Votação

Por onde passa o futuro imediato do Sporting?

Varandas precisa de tempo e pode fazer um bom trabalho.
16 (9.1%)
Varandas não tem capacidade para gerir o Clube mas deve cumprir mandato.
16 (9.1%)
Eleições no fim da época.
66 (37.5%)
O Sporting é um caso sem solução.
78 (44.3%)

Votos totais: 173

Votação encerrada: Março 30, 2019, 02:32 am

Por onde passa o futuro imediato do Sporting?

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Digam de vossa justiça. Não é fácil a resposta.
Em minha opinião, Varandas deve cumprir mandato dando tempo para uma candidatura forte se organizar. Espero estar enganado, mas os sinais de uma má liderança estão por todo lado e isso dificilmente levará a algo de positivo.

Acho que no fundo a maioria dos Sportinguistas espera uma candidatura com as virtudes do BdC mas sem os seus defeitos. O melhor de dois mundos. Acredito que ela acabará por aparecer pois o clube é grande demais.
Votei na última opção.

Acho que no fundo a maioria dos Sportinguistas espera uma candidatura com as virtudes do BdC mas sem os seus defeitos. O melhor de dois mundos. Acredito que ela acabará por aparecer pois o clube é grande demais.
Continuam-se a esquecer que a perfeição não existe  :inde:
Todos têm os seus defeitos...
Em minha opinião, Varandas deve cumprir mandato dando tempo para uma candidatura forte se organizar. Espero estar enganado, mas os sinais de uma má liderança estão por todo lado e isso dificilmente levará a algo de positivo.

Acho que no fundo a maioria dos Sportinguistas espera uma candidatura com as virtudes do BdC mas sem os seus defeitos. O melhor de dois mundos. Acredito que ela acabará por aparecer pois o clube é grande demais.
Acreditas mesmo nisso?

Os sócios do Sporting parecem aqueles emigrantes que em vez de viajar de avião, alugam um carro potente em "França" e fazem o caminho todo para Portugal só para mostrar o seu carro, que nem é dele, mas tem a necessidade de tentar mostrar que é superior.

No Sporting vivem do Síndrome de "Não ganhamos mas somos diferentes", ou seja, desligam-se do clube, e depois justificam-se perante os outros com a desculpa que são diferentes, mas depois pagam as quotas só para se mostrar "tenho 10/15/20 votos", o puro elitismo do "eu pago, eu sou melhor que tu"...

Com o Bruno de Carvalho mostraram que não são diferentes, quando ganham fazem o mesmo que os outros, festejam, picam e gozam com os rivais, defendem o clube em vez de arranjar desculpas.

Se no após Bruno de Carvalho voltaram todos ao antigamente, só mostra que estes elitistas não mudam, e apenas são diferentes para pior, a partir do momento que o clube começa a perder já não querem saber mais do Sporting, voltam à mesma desculpa do serem diferentes e usam o número de votos só para mostrarem que são superiores, e agora dificilmente vão deixar alguém que queira colocar o Sporting vencedor ir para presidente, só mesmo quando o clube já tiver na miséria.
Citação de: Vitor Ferreira
Só pessoas estúpidas, intelectualmente desonestas e cegas é que estão neste momento com Bruno de Carvalho, qualquer pessoa meramente inteligente (...)
Citação de: Jaime Marta Soares
Vai poder candidatar-se! Não tem nenhuma outra situação que não seja, se tiver as cotas em dia e se for essa a sua vontade, candidatar-se.
Votei na opção: "Sporting é um caso sem solução".

Acredito mesmo que não há solução possível.
Sempre que o clube estiver bem entregue e nas «mãos certas» há demasiada oposição interna de gentalha sem valores e cheia de interesses que está disposta a tudo para ter o clube à sua imagem.
Não prevejo um futuro nada risonho para o Sporting mas espero estar enganado!

Enquanto houver grupos e 'notáveis' (da tanga diga-se), este clube não tem melhora.
SPORTING ACIMA DE TUDO E TODOS c******!
Votei em eleições no final da época!

Só não há solução para a morte. 🤜🏽🤛🏻
Abaixo a corrupção, tanto no desporto como na política!!!
Opção 5. - Refundação.
Não voto. Tal como não me foi permitido votar nas últimas eleições por uns senhores que julgam que o clube é um brinquedo deles.
Quero que saiam e desapareçam do clube, pois o clube é dos seus sócios e adeptos, e não de uns caciques que adoram holofotes, ludibriar as pessoas, e aproveitar-se do desporto. Ponto final parágrafo.
"If you can survive disappointment, nothing can beat you."

(...) But my dreams have been stolen away.
Não voto. Tal como não me foi permitido votar nas últimas eleições por uns senhores que julgam que o clube é um brinquedo deles.
Quero que saiam e desapareçam do clube, pois o clube é dos seus sócios e adeptos, e não de uns caciques que adoram holofotes, ludibriar as pessoas, e aproveitar-se do desporto. Ponto final parágrafo.

Se não for indiscrição, porque é que foste impedido de votar?
Não voto. Tal como não me foi permitido votar nas últimas eleições por uns senhores que julgam que o clube é um brinquedo deles.
Quero que saiam e desapareçam do clube, pois o clube é dos seus sócios e adeptos, e não de uns caciques que adoram holofotes, ludibriar as pessoas, e aproveitar-se do desporto. Ponto final parágrafo.

Se não for indiscrição, porque é que foste impedido de votar?

Porque dois candidatos foram impedidos de ir a eleições. Impedido de votar livremente na minha preferência; assim talvez fique claro.
"If you can survive disappointment, nothing can beat you."

(...) But my dreams have been stolen away.
Não voto. Tal como não me foi permitido votar nas últimas eleições por uns senhores que julgam que o clube é um brinquedo deles.
Quero que saiam e desapareçam do clube, pois o clube é dos seus sócios e adeptos, e não de uns caciques que adoram holofotes, ludibriar as pessoas, e aproveitar-se do desporto. Ponto final parágrafo.

Se não for indiscrição, porque é que foste impedido de votar?

Porque dois candidatos foram impedidos de ir a eleições. Impedido de votar livremente na minha preferência; assim talvez fique claro.

Existe uma diferença significativa entre ser impedido de votar e não termos lá os candidatos que queríamos mas compreendo a tua indignação pois também acho que BdC teria sempre que se apresentar a votos (como eu acho que mais tarde ou mais cedo irá acontecer).
Votei que não tem solução. Se os croquettistas arranjaram maneira de voltar depois de toda a gente achar que eram coisa do passado, podem fazê-lo as vezes que forem necessárias.
Não voto. Tal como não me foi permitido votar nas últimas eleições por uns senhores que julgam que o clube é um brinquedo deles.
Quero que saiam e desapareçam do clube, pois o clube é dos seus sócios e adeptos, e não de uns caciques que adoram holofotes, ludibriar as pessoas, e aproveitar-se do desporto. Ponto final parágrafo.

Se não for indiscrição, porque é que foste impedido de votar?

Porque dois candidatos foram impedidos de ir a eleições. Impedido de votar livremente na minha preferência; assim talvez fique claro.

Existe uma diferença significativa entre ser impedido de votar e não termos lá os candidatos que queríamos mas compreendo a tua indignação pois também acho que BdC teria sempre que se apresentar a votos (como eu acho que mais tarde ou mais cedo irá acontecer).

Não existe, aliás, deixei essa posição clara anteriormente, daí que estava implícito. Nem que fosse o Paulo Lopo a ser impedido. É uma questão de princípio para mim. Quer seja um clube ou uma localidade. O expediente para tal foi político, e a resposta é igualmente política. São coisas de que não abdico.
Mas sei que percebes o fundo.
"If you can survive disappointment, nothing can beat you."

(...) But my dreams have been stolen away.
Óbvio que não há solução.

Tirem o varandas e metam... um Carlos Vieira. Acham que a porcaria lampiónica verde ficará calada e sem actuar nas sombras?

O problema deste clube é que enquanto no Carnide o lampião vermelho vende a mãe por causa do clube, aqui os alegados sportinguistas se aproveitam do clube para tirar proveito dele. Militância? só se for ao dinheiro, à imagem e ao nível.

E o lastro dos cornos-mansos? meu Deus, é impossível atingir outro patamar com essa carga de loosers.

Quem me dera ter sido de outro clube!
Não voto. Tal como não me foi permitido votar nas últimas eleições por uns senhores que julgam que o clube é um brinquedo deles.
Quero que saiam e desapareçam do clube, pois o clube é dos seus sócios e adeptos, e não de uns caciques que adoram holofotes, ludibriar as pessoas, e aproveitar-se do desporto. Ponto final parágrafo.

Se não for indiscrição, porque é que foste impedido de votar?

Porque dois candidatos foram impedidos de ir a eleições. Impedido de votar livremente na minha preferência; assim talvez fique claro.

Existe uma diferença significativa entre ser impedido de votar e não termos lá os candidatos que queríamos mas compreendo a tua indignação pois também acho que BdC teria sempre que se apresentar a votos (como eu acho que mais tarde ou mais cedo irá acontecer).

Não existe, aliás, deixei essa posição clara anteriormente, daí que estava implícito. Nem que fosse o Paulo Lopo a ser impedido. É uma questão de princípio para mim. Quer seja um clube ou uma localidade. O expediente para tal foi político, e a resposta é igualmente política. São coisas de que não abdico.
Mas sei que percebes o fundo.

Percebo e respeito bastante a tua posição.
Correr com a m**** que lá está.

Tirar os efeitos suspensivos dos elementos que estão suspensos e ter umas eleições 100% livres, em que qualquer candidato possa concorrer e os sócios decidirem. A partir daí, o rumo que se tomar, será decisivo.
"Um dia Sporting,  Sporting Sempre!"
Para já não existe solução. Vamos ter de fazer uma enorme travessia do deserto, a maior de sempre.
A solução é obviamente a destituição de todos os órgãos sociais com justa causa e seguir para eleições, se possível, antes do final da época.
Infelizmente ainda estamos longe de isso acontecer. Resta andar esperar e no final cá estaremos (os mesmos do costume) a juntar os cacos.
No futebol, o balanço de Varandas até agora é medíocre e os sinais não são bons:

- A estrutura para o futebol segue o paradigma do que têm sido os últimos anos do clube, de JEB a Bruno de Carvalho: velhas glórias do clube, sem nenhuma competência em especial que os recomende para os cargos que ocupam, sem visão de longo prazo nem perfil internacional.

- A escolha do treinador foi um tiro completamente ao lado.

- Vê-se demasiada preocupação em ajustar contas com passado recente, quando o que se exige é preparar o futuro. A conferência de imprensa da semana passada, por exemplo, foi um episódio lamentável cujos ganhos para o clube são nulos (se não negativos).

Dito isto, passaram 6 meses desde que tomou posse e foi eleito para um mandato de 4 anos. E nada do que está acima é tão grave que justifique uma demissão.
Já o disse aqui várias vezes, o Sporting não tem salvação.