Manifesto em defesa do direito à revolta

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Com este texto, devo ter escrito mais neste fórum nas ultimas duas semanas que provavelmente nos últimos 12 meses. O momento assim o obriga.

Escrevo desta vez para trazer à praça pública a responsabilidade da Comunicação Social no clima de terrorismo que se vive no futebol português. A imprensa desportiva, não é de hoje mas de há muitos anos, vive totalmente capturada pelos interesses dos clubes, transformando-se em meras caixas-de-ressonância do que lhes ditam os departamentos de comunicação. Não espanta, por isso, que nenhum jornal desportivo se dedique a fazer investigação.

Para agravar, existe uma total e completa promiscuidade entre os directores destes jornais, jornalistas e colunistas com dirigentes desportivos como se comprovou com o escândalo dos e-mails.
Curiosamente, sabem onde é que os e-mails do benfica não foram um escândalo? Nos jornais desportivos, porque recusaram-se a informar os leitores.

Houve um tempo em que apreciava ver os programas de comentário desportivo, lembro-me deste formato com Dias Ferreira, Fernando Seara e Pôncio Monteiro, ou na Antena 1 que sintonizava para ouvir o Eduardo Barroso, Medeiros Ferreira e Miguel Guedes. E porque era engraçado? Porque transportavam para a televisão e rádio as conversas que todos tínhamos com os nossos amigos no café. Havia clubismo, às vezes algum facciosismo mas também respeito e era suportável falar de futebol.

Mas tudo se alterou com a luta pelas audiências, a chegada da CMTV e a passagem à prática do plano elaborado por Jorge Gabriel para o benfica controlar a opinião desportiva. Mudou porque quem manda nos jornais e televisões foi conivente. E foi conivente porque temem afrontar os Luis Filipe Viera e Pinto da Costa do nosso futebol, como no passado se temia o Ricardo Salgado a quem chamavam DDT – Dono Disto Tudo.

Foi assim que de repente as televisões foram assaltadas por figuras como Pedro Guerra, André Ventura, Calado, Carlos Janela. Além destes, outras que já andavam pelos media, Rui Gomes da Silva, João Gobern, Fernando Guerra, Nuno Farinha, aceitaram fazer parte do circo. Não contentes, nem as plataformas de media-social escaparam a este controlo, brilhando Hugo Gil como ponta de lança da cartilha.

Isto aconteceu num período em que o Sporting estava a procurar reorganizar-se depois de quase ter ido ao fundo e Pinto da Costa andar entretido a comprovar as maravilhas do Viagra.
Quando começamos a perceber o que estava a acontecer, já o “exército” estava em marcha e a todo o vapor. Nunca o termo “fake-news” fez tanto sentido no mundo dos media desportivos como agora. A manipulação da informação é de tal forma evidente que já deixou de ser chocante.

Repare-se que estão à vista de todos os e-mails que o benfica nunca desmentiu, onde constam nomes de jornalistas com carteira profissional que aceitaram escrever notícias condizentes com a vontade do clube. Curiosamente sobre isto o Sindicato dos Jornalistas nunca fez qualquer tipo de comunicado. E nenhum destes jornalistas perdeu o seu emprego.

Na Liga, Federação, Assembleia da Republica, temos personagens que enviavam documentos sigilosos para o Pedro Guerra e ninguém é responsabilizado. Viemos a saber que o mesmo Pedro Guerra e o benfica sabiam mais depressa o resultado de inquéritos desportivos que os envolvidos nesses processos, e ninguém é responsabilizado.

Esta intoxicação da opinião pública, em especial por parte Pedro Guerra e André Ventura que usam da violência verbal para criar um clima de intimidação tem sido validada por senhores da TVI e CMTV porque dá audiências e não lhes interessa hostilizar o clube do regime.

A falta de escrutínio na imprensa desportiva é confrangedora.
Repare-se nisto. Um clube que até pode ser o Sporting apresenta as suas contas e diz que teve um lucro de 30 Milhões de Euros. O que fazem os desportivos? Repetem o que diz o Presidente e publicam o quadro que o clube lhes manda. Ninguém se dedica a olhar para o R&C para perceber de onde vêm aquele dinheiro, se é mesmo assim, se há rubricas escondidas, etc..
Aprendo mais sobre as finanças do Sporting neste fórum ou em alguns blogs como o Mister do Café (passe a publicidade) que na comunicação social. Aliás, neste fórum analisa-se mais à lupa as nossas contas que em qualquer órgão de comunicação social.

Falo das contas, mas podia falar das transferências de jogadores, por exemplo. Ou da relação promiscua do benfica com o BES. Da relação promiscua do FCP com a CMP no tempo de Fernando Gomes e Nuno Cardoso e da forma como foi financiado o Dragão, ou a Centro de Treinos do Olival, em Gaia, por Luis Filipe Menezes que envolveram dinheiros do erário publico. Ou porque não investigar o que se passa no Seixal e os atropelos que tem sido realizados para satisfazer o benfica. Ou ainda as negociatas da EPUL+CML+SLB para a construção da nova Luz à pala do Euro2004. Nenhum destes assuntos alguma vez mereceu uma análise aprofundada.

Sabem quem teve de cumprir à risca o PDM para ter um Pavilhão? O Sporting, que viu projectos chumbados porque faltavam meia dúzia de metros quadrados de área verde. Alguém já foi ver os índices de construção em redor da Luz?

Outro exemplo. Tivemos há muito pouco tempo um caso grave de resultados combinados, fruto das apostas ilegais que levaram à prisão jogadores em actividade e ex-jogadores, alguns que foram internacionais. Qual foi o jornal que se dedicou a investigar este caso? As suas ramificações, consequências? Nenhum!

Curiosamente, quando deu jeito ao benfica o Hulk ficar seis meses sem jogar, a abola fez “investigação” no caso túnel, pressionando a Liga, divulgou as imagens do túnel, e obteve acesso às declarações dos intervenientes. Ou no Apito Dourado, mais uma vez abola esteve na linha da frente, publicando até à exaustão as escutas e escrevendo quilómetros de artigos de opinião sobre a impunidade que reinava no futebol quando se tratava de Pinto da Costa.

Hoje é fácil chamar charlatão a Vale e Azevedo, mas quantas cronicas elogiosas foram escritas por Guerra e Serpa a esta personagem quando era presidente do benfica?
Não foi por acaso que o João Vale e Azevedo só foi preso no dia seguinte a ter perdido as eleições no benfica. Até a justiça teme a confrontação com o futebol, pelo menos temia, com a actual Procuradora-Geral alguma coisa aprece estar a mudar.

Foi neste clima de guerrilha que BdC herda o Sporting, clube que estava destruído em todas vertentes e perdera há muito tempo o comboio nas mais variadas esferas de influência. Para início de mandato teve de lidar com uma restruturação financeira dificílima e para ajudar teve tipos como o Nicolau Santos a escrever no Expresso que se passasse o plano que ia levar a AG ia tudo por-água-abaixo e Carlos Barbosa a chamar-lhe garoto e dar-lhe seis meses como presidente.

Alguém acredita que se ele tivesse tido uma postura humilde e pedisse licença para falar, tinha sobrevivido nesta selva?

Transformou-se num alvo a abater quando acabou com muita promiscuidade que existia dentro do clube, colocou o Sporting a disputar os milhões da Champions com o benfica e porto, e enfrentou a Doyen, Mendes, etc..
Nada do que se está a passar é inocente. Quando alguém enfrenta o “status quo” o mais certo é sofrer na pele, e o BdC está perceber isso agora.

Estes últimos dias foram extraordinários. A AG de sábado e o golo do Coates em Tondela trouxeram ao de cimo a azia que reina na CS. Entre o fórum da TSF, editorial no Publico mais coluna de opinião no mesmo jornal, capas dos desportivos e ser assunto de capa do Expresso Diário On-Line, foi um fartote de artigos sobre o BdC e liberdade de expressão. Sindicato dos Jornalistas, ERC e mais não sei quantas entidades com siglas, saíram da escuridão onde vivem para fazer prova de vida.

O Record chegou ao cúmulo de colocar em causa a continuidade dos patrocinadores no Sporting devido ao “blackout”, questionando directamente a NOS. O que ninguém se lembrou de dizer foi que no passado, LFV entrou na sala de imprensa da Luz com o Record na mão para pedir aos sócios que não comprassem mais o jornal. O mesmo LFV que na inauguração de uma casa do clube em Vila Real, disse aos sócios para deixarem de ver a SIC. O mesmo LFV que invadiu o estúdio da SIC porque estavam a criticar a sua gestão.
Também não vi o Record perguntar à NOS se pensa em deixar o benfica, devido o clube e o seu presidente estarem envolvido em escândalos graves que incluem a corrupção de um juiz-desembargador!

Também ninguém se lembrou de mencionar os jornalistas agredidos enquanto faziam o seu trabalho dentro das Antas ou Dragão, e dos anos em que a SIC esteve proibida de entrar nas instalações do FCP. Nem das agressões verbais entre LFV e PdC que fizeram muitas capas de jornais e muito contribuíram para o envenenamento do ambiente no futebol.

A tudo isto se passa o pano, como se fosse possível apagar a memória, para que o Sporting e BdC possam ser acusados de todos os males do mundo.

Não é bonito um Presidente do Sporting ter necessidade de pedir aos sócios e adeptos que ignorem a comunicação social. Como no passado não foi bonito um presidente do Sporting pedir aos sócios e adeptos para irem para o estádio vestidos de preto.
Sucede que estes actos não ocorreram por geração espontânea. O luto acontece como resposta à vergonha que eram as arbitragens e ainda hoje são. Curiosamente o único clube que em Portugal sofreu um boicote dos árbitros, e por duas vezes, foi o Sporting! O pedido de BdC surge porque deixou de ser possível continuar a ser conivente com o momento actual da comunicação social.

O espantoso nisto é que em vez de os media tentarem perceber porque se revolta um clube, com grandeza e massa crítica do Sporting, contra esta forma de fazer informação preferem juntar-se todos para tentar derrubar o “rebelde”.

Não vão ter essa sorte.
#feitosdeaço
Precisam mais de nós que o contrário.

 :clap: :clap: :clap: :clap:
O Sporting precisa de alma outra vez.
Os OCS acima mencionados de mim não levam um tostão, clique ou audiência. Se todos assim agirem vamos ver quanto tempo aguentam.
Este texto descreve a realidade paralela em que tu, eu e mais uns quantos vivem.
Nós andamos em contra-mão na A1 e os outros é vão no sentido certo.

Mas tudo se alterou com a luta pelas audiências, a chegada da CMTV e a passagem à prática do plano elaborado por Jorge João Gabriel para o benfica controlar a opinião desportiva. Mudou porque quem manda nos jornais e televisões foi conivente. E foi conivente porque temem afrontar os Luis Filipe Viera e Pinto da Costa do nosso futebol, como no passado se temia o Ricardo Salgado a quem chamavam DDT – Dono Disto Tudo.
 ;)
O Jorge apesar de não ser nada que se aproveite, é do Sporting.
Grande Lapa ! (um abraço!)

Só discordo de uma ideia: a de que isto é algo "novo" (ou vá... com poucos anos)

O Sporting foi sempre, sempre prejudicado pela imprensa desportiva (que, diga-se, resumia-se ao orgão oficioso do fenfica). No futebol, no hóquei, no andebol, no ciclismo, no atletismo, no you name it... o que está a acontecer agora é que há muita gente a acordar para isso - até então era o "exagero", o "eles são mais", yada yada yada.

Vivemos verdadeiramente no estado lâmpianico, com algumas derivações ao norte. E é isto.

No fundo, andam a matar o desporto.
Oráculo caído em desgraça.
Sócio SCP desde 1983.
O Record chegou ao cúmulo de colocar em causa a continuidade dos patrocinadores no Sporting devido ao “blackout”, questionando directamente a NOS. O que ninguém se lembrou de dizer foi que no passado, LFV entrou na sala de imprensa da Luz com o Record na mão para pedir aos sócios que não comprassem mais o jornal. O mesmo LFV que na inauguração de uma casa do clube em Vila Real, disse aos sócios para deixarem de ver a SIC. O mesmo LFV que invadiu o estúdio da SIC porque estavam a criticar a sua gestão.
Também não vi o Record perguntar à NOS se pensa em deixar o benfica, devido o clube e o seu presidente estarem envolvido em escândalos graves que incluem a corrupção de um juiz-desembargador!

O Record é do grupo Cofina.

Quem começou com essa historia dos patrocinadores foi o Octavio Machado na CMTV para atacar o nosso presidente , enfim ele tem que justificar o ordenado.

Já as supostas ameaças ao Fernando Mendes tambem apareceram no Record.

Eles não foram contratados pelo Sporting , são comentadores que pensam pela sua própria cabeça , segundo os próprios , mas a pressão para arranjarem insides , ou fazer headlines é muita para justificar o seu ordenado.
Gestão croquética , o clube dos tachos e das tacinhas.

Nenhum discurso para o exterior para apaziguar os lampiões.

Há sempre uma modalidade , um activo para alienar em nome do equilíbrio financeiro.
10 Mandamentos do Sporting

Bruno de Carvalho - melhor Presidente de sempre
Enorme mais uma vez @Nuno Lapa:clap: :clap: :clap:

UNIDOS ninguém terá capacidades para nos derrubar.
23-03-2013 O dia mais feliz da minha vida como sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça;
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem-haja Presidente!
23-06-2018, o pior dia da minha vida como sportinguista. Após campanha orquestrada entre lampiões, croquetes e comunicação social, cai o melhor Presidente da história do clube. Obrigado do fundo do coração Presidente por ter trazido um orgulho e alegria que estavam esmagados no meu coração para mim será eterno.
Excelente texto Nuno as usual!! :clap:
«Já vi o suficiente deste JJ e já lhe tirei as medidas. Com ele, o Sporting não vai a lado nenhum»
@SCP Always in forumscp 22-08-17

Queria aproveitar este momento conturbado e preocupante da vida do nosso Clube para publicamente reconhecer que o amigo tinha toda a razão. Ainda mais do que aquela que na altura todos suponhamos ser possível.
@Toca_do_lobo 18/05/2018
UNIÃO DE AÇO :victory: Força Bruno :clap: Morte aos traidores  >:D SPORTING SEMPRE :venia: 14.066-1 após o futsal acabou-se
Enquanto não se reunirem meia dúzia de sportinguistas com tomates e espalhafatarem o focinho dum árbitro ou de alguém "importante" na bola deste país de gente pequenina, nunca seremos respeitados nem temidos.

Ou acham mesmo que a liga se ganha dentro das 4 linhas com uma bola?

Abraços.
Enquanto não se reunirem meia dúzia de sportinguistas com tomates e espalhafatarem o focinho dum árbitro ou de alguém "importante" na bola deste país de gente pequenina, nunca seremos respeitados nem temidos.

Ou acham mesmo que a liga se ganha dentro das 4 linhas com uma bola?

Abraços.

Isto é, adoptar uma atitude anóloga à daqueles que tanto criticamos.
Não me parece que é essa atitude que o Sporting quer e precisa...

O Sporting, o futebol, o desporto precisa que ganhe o melhor dentro das quatro linhas.
Oráculo caído em desgraça.
Sócio SCP desde 1983.
Enquanto não se reunirem meia dúzia de sportinguistas com tomates e espalhafatarem o focinho dum árbitro ou de alguém "importante" na bola deste país de gente pequenina, nunca seremos respeitados nem temidos.

Ou acham mesmo que a liga se ganha dentro das 4 linhas com uma bola?

Abraços.

Isto é, adoptar uma atitude anóloga à daqueles que tanto criticamos.
Não me parece que é essa atitude que o Sporting quer e precisa...

O Sporting, o futebol, o desporto precisa que ganhe o melhor dentro das quatro linhas.

Sim pois está claro, então não te queixes, se for esse o caso, mas se és dos que acha que está tudo bem, Siga para bingo! Bora lá então para o próximo ano, o outro depois, e por aí fora, o 3º lugar nos espera, e ainda o temos de discutir com o Super Braga! A arbitragem em portugal está em compadrio vitalício com o porto e benfica, porque têm medo deles, MEDO! sabe o que é isso? É aquilo que faz as pessoas tomar decisões que não vão enervar aquelas pessoas que eles temem sentir represálias!
Criou-se um medo à volta das pessoas portistas e benfiquistas que faz com que não podem andar insatisfeitas com o futebol, os sportinguistas vivem no mundo da fantasia do somos diferentes, somos melhores, não fazemos isso, não precisamos, então não têm medo de nós, ponto
Este excelente artigo do @Nuno Lapa merece ser complementado com os acontecimentos de ontem à noite, em que o Vieira convoca uma conferência de imprensa (sem direito a perguntas) a ameaçar para a CS deixar de publicar notícias sobre estes escândalos. Comparar isto com a reacção energética contra o pedido de boicote de BdC para os sportinguistas deixarem de ler má imprensa, ou ver aqueles programas de cartilheiros, enfim...
Este excelente artigo do @Nuno Lapa merece ser complementado com os acontecimentos de ontem à noite, em que o Vieira convoca uma conferência de imprensa (sem direito a perguntas) a ameaçar para a CS deixar de publicar notícias sobre estes escândalos. Comparar isto com a reacção energética contra o pedido de boicote de BdC para os sportinguistas deixarem de ler má imprensa, ou ver aqueles programas de cartilheiros, enfim...
Agora cabe aos sportinguistas nos diversos canais de televisao , perguntar onde e que esta a indignacao dos jornalistas sobre a ameaca do rei da droga e dos pneus.

Mas infelizmente nao vai acontecer, os sportinguistas sao uns cornos mansos, e continuam a ser comidos de cebolada, dizem que gostam muito do presidente mas nao o defendem, por isso e que ele tem razao, se os sportinguistas fizessem o seu papel talvez nao fosse preciso ele ir ao facebook mandar umas  bocas aos cartilheiros e   aos capangas  da comunicacao social .

Nestas coisas e que se ve  o papel da comunicacao social, mas como ja disse tem de ser os sportinguistas a demonstrar  a dualidade  da jornaleirada .
Este excelente artigo do @Nuno Lapa merece ser complementado com os acontecimentos de ontem à noite, em que o Vieira convoca uma conferência de imprensa (sem direito a perguntas) a ameaçar para a CS deixar de publicar notícias sobre estes escândalos. Comparar isto com a reacção energética contra o pedido de boicote de BdC para os sportinguistas deixarem de ler má imprensa, ou ver aqueles programas de cartilheiros, enfim...
Agora cabe aos sportinguistas nos diversos canais de televisao , perguntar onde e que esta a indignacao dos jornalistas sobre a ameaca do rei da droga e dos pneus.

Mas infelizmente nao vai acontecer, os sportinguistas sao uns cornos mansos, e continuam a ser comidos de cebolada, dizem que gostam muito do presidente mas nao o defendem, por isso e que ele tem razao, se os sportinguistas fizessem o seu papel talvez nao fosse preciso ele ir ao facebook mandar umas  bocas aos cartilheiros e   aos capangas  da comunicacao social .

Nestas coisas e que se ve  o papel da comunicacao social, mas como ja disse tem de ser os sportinguistas a demonstrar  a dualidade  da jornaleirada .

 :arrow:

Tens toda a razão @lcustodio.
23-03-2013 O dia mais feliz da minha vida como sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça;
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem-haja Presidente!
23-06-2018, o pior dia da minha vida como sportinguista. Após campanha orquestrada entre lampiões, croquetes e comunicação social, cai o melhor Presidente da história do clube. Obrigado do fundo do coração Presidente por ter trazido um orgulho e alegria que estavam esmagados no meu coração para mim será eterno.