Frederico Varandas - Presidente do Sporting Clube de Portugal

Gonçalo VB, overkill, NGNM, lacrymea (+ 5 Escondidos) e 9 Visitantes estão a ver este tópico.

Ex-funcionário da comunicação do Sporting, depois de sair tornou-se opositor da anterior Direcção e agora é um corno-mansista lambe escrotos da Direcção golpista.



Vale a pena ler as respostas...

Bebe da mesma gamela que muito ressabiado. Engraçado o grupinho que se formou num certo botequim tiveram todos de levar com a nega do ex-presidente. A partir daí, tomam as dores uns dos outros e o resultado é uma espinha parecida à Estrada da Beira...  :whistle:

O problema é que quem com ferros mata com ferros morre...
Esta coisa da carta faz-me lembrar a música com o mesmo nome do Tiago Bettencourt...
Muito paleio muito paleio e no fim...
É mais ou menos como o episódio do Rafa Barbosa que comeu do presidente da Sad do Portimonense e o que foi fazer o Varandas??? Foi sentar-se ao lado dele enquanto enfardava uma derrota na casa dele.
Como não se sentir identificação com uma direção (?) destas???
Enrabado a sangue frio... Em Tondela e Guimarães foi comido, mas quem se lixou foram os adeptos.
Konamol de sabão este pretenso Ranger do Afeganistão...
NO RULES... GREAT SAKÉ!

SEM MEMÓRIA NÃO HÁ FUTURO.
SEM JUSTIÇA NÃO HÁ PAZ.
( Living on the E-D-D-G )
Continua a tentativa de união...


@Dakine é isto que apoias.

#UnirOSporting  :lol:
Ex-funcionário da comunicação do Sporting, depois de sair tornou-se opositor da anterior Direcção e agora é um corno-mansista lambe escrotos da Direcção golpista.



Vale a pena ler as respostas...

Bebe da mesma gamela que muito ressabiado. Engraçado o grupinho que se formou num certo botequim tiveram todos de levar com a nega do ex-presidente. A partir daí, tomam as dores uns dos outros e o resultado é uma espinha parecida à Estrada da Beira...  :whistle:

O problema é que quem com ferros mata com ferros morre...

Depois marcam almoçinhos e jantarinhos, qual tertúlia, e param lá sempre o mesmo núcleo duro...
Deve ser para discutir a internacionalização da marca Sporting. Só falta convidarem as meninas da Bimbo e a do Moche...
NO RULES... GREAT SAKÉ!

SEM MEMÓRIA NÃO HÁ FUTURO.
SEM JUSTIÇA NÃO HÁ PAZ.
( Living on the E-D-D-G )



olhem quem vai voltar...

Vai ser recebido de braços abertos (braços para não escrever patas) e com muitas palminhas.

Ah, e espero volta olímpica obviamente.



olhem quem vai voltar...

Vai ser recebido de braços abertos (braços para não escrever patas) e com muitas palminhas.

Ah, e espero volta olímpica obviamente.

Justo...
Roma não paga a traidores. Nem precisa. O SCP recebe-os todos... E com palminhas.
Sugiro que venha de mão dada com o ilori.
Seria uma grande festa...
Nunca viria sem ter como "compensação" pelos traumas e suores frios uma boa parte do passe... E claro, um agrado ao nosso bff, Dr Mendes.
NO RULES... GREAT SAKÉ!

SEM MEMÓRIA NÃO HÁ FUTURO.
SEM JUSTIÇA NÃO HÁ PAZ.
( Living on the E-D-D-G )
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida.  :lol:

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.



olhem quem vai voltar...

f*** se, nunca!  :cartao:

Judas iscariotes de volta?
Em 1º sempre o grande Sporting!!
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida.  :lol:

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

Portanto, ficamos todos a saber que lutar taco a taco pelo título e perdê-lo, ou ficar último é igual, pois títulos, zerinho.
Isto é de arrepiar, e porque razão temos de gramar com estas pessoas? porque razão estes lunáticos têm de vir parar todos ao Sporting?
Os velhos sempre conhecem melhor um Sporting vencedor do que os novos.  :inde:

Hoje em dia um gajo de 20 anos não sabe o que é ser campeão ou como se é campeão no Sporting, assustador. Com os velhos e a diferenciação dos votos o Bruno de Carvalho foi eleito, reeleito e teve uma aprovação de 90% no início do ano passado, fosse o problema do Sporting o número de votos por cabeça e estávamos nós bem, o problema do Sporting é um de identidade, falta dela no caso. E não, o melhor Presidente do Sporting não foi o Bruno de Carvalho, nem tão pouco o João Rocha que perante o surgimento do f.c.porto se acobardou, preocupante é as referências serem estas, isso sim...dois homens que foram engolidos e cuspidos pelo sistema criado pelos rivais. Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida.  :lol:

Depois só Presidentes fracos, sem força, sem poder...um Pinto da Costa que só está aqui graças ao engenho de quem trabalha no S João sabe mais a dormir do que eles todos acordados e com estimulantes.


Se o universo Sporting não consegue produzir um líder temos zero que nos queixar.

Grande Lol! É a conclusão a que chego!

Roquete e Dias "o sistema" da Cunha foram melhores que J. Rocha e BDC?

Não deixaram quem trabalhar? O roquete em final de mandato ou o Dias da Cunha em início de mandato?

Felizmente lembro-me de 3 campeonatos. O de 82, 2000 e 2002. O de 80 nem por isso. Pujança e expectativa de ganhar em futebol e modalidades apenas durante o J. Rocha e BDC lamento informar!

Mais ainda, entre 2000 e 2002 o nosso principal rival foi... o boavista. Tanto lampiões como fruteiros estavam fraquitos.

Expectativa de ganhar é qualquer coisa de facto.

No Sporting é bom quem ganha, dada a falta de campeonatos então melhor é ainda.

Para vermos grandes Presidentes no Sporting, líderes, temos que olhar para trás do João Rocha, e se te lembras do campeonato de 80 devias lembrar também da falta de engenho do João Rocha perante a estratégia do f.c.porto, foi vergado por eles e o Sporting por arrasto.

Como escrevi antes ter João Rocha e Bruno de Carvalho como referências só mesmo num clube que nos últimos quase 40 anos foi campeão 3 vezes.

E isto aplica-se também ao Varandas e aos outros que se perfilaram nas últimas eleições, homens fracos e sem estratégia, seriam e são manietados pelo futebol português sem apelo nem agravo.


Vir para aqui falar da obra de um Presidente que não foi campeão é qualquer coisa, só no Sporting.
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida.  :lol:

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

O que é que aconteceu em 2015/16?

Fico sempre maldisposta quando vêm com esta argumentação.
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida.  :lol:

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

Portanto, ficamos todos a saber que lutar taco a taco pelo título e perdê-lo, ou ficar último é igual, pois títulos, zerinho.
Isto é de arrepiar, e porque razão temos de gramar com estas pessoas? porque razão estes lunáticos têm de vir parar todos ao Sporting?

Leste mal, não tenho culpa.

Lutar taco a taco? O Soares Franco é referência também está visto. Bruno de Carvalho lutou 1 vez taco a taco, em 5 épocas, grande obra de facto.
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida. 

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

O que é que aconteceu em 2015/16?

Fico sempre maldisposta quando vêm com esta argumentação.
Fomos assaltados. Deviam estar entupidos em croquete para não verem....

Enviado do meu Mi A1 através do Tapatalk

Por cada Leão que cair, outro se levantará.



olhem quem vai voltar...

f*** se, nunca!  :cartao:

Judas iscariotes de volta?

Mais um mercenário  :lol: :lol:
E se for verdade mais esta barracada da direção do varandas, o atlético terá de pagar na mesma.
O meu presidente é Bruno de Carvalho.
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida.  :lol:

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

O que é que aconteceu em 2015/16?

Fico sempre maldisposta quando vêm com esta argumentação.

O mesmo que com Soares Franco e Paulo Bento, fomos roubados de 1 campeonato. O mesmo que se passou com o Cintra nos anos 90 quando tivemos os nossos melhores planteis.

E isso só se enquadra precisamente naquilo que escrevi, engolidos e cuspidos pelo sistema, noutros tempos, já longínquos, não se atreviam a fazer isso ao Sporting. Décadas de líderes e estruturas fracas dá nisso mesmo.

(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida. 

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

O que é que aconteceu em 2015/16?

Fico sempre maldisposta quando vêm com esta argumentação.

O mesmo que com Soares Franco e Paulo Bento, fomos roubados de 1 campeonato. O mesmo que se passou com o Cintra nos anos 90 quando tivemos os nossos melhores planteis.

E isso só se enquadra precisamente naquilo que escrevi, engolidos e cuspidos pelo sistema, noutros tempos, já longínquos, não se atreviam a fazer isso ao Sporting. Décadas de líderes e estruturas fracas dá nisso mesmo.
Claro. Gloriosos tempos do girafa. Em que se delapidava património e se chorava por militância....

Enviado do meu Mi A1 através do Tapatalk

Por cada Leão que cair, outro se levantará.
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida. 

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.

O que é que aconteceu em 2015/16?

Fico sempre maldisposta quando vêm com esta argumentação.

O mesmo que com Soares Franco e Paulo Bento, fomos roubados de 1 campeonato. O mesmo que se passou com o Cintra nos anos 90 quando tivemos os nossos melhores planteis.

E isso só se enquadra precisamente naquilo que escrevi, engolidos e cuspidos pelo sistema, noutros tempos, já longínquos, não se atreviam a fazer isso ao Sporting. Décadas de líderes e estruturas fracas dá nisso mesmo.
Claro. Gloriosos tempos do girafa. Em que se delapidava património e se chorava por militância....

Enviado do meu Mi A1 através do Tapatalk

Mas quem é que falou em tempos gloriosos? Tudo menos gloriosos.

Aliás nos últimos 17 anos não há nada de glorioso a assinalar.

Vocês é que dizem que é de assinalar ser roubado de 1 campeonato, Soares Franco também o foi.




olhem quem vai voltar...

f*** se, nunca!  :cartao:

Judas iscariotes de volta?

Mais um mercenário  :lol: :lol:
E se for verdade mais esta barracada da direção do varandas, o atlético terá de pagar na mesma.

Se eles o voltam aceitar, é o cúmulo da pouca vergonha! Um traidor, que está arrumado no banco do atletico, mal joga já.. Estão mortinhos pra se livrarem dele. Agora no fim de arrebentado é que alegadamente vêm.. Não acredito nessa noticia. Era mau demais
Em 1º sempre o grande Sporting!!
(...)Até no momento em que o Sporting estava a ressurgir , depois de 2 campeonatos em três épocas em vez de deixarmos quem de direito trabalhar, que na altura até estavam a fazer coisas certas decidimos ameaçar dirigentes por contratarem o Mourinho, a história conta o resto, depois disso 17 anos sem ver 1 campeonato, boa decisão sem dúvida. 

"Deixarmos quem de direito"?

Quem de direito toma decisões. Não as tomaram porque não quiseram. Aquela trapalhada Inácio/Duque e Mourinho aos dirigentes se deve.

Fala-se de messianismos de terceiros e o diabo a quatro, mas depois e conforme as agendas, surpreendem-se e rasgam as vestes porque nem tudo corre bem e é bem feito, ou sacam orgasmos porque se escreve à Liga.

O Sporting cresceu a nivel patrimonial, financeiro e desportivo nos últimos 5 anos. E algumas vertentes, de forma brutal e com enorme sucesso.

A coisa ficou inacabada. Não é relevante agora apontar o dedo porque x ou y fizeram w e k. Mas ficou inacabada. Parámos um contexto de crescimento para entrarmos não sabemos muito bem em que. Vá, em algo mais compatível com os "valores" das nossas "elites". e fazedores de opinião. Repito, parámos um contexto de crescimento.

Isso das elites não sei o que é, mas se te referes a uma linhagem de Presidentes então foram os últimos a dar 1 campeonato ao clube.

Quanto à trapalhada foi mútua, os dirigentes porque não tiveram tomates para manter a decisão que era mais do que acertada apesar de polémica, e o tempo veio comprovar isso em grande peso, e os adeptos que após a quebra do jejum não souberam dar margem a quem de direito. Responsabilidades dos 2 lados, como disse, falta um líder à muito tempo.

Obra feita? Obra feita no Sporting é ser campeão, ponto. Em 5 épocas nem 1 campeonato, nada a assinalar no futebol, uma taça, uma super taça e uma taça da liga. Acabou com jogadores a rescindir, órgãos sociais que escolheu a abandonarem o barco, etc etc...uma maravilha não haja dúvida.

Lá está, quando as referências são estas no Sporting está muita coisa explicada.
Portanto o Nuno N a defender os primórdios do roquetismo. Dá para tudo, está visto.

Obra feita é criar capacidade para ganhar tudo em tudo. Quando havia capacidade para ganhar quase nada.

Que foi o BdC fez. Nalgumas coisas, poderia e deveria ter feito bem melhor, mas foi isso que tivemos. Um Sporting capaz de ganhar tudo. E ganhou quase tudo no ano que saiu.

A memória é de facto muito curta. E selectiva. BdC não apanhou um clube q somara 150M de prejuízos nos 4 anos anteriores, passivo quase nos 500M  em que a distância média para o primeiro lugar no futebol estava acima dos 20 pontos nos 4 anos anteriores, que lutava por coisa nenhuma desde 2006.

Olha, azar o nosso onde se bateu com Benficas e Portos a bater recordes pontuais e não a disputar o título com o Boavista num momento em que se vivia do dinheiro da banca e estávamos nas vésperas de ficar asfixiados financeiramente por uma geração.



.