Jonathan Calleri - A Bola

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

 Jonathan calleri 3-4M + 2M ordenado 4-5 anos.
Coentrão 3,5M + 4M época 3anos + 1 opção do clube
Médio defensivo 12M + 2,5M ano 5 anos
Lucas evangelista 3M prêmio assinatura 1,5M ordenado 3-4 anos
Iuri pagar 1,5M para resgatar.

O único cenário em que pagar 1.5M para resgatar o Iuri seria aceitável, era se ele tivesse literalmente raptado, e esse fosse o valor que os raptores pediam para o libertar.
 E mesmo assim não sei se preferia tomar a via de acção americana ("We don't negotiate with terrorists") e não gastar nada.
Para 4 extremo. Gelson accuna Matheus e iuri. Para o meio campo: Wendel, Lucas evangelista, Bruno fernandes, contratação trinco e geraldes
Ataque: bas dost, calleri, podence e Rafael leão

Boa equipa para acabar em 3º a lutar com o Braga.
Os nossos rivais assinavam de cruz essa equipa para o Sporting 2018/2019.

 :arrow: :arrow:
Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost.
Prefiro o Vietto, nunca fui particular fã do Calleri.

E continuo com a opinião que o Sporting a contratar um avançado deve ser alguém com um tipo de perfil que encaixe em campo com Bas Dost, e não um suplente do mesmo.

Isso a meu ver é um desperdício de recursos.

Pois para mim o par de Bas Dost chamasse B. Fernandes, não para jogar lado a lado mas sim nas costas do Holandês. Ter B. Fernandes a 8 é desperdiçar talento na zona decisiva do campo, é desperdiçar uma boa capacidade de finalização, último passe e muito boa meia distância. A 8 desgasta-se em missões defensivas, desiquilibra a equipa no processo defensivo porque muitas vezes está tão habituado a estar subido no terreno que acaba por não recuar para ocupar a sua posição e joga muito longe do local de decisões. Além disso Bas Dost toma muito bem conta da área de finalização sozinho sem precisar de companhia. O que é necessário é ter um jogador como seu suplente que dê garantias de golo sempre que chamado, aliás foi isso que se pretendeu com a aquisição de Doumbia, infelizmente sem grande sucesso mas a meu ver era um dos jogadores certos para o plantel.

Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost.

Primeiro, o bom senso dita para não repetirmos os erros desta temporada em curso.E um desses erros foi(e está a ser) o uso excessivo de certos jogadores quase em regime exclusivo, muito pela culpa que existe também das parcas soluções de qualidade para dar descanso aos mesmos(haverá sempre um onze que joga mais que os restantes jogadores, mas é necessário soluções reais para gerir os mesmos).

Bruno Fernandes começou a época a todo o vapor, e nos últimos meses (exceptuando aquela eliminatória com o humilde Astana) tem dado sinais de cansaço óbvios que são reflectidos no seu jogo e produtividade.

Espero não ver mais uma época em que Bruno Fernandes faz jogo sobre jogo, a testar todos os seus limites físicos.

Segundo, a falta de um avançado com capacidade de actuar ao lado de Bas Dost foi uma pecha identificada ainda na presente época pela própria equipa técnica e direcção.

Doumbia não encaixou(nem Jesus quis perder tempo a testar e desenvolver tal solução), Podence tem talento mas não possui a melhor relação com as balizas e Montero chegou ao clube em Janeiro(no falhanço da contratação de Vietto) sendo o tal jogador com esse suposto perfil mas que todos já saibamos que dificilmente iria ser uma aposta ganha nesse papel.

Portanto não é uma opinião só minha, é também uma opinião partilhada a nível interno.

Uma opinião que não choca e é perfeitamente natural, pois em muitos jogos só Bas Dost e Bruno Fernandes foram curtos para desbloquear certos jogos onde o adversário se recolhe no seu sector defensivo.

E nesse contexto até é perfeitamente possível juntar esses três jogadores em campo.


Por isso discordo em gastar milhões num suplente de Bas Dost. Há Rafael Leão para desenvolver(esse sim deveria ser o substituto directo), e se quiserem mesmo um jogador com características similares a Bas Dost existe sempre Spalvis que é nosso e não é preciso gastar mais um tusto.


Adquirir um jogador do perfil do Calleri irá ter a meu ver o mesmo resultado que teve Doumbia.
"Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost." Não é que exista um problema de adquirir um AV para jogar ao lado de Bas Dost, simplesmente acho que é desperdicio de recursos porque, a meu ver, neste momento existem 2 jogadores no plantel que podem fazer esse papel e muito bem: B. Fernandes (posição onde mais gosto de o ver) e R. Leão, a juntar a estes 2 há ainda Podence embora para mim Podence tenha mais perfil de extremo porque ao nível da finalização é muito fraco.
Por isso acho que faz mais sentido ter um verdadeiro 9 para ser a sombra de Dost e que, ao mesmo tempo, tenha carateristicas que possibilitem fazer parelha com Dost em caso de aperto no resultado. No onze base B. Fernandes e Leão são as 1º opções.
Quanto ao que dizes de Leão poder ser o "substituto directo" de Dost, eu discordo. Para mim Leão é um jogador que precisa de espaço, precisa de partir de trás embalado para ganhar vantagem no um para um, não o estou a ver ter grande sucesso em espaços curtos, além disso o jogo de cabeça não é o seu forte apesar da altura que tem. Estar confinado à pequena área, metido no meio dos centrais é apriosionar o seu enorme talento. Para mim as caraterísticas de Leão, isto para já que ainda está a ser moldado, são ideais para jogar como 2º AV podendo vir atrás para pegar no jogo como na jogada que deu golo frente ao Moreirense, ou então como ext/av esquerdo num sistema de 4x3x3. Vejo Leão com as mesmas caraterísticas de jogo de Martial, Rashford e Mbappé.
Quanto a Spalvis, vamos ver como se porta até final da época e na pré-época, se corresponder até pode ser o tal 9 para alternar com Bas Dost. Tenho algumas dúvidas mas é uma possibilidade.
Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost.
Prefiro o Vietto, nunca fui particular fã do Calleri.

E continuo com a opinião que o Sporting a contratar um avançado deve ser alguém com um tipo de perfil que encaixe em campo com Bas Dost, e não um suplente do mesmo.

Isso a meu ver é um desperdício de recursos.

Pois para mim o par de Bas Dost chamasse B. Fernandes, não para jogar lado a lado mas sim nas costas do Holandês. Ter B. Fernandes a 8 é desperdiçar talento na zona decisiva do campo, é desperdiçar uma boa capacidade de finalização, último passe e muito boa meia distância. A 8 desgasta-se em missões defensivas, desiquilibra a equipa no processo defensivo porque muitas vezes está tão habituado a estar subido no terreno que acaba por não recuar para ocupar a sua posição e joga muito longe do local de decisões. Além disso Bas Dost toma muito bem conta da área de finalização sozinho sem precisar de companhia. O que é necessário é ter um jogador como seu suplente que dê garantias de golo sempre que chamado, aliás foi isso que se pretendeu com a aquisição de Doumbia, infelizmente sem grande sucesso mas a meu ver era um dos jogadores certos para o plantel.

Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost.

Primeiro, o bom senso dita para não repetirmos os erros desta temporada em curso.E um desses erros foi(e está a ser) o uso excessivo de certos jogadores quase em regime exclusivo, muito pela culpa que existe também das parcas soluções de qualidade para dar descanso aos mesmos(haverá sempre um onze que joga mais que os restantes jogadores, mas é necessário soluções reais para gerir os mesmos).

Bruno Fernandes começou a época a todo o vapor, e nos últimos meses (exceptuando aquela eliminatória com o humilde Astana) tem dado sinais de cansaço óbvios que são reflectidos no seu jogo e produtividade.

Espero não ver mais uma época em que Bruno Fernandes faz jogo sobre jogo, a testar todos os seus limites físicos.

Segundo, a falta de um avançado com capacidade de actuar ao lado de Bas Dost foi uma pecha identificada ainda na presente época pela própria equipa técnica e direcção.

Doumbia não encaixou(nem Jesus quis perder tempo a testar e desenvolver tal solução), Podence tem talento mas não possui a melhor relação com as balizas e Montero chegou ao clube em Janeiro(no falhanço da contratação de Vietto) sendo o tal jogador com esse suposto perfil mas que todos já saibamos que dificilmente iria ser uma aposta ganha nesse papel.

Portanto não é uma opinião só minha, é também uma opinião partilhada a nível interno.

Uma opinião que não choca e é perfeitamente natural, pois em muitos jogos só Bas Dost e Bruno Fernandes foram curtos para desbloquear certos jogos onde o adversário se recolhe no seu sector defensivo.

E nesse contexto até é perfeitamente possível juntar esses três jogadores em campo.


Por isso discordo em gastar milhões num suplente de Bas Dost. Há Rafael Leão para desenvolver(esse sim deveria ser o substituto directo), e se quiserem mesmo um jogador com características similares a Bas Dost existe sempre Spalvis que é nosso e não é preciso gastar mais um tusto.


Adquirir um jogador do perfil do Calleri irá ter a meu ver o mesmo resultado que teve Doumbia.
"Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost." Não é que exista um problema de adquirir um AV para jogar ao lado de Bas Dost, simplesmente acho que é desperdicio de recursos porque, a meu ver, neste momento existem 2 jogadores no plantel que podem fazer esse papel e muito bem: B. Fernandes (posição onde mais gosto de o ver) e R. Leão, a juntar a estes 2 há ainda Podence embora para mim Podence tenha mais perfil de extremo porque ao nível da finalização é muito fraco.
Por isso acho que faz mais sentido ter um verdadeiro 9 para ser a sombra de Dost e que, ao mesmo tempo, tenha carateristicas que possibilitem fazer parelha com Dost em caso de aperto no resultado. No onze base B. Fernandes e Leão são as 1º opções.
Quanto ao que dizes de Leão poder ser o "substituto directo" de Dost, eu discordo. Para mim Leão é um jogador que precisa de espaço, precisa de partir de trás embalado para ganhar vantagem no um para um, não o estou a ver ter grande sucesso em espaços curtos, além disso o jogo de cabeça não é o seu forte apesar da altura que tem. Estar confinado à pequena área, metido no meio dos centrais é apriosionar o seu enorme talento. Para mim as caraterísticas de Leão, isto para já que ainda está a ser moldado, são ideais para jogar como 2º AV podendo vir atrás para pegar no jogo como na jogada que deu golo frente ao Moreirense, ou então como ext/av esquerdo num sistema de 4x3x3. Vejo Leão com as mesmas caraterísticas de jogo de Martial, Rashford e Mbappé.
Quanto a Spalvis, vamos ver como se porta até final da época e na pré-época, se corresponder até pode ser o tal 9 para alternar com Bas Dost. Tenho algumas dúvidas mas é uma possibilidade.
Na frente era bas dost, podence, Rafael leão, calleri e Bruno Fernandes (por vezes)
A cena é que eles "partem sempre tudo no Tugão" depois é o que se vê... já deixei disso é melhor não criar expectativas.

Excepto algumas excepções.
cabeça, membros e pernas = Varandas 2018
Marcel Keizer vai rebentar tudo! ou não.... ainda vamos ficar com o "Rapa o tacho manel"
Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost.
Prefiro o Vietto, nunca fui particular fã do Calleri.

E continuo com a opinião que o Sporting a contratar um avançado deve ser alguém com um tipo de perfil que encaixe em campo com Bas Dost, e não um suplente do mesmo.

Isso a meu ver é um desperdício de recursos.

Pois para mim o par de Bas Dost chamasse B. Fernandes, não para jogar lado a lado mas sim nas costas do Holandês. Ter B. Fernandes a 8 é desperdiçar talento na zona decisiva do campo, é desperdiçar uma boa capacidade de finalização, último passe e muito boa meia distância. A 8 desgasta-se em missões defensivas, desiquilibra a equipa no processo defensivo porque muitas vezes está tão habituado a estar subido no terreno que acaba por não recuar para ocupar a sua posição e joga muito longe do local de decisões. Além disso Bas Dost toma muito bem conta da área de finalização sozinho sem precisar de companhia. O que é necessário é ter um jogador como seu suplente que dê garantias de golo sempre que chamado, aliás foi isso que se pretendeu com a aquisição de Doumbia, infelizmente sem grande sucesso mas a meu ver era um dos jogadores certos para o plantel.

Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost.

Primeiro, o bom senso dita para não repetirmos os erros desta temporada em curso.E um desses erros foi(e está a ser) o uso excessivo de certos jogadores quase em regime exclusivo, muito pela culpa que existe também das parcas soluções de qualidade para dar descanso aos mesmos(haverá sempre um onze que joga mais que os restantes jogadores, mas é necessário soluções reais para gerir os mesmos).

Bruno Fernandes começou a época a todo o vapor, e nos últimos meses (exceptuando aquela eliminatória com o humilde Astana) tem dado sinais de cansaço óbvios que são reflectidos no seu jogo e produtividade.

Espero não ver mais uma época em que Bruno Fernandes faz jogo sobre jogo, a testar todos os seus limites físicos.

Segundo, a falta de um avançado com capacidade de actuar ao lado de Bas Dost foi uma pecha identificada ainda na presente época pela própria equipa técnica e direcção.

Doumbia não encaixou(nem Jesus quis perder tempo a testar e desenvolver tal solução), Podence tem talento mas não possui a melhor relação com as balizas e Montero chegou ao clube em Janeiro(no falhanço da contratação de Vietto) sendo o tal jogador com esse suposto perfil mas que todos já saibamos que dificilmente iria ser uma aposta ganha nesse papel.

Portanto não é uma opinião só minha, é também uma opinião partilhada a nível interno.

Uma opinião que não choca e é perfeitamente natural, pois em muitos jogos só Bas Dost e Bruno Fernandes foram curtos para desbloquear certos jogos onde o adversário se recolhe no seu sector defensivo.

E nesse contexto até é perfeitamente possível juntar esses três jogadores em campo.


Por isso discordo em gastar milhões num suplente de Bas Dost. Há Rafael Leão para desenvolver(esse sim deveria ser o substituto directo), e se quiserem mesmo um jogador com características similares a Bas Dost existe sempre Spalvis que é nosso e não é preciso gastar mais um tusto.


Adquirir um jogador do perfil do Calleri irá ter a meu ver o mesmo resultado que teve Doumbia.
"Não consigo ver a relação/problema da vinda de um avançado que tenha perfil para jogar ao lado de Bas Dost." Não é que exista um problema de adquirir um AV para jogar ao lado de Bas Dost, simplesmente acho que é desperdicio de recursos porque, a meu ver, neste momento existem 2 jogadores no plantel que podem fazer esse papel e muito bem: B. Fernandes (posição onde mais gosto de o ver) e R. Leão, a juntar a estes 2 há ainda Podence embora para mim Podence tenha mais perfil de extremo porque ao nível da finalização é muito fraco.
Por isso acho que faz mais sentido ter um verdadeiro 9 para ser a sombra de Dost e que, ao mesmo tempo, tenha carateristicas que possibilitem fazer parelha com Dost em caso de aperto no resultado. No onze base B. Fernandes e Leão são as 1º opções.
Quanto ao que dizes de Leão poder ser o "substituto directo" de Dost, eu discordo. Para mim Leão é um jogador que precisa de espaço, precisa de partir de trás embalado para ganhar vantagem no um para um, não o estou a ver ter grande sucesso em espaços curtos, além disso o jogo de cabeça não é o seu forte apesar da altura que tem. Estar confinado à pequena área, metido no meio dos centrais é apriosionar o seu enorme talento. Para mim as caraterísticas de Leão, isto para já que ainda está a ser moldado, são ideais para jogar como 2º AV podendo vir atrás para pegar no jogo como na jogada que deu golo frente ao Moreirense, ou então como ext/av esquerdo num sistema de 4x3x3. Vejo Leão com as mesmas caraterísticas de jogo de Martial, Rashford e Mbappé.
Quanto a Spalvis, vamos ver como se porta até final da época e na pré-época, se corresponder até pode ser o tal 9 para alternar com Bas Dost. Tenho algumas dúvidas mas é uma possibilidade.

 :arrow:

É exactamente isto que venho a dizer desde Novembro!

Acrescento que a falta de um 8 tipo Adrien é uma das duas principais razões para que não consigamos 'ganhar o meio campo' a equipas médias/fortes, gerir os ritmos de jogo (e evitar perder vantagens de 2 ou mais golos por exemplo) e da utilização excessiva do B. Fernandes.

O que falta? Um extremo esquerdo que faça a diferença e um suplente para o Dost (contando que seja feita uma aposta no Wendel para o ano).