Relatório & Contas Sporting SAD 3º trim 2018/19

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Pelo que vejo, prevê se resultados de fim de exercício na linha do que temos apresentado nos últimos anos em que não fomos á Champions, resultados positivos mas sem grande impacto...resta perceber se ainda vão explodir num caso de venda do BF antes de 30 de junho, a dúvida será essa...de resto não entendo o drama de alguns por aqui...

Aumentar passivo
Aumentar passivo bancário

Tudo normal ... já estávamos habituados não é ?

Claro que aumentaste o passivo, como é que isso pagar o empréstimo obrigacionista que falhaste em maio? Achas que a restruturação de dívida que a anterior direção já supostamente tinha apalavrado com os bancos não ia dar num aumento do passivo bancário? Com tesouraria a zero,iam fazer como? E depois óbvio que com esta operação em março pioraste essa situação,agora acredito que foram liquidadas as dividas em atraso mais urgentes,o resto é para fundo de maneio para responsabilidades de curto prazo e para eventuais contratações nesta fase do defeso...
No R&C de final de ano creio que vamos tirar mais ilações, fará 9 meses desta direção, 6 meses de impacto dos empréstimos e contratações/saídas de janeiro a março...não tenho dúvidas que vamos fechar o ano com resultados positivos, só se não saísse ninguém até fim do mês e se gastasse muito a contratar

Mau

EO para pagar outro EO não aumenta passivo

Factoring para pagar dívida tb não aumenta passivo

Mas que aumentou 45M€ , aumentou e foi ao nível do Godinho Lopes ... explica lá

Explica tb então como é que se fez 65M€ de antecipação de receitas  (Qual era a justificação ?) mas a dívida a fornecedores continua igual ?

Aumentar passivo e dívida bancária/financeira em valores destes nunca serão  “resultados positivos” nem sequer satisfatórios




« Última modificação: Junho 01, 2019, 13:56 pm por Tarântula »
Pelo que vejo, prevê se resultados de fim de exercício na linha do que temos apresentado nos últimos anos em que não fomos á Champions, resultados positivos mas sem grande impacto...resta perceber se ainda vão explodir num caso de venda do BF antes de 30 de junho, a dúvida será essa...de resto não entendo o drama de alguns por aqui...

Aumentar passivo
Aumentar passivo bancário

Tudo normal ... já estávamos habituados não é ?

Claro que aumentaste o passivo, como é que isso pagar o empréstimo obrigacionista que falhaste em maio? Achas que a restruturação de dívida que a anterior direção já supostamente tinha apalavrado com os bancos não ia dar num aumento do passivo bancário? Com tesouraria a zero,iam fazer como? E depois óbvio que com esta operação em março pioraste essa situação,agora acredito que foram liquidadas as dividas em atraso mais urgentes,o resto é para fundo de maneio para responsabilidades de curto prazo e para eventuais contratações nesta fase do defeso...
No R&C de final de ano creio que vamos tirar mais ilações, fará 9 meses desta direção, 6 meses de impacto dos empréstimos e contratações/saídas de janeiro a março...não tenho dúvidas que vamos fechar o ano com resultados positivos, só se não saísse ninguém até fim do mês e se gastasse muito a contratar

Mau

EO para pagar outro EO não aumenta passivo

Factoring para pagar dívida tb não aumenta passivo

Mas que aumentou 45M€ , aumentou e foi ao nível do Godinho Lopes ... explica lá

Explica tb então como é que se fez 65M€ de antecipação de receitas  (Qual era a justificação ?) mas a dívida a fornecedores continua igual ?

Aumentar passivo e dívida bancária/financeira em valores destes nunca serão  “resultados positivos” nem sequer satisfatórios

O passivo aumentou porque fizemos o EO e o factoring e não se utilizou o vir todo para pagamentos, basta ver o aumento da rubrica de caixa e equivalentes, e a diferença face ao ano anterior na rubrica detalhada de fornecedores...pagamos o EO de 30, e dívidas como a do vitoria,por exemplo,foram pagas...nos gastos com pessoal tambem esperava uma diminuição maior face ao ano anterior, estes 4M parece me pouco, vamos ver em junho como ficará a diferença..
Não percebo tanta admiração com aumento do passivo, se recorremos a financiamentos e não liquidamos dívidas nesse vir, é normal que aumente,desde que o dinheiro esteja em caixa e não desapareça 😉
Pelo que vejo, prevê se resultados de fim de exercício na linha do que temos apresentado nos últimos anos em que não fomos á Champions, resultados positivos mas sem grande impacto...resta perceber se ainda vão explodir num caso de venda do BF antes de 30 de junho, a dúvida será essa...de resto não entendo o drama de alguns por aqui...

Aumentar passivo
Aumentar passivo bancário

Tudo normal ... já estávamos habituados não é ?

Claro que aumentaste o passivo, como é que isso pagar o empréstimo obrigacionista que falhaste em maio? Achas que a restruturação de dívida que a anterior direção já supostamente tinha apalavrado com os bancos não ia dar num aumento do passivo bancário? Com tesouraria a zero,iam fazer como? E depois óbvio que com esta operação em março pioraste essa situação,agora acredito que foram liquidadas as dividas em atraso mais urgentes,o resto é para fundo de maneio para responsabilidades de curto prazo e para eventuais contratações nesta fase do defeso...
No R&C de final de ano creio que vamos tirar mais ilações, fará 9 meses desta direção, 6 meses de impacto dos empréstimos e contratações/saídas de janeiro a março...não tenho dúvidas que vamos fechar o ano com resultados positivos, só se não saísse ninguém até fim do mês e se gastasse muito a contratar

Mau

EO para pagar outro EO não aumenta passivo

Factoring para pagar dívida tb não aumenta passivo

Mas que aumentou 45M€ , aumentou e foi ao nível do Godinho Lopes ... explica lá

Explica tb então como é que se fez 65M€ de antecipação de receitas  (Qual era a justificação ?) mas a dívida a fornecedores continua igual ?

Aumentar passivo e dívida bancária/financeira em valores destes nunca serão  “resultados positivos” nem sequer satisfatórios

O passivo aumentou porque fizemos o EO e o factoring e não se utilizou o vir todo para pagamentos, basta ver o aumento da rubrica de caixa e equivalentes, e a diferença face ao ano anterior na rubrica detalhada de fornecedores...pagamos o EO de 30, e dívidas como a do vitoria,por exemplo,foram pagas...nos gastos com pessoal tambem esperava uma diminuição maior face ao ano anterior, estes 4M parece me pouco, vamos ver em junho como ficará a diferença..
Não percebo tanta admiração com aumento do passivo, se recorremos a financiamentos e não liquidamos dívidas nesse vir, é normal que aumente,desde que o dinheiro esteja em caixa e não desapareça
Hum. Faz melhor essas contas...
Pelo que vejo, prevê se resultados de fim de exercício na linha do que temos apresentado nos últimos anos em que não fomos á Champions, resultados positivos mas sem grande impacto...resta perceber se ainda vão explodir num caso de venda do BF antes de 30 de junho, a dúvida será essa...de resto não entendo o drama de alguns por aqui...

Aumentar passivo
Aumentar passivo bancário

Tudo normal ... já estávamos habituados não é ?

Claro que aumentaste o passivo, como é que isso pagar o empréstimo obrigacionista que falhaste em maio? Achas que a restruturação de dívida que a anterior direção já supostamente tinha apalavrado com os bancos não ia dar num aumento do passivo bancário? Com tesouraria a zero,iam fazer como? E depois óbvio que com esta operação em março pioraste essa situação,agora acredito que foram liquidadas as dividas em atraso mais urgentes,o resto é para fundo de maneio para responsabilidades de curto prazo e para eventuais contratações nesta fase do defeso...
No R&C de final de ano creio que vamos tirar mais ilações, fará 9 meses desta direção, 6 meses de impacto dos empréstimos e contratações/saídas de janeiro a março...não tenho dúvidas que vamos fechar o ano com resultados positivos, só se não saísse ninguém até fim do mês e se gastasse muito a contratar

Mau

EO para pagar outro EO não aumenta passivo

Factoring para pagar dívida tb não aumenta passivo

Mas que aumentou 45M€ , aumentou e foi ao nível do Godinho Lopes ... explica lá

Explica tb então como é que se fez 65M€ de antecipação de receitas  (Qual era a justificação ?) mas a dívida a fornecedores continua igual ?

Aumentar passivo e dívida bancária/financeira em valores destes nunca serão  “resultados positivos” nem sequer satisfatórios

O passivo aumentou porque fizemos o EO e o factoring e não se utilizou o vir todo para pagamentos, basta ver o aumento da rubrica de caixa e equivalentes, e a diferença face ao ano anterior na rubrica detalhada de fornecedores...pagamos o EO de 30, e dívidas como a do vitoria,por exemplo,foram pagas...nos gastos com pessoal tambem esperava uma diminuição maior face ao ano anterior, estes 4M parece me pouco, vamos ver em junho como ficará a diferença..
Não percebo tanta admiração com aumento do passivo, se recorremos a financiamentos e não liquidamos dívidas nesse vir, é normal que aumente,desde que o dinheiro esteja em caixa e não desapareça
Hum. Faz melhor essas contas...
Para perceberes onde está a ser utilizado o acréscimo de passivo tens de olhar para o activo..a titularizacao dos 65M foi para pagamentos a fornecedores e reforço de tesouraria que estava deficitária,isso foi público e assumido... é á custa disso que tens fluxos de caixa positivos a março, vamos é ver com que critério será utilizado...
Ca grande trabalho...
"Um dia Sporting,  Sporting Sempre!"
Custos de conservação e reparação quase a 1/4 do ano passado, realmente, investimento como nunca se viu  :clap:
Parece-me ficção, mas lembram-se quando havia escrutínio?
Estou disposto a dar o meu tempo, vida e alma ao Sporting Clube de Portugal, mas têm de estar comigo. Nos últimos dois anos tive duas hipóteses: ou me juntava aos interesses ou a vocês. Escolhi juntar-me a vocês. Agora têm de estar comigo, caso contrário os interesses acabam comigo num instante. - BdC 02/2018
Os 71% agora que a barrem a cara de m.erda destruiram o clube
O desinteresse pelo tópico fica explicado com as 2 páginas que tem e é demonstrativo da importância que as contas têm ou não no universo Sportinguista.

Muitos até já ganharam vergonha e evitam ao máximo vir aqui. Isso ou a cartilha está demasiada fraca...
Muito preocupante num período em que fazemos 48M de vendas de jogadores apresentamos um RL negativo de 5,9M:menos:

Os capitais próprios negativos são de 21M. Coisa que preocupou muita gente na altura da destituição de BdC.  :menos:

Passivo aumenta mais de 45M. Alarmante como em 9 meses que conseguiu um aumento desta dimensão. Esperemos que com o pagamento da divida (com o dinheiro do empréstimo) este valor baixe consideravelmente.  :menos:

Pagámos mais de 7M em comissões das vendas.  :menos:

Nos custos existe um aumento sem explicação dos FSE de mais 3M (nomeadamente comissões e subcontratos) e uma redução de 4M, valor pouco significante face à saída de JJ, william, patricio, piccini, gelson, nani ou montero.
O total de custos é praticamente o mesmo em igual período do ano anterior e isso é muito preocupante.

Nas receitas (sem CL) existe um decréscimo de 1M, principalmente ao nível da bilheteira. De lembra que foi prometido um grande aumento das receitas, o que até agora não se verifica.

Em junho o RLE deverá ser positivo muito devido ao acordo de gelson, são mais 22,5M a somar aos 48M de vendas de jogadores.

Estes resultados são graves porque os resultados operacionais são muito negativos e as vendas dos jogadores vão cobrindo os custos, mas até quando?
O desinteresse pelo tópico fica explicado com as 2 páginas que tem e é demonstrativo da importância que as contas têm ou não no universo Sportinguista.

Muitos até já ganharam vergonha e evitam ao máximo vir aqui. Isso ou a cartilha está demasiada fraca...

O interesse pelo tópico está em linha com o Novo Sporting e com o que este fórum, em processo de limpeza dos indesejados "da pesada herança", representa.

O que é que interessa a sustentabilidade do clube e da sad? Nada!
O que interessa é expulsar sucessivamente, depurar os indesejados pra ficar só "a gente-de-bem", com os olhos fechados a aplaudir com muita força
« Última modificação: Junho 03, 2019, 11:20 am por stick »
"Quem, ali do outro lado, tinha definido o ataque ao Benfica como principal instrumento da sua promoção individual, foi corrido pelos que achava serem seus. Espero que este gesto seja o princípio de uma regularização da vivência institucional que deve caracterizar os maiores clubes nacionais" (Luís Filipe Vieira, presidente de SAD acusada de vários crimes no E-Toupeira, explica, a 28-09-2018, o papel de Marta Soares, Henrique Monteiro, Torres Pereira, Sousa Cintra e G71).

Resultados Operacionais ACUMULADOS (sem atletas ) 5 anos da Anterior direcção -19M€

9 meses de CG/Varandas -19M€

All In ...coiso ,
Gestão Irresponsável , pois
Estes resultados são graves porque os resultados operacionais são muito negativos e as vendas dos jogadores vão cobrindo os custos, mas até quando?

Ate quando ? Mas ainda nao te mentalizastes que estamos perante a velha maxima croquete, vender para nao falir ?
O Sporting Vintage esta de volta, aquele que os nossos adversarios elogiam  e nas nossas costas se  riem !!
Estamos no bom caminho,dizem eles ...
Nani e Montero saíram do clube em março, este relatório é referente a 31 de .arco, porque tanto insistem em falar deste impacto nos gastos com pessoal? Influenciou zero para este relatório...quanto á poupança de apenas 4M no resto também acho pouco,espero que o CD venha explicar isso.

Em relação as vendas de jogadores compensarem resultados operacionais, em que mundo vocês vivem? Quem vos ouvir falar parece que os clubes portugueses não precisam de vender para sustentar os seus orçamentos (principalmente os grandes).
É obvio que é necessário vender. Mas até agora foram 48M. E isso resultou em 5,9M negativos. Até junho já estão garantidos mais 22,5M. É demasiado para tão pouco lucro.

Esta direção fez um ataque brutal á anterior direção com discursos do all in, demasiados gastos, etc. e agora apresenta um total de custos operacionais quase da mesma importância.

É necessário analisar estes resultados e não esconder a cabeça na areia. Os resultados são maus com um RLE negativo (mesmo com 48M de vendas de jogadores), com receita a diminuir e passivo a aumentar.
É obvio que é necessário vender. Mas até agora foram 48M. E isso resultou em 5,9M negativos. Até junho já estão garantidos mais 22,5M. É demasiado para tão pouco lucro.

Esta direção fez um ataque brutal á anterior direção com discursos do all in, demasiados gastos, etc. e agora apresenta um total de custos operacionais quase da mesma importância.

É necessário analisar estes resultados e não esconder a cabeça na areia. Os resultados são maus com um RLE negativo (mesmo com 48M de vendas de jogadores), com receita a diminuir e passivo a aumentar.

A última época, onde se teve 20M de prejuízo, mesmo a usar o dinheiro da conta reserva para salários, não se paga sozinha.
É obvio que é necessário vender. Mas até agora foram 48M. E isso resultou em 5,9M negativos. Até junho já estão garantidos mais 22,5M. É demasiado para tão pouco lucro.

Esta direção fez um ataque brutal á anterior direção com discursos do all in, demasiados gastos, etc. e agora apresenta um total de custos operacionais quase da mesma importância.

É necessário analisar estes resultados e não esconder a cabeça na areia. Os resultados são maus com um RLE negativo (mesmo com 48M de vendas de jogadores), com receita a diminuir e passivo a aumentar.

A última época, onde se teve 20M de prejuízo, mesmo a usar o dinheiro da conta reserva para salários, não se paga sozinha.

Lol.

A última época.

Aquela onde o clube esteve os 2 últimos meses de exercicio parcialmente bloqueado E quando se apostou forte na Champions e em tudo o que tal representava para nós e para os rivais.

Champions que não houve esta época e onde se gastou o MESMO!!

E contas reservas cujos pressupostos iriam cair face à renegociação com a Banca pela compra das VMOCS.

A última época... :lol:

E isto mantendo e disse-o em Setembro de 2017 ( curioso revisitar o que se escrevia ), que se gastavam mais 15M do que se devia em salários, face ao plantel em causa e recursos internos desaproveitados.
É obvio que é necessário vender. Mas até agora foram 48M. E isso resultou em 5,9M negativos. Até junho já estão garantidos mais 22,5M. É demasiado para tão pouco lucro.

Esta direção fez um ataque brutal á anterior direção com discursos do all in, demasiados gastos, etc. e agora apresenta um total de custos operacionais quase da mesma importância.

É necessário analisar estes resultados e não esconder a cabeça na areia. Os resultados são maus com um RLE negativo (mesmo com 48M de vendas de jogadores), com receita a diminuir e passivo a aumentar.

A última época, onde se teve 20M de prejuízo, mesmo a usar o dinheiro da conta reserva para salários, não se paga sozinha.

A sério, mais desonesto é impossível. E quando se fala tanto em trolling...

20M de prejuízo porque não foi possível á anterior direção efetuar as vendas que estavam previstas. Só piccini e william serviriam para ter RLE positivo.
Direção que foi a único a ter RL positivos ao longo do mandato.

De esclarecer que este R&C é do 3º trimestre de 18/19 e que a demonstração de resultados apenas reporta a custos e receitas do período em analise.

Mas já discutimos bastante o que a anterior direção fez, agora é altura de analisar o que esta está a fazer e o que foi apresentado é preocupante. 48M de vendas e 5,9 de RL negativo.
Custos mantêm-se quase ao mesmo nível e receitas descem quando foi prometido um grande aumento.

Passivo aumenta de forma brutal.

Isso é que importa discutir!
Não consigo perceber como saindo JJ que representava com a sua equipa 10 milhões de gastos continuamos sem conseguir baixar nada... mas que trabalho fez afinal a CG?
É obvio que é necessário vender. Mas até agora foram 48M. E isso resultou em 5,9M negativos. Até junho já estão garantidos mais 22,5M. É demasiado para tão pouco lucro.

Esta direção fez um ataque brutal á anterior direção com discursos do all in, demasiados gastos, etc. e agora apresenta um total de custos operacionais quase da mesma importância.

É necessário analisar estes resultados e não esconder a cabeça na areia. Os resultados são maus com um RLE negativo (mesmo com 48M de vendas de jogadores), com receita a diminuir e passivo a aumentar.

A última época, onde se teve 20M de prejuízo, mesmo a usar o dinheiro da conta reserva para salários, não se paga sozinha.

Lol.

A última época.

Aquela onde o clube esteve os 2 últimos meses de exercicio parcialmente bloqueado E quando se apostou forte na Champions e em tudo o que tal representava para nós e para os rivais.

Champions que não houve esta época e onde se gastou o MESMO!!

E contas reservas cujos pressupostos iriam cair face à renegociação com a Banca pela compra das VMOCS.

A última época... :lol:

E isto mantendo e disse-o em Setembro de 2017 ( curioso revisitar o que se escrevia ), que se gastavam mais 15M do que se devia em salários, face ao plantel em causa e recursos internos desaproveitados.

Esta época não tiveste Champions, é um facto, mas investiu-se em jogadores como se houvesse.
BdC trouxe Marcelo, Viviano, Raphinha e Gaspar.
Sousa Cintra trouxe os 3 que rescindiram e ainda mais Gudelj, Diaby, Renan, Nani (e Sturaro que não chegou a vir).

Varandas fez, na minha opinião, um bom mercado de Janeiro contratando bem e barato - Ilori, Doumbia, Borja e Phellipe.

Não fiz as contas ao que se gastou em reforços este ano, mas aposto que já tivemos anos de Champions com bem menos investimento. Tudo isto faz aumentar as dívidas a fornecedores de médio / longo prazo.

Não foi um ano fácil para se gerir o Sporting. Gostava que as contas estivessem melhores mas entendo que não estejam. Há tempo para rectificar. A venda do Gelson vai entrar agora no último trimestre e já deve ajudar um pouco.