Caso dos Emails: Corrupção da Magistratura/Operação Lex/Escritórios de Adv.

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

A esposa do Domingos Soares de Oliveira vai gostar de ler isto...

Uma toupeira a troco de umas pinadas...
Eu tinha vergonha de pertencer aos 71, VERGONHA!!!
Parecer sobre claques entregue pela Nini (a prima que passou a esposa, isto já não é pessoal) da provedoria da justiça (veja-se alterado por amendes)















http://www.fcporto.ws
https://www.cmjornal.pt/exclusivos/detalhe/depositos-em-notas-na-conta-de-juiz-rui-rangel

https://www.sabado.pt/portugal/detalhe/rangel-recebeu-300-mil-euros-em-notas-de-100

OPERAÇÃO LEX
Rangel recebeu 300 mil euros em notas de 100
06.05.2018 11:26 por Diogo Barreto 84
Depósitos eram feitos regularmente na conta do juiz pelo advogado Santos Martins e pelo filho do magistrado.
Amigos de Rui Rangel depositaram cerca de 300 mil euros na conta do juiz ao longo de quatro anos. Os depósitos eram feitos, por norma, pelo advogado Santos Martins, ou pelo filho do juiz e em notas de cem euros. Há ainda outros depositários não identificados.

A Policia Judiciária analisou as contas do juiz arguido no processo Lex, no âmbito da investigação que decorre no Supremo Tribunal de Justiça. Questionado sobre os depósitos, o juiz optou por não explicar os mesmos, avança o Correio da Manhã na edição deste domingo.
“Optou por não explicar os mesmos”

:lol:

Isto realmente há com cada uma. Um gajo acusado de corrupção, tráfico de influências, etc, “opta” por não explicar como é que andou a mamar 300k pela porta do cavalo. É o auge.
Seja de que maneira for: tenho a certeza absoluta que Marcel Keizer não vai ser treinador do Sporting para a época desportiva 2019/2020.

Aliás, vou já meter esta frase na assinatura para poder ser quotado mais tarde.
Vieira 04/04/2017

" Lentamente temos estado a colaborar em unir o Sporting. Vamos ignora lo " em relação a Bruno de Carvalho.

"Brunismo" expressão usada 1º por Pedro Guerra no Prolongamento.


terça-feira, 8 de maio de 2018
"Apertar o Rangel para ele resolver aquela m****"

Citar


Novos desenvolvimentos no processo Lex envolvendo Luís Filipe Vieira e o juiz Rui Rangel. Hoje, o Correio da Manhã noticia a existência de uma escuta de uma chamada entre o presidente do Benfica e Dr.Jorge Barroso, advogado "que trata das questões imobiliárias de Vieira". Nessa chamada, Vieira diz a Barroso para "apertar o Rangel para ele resolver aquela m****".

A notícia





Resumindo

Segundo a notícia, Luís Filipe Vieira estava a contas com um processo fiscal por uma dívida de 1,6 milhões de euros. Jorge Barroso, advogado de Luís Filipe Vieira para as questões imobiliárias serviu de intermediário nesta negociação com Rui Rangel. Curiosamente, Jorge Barroso já tinha sido candidato nas listas de Rui Rangel à presidência do Benfica, tal como Fernando Tavares. O agora vice-presidente do Benfica foi apelidado por Luís Filipe Vieira como sendo um mentiroso compulsivo nesse acto eleitoral. É engraçado verificar como anos mais tarde são todos "amiguinhos".

Para resolver o "assunto do Luís" foi prometido a Rui Rangel "um cargo futuro na direcção, com vencimento atractivo de director", como contrapartida para a ajudar neste processo.

A 17 de Maio do ano passado Luís Filipe Vieira foi apanhado numa escuta telefónica a dizer a Jorge Barroso para "apertar o Rangel para ele resolver aquela m****". Um verdadeiro discurso de estadista que merece cair no youtube, como aconteceu com as escutas do apito dourado.

Cinco dias depois, a 22 de Maio de 2017, Luís Filipe Vieira, Rui Rangel, Jorge Barroso e Fernando Tavares jantaram no Estádio da Luz. Durante o repasto, Vieira fez notar que não "podia ter o dinheiro parado". A última movimentação relacionada com este assunto foi efectuada a 20 de Julho quando Jorge Barroso, após conversas com Rui Rangel, ligou para o tribunal a marcar uma reunião com o juiz do processo fiscal do presidente do Benfica.


Luís Filipe Vieira, Rui Rangel, Fernando Tavares e Jorge Barroso são arguidos neste processo, que conta ainda com mais dois nomes ligados ao Benfica: João Rodrigues e José Veiga.
Vieira 04/04/2017

" Lentamente temos estado a colaborar em unir o Sporting. Vamos ignora lo " em relação a Bruno de Carvalho.

"Brunismo" expressão usada 1º por Pedro Guerra no Prolongamento.
Nesse o orelhas já não se safa, ainda faltam muitos casos para ficar entalado.
Sporting acima de tudo!    MLB: New York Yankees    NBA: Los Angeles Lakers    NFL: San Francisco 49ers    NHL: New York Rangers    NCAA College Basketball: Michigan State    NCAA College Football: Notre Dame    Snooker: Ronnie O'Sullivan
Um telefonema feito há 1 ano. Imaginam lá o que a PJ terá no meio das escutas feitas entretanto, pq de certeza que tem antes dessa data (17 de maio de 2017) até há bem pouco tempo.
Sporting acima de tudo!    MLB: New York Yankees    NBA: Los Angeles Lakers    NFL: San Francisco 49ers    NHL: New York Rangers    NCAA College Basketball: Michigan State    NCAA College Football: Notre Dame    Snooker: Ronnie O'Sullivan
Comentador terá pedido ajuda a Rangel em processo contra Sporting

Pedro Sousa, antigo director de comunicação do Sporting e actual comentador da TVI, terá pedido em 2015 a Rui Rangel que intercedesse a seu favor junto de um colega que tutelava um processo laboral que o opunha ao clube de Alvalade. Segundo noticia o Correio da Manhã esta quarta-feira, foi José Veiga o intermediário da cunha pedida ao juiz. Em troca – segundo indícios do processo da Operação Lex –, Pedro Sousa ajudaria José Veiga a chegar ao antigo secretário de Estado do Governo PSD/CDS Sérgio Monteiro.

Desde 2013, altura em que foi afastado por Bruno de Carvalho, que Pedro Sousa tinha um litígio laboral com o Sporting. No processo, Pedro Sousa e Irene Palma – também afastada pelo clube – terão exigido cerca de 600 mil euros de indemnização, processo em que Pedro Sousa pediu ajuda a Rangel.

Para que José Veiga o ajudasse, o comentador terá prometido que dava ao antigo empresário de futebol acesso a Sérgio Monteiro, actual assessor do Fundo de Resolução do BES, para que este o ajudasse na compra do Banco Internacional de Cabo Verde.

Segundo o diário, o "trunfo" de Pedro Sousa era a mulher, Patrícia Galo, que conhecia Sérgio Monteiro – por ter sido assessora de Carlos Moedas no Governo – e poderia influenciá-lo e tentar que o banco fosse vendido a José Veiga.

Escutas telefónicas de conversas entre Pedro Sousa e José Veiga foram essenciais para descobrir o pedido de favores, presente na investigação da Operação Lex.
https://www.cmjornal.pt/exclusivos/detalhe/cunha-a-rangel-para-conflito-no-sporting?ref=HP_Grupo1

Citar
Cunha a Rangel para indemnização no Sporting Pedro Sousa, comentador da TVI, queria ajuda do juiz em litígio que tinha com os leões. Por Tânia Laranjo e Henrique Machado|01:30




Pedro Sousa, comentador da TVI ligado ao Sporting, queria em 2015 que o juiz Rui Rangel intercedesse a seu favor junto do colega titular de um processo litigioso que opunha o primeiro ao clube de Alvalade. Estava em causa uma ação laboral – Sousa foi diretor de Comunicação do Sporting - e o intermediário da cunha ao desembargador foi José Veiga.

Em troca Pedro Sousa, que conhece Veiga desde os tempos em que este era empresário de futebol, também prometeu ajudá-lo num negócio importante. E ganhavam todos, segundo o Ministério Público, que sustenta os indícios do processo Lex. Ganhava Pedro Sousa a ação que tinha contra o clube, com a ajuda de Rangel; ganhava Veiga porque Sousa dizia conseguir chegar a Sérgio Monteiro, ex-secretário de Estado do Governo PSD/CDS e atual assessor do Fundo de Resolução do BES, que poderia ajudar Veiga na compra do Banco Internacional de Cabo Verde; e ganhava Rangel, que depois, sempre através do advogado Santos Martins, era subornado por José Veiga.

A mais-valia de Pedro Sousa para ajudar Veiga era a mulher, a ex-jornalista da RTP Patrícia Galo, que era assessora de Carlos Moedas no Governo e conheceria Sérgio Monteiro – sendo que podia influenciá-lo para que o banco fosse vendido a Veiga, que era alvo de objeções do Banco de Portugal.

O Ministério Público deu conta aos arguidos das escutas telefónicas que sustentam os indícios de tráfico de influências: foi escutada uma conversa a 19 de outubro de 2015, em que Pedro Sousa deu conta a Veiga do seu processo e este respondeu que ia tratar com o ‘amigo’ (Rangel). Depois disso, tudo passa por Octávio Correia, o funcionário judicial que trabalhava com Rangel.

No dia seguinte diz a Veiga que o ‘amigo’ já está a tratar do assunto. A 30 do mesmo mês, Octávio e Veiga encontram-se num hotel no Estoril e Veiga telefona a Pedro Sousa para transmitir pormenores do seu processo. Encontram-se depois no escritório de Veiga e a PJ apanha ainda Octávio a entregar um envelope a Veiga.


Escutas levaram a suspeitas da PJ

As escutas da operação Rota do Atlântico, que apanharam referências a Sérgio Monteiro, deixaram o ex-secretário de Estado sob investigação por alegado favorecimento a Veiga na compra do BES Cabo Verde, que depois acabou por não se consumar.

Cadastro limpo para poder comprar banco

José Veiga é considerado no processo da operação Lex como o principal corruptor do juiz Rui Rangel – tendo transferido centenas de milhares de euros para a esfera do magistrado através das contas de dois testas de ferro – o advogado Santos Martins e o filho deste, Bernardo. Em troca, Veiga queria que Rangel o ajudasse na Justiça, nomeadamente num processo que, em 2015, corria contra o empresário no Tribunal Administrativo Fiscal de Sintra.

Em causa estavam as dívidas fiscais de Veiga, que o atrapalhavam na tentativa de compra do BES de Cabo Verde – cujo objetivo a PJ acredita que fosse branquear milhões de euros e de dólares com proveniência em esquemas de corrupção na República do Congo. Para poder comprar o banco, José Veiga precisava de uma declaração de idoneidade do Banco de Portugal, que só seria emitida caso tivesse o cadastro fiscal limpo.

PORMENORES
Marcar café

A 13 e a 14 de outubro, Octávio Correia conversa com Rui Rangel e informa-o de que se vai encontrar com Veiga. Pergunta se lhe quer dar algum recado e Rangel responde para marcar um café com o empresário.

Processo Marquês
Na mesma altura, em 2015, Octávio Correia garantiu a Veiga que Rui Rangel andava atarefado. Estava a decidir processos mediáticos: um deles era o caso Marquês, em que foi o único juiz que deu razão a José Sócrates.
Eu não pesco nada de leis mas num estado de direito subornar ou tentar subornar um juiz deve ser um crime com uma pena engrançada não?? :whistle:
Citar
sex 26/04/2013 18:20
Ana Paula Godinho <apgodinho@slbenfica.pt>
RE: Convite-
Para: 'octavio Correia' <octavio1963@gmail.com>

Olá Tátá

Esta semaninha tou de férias ... 
Pelo andar da carruagem ... vai ser muito dificil de novo ... e percebes certamente ....

Beijinho e Bom fim de semana !

From: octavio Correia [mailto:octavio1963@gmail.com]
Sent: quinta-feira, 18 de Abril de 2013 11:08
To: Ana Paula Godinho
Subject: Convite-

Paulinha vê se consegues arranjar convite para o jogo Benfica_fenerbache 2 de Maio.
 
Obrigado Beijinhos

Tátá?  :lol:
Veêm?? Até o DSO percebe a gravidade da situação, e ainda nem havia caso LEX  :twisted:
« Última modificação: Maio 09, 2018, 21:30 pm por Principe Perfeito »
"If you can survive disappointment, nothing can beat you."

(...) But my dreams have been stolen away.
@skydragon , isso só pode ser mentira. Então a porta 18 recebia traficantes colombianos, e ao mesmo tempo o "pavilhão" recebia "jogatanas" de juízes do STJ?!?!  :twisted:

Citar
qua 12/03/2014 09:47
pedro <pemourao@gmail.com>
Fwd: STJ
Para:Ana Paula Godinho <apgodinho@slbenfica.pt>

Caríssima
O nosso Presidente acabou de me ligar.
Está tudo tratado.
Obrigado.
Bj.
Pedro Mourão

---------- Mensagem encaminhada ----------
De: pedro <pemourao@gmail.com>
Data: 12 de Março de 2014 às 09:30
Assunto: Fwd: STJ
Para: SLB Ana Paula Godinho <apgodinho@slbenfica.pt>

Cara amiga
Enviei este mail ao nosso Presidente e como não tive feed back, tenho receio que não o tivesse recebido. Seria possível perguntar-lhe se recebeu o mail?
Agradeço desde já a sua atenção.
Entretanto e por azelhice minha mudei para um novo telefone e perdi alguns números de telemóveis, como o seu.
Poderia enviar-me.
Obrigado.
Pedro Mourão

---------- Mensagem encaminhada ----------
De: pedro <pemourao@gmail.com>
Data: 10 de Março de 2014 às 18:16
Assunto: STJ
Para: SLB Vieira Luis Filipe <lfvieira@slbenfica.pt>


Meu caro Luís
Lamento incomodar-te, mas os nossos Juízes Conselheiros do Supremo Tribunal de Justiça gostariam de dar uns chutos na bola aí num dos pavilhão.
Seria no próximo dia 20, 5ª feira , às 16 horas, se for possível.
Concretizando-se a jogatana e se estivesses disponível, a tua visita como anfitrião será sempre interessante.
Um abraço.
Pedro Mourão

Vou aproveitar para colocar este post que fiz noutro thread. Tb pode estar aqui:

Ao que parece tb há alguns magistrados. A Ana Paula Godinho até os lista num email que envia ao juiz... angariador (https://oartistadodia.blogspot.pt/2018/03/o-juiz-angariador.html). São eles os seguintes:

  • Celso José das Neves Manata
  • José Eduardo Fanha Vieira
  • Miguel Real Mendes
  • Rodolfo Manuel Mascarenhas Lavrador
  • Rui Rangel
  • Carlos Figueira






 :whistle: :whistle: