Equipa Principal 2018/19

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

 O problema deste plantel é a quase total ausência de desequilibradores, ou abre-latas, dribladores repentistas, desbloqueadores, como lhes queiram chamar. Saíram 3 traidores com este perfil: Gelson, Rafael leão e Podence, e não entrou, nem sei se vai entrar, algum parecido. Este perfil de jogador, que é uma espécie de filet mignon do plantel, é muitas vezes o que distingue os vencedores dos que quase chegam lá.

Assim sendo, não estou nada otimista. Sempre achei que isto das rescisões nos iria prejudicar por vários anos, a nível desportivo e financeiro.
Raphinha e Matheus Pereira.
 O problema deste plantel é a quase total ausência de desequilibradores, ou abre-latas, dribladores repentistas, desbloqueadores, como lhes queiram chamar. Saíram 3 traidores com este perfil: Gelson, Rafael leão e Podence, e não entrou, nem sei se vai entrar, algum parecido. Este perfil de jogador, que é uma espécie de filet mignon do plantel, é muitas vezes o que distingue os vencedores dos que quase chegam lá.

Assim sendo, não estou nada otimista. Sempre achei que isto das rescisões nos iria prejudicar por vários anos, a nível desportivo e financeiro.

M. Pereira, Raphina, Carlos Mané.


E o pokémon não vale nada....

 O problema deste plantel é a quase total ausência de desequilibradores, ou abre-latas, dribladores repentistas, desbloqueadores, como lhes queiram chamar. Saíram 3 traidores com este perfil: Gelson, Rafael leão e Podence, e não entrou, nem sei se vai entrar, algum parecido. Este perfil de jogador, que é uma espécie de filet mignon do plantel, é muitas vezes o que distingue os vencedores dos que quase chegam lá.

Assim sendo, não estou nada otimista. Sempre achei que isto das rescisões nos iria prejudicar por vários anos, a nível desportivo e financeiro.
Raphinha e Matheus Pereira.
Não me tinha lembrado do Raphinha e concordo, embora tenha muito a provar ainda neste capítulo e no nosso contexto. O Matheus, não parece ter o drible curto, o jogar em espaços muito pequenos e apertados, ou a explosão, que me faça incluí-lo no lote dos anteriores.
 O problema deste plantel é a quase total ausência de desequilibradores, ou abre-latas, dribladores repentistas, desbloqueadores, como lhes queiram chamar. Saíram 3 traidores com este perfil: Gelson, Rafael leão e Podence, e não entrou, nem sei se vai entrar, algum parecido. Este perfil de jogador, que é uma espécie de filet mignon do plantel, é muitas vezes o que distingue os vencedores dos que quase chegam lá.

Assim sendo, não estou nada otimista. Sempre achei que isto das rescisões nos iria prejudicar por vários anos, a nível desportivo e financeiro.

M. Pereira, Raphina, Carlos Mané.


E o pokémon não vale nada....


O Mané (dos outros 2 falei atrás), é verdade, se ainda conseguir correr e driblar...
 O problema deste plantel é a quase total ausência de desequilibradores, ou abre-latas, dribladores repentistas, desbloqueadores, como lhes queiram chamar. Saíram 3 traidores com este perfil: Gelson, Rafael leão e Podence, e não entrou, nem sei se vai entrar, algum parecido. Este perfil de jogador, que é uma espécie de filet mignon do plantel, é muitas vezes o que distingue os vencedores dos que quase chegam lá.

Assim sendo, não estou nada otimista. Sempre achei que isto das rescisões nos iria prejudicar por vários anos, a nível desportivo e financeiro.
Raphinha e Matheus Pereira.
Não me tinha lembrado do Raphinha e concordo, embora tenha muito a provar ainda neste capítulo e no nosso contexto. O Matheus, não parece ter o drible curto, o jogar em espaços muito pequenos e apertados, ou a explosão, que me faça incluí-lo no lote dos anteriores.
O Matheus é o mais talentoso de todos. O que fará, depende dele e do que quer para a carreira.

No que a criatividade diz respeito há também Nani.

Neste capítulo, estamos teoricamente melhores.

O problema maior para já, é no meio campo. E falta 1 avançado.
 O problema deste plantel é a quase total ausência de desequilibradores, ou abre-latas, dribladores repentistas, desbloqueadores, como lhes queiram chamar. Saíram 3 traidores com este perfil: Gelson, Rafael leão e Podence, e não entrou, nem sei se vai entrar, algum parecido. Este perfil de jogador, que é uma espécie de filet mignon do plantel, é muitas vezes o que distingue os vencedores dos que quase chegam lá.

Assim sendo, não estou nada otimista. Sempre achei que isto das rescisões nos iria prejudicar por vários anos, a nível desportivo e financeiro.

M. Pereira, Raphina, Carlos Mané.


E o pokémon não vale nada....


O Mané (dos outros 2 falei atrás), é verdade, se ainda conseguir correr e driblar...

Porque é que não havia de o conseguir fazer? O Nani é que tenho as minhas dúvidas que  ainda tenha alguma capacidade explosão.
A saída do Geraldes e a "não vinda" do Badelj deixou-me relativamente triste.
A saída do Geraldes e a "não vinda" do Badelj deixou-me relativamente triste.

Calma! Tens o filho do Bebeto!
A saída do Geraldes e a "não vinda" do Badelj deixou-me relativamente triste.

Calma! Tens o filho do Bebeto!

Acho que o pai é que ainda dava uma perninha. Pelo menos deve estar mais magro que o Manuel Fernandes.
Podia ser isto e ficava muito satisfeito:

Guarda-redes: Viviano, Salin e Max
Defesas-direitos: Ristovski e Bruno Gaspar
Defesas-esquerdos: Coentrão e Lumor
Defesas centrais: Coates, Mathieu, Marcelo e André Pinto
Trincos: Iturraspe e Palhinha
Médios-centro: Bruno Fernandes, Wendel, Gauld e Lucas Evangelista
Extremos: Nani, Raphinha, Matheus Pereira e Carlos Mané
Avançados: Bas Dost, Fran Sol e Montero

Portanto, do plantel atual vendia: Acuña, Bruno César, Misic, Mattheus Oliveira e Doumbia

Os reforços seriam:
-> Coentrão. Muitos não o querem, mas eu acho que ainda vai a tempo de fazer 2 épocas a um bom nível. Fez excelentes jogos enquanto cá esteve. Acabou todo rebentado, é certo, mas temos o Lumor para ganhar espaço e dificilmente o Peseiro rodará menos a equipa do que o Jesus.
-> Iturraspe. Normalmente, não deveria ser barato mas já tem 29 anos e o seu contrato acabo no próximo ano. Vale, pelo menos, a tentativa já que se trata de um excelente jogador.
-> Lucas Evangelista. Mostrou muita qualidade no Estoril durante a época passada. Fala-se que está perto do Nantes, mas acredito que ainda vamos a tempo de o "desviar".
-> Fran Sol - deve ser barato e parece-me um avançado muito competente. Na época passada, marcou 19 golos pelo Willem II. Seria uma alternativa credível e low cost, faz falta no plantel.

Ficaríamos com um 11 inicial deste género:

Viviano, Ristovski, Coates, Mathieu, Coentrão, Iturraspe, Bruno Fernandes, Wendel, Nani, Matheus Pereira e Bas Dost.
Find what you love and let it kill you.
Excelente plantel até ao momento.

De certeza que vale o bilhete para um Sporting x Santa Clara às 21:00 num domingo de chuva.
Podem não saber ler, nem fazer a tabuada do cinco. Mas os lampiões nunca elegeram Sousa Cintra, Roquette, Dias da Cunha, Soares Franco, Bettencourt, Godinho Lopes e Varandas.
A saída do Geraldes e a "não vinda" do Badelj deixou-me relativamente triste.

Isto é más notícias em catadupa, já só pedia uma boa, uma que fosse.
Estamos a ter azar neste mercado, esta comichão precisa de ir buscar 2 trincos urgentemente...
Estamos a ter azar neste mercado, esta comichão precisa de ir buscar 2 trincos urgentemente...

Azar?

 :mrgreen:
Campo Grande paga a traidores.
Estamos a ter azar neste mercado, esta comichão precisa de ir buscar 2 trincos urgentemente...

Azar?

 :mrgreen:

Se queres que te diga acho que é mais estupidez...
Formação:
Luis Maximiano - Praticamente não vai jogar
Domingos Duarte - Despachado
João Palhinha - Provavelmente é despachado
Francisco Geraldes - Despachado
Matheus Pereira - Titular
Carlos Mané - Suplente
Nani - Titular
Jovane Cabral - Suplente

Resumindo, a aposta nos jovens da nossa formação este ano vai ser apenas o Matheus Pereira, mas pode ser que me engane.
Tirando o Nani temos 0 reforços...

Sábado é a apresentação.
Formação:
Luis Maximiano - Praticamente não vai jogar
Domingos Duarte - Despachado
João Palhinha - Provavelmente é despachado
Francisco Geraldes - Despachado
Matheus Pereira - Titular
Carlos Mané - Suplente
Nani - Titular
Jovane Cabral - Suplente

Resumindo, a aposta nos jovens da nossa formação este ano vai ser apenas o Matheus Pereira, mas pode ser que me engane.

O Jovane deve rodar pela sub-23
É urgente identificar a estratégia que queremos dar à formação. Qual o seu papel para cada época desportiva.

Não podemos andar a mandar postas de bacalhau e no final de contas: falou-se muito e fez bola!
Saudações Leoninas,
Viva o Sporting Clube de Portugal,

cativo87
sócio n. 12* ***-0