Ciclismo - 2019

0 Membros e 2 Visitantes estão a ver este tópico.

Para já, nenhum dos corredores contratados é melhor que o Joni.

O Tiago Machado é superior ao Joni em minha opinião.
Espero que este ano o objetivo va alem da volta ao gabao.
DA RAÇA QUE NUNCA VERGA!

Apesar da croquetada e Varandetes.
Espero que este ano o objetivo va alem da volta ao gabao.
 
O César Martingil terminou em terceiro no campeonato nacional de omnium
"É um orgulho estar no Sporting. Quem não conhece o Sporting sabe muito pouco de futebol"  Tales  3-9-2010
Sou um otimista por natureza.

Mas este ano sem grandes expetativas, os ultimos foram demasiado maus.

Pode ser que resulte.
O Sporting somos NÓS!!!!.

'Isto' que temos agora não é nada....  outra vez!
CICLISMO (Taça de Portugal de Pista)

Elites: 3.º César Martingil
Há bastante tempo que não sigo ciclismo e até tenho saudades do tópico ali nas modalidades de outros clubes por alturas de Tour e de Giro (creio que nas apostas nunca cheguei a entrar, sem certeza).

Com o ingresso do Tiago Machado vou dar mais atenção a esta modalidade. É um corredor de que gosto muito e acho-o uma bela aposta para atacar as provas nacionais.

O José Mendes foi um bom reforço, também.

Uma maravilha ter o grande Marco Chagas a trabalhar para esta secção.
Não sei se já aqui foi dito mas este ano temos bicicletas KTM.
Citar
Sporting/Tavira com equipa definida para a aventura argentina

Soube-se no final do ano passado que o Sporting/Tavira iria começar a temporada de 2019 na Vuelta a San Juan, servindo de preparação para a Volta ao Algarve que se corre em meados do mês de Fevereiro. Agora a organização argentina divulgou a lista de inscrição provisória.

Caso não existam imprevistos, devem vestir de verde e branco no país alviceleste Alexandr Grigoriev, José Mendes, Tiago Machado, Alejandro Marque, Rinaldo Nocentini e Nicola Toffali. Não será de esperar nada em relação a resultados na geral, por esta sempre a primeira competição da temporada mas a presença em fugas e lutar por etapas vai ser o principal objetivo nesta ida à Argentina.

No total serão 7 dias de competição, entre 27 de Janeiro e 3 de Fevereiro. Serão três etapas ao sprint, um contra-relógio individual, duas etapas de média montanha e a tradicional chegada em alto no Alto Colorado (10,9 kms a 4,4%), que será ao 5º dia de competição.

Com 5 equipas World Tour presentes (Deceunick-QuickStep, Dimension Datan, Bora-Hasngrohe, UAE Team Emirates, Movistar e Lotto Soudal), Julian Alaphilippe, Mark Cavendish, Sam Bennett, Peter Sagan, Fernando Gaviria, Nairo Quintana,Tim Wellens e Tiesj Benoot são alguns dos grandes nomes presentes. O campeão em título é o veterano Oscar Sevilla que conseguiu o título após a desqualificação de Gonzalo Najar devido a um controlo positivo anti-doping.


Camisola Amarela


[/quote

Não basta ter os melhores, como aqui alguem já referiu. Numa modalidade de resistencia pura como o ciclismo é fundamental uma preparação rigorosa dos ciclos de treino de forma a ter os ciclistas em pico de forma nas provas principais.

Ainda não vi isto desde que voltamos à modalidade.

Espero que este ano o pico de forma esteja programado para a Volta a Portugal em Bicicleta e não para a Volta ao Gabão em Bicicleta.
O Sporting somos NÓS!!!!.

'Isto' que temos agora não é nada....  outra vez!
Provavelmente ficamos a zero na Volta novamente. A w52 devera estar muito mais apetrechada.

Quem me dera que já fosse 2020.
«Não é o Sporting que se orgulha do nosso valor. Nós é que nos devemos sentir honrados por ter esta camisola vestida.» - Francisco Stromp
Citar

Sporting-Tavira foi ao relvado
Apresentação da equipa decorreu ontem no Estádio José Alvalade antes do jogo de futebol


Como vem sendo hábito desde que regressou ao ciclismo, a equipa do Sporting-Tavira fez uma primeira apresentação oficial do plantel para 2019 no relvado do Estádio José Alvalade, a anteceder o jogo com o Moreirense. Haverá ainda uma outra apresentação, desta vez em Tavira, cidade de tradições na modalidade, não albergasse ela a mais antiga equipa do pelotão mundial.

Na quarta época na estrada desde que regressou ao ciclismo, o Sporting, em parceria com o Clube de Ciclismo de Tavira, investiu bastante na temporada prestes a começar, com reforços que garantem desde logo uma maior ambição, principalmente para a prova rainha nacional, que os leões ainda não venceram desde o regresso, ao invés, têm visto a hegemonia da W52-FC Porto.

Tiago Machado e José Mendes são reforços de peso, com uma larga experiência internacional, nomeadamente o primeiro, que esteve nove anos no estrangeiro, na sua maioria em equipas do World Tour. Da equipa saiu, para regressar à Efapel, Joni Brandão, 2º na Volta do ano passado.

Início na Argentina

As primeiras pedaladas da temporada da equipa vão ser dadas fora de Portugal, na América do Sul, mais concretamente no Tour de San Juan, na Argentina. A prova, que começa no próximo domingo, servirá, essencialmente, para preparar as primeiras provas portuguesas, com destaque para a Volta ao Algarve, em fevereiro.


Record