Bas Dost

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

O problema não é o Bas Dost marcar 30 golos, o problema é o Sporting marcar menos golos que Porto, Benfica e Braga (!), menos 19 golos que a equipa campeã nacional, menos 17 golos que o vice campeão e menos 11 golos que o Braga.

E na minha opinião, a excessiva dependência em Bas Dost explica muito estes números.

Como já referi noutro lado, ele tem já 29 anos e um salário principesco e saindo a bem com o clube decerto que terá mais interessados na sua contratação. 20M€ e boa sorte para o resto da carreira.

E, como é óbvio, teremos que ir ao mercado buscar um jogador de perfil diferente e que garanta também muitos golos.
O problema não é o Bas Dost marcar 30 golos, o problema é o Sporting marcar menos golos que Porto, Benfica e Braga (!), menos 19 golos que a equipa campeã nacional, menos 17 golos que o vice campeão e menos 11 golos que o Braga.

E na minha opinião, a excessiva dependência em Bas Dost explica muito estes números.



Isso é óbvio. Mas dizer isso por aqui parece que é crime.
Eu acho que o problema não são os golos do Dost, mas sim a fraca (aliás muito fraca) produção ofensiva da equipa, que era em parte disfarçada pelos golos do Dost, criando a ideia de dependência, fazendo esquecer a quantidade de jogos em que este andava lá à frente sozinho e a bola raramente lá chegar.
SPORTING ATÉ MORRER
Eu acho que o problema não são os golos do Dost, mas sim a fraca (aliás muito fraca) produção ofensiva da equipa, que era em parte disfarçada pelos golos do Dost, criando a ideia de dependência, fazendo esquecer a quantidade de jogos em que este andava lá à frente sozinho e a bola raramente lá chegar.

Fruto da dinâmica ofensiva da equipa, sendo o Gelson o único (sem Podence) que criava desequilíbrios.
O problema não é o Bas Dost marcar 30 golos, o problema é o Sporting marcar menos golos que Porto, Benfica e Braga (!), menos 19 golos que a equipa campeã nacional, menos 17 golos que o vice campeão e menos 11 golos que o Braga.

E na minha opinião, a excessiva dependência em Bas Dost explica muito estes números.



Isso é óbvio. Mas dizer isso por aqui parece que é crime.

O problema é o Bas Dost marcar 30 porque tens a equipa completamente padronizada para ele, só jogam para ele, mal ganham a bola ali perto da era só meter bola para ele. E isso para mim é rídiculo, tolda completamente o racicionio aos maior fantasistas e depois torna-se completamente prevísivel para qualquer equipa anular o Sporting.

O ano passado fomos abafados por qualquer equipa que tivesse o mínimo de inteligência. Era linha subídissima e estava feito. Uma equipa das piores que já vi em transição e a explorar a profundidade e isso também passava por este gajo.

Não me importo de jogar contra alguns contextos que seja de equipas mais fechadas e recuadas, se ele se importa de não jogar sempre ? Duvido.
A culpa não é se o Bas Dost faz 50 golos, é o facto de a equipa não jogar uma m**** para servir o menino. Que vá para o c******

Enviado do meu ZTE BLADE A512 através do Tapatalk

É da equipa que lhe deu 64 dos seus 69 golos  :lol:

(isto na altura em que contabilizaram isto, agora já deve ter dado mais)
Bas Dost não serve para o Sporting?

O elefante está no meio da sala de jantar, mas ninguém o vê...

O que vale é que alguém ainda há-de vir que afinal foi ele que "começou as negociações..."  :inde:

Vamos ser sérios.

Muita gente criticava Bas Dost, pelas caracteristicas que tem.

Não é nada de novo.

Ah.

Bas Dost foi "fechado", há 2 anos.
Um dia, mais tarde quem sabe, falaremos sobre isto se quiseres. Por agora não.
"Good judgment comes from experience, and experience comes from bad judgment." - Barry LePatner
Citar
SPORTING TENTA DEMOVER BAS DOST
Desejo é fazer o avançado regressar

Conseguir o regresso de Bas Dost é uma das grandes prioridades da SAD do Sporting. Nesta altura o jogador continua irredutível em prosseguir a carreira noutro clube, mas Sousa Cintra e os seus pares estão a conversar com os seus representantes, com o intuito de alcançar um acordo. A tarefa não é nada fácil, mas a SAD mantém a confiança de chegar a um entendimento, tal como aconteceu com Bruno Fernandes. A questão aqui, além de tudo o que aconteceu na Academia de Alcochete, em maio, é que o avançado holandês tem várias propostas em carteira, todas elas aliciantes tanto do ponto de vista desportivo como financeiro. O jogador, de 29 anos, gosta de viver em Portugal, mas o apelo da mulher, depois dos incidentes na academia – sem esquecer que Bas Dost foi um dos mais afetados –, acabou por tornar o regresso muito difícil. Ainda assim, não será impossível.

Record

Citar
BAS DOST TEM O FUTURO NAS MÃOS
Avançado holandês é que decide

Permanecer em Alvalade ou rumar a outras paragens, tem a palavra... Bas Dost. Depois do regresso de Bruno Fernandes, a SAD do Sporting virou o foco para o goleador holandês e as partes têm conversado regularmente ao longo dos últimos dias. Ao ponto de, como Record adiantara, o avançado de 29 anos já não colocar de parte um possível regresso, depois de um período em que isso nem sequer era por si contemplado.

Com efeito, os elementos da SAD leonina consideram que já fizeram todos os esforços possíveis para que Bas Dost seja um ‘reforço’ para José Peseiro. Por esse motivo, tudo está, agora, nas mãos do internacional holandês, que, ao que tudo indica tomará uma decisão ao longo dos próximos dias.

Certo é que o Sporting não é o único clube interessado em receber os seus serviços. Neste momento, o jogador tem várias propostas do estrangeiro, sendo que algumas delas são mais aliciantes no plano financeiro. Aliás, sublinhe-se que os turcos do Fenerbahçe estão especialmente atentos ao desenrolar deste processo.

Se é verdade que essa vertente terá sempre algum peso no seu veredito, não menos é que Dost valorize - e muito - o facto de ter sido bem recebido no Sporting e em Portugal, ambientes nos quais, por várias vezes, disse sentir-se bem. É esse, também, um dos trunfos que a SAD do Sporting espera que jogue a seu favor.


Record