Marcel Keizer- Treinador do Sporting Clube de Portugal

miguel_bento, dummyy, leaoverdebranco, sousa1091, Kira, TC0206, BryanSlimaniMario, ThePriest, Chrystian10, MarkSCP, Vylela, Rugido_da_Baixa (+ 1 Escondidos) e 13 Visitantes estão a ver este tópico.

Não consigo perceber como deixam JJ


Muito provavelmente lhes estao acenar com euros  :think:
"O Mundo Sabe Que..."
Não gosto dos tachistas e abutres que agora gerem o clube, mas tenho de admitir que gosto do perfil de treinador. No entanto há que ter em conta algo, o campeonato português é um fosso enorme entre os melhores três e o resto. Acima de tudo não é preciso grande tática para evidenciar a diferença de qualidade que já existe. É preciso haver alguém que mantenha o balneário disciplinado e unido, o Zidane foi tricampeão europeu no Real Madrid e não é um grande treinador. O Sporting assemelha-se um pouco ao Real na realidade que é Portugal. É preciso alguém que não tenha medo, que jogue um futebol ofensivo e expressivo, porque o resto da qualidade evidencia-se só por si. O porto o ano passado foi isso, demasiado tempo passado no ataque porque a defender facilmente recuperavam a bola, no entanto na champions levaram 5.
Mihajlovic tinha um perfil agregador e tinha voz no balneário, Keizer parece que tem um futebol de ataque, mas isso não basta por si só.

Raul José e Miguel Quaresma?
Gosto muito
Esses dois e para o Scouting não e para adjuntos
Obviamente para regressarem é para ganharem mais, mas a questão é deixarem trabalho de campo onde eram adjuntos de um dos melhores treinadores portugueses, e atenção, têm imensa importância na qualidade de trabalho que o JJ apresenta, é verdade que JJ é o "inventor" mas são estes dois homens que passam as ideias do treinador para o campo, eram eles que trabalhavam diretamente com os jogos, trabalho ofensivo e defensivo. Deixarem o campo para fazerem parte da estrutura organizacional e de scouting tem que compensar muito financeiramente....ou isso ou Keizer está aí a curto prazo e nós pensamos o contrário.
Saudações Leoninas,

http://canalscp.blogspot.com
Obviamente para regressarem é para ganharem mais, mas a questão é deixarem trabalho de campo onde eram adjuntos de um dos melhores treinadores portugueses, e atenção, têm imensa importância na qualidade de trabalho que o JJ apresenta, é verdade que JJ é o "inventor" mas são estes dois homens que passam as ideias do treinador para o campo, eram eles que trabalhavam diretamente com os jogos, trabalho ofensivo e defensivo. Deixarem o campo para fazerem parte da estrutura organizacional e de scouting tem que compensar muito financeiramente....ou isso ou Keizer está aí a curto prazo e nós pensamos o contrário.
Se estivesse a curto prazo não lhe davam 3 anos de contrato.
Obviamente para regressarem é para ganharem mais, mas a questão é deixarem trabalho de campo onde eram adjuntos de um dos melhores treinadores portugueses, e atenção, têm imensa importância na qualidade de trabalho que o JJ apresenta, é verdade que JJ é o "inventor" mas são estes dois homens que passam as ideias do treinador para o campo, eram eles que trabalhavam diretamente com os jogos, trabalho ofensivo e defensivo. Deixarem o campo para fazerem parte da estrutura organizacional e de scouting tem que compensar muito financeiramente....ou isso ou Keizer está aí a curto prazo e nós pensamos o contrário.
Se estivesse a curto prazo não lhe davam 3 anos de contrato.
Pois lá nisso tens razão, e mesmo que não paguem o último ano de contrato, era sempre muito dinheiro e esse cenário afasta JJ...
Saudações Leoninas,

http://canalscp.blogspot.com
Pode ser com este gajo comecamos ter avancados de jeito e deixamos ca de monteros e mais essa m**** toda....

Montero, tem sido, para mim, dos melhores jogadores do Sporting esta época. Logo o teu comentário, além de ter uma escrita portuguesa abominável, está também errado.

entário, além de ter uma escrita portuguesa abominável, está
também errado.

É uma constante deste forista. Cada um age de acordo com os seus limites. :inde:

Nao tenho nada a ver com a conversa.

Mas tenho ideia que o user em questão é imigrante já com raizes noutro pais (posso estar completamente enganado, mas é a ideia que tenho, de ver os posts dele).

Portanto, mais respeito exige-se. Mais nao digo.

No entanto, nao consigo concordar com a opiniao dele, na minha opiniao o Montero tem sido dos melhores.
Apesar de nao marcar, faz jogar. Recebe bolas directamente dos centrais, no chutão e consegue fluir o jogo mesmo assim.

Mas... Jogo de m**** em Londres... Talvez até o pior desde que joga no Sporting.


Não é um questão de erros ortográficos e gramaticais. É o que os acompanha, tanto em termos de ideias como a brutalidade como estas são expostas. Basta veres as respostas que deu entretanto.
Citar
Despedido pelo Ajax, Keizer quer relançar carreira em Alvalade
Esteve apenas 174 dias aos comandos da equipa principal do clube de Amesterdão, mas deixou excelentes impressões quando liderou os jovens da formação secundária.

PAULO CURADO

Foi no Ajax que o novo treinador do Sporting, Marcel Keizer, alcançou, simultaneamente, o pico e o ponto mais baixo da sua carreira como técnico. Tudo em apenas uma temporada e meia. Ao serviço da equipa B do histórico de Amesterdão encerrou a época de 2016-17 como vice-campeão da II Divisão holandesa e a qualidade do futebol praticado levou-o à equipa principal, para uma efémera experiência de 174 dias. Acabaria despedido pelos fracos desempenhos da equipa.

Não se pode dizer que Frederico Varandas não tenha surpreendido o universo “leonino” com a escolha do sucessor de José Peseiro. Um holandês, de 49 anos, com um currículo sofrível e escassa experiência ao mais alto nível competitivo. Mesmo na Holanda só chegou aos escaparates mediáticos quando foi inesperadamente anunciado como treinador do Ajax.

“Quero melhorar a cada dia e espero transmitir isso aos meus jogadores. Eu sou alguém que diz as coisas como são. Bom é bom. Mau é mau. Não gosto de manter a minha própria táctica favorita, mas veja o que é melhor para a equipa”, apresentou-se Keizer na altura. Não convenceu em Amesterdão e o clube iria considerá-lo mais tarde um erro de casting.

“A direcção perdeu a confiança nas suas habilidades [Marcel Keizer e restante equipa técnica, que incluía a antiga glória da formação de Amesterdão Dennis Bergkamp] para cumprir as ambições do Ajax, tendo uma série de maus desempenhos da equipa reforçado a decisão”, justificou o clube, em comunicado, a 21 de Dezembro de 2017, seis meses depois da contratação do técnico, por duas temporadas, mais uma de opção.

O Ajax seguia no segundo lugar do campeonato, a cinco pontos do líder PSV, mas foram os desaires nas restantes provas em que a equipa esteve envolvida a ditarem o destino de Keizer. A formação de Amesterdão fora eliminada nos oitavos-de-final da Taça da Holanda pelo Twente e já tinha sido igualmente afastada prematuramente das competições europeias.

Keizer tinha sido promovido da equipa B, conhecida como Jong Ajax, em Junho desse ano para render Peter Bosz que se transferira para o banco dos alemães do Borussia Dortmund. O bom trabalho ao serviço dos jovens da formação secundária, levaria o director-geral do futebol do Ajax, Edwin van der Sar, antiga estrela do Ajax e da selecção holandesa, a apostar no ainda inexperiente técnico, que lamentaria posteriormente.

“Não estamos confiantes de poder alcançar o nível que estamos à procura para o Ajax desta maneira. Eu arrependo-me disso [da opção Keizer], juntamente com o conselho de administração”, admitiu o antigo guarda-redes, quatro vezes campeão europeu.

Sobrinho de Piet Keizer, que brilhou ao serviço do Ajax, Marcel teve uma carreira discreta também como jogador. Foi formado nas escolas do clube de Amesterdão, que representou durante duas temporadas, tendo alinhado a maior parte da sua carreira como médio ao serviço de emblemas modestos da Holanda. E neste patamar se manteve grande parte do seu percurso de treinador, iniciado há 14 anos.

Após a curta experiência no Ajax, acabou por ter a sua primeira experiência fora da Holanda, já esta época, ao serviço do Aj Jazira, dos Emirados Árabes Unidos (onde fez 15 jogos e registou sete vitórias e três derrotas, deixando o clube em terceiro lugar no campeonato). Iniciará funções em Alvalade na próxima segunda-feira, tendo assinado um vínculo com o Sporting até 30 de Junho de 2021, segundo confirmou na última quinta-feira a Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do Sporting à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Na Holanda é descrito como mais um discípulo da escola do mítico Johan Cruijff, que privilegia o futebol atacante, com qualidade de posse de bola, pressão alta e rapidez de execução. É também conhecido pela forma competente como trabalha e promove jogadores jovens desde os escalões de formação.

E este terá sido o factor decisivo para a sua contratação. Frederico Varandas quer recuperar os pergaminhos da Academia de Alcochete e conta com o holandês para a tarefa. Um processo que leva o seu tempo, algo que raramente se conjuga com a impaciência dos adeptos pelos resultados a curto prazo.


O Público
Pode ser com este gajo comecamos ter avancados de jeito e deixamos ca de monteros e mais essa m**** toda....

Montero, tem sido, para mim, dos melhores jogadores do Sporting esta época. Logo o teu comentário, além de ter uma escrita portuguesa abominável, está também errado.

entário, além de ter uma escrita portuguesa abominável, está
também errado.

É uma constante deste forista. Cada um age de acordo com os seus limites. :inde:

Nao tenho nada a ver com a conversa.

Mas tenho ideia que o user em questão é imigrante já com raizes noutro pais (posso estar completamente enganado, mas é a ideia que tenho, de ver os posts dele).

Portanto, mais respeito exige-se. Mais nao digo.

No entanto, nao consigo concordar com a opiniao dele, na minha opiniao o Montero tem sido dos melhores.
Apesar de nao marcar, faz jogar. Recebe bolas directamente dos centrais, no chutão e consegue fluir o jogo mesmo assim.

Mas... Jogo de m**** em Londres... Talvez até o pior desde que joga no Sporting.


Não é um questão de erros ortográficos e gramaticais. É o que os acompanha, tanto em termos de ideias como a brutalidade como estas são expostas. Basta veres as respostas que deu entretanto.

 :great:
 Entendi mal entao. Estava so a dizer que a questao dos erros acaba por ser normal, uma vez que é imigrante ja ha algum tempo. (Novamente, posso estar enganado mas é a ideia que tenho)

 :offtopic:  :beer:
Life is a sport, make it count.
MARCEL KEIZER CHEGA ESTE DOMINGO A LISBOA

Novo treinador do Sporting estará em Alvalade para assistir ao encontro com o Chaves.

Marcel Keizer, novo treinador do Sporting, chega este domingo a Lisboa, a tempo de marcar presença em Alvalade para assistir ao desafio com o Chaves, a partir das 20h00.

O treinador holandês será apresentado oficialmente na segunda-feira.

Keizer, de 49 anos, chega aos 'leões' naquela que será a sua segunda experiência fora da Holanda, onde treinou clubes como o Telstar, Emmen, Cambuur e Ajax.

O técnico holandês, que orientava o Al Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, sucede assim a José Peseiro, que deixou o comando técnico do Sporting em 01 de novembro, após a derrota por 2-1 na receção ao Estoril Praia, para a Taça da Liga.

O Sporting, recorde-se, tem sido comandado interinamente por Tiago Fernandes.

https://desporto.sapo.pt/futebol/primeira-liga/artigos/marcel-keizer-chega-este-domingo-a-lisboa
Espero que no mínimo já esteja a ver jogos dos sub-23 e dos júniores.
Agora eh o meu treinador. A sua sorte vai ser a nossa tambem!


Esta tread é muito boa, explica bastante a mentalidade do treinador e o tipo de futebol que quer implementar.
"Para mim , o Sporting é como uma mulher que se ama logo à primeira vista. Um homem pode conhecer várias mulheres , mas há sempre ‘aquela’, a especial. Independentemente de ficarmos com ela ou não, lembramo-nos dela para sempre!" - Ivone De Franceschi
Citar
Ausências de peso marcam arranque de Keizer
Técnico não poderá contar com alguns dos internacionais

Para o início da sua aventura no Sporting, Marcel Keizer não poderá contar com alguns dos internacionais, casos de Coates, Acuña e Bruno Fernandes. Além destes três elementos nucleares na estratégia leonina, também Maximiano, Lumor, Miguel Luís e Diaby estarão ausentes dos trabalhos da próxima semana. Nesse sentido, e tal como o nosso jornal avançou na sua edição de ontem, Marcel Keizer irá aproveitar esta oportunidade para avaliar não só a qualidade do plantel principal, como também o potencial dos miúdos formados na Academia de Alcochete. Thierry Correia, Daniel Bragança ou Elves Baldé são, nos dias que correm, os mais promissores ativos que podem sair das camadas jovens do Sporting. Terá agora a palavra Marcel Keizer.

Record
Citar

Rodolfo Correia sem avanços
Sporting continua a dialogar com o Al Hilal

O Sporting continua a dialogar com o Al Hilal tendo em vista a contratação de Rodolfo Correia, o adjunto português que Frederico Varandas quer na equipa técnica do holandês Marcel Keizer, mas nesta altura ainda não há acordo. O português, que trabalhou com Toni no Tractor e com Carlos Queiroz na seleção do Irão, tem mais um ano de contrato e, apesar da experiência positiva na Arábia Saudita, está recetivo a uma mudança para o Sporting. No Al Hilal, recorde-se, Rodolfo Correia está encarregado dos sub-23 do clube. De referir ainda que, mesmo que a equipa técnica não esteja completa, haverá cerimónia para apresentar Marcel Keizer.

Record
Deixem ver se percebo, então o Varandas contrata um treinador sem qualquer curriculo e ainda lhe dá um contrato de 3 anos? É isso?
O sinisa riu-se.
É tal e qual senhor Moderador... Os CV são iguais... O Sinisa tinha quase tantos jogos como treinador numa 1ª Liga num ano como o Keizer na vida toda


Interessante.

"I doubt Keizer is gonna succeed at Sporting, he’s the type of manager who needs time.. Something that you’re not gonna get at Sporting at this moment, especially when one of our own like Tiago Fernandes already conquered our hearts. The pressure is gonna be huge."

Concordo especialmente com isto. Se entrasse no início da época estaria mais optimista do que agora. Vamos ver como corre...
Chegada ao aeroporto um bocadinho atribulada, não consegui perceber o porquê porque a imagem da SportTV parecia a de um telemóvel com 10 anos mas houve gritaria á chegada.
Nós somos da raça que nunca se vergará!