Os amigos de Santa Maria de Belém...

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Um clube amigo com quem queremos cooperar fortemente no futuro:

''
From: Domingos Oliveira [mailto:doliveira@slbenfica.pt]
Sent: Monday, May 18, 2009 1:17 PM
To: 'Miguel Bento'; 'Rui Pereira'
Cc: 'Paulo Gonçalves'; 'Rui Costa'
Subject: Jogo Belenenses

Acabei de falar com o novo Presidente do Belém, pessoa que já conhecia de outras guerras, e que nos solicita algum apoio na questão dos bilhetes para o jogo do próximo fim de semana.

Primeiro, a nível de preços, parece que estamos a cobrar um valor próximo de 18 Euros, quando eles na primeira volta nos venderam a 12. Pergunta se podemos baixar.
Depois pede para trocar os 30 bilhetes de bancada central a que tem direito por cerca de 90 junto dos adeptos / claques.

É nossa intenção melhorar o relacionamento com o Belenenses, e assim sendo, peço-vos que vejam onde podemos facilitar. Não é necessário dar borlas, mas vejam a coisa pelo prisma de um clube amigo com quem queremos cooperar fortemente no futuro.

Abraço
D. 
''

http://www.fcporto.ws

(a ir actualizando...)
« Última modificação: Setembro 19, 2018, 09:20 am por Principe Perfeito »
hxxp://umdragaonabancada.pt/2018/01/06/as-transferencias-bancarias-inexplicaveis-benfica-os-belenenses/

EDIT: Reparei agora que este link já não funciona...

Vou transcrever este, antes que desapareça tb:

http://antibenfica.com/as-transferencias-bancarias-inexplicaveis-benfica-os-belenenses/

Citar
As transferências bancárias inexplicáveis de Benfica para Os Belenenses

Esta semana foram divulgados ficheiros SAF-T que apresentam documentação fiscalmente relevante do SL Benfica. Entre muitas coisas, encontraram-se umas transferências interessantes entre as duas SAD’s

A HISTÓRIA ENTRE BENFICA E BELENENSES
Antes de irmos ao assunto propriamente dito, contextualizemos esta relação entre os dois clubes da capital dentro das quatro linhas. E a verdade é que os últimos confrontos entre o clube de Belém e o Benfica têm sido tudo menos… confrontos.

Nas últimas oito partidas disputadas entre ambos, o clube encarnado venceu-as todas. 8 vitórias em que o Benfica marcou 28 golos e não sofreu nenhum! Aliás, para encontrar o último golo marcado pelo Belenenses teríamos de recuar a Setembro de 2013, jogo que acabou com um empate a uma bola.

Não é querer ser má língua, mas enquanto o Belenenses militar na 1ª Divisão, o Benfica tem sempre 6 pontos assegurados. Saldo fantástico!



2. O BENFIQUISMO DE RUI PEDRO SOARES

O líder da SAD d’OS Belenenses é um senhor chamado Rui Pedro Soares, socialista amigo de José Sócrates. Entre outras coisas, foi administrador da Portugal Telecom e vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Envolvido no processo «Face Oculta», é uma personagem cheia de polémicas:

Propôs a instalação de SportTV e BenficaTV nas prisões portuguesas para que o amigo José Sócrates pudesse ver os jogos do Benfica;
Ajudou o Benfica a adquirir os direitos de transmissão da Premier League para a BenficaTV;
Esteve nas comemorações da conquista do campeonato do Benfica;
e está em disputa com o Belenenses clube depois de os associados o acusarem de lesar o clube;

3. CURIOSIDADES

Recuemos à época de 2014/2015. No dia 18 de Abril, à 29º jornada, o Benfica vai a Belém com apenas 3 pontos de vantagem sobre o FC Porto, à altura 2º classificado. Como seria de esperar, as águias venceram os azuis do Restelo por 0-2, com um bis de Jonas. No entanto, o primeiro golo da partida foi… chamemos-lhe… curioso.

Estranho? Nem por isso…

O autor daquele atraso curioso que colocou Lima isolado frente ao guarda-redes foi Pelé, atualmente jogador do Rio Ave, mas que nessa época estava emprestado pelo AC Milan ao azuis do Restelo. Curiosamente (e porque vivemos num mundo de curiosidades), na época seguinte Pelé e Dálcio, que também jogou os 90′ dessa partida, assinaram… pelo Benfica.



Tanto Pelé como Dálcio nunca chegaram a calçar na Luz e foram logo reencaminhados para outras paragens. Pelé foi emprestado ao Paços de Ferreira e Dálcio nem chegou a sair de Belém…

4. AS TRANSFERÊNCIAS BANCÁRIAS

Este jogo entre os Belenenses e o Benfica era de extrema importância para os encarnados uma vez que na jornada seguinte receberiam o FC Porto e qualquer deslize poderia custar o campeonato. Em caso de vitória dos Dragões, igualaríamos pontualmente na tabela classificativa, mas o confronto directo daria vantagem sobre o rival da capital. Acabaríamos por empatar a zero e, assim, claudicar as nossas aspirações a vencer a Liga.

Na jornada 33, dia 17 de Maio, o FC Porto desloca-se ao Restelo e o Benfica a Guimarães. Tanto os Dragões como as águias acabariam por empatar as suas partidas e, a uma jornada do fim e com 3 pontos de vantagem, o Benfica sagrar-se-ia campeão.

Ora, quando se faz uma pesquisa nos emails divulgados, mais concretamente nos tais ficheiro SAF-T, descobrimos duas transferências para os Belenenses provenientes da SAD benfiquista.

A primeira data de 24 de Março de 2015 no valor de 307.500,00€ e a outra transferência “choruda” de 430.500,00€ data do dia 8 de Junho.

Tentamos encontrar mais informação sobre a possível razão de, em menos de 3 meses, o Benfica ter transferido 738 mil euros para o Belenenses, mas não encontrámos. Nessa época e nas anteriores, o Benfica não gastou dinheiro em Belém na contratação de qualquer jogador.

Estranho? Concentremo-nos então nas datas e nos valores das transferências.

A primeira é feita no dia 24 de Março, 3 semanas depois de o Benfica ter visitado Belém e ter vencido da forma… vá lá, curiosa. Já a segunda transferência fez-se no dia 8 de Junho, precisamente 19 dias depois de o FC Porto ter visitado o estádio do Restelo.

Meras coincidências? Talvez. Mas demos uma vista de olhos ao Relatório e Contas da Belenenses, SAD da época 14/15, mais concretamente nos valores do custo com o pessoal.

2.869.844,00€ foi o orçamento anual da equipa nessa época. Ora, e em contas redondas, o Belenenses tinha um custo mensal com o seu plantel no valor de 240.000,00€. Mais coisa menos coisa. Se multiplicarmos este valor por 3 (três meses de vencimentos) perfaz um valor de 720.000,00€.

Lembram-se de quanto o Benfica transferiu no espaço de 3 meses? 738.000,00€. Curioso, não é?

5. Obviamente que haverá alguém que encontrará explicações super interessantes para tais transferências. Se ainda hoje conseguem dizer que os mails são mentira enquanto se queixam de pirataria informática, facilmente arranjaram um álibi para estes 738 mil euros que faça algum sentido.

Contudo, e até porque estas “lendas urbanas” de haver quem salde as dividas de terceiros para benefício próprio são bastante reais e palpáveis, há demasiadas curiosidades para se negar, peremptoriamente, que nada disto se passou e tudo não passa de uns devaneios.

O veredicto deixamos para o leitor decidir. Tem a liberdade de o entender como quiser, de o aceitar, de o rejeitar, de o criticar. Fica ao critério de cada um. No entanto, teremos todos de concordar que certamente explicaria muita coisa que se tem passado nestes últimos anos, nomeadamente o histórico entre estas duas equipas.

FONTE: umdragaonabancada.pt


EDIT: Vejam o Pelé neste jogo de 2014/2015, e a bela assistência que faz para o golo do Jonas logo aos 5' minutos de jogo.

https://sapodesporto.vsports.pt/vod/24546/m/90232/sapo/4dcba37373ac2c4d86e3efc303b39ec1
« Última modificação: Janeiro 05, 2019, 09:56 am por Principe Perfeito »


Roland Linz, ex-jogador do Braga, na altura jogador do Belenenses. Nessa época fez apenas 5 jogos. Porquê que o Benfica pagava estadias em hotéis a jogadores de outras equipas? :)

PS: Há mais reservas pagas pelo benfica para esse gajo

http://www.fcporto.ws/
Aqui vai bomba, do mais grave que já vi





https://desporto.sapo.pt/futebol/jogo/belenenses-vs-benfica-90232#vhs-YSbkZw7ifYO8mvpT3jNP
https://desporto.sapo.pt/futebol/jogo/belenenses-vs-benfica-90232#vhs-7N43mruZaZAZo7CA8DhT
https://desporto.sapo.pt/futebol/jogo/belenenses-vs-benfica-90232#

Vejam nos dois golos o jogador 20, Filipe Ferreira

Esse gajo nunca foi anunciado como jogador do Benfica. Não vi a prestação dos outros jogadores nesse contrato.

No dia 11/04 o Benfica comprou os direitos de preferência desses mesmos jogadores.





http://www.fcporto.ws
- "Basta que os homens de bem nada façam, para que o mal prevaleça"
- "Prefiro morrer de pé a viver ajoelhado"
- "Pior do que perder é não dar tudo para vencer"
https://opolvo.pt/2019/01/03/os-contornos-do-processo-mala-ciao-novas-acusacoes-poderao-cair/

Citar

OS CONTORNOS DO PROCESSO MALA CIAO – NOVAS ACUSAÇÕES PODERÃO CAIR



No mês de dezembro foram divulgados diversos e-mails e documentos por parte do Mercado de Benfica, incluindo alguns envolvendo o trio de advogados que defende o Benfica.

Num e-mail enviado a 21 de dezembro de 2018 por Paulo Saragoça da Matta, um dos advogados do Benfica, a João Medeiros e Rui Patrício, os restantes advogados, fica-se a saber que o processo Mala Ciao foi apensado ao processo dos e-mails.



Os advogados do Benfica acreditam que nos próximos tempos vão existir buscas e detenções que visam o topo da hierarquia do clube encarnado.

Quais são as provas reunidas pelo Ministério Público?
Nos documentos divulgados pelo Mercado de Benfica encontram-se documentos do Ministério Público onde estão reunidas diversas informações relativas aos casos envolvendo o Benfica. Neste artigo vou abordar unicamente a parte do processo Mala Ciao.

Mala Ciao
Abaixo fica a primeira página do auto relacionado com o processo Mala Ciao. O restante documento será resumido.



Pelo que vem escrito no auto, a investigação começou através de uma denúncia anónima contra o Presidente da SAD do Desportivo das Aves e para o Diretor Desportivo do mesmo clube [curiosamente, menos de 15 dias antes das buscas efetuadas pela PJ às instalações do Desportivo das Aves, o presidente do clube apresentou demissão]. Apesar de ter sido uma denúncia anónima, através da investigação reforçaram-se os indícios de crimes.

Os factos em posse do Ministério Público são:

Tentativa de compra de um jogador do Boavista por parte do Desportiva das Aves mas com a intervenção de Luís Filipe Vieira para o pagamento do passe.
Jogadores do Benfica emprestados de forma encapotada ao Desportivo das Aves [ler aqui o caso de João Amaral do Vitória de Setúbal que é exemplo desse tipo de prática]. O MP refere que os contratos desses jogadores estarão guardados na casa da mãe do Diretor Desportivo do Desportivo das Aves
Promessa de pagamento de € 10.000,00 por parte do Benfica a cada jogador do Desportivo das Aves se ganhassem ao F.C. Porto no dia 8 de abril de 2018.
Possibilidade de futuras abordagens a jogadores de equipas adversários do Desportivo das Aves até ao final do campeonato 2017/2018 para facilitar resultados.
Alegada promessa e pagamento de € 10.000,00 por parte do Benfica a cada jogador do Vitória de Setúbal para a equipa tirar pontos ao Porto no jogo realizado no dia 19 de março de 2017.
Alegada promessa e pagamento de € 15.000,00 por parte do Benfica a cada jogador do Belenenses para a equipa ganhar ao F.C. Porto no jogo do dia 2 de abril de 2018.
Alegada viciação de resultados no jogo entre o Setúbal e o Benfica no dia 7 de abril de 2018, quando Luís Nascimento cometeu falta que deu origem à marcação da grande penalidade a favor do Benfica. Segundo o Ministério Público, Luís Nascimento ainda era jogador do Benfica, sendo mais um empréstimo encapotado.
Alegada promessa e pagamento de valor não apurado a cada jogador do Vitória de Setúbal caso a equipa tirasse pontos ao F.C. Porto no jogo realizado no dia 23 de abril de 2018.
Oferta indevida de vantagem do SLB caso o Marítimo vencessos os jogos da jornada 32 e 34, contra o Sporting e o Porto, respectivamente.
Devido a estas suspeitas, foram realizadas buscas nas instalações do Benfica e outros clubes. Vou colocar abaixo uma lista com os documentos apreendidos/copiados pelos investigadores nas buscas efetuadas no Estádio da Luz.

No gabinete da Assessoria Jurídica da SAD

9 pastas de arquivo com os processos relativos aos jogadores João Carvalho, João Amaral, Fábio Cardoso, Dálcio, Bruno Varela, Tiago Dantas, César Martings, Carlos Rodrigues e Patrick Vieira.
Duas pastas de arquivo com as inscrições “Protocolo Vitória de Setúbal e “Protocolo Os Belenenses”.
Conjunto de documentos com timbre “Social Esportiva Vitória” relativo ao jogador Luís Felipe Dias Nascimento e o respetivo contrato de trabalho desportivo.
Cinco pastas de arquivo com documentação relativa aos jogadores: Fábio Cardoso, Luís Carlos Farina Oliveira, César Henrique Martins, Cristian Daniel Arango Duque, Hamdou Mohamed A.M. Elhouni.
Fatura emitida pelo Vitória Futebol Clube para o Sport Lisboa e Benfica no valor de 123.000,00 euros.
Acordo de revogação de contrato de trabalho com o jogador Lucas de Lima Linhares, datado de 4 de agosto de 2017.
No gabinete de Luís Filipe Vieira

Duas folhas com manuscritos com os dizeres “Pedro Ferreira” e “contratos de Vendas”;
Documentos manuscritos associados a jogadores e movimentos de entrada e saída dos mesmos bem como valores económicos;
No gabinete de Apoio à Direcção

Uma carta da Superstadium dirigada ao Presidente do Conselho de Administração, datada de 14 de janeiro de 2016.
No gabinete do Diretor Financeiro

Diversos dossiês com documentos relativos aos jogadores Luís Farina, Rui Fontes, Fábio Nunes, Miguel Rosa, Derley e Rambé.
Ficheiros informáticos com processos individuais de diversos jogadores.
Os Balancetes do Benfica SAD no período entre 1 de julho de 2013 a 30 de abril de 2018.
Documentação num total de 47 folhas relativo aos belenenses.
Extrato de diversas contas relativas o ao Desportivo das Aves e Vitória Futebol Clube.
Estamos perante um caso com muitas ramificações mas não são surpreendentes. O Belenenses, o Vitória de Setúbal e o Desportivo das Aves são clubes que já foram referidos por diversas vezes aqui por ter sido divulgado material comprometedor no Mercado de Benfica. As buscas realizadas pela Polícia Judiciária corroboram as suspeitas.

A parte que me intrigou nesta acusação foi o facto de Luís Felipe ter sido mais um dos empréstimos encapotados ao Vitória de Setúbal. Já por diversas vezes ouvimos o presidente do Setúbal a falar do Benfica como abono de família, portanto era possível perceber a proximidade existente entre os clubes. No final da época passada sabíamos que Luís Felipe tinha sido jogador do Benfica mas agora sabemos que ainda era jogador do Benfica. Luís Felipe foi a figura do jogo no dia 7 de abril de 2018 pois, um jogador emprestado de forma ilícita ao Vitória de Setúbal, entrou em campo no minuto 89 do jogo e, dois minutos depois, comete penálti sobre Salvio, oferecendo os 3 pontos ao Benfica. Umas coincidências danadas…

Podem ver aqui o vídeo do penálti em questão.

Onde anda Luís Felipe
Depois da ajuda precisosa de Luís Felipe, este foi vendido a um clube Brasileiro, o São Caetano.

São Caetano é um dos clubes brasileiros que já fez negócios duvidosos com o Benfica, como exemplo o negócio de Patric em 2009 que pode ser lido neste artigo.

Luís Felipe é mais um dos jogadores do entreposto do Benfica, jogadores que são colocados em diversos clubes para obter vantagens e, neste caso, parece ter sido um belo penálti ao cair do pano. Para além disso é curioso verificar que parte das supostas práticas ilícitas do clube encarnado foram efetuadas depois dos e-mails já terem sido divulgados, demonstrando que o clube encarnado pensa gozar de uma certa impunidade.

Uma coisa é certa, o trio de advogados do Benfica diz que nos próximos tempos haverá novas dentenções de elementos da estrutura do clube encarnado.
hxxp://umdragaonabancada.pt/2018/01/06/as-transferencias-bancarias-inexplicaveis-benfica-os-belenenses/

EDIT: Reparei agora que este link já não funciona...

Vou transcrever este, antes que desapareça tb:

http://antibenfica.com/as-transferencias-bancarias-inexplicaveis-benfica-os-belenenses/

Citar
As transferências bancárias inexplicáveis de Benfica para Os Belenenses

Esta semana foram divulgados ficheiros SAF-T que apresentam documentação fiscalmente relevante do SL Benfica. Entre muitas coisas, encontraram-se umas transferências interessantes entre as duas SAD’s

A HISTÓRIA ENTRE BENFICA E BELENENSES
Antes de irmos ao assunto propriamente dito, contextualizemos esta relação entre os dois clubes da capital dentro das quatro linhas. E a verdade é que os últimos confrontos entre o clube de Belém e o Benfica têm sido tudo menos… confrontos.

Nas últimas oito partidas disputadas entre ambos, o clube encarnado venceu-as todas. 8 vitórias em que o Benfica marcou 28 golos e não sofreu nenhum! Aliás, para encontrar o último golo marcado pelo Belenenses teríamos de recuar a Setembro de 2013, jogo que acabou com um empate a uma bola.

Não é querer ser má língua, mas enquanto o Belenenses militar na 1ª Divisão, o Benfica tem sempre 6 pontos assegurados. Saldo fantástico!



2. O BENFIQUISMO DE RUI PEDRO SOARES

O líder da SAD d’OS Belenenses é um senhor chamado Rui Pedro Soares, socialista amigo de José Sócrates. Entre outras coisas, foi administrador da Portugal Telecom e vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Envolvido no processo «Face Oculta», é uma personagem cheia de polémicas:

Propôs a instalação de SportTV e BenficaTV nas prisões portuguesas para que o amigo José Sócrates pudesse ver os jogos do Benfica;
Ajudou o Benfica a adquirir os direitos de transmissão da Premier League para a BenficaTV;
Esteve nas comemorações da conquista do campeonato do Benfica;
e está em disputa com o Belenenses clube depois de os associados o acusarem de lesar o clube;

3. CURIOSIDADES

Recuemos à época de 2014/2015. No dia 18 de Abril, à 29º jornada, o Benfica vai a Belém com apenas 3 pontos de vantagem sobre o FC Porto, à altura 2º classificado. Como seria de esperar, as águias venceram os azuis do Restelo por 0-2, com um bis de Jonas. No entanto, o primeiro golo da partida foi… chamemos-lhe… curioso.

Estranho? Nem por isso…

O autor daquele atraso curioso que colocou Lima isolado frente ao guarda-redes foi Pelé, atualmente jogador do Rio Ave, mas que nessa época estava emprestado pelo AC Milan ao azuis do Restelo. Curiosamente (e porque vivemos num mundo de curiosidades), na época seguinte Pelé e Dálcio, que também jogou os 90′ dessa partida, assinaram… pelo Benfica.



Tanto Pelé como Dálcio nunca chegaram a calçar na Luz e foram logo reencaminhados para outras paragens. Pelé foi emprestado ao Paços de Ferreira e Dálcio nem chegou a sair de Belém…

4. AS TRANSFERÊNCIAS BANCÁRIAS

Este jogo entre os Belenenses e o Benfica era de extrema importância para os encarnados uma vez que na jornada seguinte receberiam o FC Porto e qualquer deslize poderia custar o campeonato. Em caso de vitória dos Dragões, igualaríamos pontualmente na tabela classificativa, mas o confronto directo daria vantagem sobre o rival da capital. Acabaríamos por empatar a zero e, assim, claudicar as nossas aspirações a vencer a Liga.

Na jornada 33, dia 17 de Maio, o FC Porto desloca-se ao Restelo e o Benfica a Guimarães. Tanto os Dragões como as águias acabariam por empatar as suas partidas e, a uma jornada do fim e com 3 pontos de vantagem, o Benfica sagrar-se-ia campeão.

Ora, quando se faz uma pesquisa nos emails divulgados, mais concretamente nos tais ficheiro SAF-T, descobrimos duas transferências para os Belenenses provenientes da SAD benfiquista.

A primeira data de 24 de Março de 2015 no valor de 307.500,00€ e a outra transferência “choruda” de 430.500,00€ data do dia 8 de Junho.

Tentamos encontrar mais informação sobre a possível razão de, em menos de 3 meses, o Benfica ter transferido 738 mil euros para o Belenenses, mas não encontrámos. Nessa época e nas anteriores, o Benfica não gastou dinheiro em Belém na contratação de qualquer jogador.

Estranho? Concentremo-nos então nas datas e nos valores das transferências.

A primeira é feita no dia 24 de Março, 3 semanas depois de o Benfica ter visitado Belém e ter vencido da forma… vá lá, curiosa. Já a segunda transferência fez-se no dia 8 de Junho, precisamente 19 dias depois de o FC Porto ter visitado o estádio do Restelo.

Meras coincidências? Talvez. Mas demos uma vista de olhos ao Relatório e Contas da Belenenses, SAD da época 14/15, mais concretamente nos valores do custo com o pessoal.

2.869.844,00€ foi o orçamento anual da equipa nessa época. Ora, e em contas redondas, o Belenenses tinha um custo mensal com o seu plantel no valor de 240.000,00€. Mais coisa menos coisa. Se multiplicarmos este valor por 3 (três meses de vencimentos) perfaz um valor de 720.000,00€.

Lembram-se de quanto o Benfica transferiu no espaço de 3 meses? 738.000,00€. Curioso, não é?

5. Obviamente que haverá alguém que encontrará explicações super interessantes para tais transferências. Se ainda hoje conseguem dizer que os mails são mentira enquanto se queixam de pirataria informática, facilmente arranjaram um álibi para estes 738 mil euros que faça algum sentido.

Contudo, e até porque estas “lendas urbanas” de haver quem salde as dividas de terceiros para benefício próprio são bastante reais e palpáveis, há demasiadas curiosidades para se negar, peremptoriamente, que nada disto se passou e tudo não passa de uns devaneios.

O veredicto deixamos para o leitor decidir. Tem a liberdade de o entender como quiser, de o aceitar, de o rejeitar, de o criticar. Fica ao critério de cada um. No entanto, teremos todos de concordar que certamente explicaria muita coisa que se tem passado nestes últimos anos, nomeadamente o histórico entre estas duas equipas.

FONTE: umdragaonabancada.pt

Vejam o Pelé neste jogo de 2014/2015, e a bela assistência que faz para o golo do Jonas logo aos 5' minutos de jogo.

https://sapodesporto.vsports.pt/vod/24546/m/90232/sapo/4dcba37373ac2c4d86e3efc303b39ec1
Não se passa nada, tudo normal...
SPORTING ATÉ MORRER