há falta de outro assunto, como este, sendo efectivamente de escassa importância, é pelo menos um sintoma de toda uma cultura de laxismo, falta de exigência e incompetência que grassa no Sporting.

Exacto. Podem chamar-nos picuinhas. Mas os mesmos que podem considerar estas questões picuinhice são os mesmos que quando vão ao “istrangéiro” vêm de lá a dizer que lá fora é que é.

Um bom exemplo é o Corte Ingles. Confesso a minha alergia à espanholada, à sua tomada de posse do país e confesso que não augurei grande futuro à loja (eles corrigiram o que eu considerava o aquiles inicial, a falta de cinemas. Têm os melhores da cidade) mas hoje em dia reconheço que o Corte Inglês é um exemplo de profissionalismo, cuidado e “picuinhice” que faz toda a diferença.

Procurem na net o manifesto do projecto Roquette de 90s e perceberão que aquilo que parece “picuinhice” foi o que nos prometeram quando isto começou.

Eu acho que o assunto tem bastante importância e estou com o Mauras e o FLL.

As empresas contratam quem lhes trate da imagem externa, que vai desde os logotipos dos envelopes, passando pela simples t-shirt, até a todo o tipo de fotografias, vídeos e outras imagens que possam passar para os meios de comunicação social. Chama-se a isso trabalhar a imagem externa através de um conceito unitário.

Ora, se o Sporting é suposto ser gerido como de uma empresa se tratasse, então o que explica não existir este tipo de cuidado e de rigor? Raios, até parece que não querem vender o produto.

[img]http://www.sporting.pt/Imagens/23037.jpg[/img]

é por momentos destes que gosto do Sporting actual.
Reparem bem naquele “1” do (miserável) logótipo (des)humano do centenário.

É esta perfeição na incompetência, esta obsessão por fazer as coisas mal que deve merecer o nosso carinho :). …

Por acaso ate acho que esta muito bom, queres melhor simbolo do centenario do Sporting? Queres melhor do que aquilo para reflectir o Sporting de hoje?

Fora de brincadeiras, aquilo ate nem esta mal, esta razoavelmente direitinho e aprumadinho. O problema e que ate aqui ja se chegou a conclusao que era possivel antes de um jogo escolhido para o efeito mobilizar uma participacao recorde e dar um caracter se calhar ate supra-nacional (via TV) ao evento, e de passagem amealhar uns valente cobres… A questao que fica é , como é que os especialistas contratados para o efeito nao se lembraram de algo semelhante?.. Se alhar agora que vao ler aqui talvez ‘surja’ a ideia…

não será o efeito de uma pequena chama a imitar uma vela de aniversário? Digo eu 8)

por acaso concordo perfeitamente. a “parte inclinada” do “1” está lá :smiley:

não será o efeito de uma pequena chama a imitar uma vela de aniversário? Digo eu 8)

por acaso concordo perfeitamente. a “parte inclinada” do “1” está lá :smiley:


pois. os outros não sabem o desenho do “1” ou o que é isso ? :shock:

:expressionless:

O logotipo humano contém um 1 e dois 0’s, sendo que em cima do 1 está uma suposta chama!

Nunca poderia ser muito perfeito, porque a “máquina” tinha pouca resolução, poucos pixel’s, pouca gente que estivesse disposta a ir pousar para a foto (que de tão interessante, só reuniu para aí umas 100 pessoas). :?

Longe vai o tempo do logo humano da candidatura ao Euro2004. :cry:

O steve tem toda a razão. O 1 está lá, o problema é que aquela coisa em cima que não se percebe bem o que é (se era para ser uma chama que tal usar chapéus amarelos?) é que confunde. Eu vi a foto maior e não se percebia, mas agora fica mais claro. O 1 está lá, os dois gajos de lado são parte do 1 e aquilo em cima só pode ser a tal chama, embora seja “puxado”.

Conclusão: o 1 em si não está mal feito. O logótipo continua mal feito no geral, pobre, ridículo, coerente com o que temos.

Em França chama-se “chercher la petite bête” :slight_smile:

Eu até acho que está engraçado, 1 como número e vela de aniversário, nada a apontar! :arrow:

A grandeza da coisa é que me deixa estupido…

Eh pá, qq coisa é motivo para malhar porra. Se não têm motivo para falar mal, mais vale fechar o computador, em vez de debitar merdas que até um benfiquista tinha pudor em escrever. Acho que o logo está bem feito e aquilo é pra simbolizar uma vela. Se não entenderam, o problema não está no logo.

Já agora, aqui há uns anos estive a colaborar num enorme painel para ser mostrado num jogo de apresentação do Sporting. Contra uns italianos de amarelo, a lazio ou o parma agora não consigo precisar. nesse ano foi-se buscar pessoal à rua. quem queria, tinha o bilhete de borla para esse jogo. Posso-vos dizer que é uma experiencia a não repetir. No final o painel até nem estava muito mal, excepto um gajo lá no meio que colocou a placa dele ao contrário :lol:

existe uma palavra para tal abstração—ilusão de óptica…em tudo…