Hóquei Patins Feminino 2019

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Um das Grande Novidade para 2019 a criação da equipa hóquei patins feminina! :mais:
Fica aqui o tópico para falar nesta equipa.
Aqui vou por algumas sugestões para equipa:
Treinador: Andreia Barata
Jogadores: Beatriz Figueiredo (académica), Rute Jorge (carcavelos), Sofia Moncovio ( stuart massama); Renata Balonas (carcavelos), Catarina Pedro (nafarros)

Para quem percebe e conhece melhor a realidade, o que acham?
Sporting o Maior Clube do Mundo!
DA RAÇA QUE NUNCA VERGA!

Apesar da croquetada e Varandetes.
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.
Citar

Frederico Varandas garante leoas no Hóquei em Patins
Dec 18, 2018

A entrevista de Frederico Varandas à Sporting TV, a assinalar 100 dias de presidência, focou essencialmente o futebol e questões financeiras, mas a rápida passagem pelas modalidades encerrou em si um anúncio importante.

“O Sporting Clube de Portugal vai ter, já para o ano, todos os escalões e sénior feminino no andebol e no hóquei”, afirmou Frederico Varandas.

Actualmente a realizar jogos no João Rocha e no pavilhão do SC Livramento, o Sporting tem – para além da equipa sénior masculina – equipas a competir em Escolares, Sub-13, Sub-15, Sub-17 e Sub-20, devendo, segundo este anúncio presidencial, vir a formar para 2019/20 equipas nos escalões de Bambis e Benjamins, completando todo o quadro formativo.

Mas, sem menosprezar os escalões base, ainda maior relevo merece a criação de equipa sénior feminina, que poderá revitalizar uma categoria que, desde 2012 é dominada – monopolizada, mesmo - pela equipa do eterno rival, Benfica, hexacampeão nacional.

O tema não é novo entre os leões.

Para a temporada de 2015/16, o Sporting formou uma inédita equipa de Sub-13 totalmente feminina, participando nas provas da Associação de Patinagem de Lisboa, apontando então Gilberto Dias Borges a um objectivo de – tal como acontecera num passado recente de ressurgimento do Hóquei em Patins – se ir percorrendo etapas até que se chegasse ao principal escalão.

Com a chegada de José Trindade em Dezembro de 2015, a criação da equipa sénior feminina – “queimando” as etapas preconizadas para a equipa de Sub-13 - seria desde logo uma das prioridades para a temporada seguinte, mas, com outros temas em agenda, tornar-se-ia tarde para formar, com todas as condições necessárias, equipa competitiva para a época de 2016/17.

Segundo constava, José Trindade, que foi também o mentor do projecto feminino no Benfica, teria tudo acertado para se avançar na temporada de 2017/18. No entanto, Trindade deixaria os leões no início de 2017 e o projecto ficou na prateleira…


Hóquei PT
« Última modificação: Julho 01, 2019, 03:48 am por JorgeVCosta »
Jogam no Carvalhos sim.

Se queremos ser campeões, não pode ser com esse plantel.

A Rute Jorge não é grande guarda-redes. Temos de contratar bem melhor, estrangeira possivelmente.

A namorada do Font parece que está certa.

O segredo de uma equipa feminina de sucesso, terá de passar sempre por uma aposta a longa prazo na formação.
Do muito pouco que sei, e não podendo ir às lamps, vamos ter que pegar em várias jogadoras do massamá (incluindo formação) para podermos ter um projeto a sério.
"É um orgulho estar no Sporting. Quem não conhece o Sporting sabe muito pouco de futebol"  Tales  3-9-2010
Citação de: desconfiado em Hoje às 22:55
"O jogo de hoje mostra claramente o porquê de o sporting não ganhar um campeonato há 16 anos e ter estado outros 18 sem o ganhar. Jogo completamente encomendado. Bastou o sporting ter 1 hipótese em 100 de roubar a champions ao foculporto que logo a "fruta" entrou em acção. Expulsão completamente exagerada e propositada. Mas atenção a culpa não é só do "sistema".Também é nossa. Somos um clube "sem tomates". Um clube de "varandetes". Qualquer "pressãozita" ou qualquer "roubo" que nos façam que abrimos logo as p**** das pernas e o foculporto.Hoje fomos completamente sodomizados em Alvalade e nós deixamos porque não temos espinha.É por isto que nunca seremos campeões."
Alguém tem a notícia do OJogo de a Andreia Barata ser a treinadora?
"O Sporting não é o clube do tass bem", Paulo Freitas
"O Sporting não é o clube do tass bem", Paulo Freitas
Citar

Andreia Barata à frente das leoas

Dec 31, 2018

Segundo a edição desta segunda-feira do diário desportivo O Jogo, Andreia Barata será a treinadora do projecto feminino do Sporting.

Em entrevista, Frederico Varandas anunciou a formação de uma equipa sénior feminina para 2019/20 e a treinadora escolhida será Andreia Barata, que deixou o comando técnico da Stuart no final de Novembro.

Natural de Alcobaça, a treinadora de 31 anos, licenciada em Ciências Psicológicas e com uma pós-graduação em Psicologia do Desporto, representou enquanto jogadora o Alcobacense, Lobinhos e a Stuart.

Conquistaria o título nacional em 2011, ao serviço d’Os Lobinhos, pondo termo a uma hegemonia de cinco títulos consecutivos da Fundação Nortecoope (que se seguiram a outros cinco do Centro Desportivo Nortecoope). Um feito que os leões pretenderão que repita, enquanto treinadora, caso o rival Benfica mantenha a sua hegemonia no feminino.

Enquanto treinadora, Andreia Barata fez história ao conduzir a equipa da Stuart à Final Four da Liga Europeia da pretérita temporada. A equipa de Massamá cairia nas meias-finais perante o Gijón, que venceria a prova.


Hóquei PT

Excelente aposta desta direção. Temos de combater o benfica nesta modalidade
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Fala por ti, eu vou acompanhar  :great:
E acho que falo por mais sportinguistas...
"O Sporting não é o clube do tass bem", Paulo Freitas
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Fala por ti, eu vou acompanhar  :great:
E acho que falo por mais sportinguistas...

Entras naquele grupo que eu também mencionei
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Fala por ti, eu vou acompanhar  :great:
E acho que falo por mais sportinguistas...

Entras naquele grupo que eu também mencionei

Acompanhar é uma coisa, mas sair de casa para ir ver um jogo é outra. Vou querer saber os resultados e quem são as jogadoras e assim. Mas dificilmente irei ao pavilhão ver um jogo, a verdade é esta. Tenho família/amigos/trabalho/outros jogos que prefiro ir
"É um orgulho estar no Sporting. Quem não conhece o Sporting sabe muito pouco de futebol"  Tales  3-9-2010
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Fala por ti, eu vou acompanhar  :great:
E acho que falo por mais sportinguistas...

Entras naquele grupo que eu também mencionei

Acompanhar é uma coisa, mas sair de casa para ir ver um jogo é outra. Vou querer saber os resultados e quem são as jogadoras e assim. Mas dificilmente irei ao pavilhão ver um jogo, a verdade é esta. Tenho família/amigos/trabalho/outros jogos que prefiro ir
Ver jogos também não poderei ver no pavilhão devido à minha localização geográfica
Mas se der na Sporting TV, claro que vou ver
"O Sporting não é o clube do tass bem", Paulo Freitas
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Fala por ti, eu vou acompanhar  :great:
E acho que falo por mais sportinguistas...

Entras naquele grupo que eu também mencionei

Acompanhar é uma coisa, mas sair de casa para ir ver um jogo é outra. Vou querer saber os resultados e quem são as jogadoras e assim. Mas dificilmente irei ao pavilhão ver um jogo, a verdade é esta. Tenho família/amigos/trabalho/outros jogos que prefiro ir

Então por favor não o comparem com Basket masculino, que tirando o futsal é o que poderá levar mais gente ao pavilhão, se não igual ou mais.
Acho o mesmo do que o basquetebol sénior. Tanta m**** com o rombo económico das rescisões e que é preciso arrumar a casa, mas depois metem mais carga no clube. Ou é irresponsabilidade, ou populismo.

Ao contrário do basquetebol só vai ver isto os familiares, e só se gostarem muito das filhas ou netas, ou quem tem uma vida que eu sinceramente tenho pena.

Quanto ao Basket, tem muitos seguidores no país, amantes da modalidade e que vão apoiar o Sporting sempre, eu incluído.
Fala por ti, eu vou acompanhar  :great:
E acho que falo por mais sportinguistas...

Entras naquele grupo que eu também mencionei

Acompanhar é uma coisa, mas sair de casa para ir ver um jogo é outra. Vou querer saber os resultados e quem são as jogadoras e assim. Mas dificilmente irei ao pavilhão ver um jogo, a verdade é esta. Tenho família/amigos/trabalho/outros jogos que prefiro ir

Então por favor não o comparem com Basket masculino, que tirando o futsal é o que poderá levar mais gente ao pavilhão, se não igual ou mais.

Por curiosidade, quais são as assistências dos rivais no basket vs outras modalidades?