Futsal - Época 2018/19

Marrocan (+ 1 Escondidos) e 6 Visitantes estão a ver este tópico.

Valeu pela vitória e o golo do Merlim.

De resto foi uma exibição extremamente pobre onde o nosso melhor jogador acabou por ser o André Sousa.

Com esta qualidade de jogo não vamos vencer nenhum dos trofeus em disputa.
Relembrem como o panelas aqui ganhou.
Os Lombos não ficaram empatados porque a 8 segundos do fim tentaram ganhar lol
Gostei da exibição, maior dinâmica ofensiva e mais variantes de jogo. Usar o 4x0 mais vezes. Merlim a subir de forma, Nuno Dias muito activo no banco. A aparecer várias vezes na cara do redes deles.

Defensivamente falhamos algumas vezes, mais por falhas de concentração. No 5x4 não demos hipóteses, o golo deles é um chouriço, nem conta.

Estamos a subir de produção, no próximo sabado temos já um teste.

Acredito neste equipa e fez bem ao Merlim ir a Itália apanhar ar  :mais:
Sócio 29.473-0 do Sporting Clube de Portugal.

Viver o Sporting como nunca, e tê-lo no coração para sempre!

"Queremos que o Sporting seja um grande Clube, tão grande quanto os maiores da Europa" - José de Alvalade, 8 de Maio de 1906.
Gostei da exibição, maior dinâmica ofensiva e mais variantes de jogo. Usar o 4x0 mais vezes. Merlim a subir de forma, Nuno Dias muito activo no banco. A aparecer várias vezes na cara do redes deles.

Defensivamente falhamos algumas vezes, mais por falhas de concentração. No 5x4 não demos hipóteses, o golo deles é um chouriço, nem conta.

Estamos a subir de produção, no próximo sabado temos já um teste.

Acredito neste equipa e fez bem ao Merlim ir a Itália apanhar ar  :mais:

Desculpe mas o consócio viu o mesmo jogo que eu? Scp foi para o intervalo a ganhar por milagre! Não temos intensidade nem alegria nenhuma! Jogamos bola mas se diz que estamos a subir tudo bem! Eu acho que a jogarmos isto no sábado perdemos fácil! SL
O que mais gostei foi a utilização do 4x0. É preciso diversificar e quando os adversários encaixam bem no nosso sistema temos de mudar.
Defensivamente continuamos fracos, principalmente o Leo que se devia preocupar mais em fazer bem a sua tarefa, que é defender.
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!
O Sporting somos NÓS!!!!.

'Isto' que temos agora não é nada....  outra vez!
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!


E vamos fingir que os Borges, Albuquerques, os Maias e afins não são as mesmas pessoas que eram responsáveis por estas secções e por cá continuam.

Vamos também ignorar que não jogamos sozinhos e os nossos rivais não investiram e preparam-se para disputar os títulos das modalidades em disputa.

Muita coisa mudou desde que a última direcção saiu em certos sectores do clube, mas se existe um legado que ficou intacto e visível pela anterior direcção então isso são as modalidades(de pavilhão) do clube.As presentes temporadas foram ainda preparadas pela anterior direcção(e ainda bem acrescento eu) e os responsáveis pelas mesmas continuam no clube a dirigir as secções.


Na época passada andava por aqui no fórum no final da temporada desportiva um quadro dos títulos de modalidades de pavilhão. Tinha salvo o erro os últimos dez anos ou algo do género dos títulos e vencedores de modalidades de pavilhão.

Impressionava à partida o domínio avassalador do Sporting, mas eu notei outro pormenor e referi o mesmo. Sempre que houve um clube que numa temporada dominou em termos de modalidades uma temporada(e o Benfica creio que teve uma temporada que também foi dominador), na temporada seguinte não conseguiu repetir o mesmo número de títulos ganhos.

Não é obviamente coincidência, é apenas derivado ao facto que as modalidades de pavilhão serem extremamente competitivas(veja-se o hóquei por exemplo onde existem quatro candidatos de igual valia na luta pelo título).

Se fosse fácil vencer nas modalidades o Sporting não teria feito o investimento que fez nas mesmas nos anos recentes(e isso foi uma das melhores medidas de BDC, todos os elogios são poucos neste particular aspecto).


Achar que isto iam ser favas contadas e iríamos vencer tudo outra vez, é uma visão um bocado(para não dizer muito) irrealista. 

Citar
Presidente do Kairat Almaty assume que Taynan está a caminho do Sporting

Ao que tudo indica, Taynan Da Silva será reforço do Sporting na próxima época. O fixo/ala brasileiro já terá um pré acordo com os leões, informação confirmada pelo próprio presidente do Kairat Almaty, clube que o atleta representa atualmente. Em entrevista ao site oficial do emblema cazaque, Orazbekov lamentou a perda de uma das principais estrelas da equipa para um dos rivais que vai estar presente na final four da Liga dos Campeões de Futsal, em abril, no Cazaquistão.

“Infelizmente, é verdade. Ele assinou um pré contrato, há detalhes que inclinaram a balança na direção do Sporting. Mas tivemos uma conversa com ele e está pronto para jogar com a máxima motivação na final four da Liga dos Campeões. Esperamos grandes jogos da parte dele, e acho que será um dos melhores neste torneio”, referiu o líder máximo do Kairat Almaty.

https://futsalglobal.com.pt/noticias/nacional/presidente-do-kairat-almaty-assume-que-taynan-esta-a-caminho-do-sporting/?fbclid=IwAR0C2LNN5f9GEcDo-1HqKXxKFXZfvBoqBUSj9i3idJozg5jBe_pMu7B1PKA
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!


E vamos fingir que os Borges, Albuquerques, os Maias e afins não são as mesmas pessoas que eram responsáveis por estas secções e por cá continuam.

Vamos também ignorar que não jogamos sozinhos e os nossos rivais não investiram e preparam-se para disputar os títulos das modalidades em disputa.

Muita coisa mudou desde que a última direcção saiu em certos sectores do clube, mas se existe um legado que ficou intacto e visível pela anterior direcção então isso são as modalidades(de pavilhão) do clube.As presentes temporadas foram ainda preparadas pela anterior direcção(e ainda bem acrescento eu) e os responsáveis pelas mesmas continuam no clube a dirigir as secções.


Na época passada andava por aqui no fórum no final da temporada desportiva um quadro dos títulos de modalidades de pavilhão. Tinha salvo o erro os últimos dez anos ou algo do género dos títulos e vencedores de modalidades de pavilhão.

Impressionava à partida o domínio avassalador do Sporting, mas eu notei outro pormenor e referi o mesmo. Sempre que houve um clube que numa temporada dominou em termos de modalidades uma temporada(e o Benfica creio que teve uma temporada que também foi dominador), na temporada seguinte não conseguiu repetir o mesmo número de títulos ganhos.

Não é obviamente coincidência, é apenas derivado ao facto que as modalidades de pavilhão serem extremamente competitivas(veja-se o hóquei por exemplo onde existem quatro candidatos de igual valia na luta pelo título).

Se fosse fácil vencer nas modalidades o Sporting não teria feito o investimento que fez nas mesmas nos anos recentes(e isso foi uma das melhores medidas de BDC, todos os elogios são poucos neste particular aspecto).


Achar que isto iam ser favas contadas e iríamos vencer tudo outra vez, é uma visão um bocado(para não dizer muito) irrealista. 


Foram os lamps sim, so nao ganharam na altura o andebol que foi pra norte creio.

«Não é o Sporting que se orgulha do nosso valor. Nós é que nos devemos sentir honrados por ter esta camisola vestida.» - Francisco Stromp
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!


E vamos fingir que os Borges, Albuquerques, os Maias e afins não são as mesmas pessoas que eram responsáveis por estas secções e por cá continuam.

Vamos também ignorar que não jogamos sozinhos e os nossos rivais não investiram e preparam-se para disputar os títulos das modalidades em disputa.

Muita coisa mudou desde que a última direcção saiu em certos sectores do clube, mas se existe um legado que ficou intacto e visível pela anterior direcção então isso são as modalidades(de pavilhão) do clube.As presentes temporadas foram ainda preparadas pela anterior direcção(e ainda bem acrescento eu) e os responsáveis pelas mesmas continuam no clube a dirigir as secções.


Na época passada andava por aqui no fórum no final da temporada desportiva um quadro dos títulos de modalidades de pavilhão. Tinha salvo o erro os últimos dez anos ou algo do género dos títulos e vencedores de modalidades de pavilhão.

Impressionava à partida o domínio avassalador do Sporting, mas eu notei outro pormenor e referi o mesmo. Sempre que houve um clube que numa temporada dominou em termos de modalidades uma temporada(e o Benfica creio que teve uma temporada que também foi dominador), na temporada seguinte não conseguiu repetir o mesmo número de títulos ganhos.

Não é obviamente coincidência, é apenas derivado ao facto que as modalidades de pavilhão serem extremamente competitivas(veja-se o hóquei por exemplo onde existem quatro candidatos de igual valia na luta pelo título).

Se fosse fácil vencer nas modalidades o Sporting não teria feito o investimento que fez nas mesmas nos anos recentes(e isso foi uma das melhores medidas de BDC, todos os elogios são poucos neste particular aspecto).


Achar que isto iam ser favas contadas e iríamos vencer tudo outra vez, é uma visão um bocado(para não dizer muito) irrealista.

Mas eu nem estou a falar do ganhar tudo, estou mesmo a falar do que se vê dentro da quadra, que é pouco e em muitos períodos é fraco tendo em conta a qualidade global do plantel. A única coisa que falta neste plantel é um ala de qualidade (quiçá um Ricardinho que estivesse fechado, mas cujo negócio tenha caído...). Mas aqui já estamos a falar de um nível em que passaríamos um plantel que teoricamente é excelente para um que seria sublime.

Não se vê a equipa com bom jogo colectivo, poucas combinações, pouca posse de bola, pouca finalização, muitos lances atabalhoados e o pior de tudo, as bolas paradas não saem. O que tenho visto tem sido muito resolvido na base individual, e não tem havido crescimento da equipa. E não consigo entender o porquê.


Mas eu nem estou a falar do ganhar tudo, estou mesmo a falar do que se vê dentro da quadra, que é pouco e em muitos períodos é fraco tendo em conta a qualidade global do plantel. A única coisa que falta neste plantel é um ala de qualidade (quiçá um Ricardinho que estivesse fechado, mas cujo negócio tenha caído...). Mas aqui já estamos a falar de um nível em que passaríamos um plantel que teoricamente é excelente para um que seria sublime.

Não se vê a equipa com bom jogo colectivo, poucas combinações, pouca posse de bola, pouca finalização, muitos lances atabalhoados e o pior de tudo, as bolas paradas não saem. O que tenho visto tem sido muito resolvido na base individual, e não tem havido crescimento da equipa. E não consigo entender o porquê.

No caso em concerto aqui no Futsal existem razões que já abordei aqui no passado que explicam alguns dos problemas que temos sofrido.Resumindo a época foi mal preparada, e a questão da vinda do Ricardinho(onde se meteu todas as fichas no seu ingresso) correu muito mal e foi notório que não havia um plano b.

Toda uma época estava a ser preparada em torno daquele atleta, compreensível pois era um tipo que iria ter um impacto no mínimo individual tremendo(uma suposição que creio não ser descabida, acredito que no colectivo também iria ter influencia).

As temporadas nas modalidades começam a ser preparadas bem antecipadamente ainda durante as épocas em curso(veja-se o jogador que asseguramos há dias já a pensar na temporada seguinte), e nesse sentido houve jogadores que cedo tiveram guia de marcha já a pensar na vinda do Ricardinho.

Acredito que muitos desses jogadores começaram nessa altura a preparar a sua vida pós Sporting.E quando o negócio do Ricardinho deu para o torto porque a anterior direcção caiu(a mim foi me dito que a ideia na altura era passar o futsal para a SAD, de forma a permitir o tal investimento no atleta...mas isto carece de confirmação) já era tarde para agarrar alguns destes jogadores.

Não acredito que um atleta como o Diogo fosse dispensado sabendo em antemão que o negócio Ricardinho ia ruir por exemplo(mas nessa altura provavelmente ele já tinha contrato com outra equipa).

E depois houve apostas que ainda não renderam.Saiu Caio e regressou o Léo, mas pese os bons golos que este último tem marcado o seu desempenho como fixo tem deixado muito a desejar(o Caio por seu lado está em grande em Itália, viram o último golo que marcou por lá?A classe e qualidade de sempre parecem ainda estar intactas).

Fortino a referencia máxima como pivot nas últimas épocas saiu, para o seu lugar veio um dos prospectos mais interessantes da posição a nível mundial.Mas Rocha infelizmente ainda não deu o salto qualitativo que todos desejamos que faça esquecer o anterior Pivot( nunca esquecer que ainda é muito novo, ele e o Erick são jogadores que ainda estão muito verdes pese o potencial brutal que possuem).

A temporada acabou por ser preparada um pouco em cima do joelho face ao terramoto que atingiu o clube com a destituição do anterior conselho directivo.Basta dizer que o plano inicial era trazer Ricardinho e Ortiz, e acabamos por adquirir o Léo e o Alex...é uma diferença muito substancial de qualidade individual.

Depois é a questão de alguns jogadores formados localmente que já foi tocada aqui por alguns.João Matos parece que nunca vai ser o mesmo jogador depois da lesão sofrida, o Cardinal anda constantemente perseguido por lesões, Cary já viu melhores dias(mas na temporada passada também teve um início de época paupérrimo e melhorou a meio), o puto Edgar não deu o salto evolutivo esperado(mas seria um disparate dispensar o mesmo como já vi aqui sugerido) etc.

Consequentemente temos o nosso rival que manteve os seus melhores jogadores e reforçou-se muitíssimo bem, e está nesta fase da época num momento de forma bastante elevado.

Isto tudo somado não mata, mas mói muito!


A preparação da próxima temporada vai ter de ser feita com maior rigor, e gostava de ver alguma coragem em certas decisões(mas ai tenho mais dúvidas que tal aconteça).Mas isso é assunto para comentar mais à frente da temporada.


Ps : Não excluindo também responsabilidades a Albuquerque e Nuno Dias.O primeiro devia sempre ter tido um plano B em relação ao negócio Ricardinho(pois mesmo sem destituição, um negócio por aqueles valores existia sempre o risco de falhar) e o segundo tem tido opções de jogo muito discutíveis e a equipa colectivamente não se tem encontrado esta temporada.


Mas eu nem estou a falar do ganhar tudo, estou mesmo a falar do que se vê dentro da quadra, que é pouco e em muitos períodos é fraco tendo em conta a qualidade global do plantel. A única coisa que falta neste plantel é um ala de qualidade (quiçá um Ricardinho que estivesse fechado, mas cujo negócio tenha caído...). Mas aqui já estamos a falar de um nível em que passaríamos um plantel que teoricamente é excelente para um que seria sublime.

Não se vê a equipa com bom jogo colectivo, poucas combinações, pouca posse de bola, pouca finalização, muitos lances atabalhoados e o pior de tudo, as bolas paradas não saem. O que tenho visto tem sido muito resolvido na base individual, e não tem havido crescimento da equipa. E não consigo entender o porquê.

No caso em concerto aqui no Futsal existem razões que já abordei aqui no passado que explicam alguns dos problemas que temos sofrido.Resumindo a época foi mal preparada, e a questão da vinda do Ricardinho(onde se meteu todas as fichas no seu ingresso) correu muito mal e foi notório que não havia um plano b.

Toda uma época estava a ser preparada em torno daquele atleta, compreensível pois era um tipo que iria ter um impacto no mínimo individual tremendo(uma suposição que creio não ser descabida, acredito que no colectivo também iria ter influencia).

As temporadas nas modalidades começam a ser preparadas bem antecipadamente ainda durante as épocas em curso(veja-se o jogador que asseguramos há dias já a pensar na temporada seguinte), e nesse sentido houve jogadores que cedo tiveram guia de marcha já a pensar na vinda do Ricardinho.

Acredito que muitos desses jogadores começaram nessa altura a preparar a sua vida pós Sporting.E quando o negócio do Ricardinho deu para o torto porque a anterior direcção caiu(a mim foi me dito que a ideia na altura era passar o futsal para a SAD, de forma a permitir o tal investimento no atleta...mas isto carece de confirmação) já era tarde para agarrar alguns destes jogadores.

Não acredito que um atleta como o Diogo fosse dispensado sabendo em antemão que o negócio Ricardinho ia ruir por exemplo(mas nessa altura provavelmente ele já tinha contrato com outra equipa).

E depois houve apostas que ainda não renderam.Saiu Caio e regressou o Léo, mas pese os bons golos que este último tem marcado o seu desempenho como fixo tem deixado muito a desejar(o Caio por seu lado está em grande em Itália, viram o último golo que marcou por lá?A classe e qualidade de sempre parecem ainda estar intactas).

Fortino a referencia máxima como pivot nas últimas épocas saiu, para o seu lugar veio um dos prospectos mais interessantes da posição a nível mundial.Mas Rocha infelizmente ainda não deu o salto qualitativo que todos desejamos que faça esquecer o anterior Pivot( nunca esquecer que ainda é muito novo, ele e o Erick são jogadores que ainda estão muito verdes pese o potencial brutal que possuem).

A temporada acabou por ser preparada um pouco em cima do joelho face ao terramoto que atingiu o clube com a destituição do anterior conselho directivo.Basta dizer que o plano inicial era trazer Ricardinho e Ortiz, e acabamos por adquirir o Léo e o Alex...é uma diferença muito substancial de qualidade individual.

Depois é a questão de alguns jogadores formados localmente que já foi tocada aqui por alguns.João Matos parece que nunca vai ser o mesmo jogador depois da lesão sofrida, o Cardinal anda constantemente perseguido por lesões, Cary já viu melhores dias(mas na temporada passada também teve um início de época paupérrimo e melhorou a meio), o puto Edgar não deu o salto evolutivo esperado(mas seria um disparate dispensar o mesmo como já vi aqui sugerido) etc.

Consequentemente temos o nosso rival que manteve os seus melhores jogadores e reforçou-se muitíssimo bem, e está nesta fase da época num momento de forma bastante elevado.

Isto tudo somado não mata, mas mói muito!


A preparação da próxima temporada vai ter de ser feita com maior rigor, e gostava de ver alguma coragem em certas decisões(mas ai tenho mais dúvidas que tal aconteça).Mas isso é assunto para comentar mais à frente da temporada.


Ps : Não excluindo também responsabilidades a Albuquerque e Nuno Dias.O primeiro devia sempre ter tido um plano B em relação ao negócio Ricardinho(pois mesmo sem destituição, um negócio por aqueles valores existia sempre o risco de falhar) e o segundo tem tido opções de jogo muito discutíveis e a equipa colectivamente não se tem encontrado esta temporada.
Boa análise, muitas vezes só quando os planos passam do papel para a realidade é que podemos confirmar que foram tomadas as decisões mais acertadas, ou não. Por agora os indicadores são que não estamos ao mesmo nível da época passada, mas até ao fim da época vamos ver que o conquistamos.   
O presidente do Kairat Almaty, Kairat Orazbekov, confirmou, em declarações ao site do clube, que o brasileiro Taynan, internacional cazaque de 25 anos, vai jogar no Sporting.

 

«Tem um princípio de acordo, há detalhes que inclinaram a balança para lá», adiantou.

https://www.abola.pt/nnh/Noticias/Ver/772901
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!


E vamos fingir que os Borges, Albuquerques, os Maias e afins não são as mesmas pessoas (1)que eram responsáveis por estas secções e por cá continuam.

Vamos também ignorar que não jogamos sozinhos e os nossos rivais não investiram e preparam-se para disputar os títulos das modalidades em disputa (2).

Muita coisa mudou desde que a última direcção saiu em certos sectores do clube, mas se existe um legado que ficou intacto e visível pela anterior direcção (3)então isso são as modalidades(de pavilhão) do clube.As presentes temporadas foram ainda preparadas pela anterior direcção(e ainda bem acrescento eu) e os responsáveis pelas mesmas continuam no clube a dirigir as secções.


Na época passada andava por aqui no fórum no final da temporada desportiva um quadro dos títulos de modalidades de pavilhão. Tinha salvo o erro os últimos dez anos ou algo do género dos títulos e vencedores de modalidades de pavilhão.

Impressionava à partida o domínio avassalador do Sporting, mas eu notei outro pormenor e referi o mesmo. Sempre que houve um clube que numa temporada dominou em termos de modalidades uma temporada(e o Benfica creio que teve uma temporada que também foi dominador), na temporada seguinte não conseguiu repetir o mesmo número de títulos ganhos.

Não é obviamente coincidência, é apenas derivado ao facto que as modalidades de pavilhão serem extremamente competitivas(veja-se o hóquei por exemplo onde existem quatro candidatos de igual valia na luta pelo título).

Se fosse fácil vencer nas modalidades o Sporting não teria feito o investimento que fez nas mesmas nos anos recentes(e isso foi uma das melhores medidas de BDC, todos os elogios são poucos neste particular aspecto).


Achar que isto iam ser favas contadas e iríamos vencer tudo outra vez (4), é uma visão um bocado(para não dizer muito) irrealista.

Peço desculpa por só agora responder, mas venho aqui amiude.

(1) A minha questão é serem as mesmas pessoas num clube que passou a ter uma liderança sem 'chama', sem presença, que não comunica, não clama pela raça dos seus atletas, ...  ENFIM FIDALGOS INSTALADOS...   (outra vez).

Isso ressente-se NESSAS MESMAS PESSOAS, JOGADORES, ADEPTOS....  quer se queira ou não.  Basta ver toda a era croquete.

(2) Não estou a ignorar nenhum investimento de rivais, estou a verificar UMA PERDA DE QUALIDADE NO JOGO DE TODAS AS MODALIDADES.  Paço de Arcos, Quinta dos Lombos, etc... 

(3) Muito bem, UM LEGADO!!!!  Em 5 anos partindo quase do zero, exceção ao Futsal, o clube passou a dominar em todas as modalidades, NINGUEM ACREDITAVA NISSO (eu inclusive), por ser praticamente impossivel » Mas alguem acreditou e trabalhou para isso, UM GRANDISSIMO SPORTINGUISTA cuja maior parte dos socios nunca mereceu (sabe-se agora).

Essas conquistas devem-se tambem ao regresso da crença, da mistica do Leão, do 'jogar sempre para ganhar' » É PRECISAMENTE ISSO QUE AGORA SE PERDE...  mesmo com borges e cia.

(4) Nunca aqui sugeri sequer serem 'favas contadas', mas com esta perca progressiva da ALMA DO LEÃO, poucas favas haverão para contar....

O Sporting somos NÓS!!!!.

'Isto' que temos agora não é nada....  outra vez!
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!


E vamos fingir que os Borges, Albuquerques, os Maias e afins não são as mesmas pessoas (1)que eram responsáveis por estas secções e por cá continuam.

Vamos também ignorar que não jogamos sozinhos e os nossos rivais não investiram e preparam-se para disputar os títulos das modalidades em disputa (2).

Muita coisa mudou desde que a última direcção saiu em certos sectores do clube, mas se existe um legado que ficou intacto e visível pela anterior direcção (3)então isso são as modalidades(de pavilhão) do clube.As presentes temporadas foram ainda preparadas pela anterior direcção(e ainda bem acrescento eu) e os responsáveis pelas mesmas continuam no clube a dirigir as secções.


Na época passada andava por aqui no fórum no final da temporada desportiva um quadro dos títulos de modalidades de pavilhão. Tinha salvo o erro os últimos dez anos ou algo do género dos títulos e vencedores de modalidades de pavilhão.

Impressionava à partida o domínio avassalador do Sporting, mas eu notei outro pormenor e referi o mesmo. Sempre que houve um clube que numa temporada dominou em termos de modalidades uma temporada(e o Benfica creio que teve uma temporada que também foi dominador), na temporada seguinte não conseguiu repetir o mesmo número de títulos ganhos.

Não é obviamente coincidência, é apenas derivado ao facto que as modalidades de pavilhão serem extremamente competitivas(veja-se o hóquei por exemplo onde existem quatro candidatos de igual valia na luta pelo título).

Se fosse fácil vencer nas modalidades o Sporting não teria feito o investimento que fez nas mesmas nos anos recentes(e isso foi uma das melhores medidas de BDC, todos os elogios são poucos neste particular aspecto).


Achar que isto iam ser favas contadas e iríamos vencer tudo outra vez (4), é uma visão um bocado(para não dizer muito) irrealista.

Peço desculpa por só agora responder, mas venho aqui amiude.


(1) A minha questão é serem as mesmas pessoas num clube que passou a ter uma liderança sem 'chama', sem presença, que não comunica, não clama pela raça dos seus atletas, ...  ENFIM FIDALGOS INSTALADOS...   (outra vez).

Isso ressente-se NESSAS MESMAS PESSOAS, JOGADORES, ADEPTOS....  quer se queira ou não.  Basta ver toda a era croquete.

(2) Não estou a ignorar nenhum investimento de rivais, estou a verificar UMA PERDA DE QUALIDADE NO JOGO DE TODAS AS MODALIDADES.  Paço de Arcos, Quinta dos Lombos, etc... 

(3) Muito bem, UM LEGADO!!!!  Em 5 anos partindo quase do zero, exceção ao Futsal, o clube passou a dominar em todas as modalidades, NINGUEM ACREDITAVA NISSO (eu inclusive), por ser praticamente impossivel » Mas alguem acreditou e trabalhou para isso, UM GRANDISSIMO SPORTINGUISTA cuja maior parte dos socios nunca mereceu (sabe-se agora).

Essas conquistas devem-se tambem ao regresso da crença, da mistica do Leão, do 'jogar sempre para ganhar' » É PRECISAMENTE ISSO QUE AGORA SE PERDE...  mesmo com borges e cia.

(4) Nunca aqui sugeri sequer serem 'favas contadas', mas com esta perca progressiva da ALMA DO LEÃO, poucas favas haverão para contar....

a·mi·ú·de
(latim adminutim)
advérbio

Com frequência; muitas vezes (ex.: o escritor assume, amiúde, um tom paternalista). = FREQUENTEMENTE

"amiúde", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/ami%C3%BAde [consultado em 13-02-2019].
#SPORTINGsempre
#OSportingÉoNossoGrandeAmor
Em Alvalade todos de verde!
As modalidades, ao contrário do futebol (que em parte sim e em parte nem tanto), precisam essencialmente de uma coisa para ganhar... INVESTIMENTO.

BdC teve o mérito INEGÁVEL de querer, acreditar, apostar e investir. Isto com a agravante de ter herdado um clube falido. Só com MUITA VONTADE, que a maior parte não teria, foi possível em 5 anos este nível de investimento nas modalidades e ter um pavilhão. Mas no fim o que mais contou foi o INVESTIMENTO, ganhamos porque investimos. Isto não é para tirar mérito a BdC, pelo contrário, BdC tem o mérito de ter gerado valor para ser possível... INVESTIR. Quis e conseguiu.

Apenas é importante referir que as modalidades este ano têm orçamento equivalente ao ano anterior, que a maior parte dos planteis foram construídos ainda sob a presidência de BdC e que a nossa competitividade ainda é muito forte e evidente. Estamos na luta pelo titulo em TODAS as modalidades. O que mudou então? Os nossos rivais, porque perderam e em alguns casos já sucessivamente..., investiram igualmente forte. Não sei se mais, igual ou pouco menos, mas investiram e muito.
GUIMARÃES 2012 - A cultura do mundo numa só cidade...
www.sportingateamorte.blogspot.com
O presidente do Kairat Almaty, Kairat Orazbekov, confirmou, em declarações ao site do clube, que o brasileiro Taynan, internacional cazaque de 25 anos, vai jogar no Sporting.

 

«Tem um princípio de acordo, há detalhes que inclinaram a balança para lá», adiantou.

https://www.abola.pt/nnh/Noticias/Ver/772901
Alguém conhece? Que tal é?
O presidente do Kairat Almaty, Kairat Orazbekov, confirmou, em declarações ao site do clube, que o brasileiro Taynan, internacional cazaque de 25 anos, vai jogar no Sporting.

 

«Tem um princípio de acordo, há detalhes que inclinaram a balança para lá», adiantou.

https://www.abola.pt/nnh/Noticias/Ver/772901
Alguém conhece? Que tal é?
Foi discutido aqui neste mesmo tópico, basta andar para cima
Não sei o que se passa esta época. Praticamos um futsal pobre e ninguém está a subir de forma, muito pelo contrário!!!

O mesmo que se passa em todo o clube.....

... O QUAL é gerido por um bando de fidalgos vaidosos que não amam o clube o suficiente para fazer aquilo por que recebem »» TRABALHAR E EXIGIR DA MESMA FORMA - ESTAR PRESENTE!!!!


E vamos fingir que os Borges, Albuquerques, os Maias e afins não são as mesmas pessoas (1)que eram responsáveis por estas secções e por cá continuam.

Vamos também ignorar que não jogamos sozinhos e os nossos rivais não investiram e preparam-se para disputar os títulos das modalidades em disputa (2).

Muita coisa mudou desde que a última direcção saiu em certos sectores do clube, mas se existe um legado que ficou intacto e visível pela anterior direcção (3)então isso são as modalidades(de pavilhão) do clube.As presentes temporadas foram ainda preparadas pela anterior direcção(e ainda bem acrescento eu) e os responsáveis pelas mesmas continuam no clube a dirigir as secções.


Na época passada andava por aqui no fórum no final da temporada desportiva um quadro dos títulos de modalidades de pavilhão. Tinha salvo o erro os últimos dez anos ou algo do género dos títulos e vencedores de modalidades de pavilhão.

Impressionava à partida o domínio avassalador do Sporting, mas eu notei outro pormenor e referi o mesmo. Sempre que houve um clube que numa temporada dominou em termos de modalidades uma temporada(e o Benfica creio que teve uma temporada que também foi dominador), na temporada seguinte não conseguiu repetir o mesmo número de títulos ganhos.

Não é obviamente coincidência, é apenas derivado ao facto que as modalidades de pavilhão serem extremamente competitivas(veja-se o hóquei por exemplo onde existem quatro candidatos de igual valia na luta pelo título).

Se fosse fácil vencer nas modalidades o Sporting não teria feito o investimento que fez nas mesmas nos anos recentes(e isso foi uma das melhores medidas de BDC, todos os elogios são poucos neste particular aspecto).


Achar que isto iam ser favas contadas e iríamos vencer tudo outra vez (4), é uma visão um bocado(para não dizer muito) irrealista.

Peço desculpa por só agora responder, mas venho aqui amiude.


(1) A minha questão é serem as mesmas pessoas num clube que passou a ter uma liderança sem 'chama', sem presença, que não comunica, não clama pela raça dos seus atletas, ...  ENFIM FIDALGOS INSTALADOS...   (outra vez).

Isso ressente-se NESSAS MESMAS PESSOAS, JOGADORES, ADEPTOS....  quer se queira ou não.  Basta ver toda a era croquete.

(2) Não estou a ignorar nenhum investimento de rivais, estou a verificar UMA PERDA DE QUALIDADE NO JOGO DE TODAS AS MODALIDADES.  Paço de Arcos, Quinta dos Lombos, etc... 

(3) Muito bem, UM LEGADO!!!!  Em 5 anos partindo quase do zero, exceção ao Futsal, o clube passou a dominar em todas as modalidades, NINGUEM ACREDITAVA NISSO (eu inclusive), por ser praticamente impossivel » Mas alguem acreditou e trabalhou para isso, UM GRANDISSIMO SPORTINGUISTA cuja maior parte dos socios nunca mereceu (sabe-se agora).

Essas conquistas devem-se tambem ao regresso da crença, da mistica do Leão, do 'jogar sempre para ganhar' » É PRECISAMENTE ISSO QUE AGORA SE PERDE...  mesmo com borges e cia.

(4) Nunca aqui sugeri sequer serem 'favas contadas', mas com esta perca progressiva da ALMA DO LEÃO, poucas favas haverão para contar....

a·mi·ú·de
(latim adminutim)
advérbio

Com frequência; muitas vezes (ex.: o escritor assume, amiúde, um tom paternalista). = FREQUENTEMENTE

"amiúde", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/ami%C3%BAde [consultado em 13-02-2019].

Obrigado pelo esclarecimento  :great:

O conhecimento de português aumenta, a opinião mantém-se!

'manter' - verbo transitivo direto, transitivo direto predicativo e pronominal
Permanecer ou fazer ficar numa certa posição, circunstância ou condição...
« Última modificação: Fevereiro 14, 2019, 12:01 pm por funky_beat »
O Sporting somos NÓS!!!!.

'Isto' que temos agora não é nada....  outra vez!