Lumor Agbenyenu (Emp. - Goztepe)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Gostei dos poucos minutos que o vi em campo.
será que este jogador chegou ao sporting com o aval do treinador ?

houveram várias oportunidades em que ele poderia ter substituido o coentrao e era sempre o acuna que descia no flanco esquerdo !
Sou brunista ? 
Sou ...è um elogio que me fazes !
Não desgosto, obviamente que tem de ser trabalhado mas parece-me ter pernas para andar, é uma espécie de Alex Sandro em ponto pequeno, com muita potência e muita capacidade ofensiva

Enviado do meu HUAWEI VNS-L31 através do Tapatalk

será que este jogador chegou ao sporting com o aval do treinador ?

Claro que não.
“A lot of football success is in the mind. You must believe you are the best and then make sure that you are.” - Bill Shankly
Tem meia época de Primeira Liga (portuguesa ou outra qualquer) feita. Algum talento mas precisa de rodar. Está menos preparado do que o Jonathan...

O Rio Ave era um bom clube para o fazer, já que perdeu o Yuri Ribeiro (regressou ao benfica).
Tem meia época de Primeira Liga (portuguesa ou outra qualquer) feita. Algum talento mas precisa de rodar. Está menos preparado do que o Jonathan...

O Rio Ave era um bom clube para o fazer, já que perdeu o Yuri Ribeiro (regressou ao benfica).

Não me chocaria colocá-lo por empréstimo numa equipa como o Rio Ave, Chaves ou Vitória SC se tivesse garantias que seria utilizado. Mas se surgir uma oportunidade de vender o Jonathan, prefiro ficar com o Lumor a ir contratar mais um.
Campo Grande paga a traidores.
Tem meia época de Primeira Liga (portuguesa ou outra qualquer) feita. Algum talento mas precisa de rodar. Está menos preparado do que o Jonathan...

O Rio Ave era um bom clube para o fazer, já que perdeu o Yuri Ribeiro (regressou ao benfica).

Não me chocaria colocá-lo por empréstimo numa equipa como o Rio Ave, Chaves ou Vitória SC se tivesse garantias que seria utilizado. Mas se surgir uma oportunidade de vender o Jonathan, prefiro ficar com o Lumor a ir contratar mais um.

O Vitória tem o Konan, o Chaves cheira-me que vai apostar no Furlán ou tentar manter o Djavan, o Rio Ave tem o Bruno Teles mas que não vai para novo e perdeu o Yuri Ribeiro, que era o titular e vai regressar ao benfica.

Preferia ficar com o Jonathan e emprestar o Lumor, até porque ele não deve estar com grande mercado depois desta última época, mas se entenderem o contrário...
Se o objetivo for ficar com o Coentrão, então considero o Lumor curto para backup. Se a intenção é contratar um DE com qualidade e que dê maiores garantias físicas, então o Lumor pode ficar.
Dei lhe 5 ou 6 jogos a titular e depois fazemos uma avaliação deste jogador, sei que defensivamente ira acabar por cometer um erro ao outro...mas no restante  não tenho a menor duvida que ira surpreender muito boa gente.
Dei lhe 5 ou 6 jogos a titular e depois fazemos uma avaliação deste jogador, sei que defensivamente ira acabar por cometer um erro ao outro...mas no restante  não tenho a menor duvida que ira surpreender muito boa gente.

 :arrow: :arrow:

tambem acredito nisso..21 anos e um lateral muito promissor
Se o objetivo for ficar com o Coentrão, então considero o Lumor curto para backup. Se a intenção é contratar um DE com qualidade e que dê maiores garantias físicas, então o Lumor pode ficar.

E se esse jogador se lesiona?

A minha opinião quanto à permanência do Lumor no plantel mudou com a mais que provável saída do Acuña. É que se o titular se lesiona ainda havia o argentino que podia jogar a lateral (actuando o Matheus ou Raphinha à sua frente), assim... é curto.
Se o objetivo for ficar com o Coentrão, então considero o Lumor curto para backup. Se a intenção é contratar um DE com qualidade e que dê maiores garantias físicas, então o Lumor pode ficar.

E se esse jogador se lesiona?

A minha opinião quanto à permanência do Lumor no plantel mudou com a mais que provável saída do Acuña. É que se o titular se lesiona ainda havia o argentino que podia jogar a lateral (actuando o Matheus ou Raphinha à sua frente), assim... é curto.

E se o Dost se lesiona? E se o Bruno se lesiona? Nunca conseguimos ter um plantel homogéneo na sua totalidade. E num ano onde teremos de voltar a apertar o cinto por todas as razões e mais algumas ... :inde:

Considero o Lumor uma alternativa viável se o titular for alguém que dê mais garantias físicas que o Coentrão. Se o Fábio ficar, então sim, devemos ir ao mercado e o Lumor deve ser emprestado (e como falaste acima, o Rio Ave era uma ótima opção).
Se o objetivo for ficar com o Coentrão, então considero o Lumor curto para backup. Se a intenção é contratar um DE com qualidade e que dê maiores garantias físicas, então o Lumor pode ficar.

E se esse jogador se lesiona?

A minha opinião quanto à permanência do Lumor no plantel mudou com a mais que provável saída do Acuña. É que se o titular se lesiona ainda havia o argentino que podia jogar a lateral (actuando o Matheus ou Raphinha à sua frente), assim... é curto.

E se o Dost se lesiona? E se o Bruno se lesiona? Nunca conseguimos ter um plantel homogéneo na sua totalidade. E num ano onde teremos de voltar a apertar o cinto por todas as razões e mais algumas ... :inde:

Considero o Lumor uma alternativa viável se o titular for alguém que dê mais garantias físicas que o Coentrão. Se o Fábio ficar, então sim, devemos ir ao mercado e o Lumor deve ser emprestado (e como falaste acima, o Rio Ave era uma ótima opção).

Não percebo o raciocínio, ou melhor, percebo mas acho que podemos encontrar um ponto de encontro. Claro que os suplentes serão sempre inferiores aos titulares, a minha questão é só uma, se têm qualidade para ser alternativas.

Se o Bruno não jogar, entra o Wendel em quem, com uma pré-época em cima, tenho mais confiança do que no Lumor. Se o Dost não puder jogar, entra o Rafael Leão que para mim é um predestinado, um daqueles jogadores que formamos de 3 em 3 anos (do nível de um Gelson quando este subiu à equipa principal). O Lumor? Acho curto.

Há um nível exigido aos titulares e um nível exigido para se fazer parte do plantel. A questão é se o Lumor tem qualidade para fazer parte de um plantel do Sporting atual. Eu não tenho certezas, tenho algumas dúvidas. Certeza só tenho que lhe faria mesmo muito bem um ano a rodar num Rio Ave ou até Portimonense (Rafa irá para o Porto).

Quanto à permanência do Fábio, acho que seria uma péssima ideia...
Muitos do que aqui falam do LUMOR, se fossem recebidos como ele o foi pelo JJ, e alem de poucos minutos que jogou , os mesmo foram em fim de jogos que o resultado estava incerto...QUANDO ENTRASSEM em campo BOARAVAM SE TODOS.

Não tenho a menor dúvida que Lumor é belíssimo jogador, é certo que defensivamente parece imaturo, mas é bom fisicamente e tem tudo para melhorar e só melhora com jogos.

A este só faltou ter entrado no inicio de época e não jogar e depois jj coloca lo a titular com o POrto ou benfica e tira lho ao fim de 45`...Entregue esta equipa a um treinador, com princípios, valores e que olhe para todos os jogadores de igual forma e depois consoante o rendimento deles faça as suas escolhas...se no Sporting funcionasse assim não tenho a menor dúvida que Lumor nos ultimsos 2 meses faria MUITO MAIS MINUTOS!
Gosto bastante deste jogador, e acho que com mais oportunidades e treinos pode se tornar titular indiscutível, e ninguém me tira da ideia que foi contratado á rebelia do JJ
Não sou Sportinguista de Coração, porque esse um dia para...

Sou Sportinguista de Alma pois essa é Eterna!!
#feitodesporting
Se o objetivo for ficar com o Coentrão, então considero o Lumor curto para backup. Se a intenção é contratar um DE com qualidade e que dê maiores garantias físicas, então o Lumor pode ficar.

E se esse jogador se lesiona?

A minha opinião quanto à permanência do Lumor no plantel mudou com a mais que provável saída do Acuña. É que se o titular se lesiona ainda havia o argentino que podia jogar a lateral (actuando o Matheus ou Raphinha à sua frente), assim... é curto.

E se o Dost se lesiona? E se o Bruno se lesiona? Nunca conseguimos ter um plantel homogéneo na sua totalidade. E num ano onde teremos de voltar a apertar o cinto por todas as razões e mais algumas ... :inde:

Considero o Lumor uma alternativa viável se o titular for alguém que dê mais garantias físicas que o Coentrão. Se o Fábio ficar, então sim, devemos ir ao mercado e o Lumor deve ser emprestado (e como falaste acima, o Rio Ave era uma ótima opção).

Não percebo o raciocínio, ou melhor, percebo mas acho que podemos encontrar um ponto de encontro. Claro que os suplentes serão sempre inferiores aos titulares, a minha questão é só uma, se têm qualidade para ser alternativas.

Se o Bruno não jogar, entra o Wendel em quem, com uma pré-época em cima, tenho mais confiança do que no Lumor. Se o Dost não puder jogar, entra o Rafael Leão que para mim é um predestinado, um daqueles jogadores que formamos de 3 em 3 anos (do nível de um Gelson quando este subiu à equipa principal). O Lumor? Acho curto.

Há um nível exigido aos titulares e um nível exigido para se fazer parte do plantel. A questão é se o Lumor tem qualidade para fazer parte de um plantel do Sporting atual. Eu não tenho certezas, tenho algumas dúvidas. Certeza só tenho que lhe faria mesmo muito bem um ano a rodar num Rio Ave ou até Portimonense (Rafa irá para o Porto).

Quanto à permanência do Fábio, acho que seria uma péssima ideia...

Acho que aqui a discórdia talvez se prenda mais em relação ao valor do Lumor. Não o acho assim tão mau (ou pouco preparado) e num ano onde não vamos ter Liga dos Campeões (onde a dificuldade dos jogos é muito maior, o que dificulta possíveis rotações na equipa), não acho assim tão má ideia ficar com o Lumor, sempre como alternativa, logicamente. Até porque se cedes o Lumor, não tens de comprar um lateral, mas sim dois e como sabes, as coisas não estão fáceis.

Sobre o Fábio, dependerá sempre do salário que pretende auferir. Se aceitar reduzir de forma considerável, gostava que ficasse por cá. Caso contrário, pode ir à sua vida.
 Eu prefiro o Lumor, ao Acuña.

 Num quadro de enorme exigência, nenhum dos dois.
“We have to be compact, close together tactically, and if you are close then you have options to play with. You don't always have to try the most risky ball if you are compact. You have to run, to fight, until the moment, and then ... bang, you take it.”

Jurgen Klopp


... ninguém me tira da ideia que foi contratado á rebelia do JJ

não foi escolha dele, é verdade. e veio para o Sporting por influência indirecta dum outro negócio de inverno.
quanto ao que vale ou pode valer... não faço ideia. não vi nada, para já.
let us fight until the end. let me try at least that - fight. Pep Guardiola
Este jogador pouco ou nada teve oportunidade de mostrar até agora, essa oportunidade deve ser-lhe dada, sempre sem grandes expectativas.
Acho que devia fazer a Pré-época. A irmos ao mercado (ou vem o Fábio ou ir buscar um titular craque), ficava com este ou com o Jonathan e emprestava o outro.