Basquetebol Sénior Masculino - Regresso na Época 2019/2020

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.



Era o presidente da escola de treinadores ou algo similar. Que seja uma mais valia.
"É um orgulho estar no Sporting. Quem não conhece o Sporting sabe muito pouco de futebol"  Tales  3-9-2010
"É fraqueza entre ovelhas ser Leão." (Lusíadas, I-68)
Ouvi dizer que íamos buscar os jogadores "que queríamos e não os que podíamos", será que temos assets para convencer os Pelicans a abdicarem do Davis? Os Lakers afastaram-se um bocado agora.
Ouvi dizer que íamos buscar os jogadores "que queríamos e não os que podíamos"...

Essa é mesmo boa... Parece que aqui não se brinca em serviço. Que o Sporting venha, a seu tempo, a obter a sua justa "parte de Leão" no basquetebol nacional.
"É fraqueza entre ovelhas ser Leão." (Lusíadas, I-68)
Citar



 “Vamos recrutar quem queremos, não quem podemos”
Por Sporting CP
05 Fev, 2019
Basquetebol

José Tavares reforça direcção do Basquetebol

O Sporting apresentou o seu novo Director de Basquetebol. José Tavares voltará a uma casa que bem conhece para dirigir a modalidade Leonina, que volta às competições seniores após 24 anos sem qualquer equipa no escalão principal.

Para o agora dirigente, este convite foi recebido com felicidade e orgulho: “Sinto-me muito feliz e muito orgulho pelo convite que me foi formulado, através do Doutor Miguel Afonso, que curiosamente foi meu atleta aqui no Sporting, em juniores. Não podia recusar um convite deste género.”


José Tavares esteve no Clube Leonino desde 1987 até 1994/1995, época em que iria treinar o escalão principal em conjunto com o ucraniano Valentin Milnichuk. Durante os oito anos ao serviço do Sporting, foi treinador de juniores e coordenador da formação da modalidade.

O coordenador falou à Sporting TV e ao Jornal Sporting sobre a preparação da próxima época, onde assegurou que está em contacto constante Luís Magalhães, treinador escolhido para liderar este grupo: “Estamos a procurar fazer a equipa. Há três projectos muito grandes na Liga e o Sporting vai entrar ao mesmo nível.”

A formação não foi esquecida por José Tavares: “O facto de já termos a modalidade até ao escalão de sub-18 e sub-19, este nos femininos, torna o processo todo mais simples. Por vezes, o mais difícil é vencer a inércia, estar a construir tudo de novo. Neste momento temos jogadores e treinadores. Só precisamos de fazer pequenos acertos e tentar melhorar as condições de trabalho e aumentar o número de praticantes e a qualidade dos mesmos.”

O recrutamento para esta equipa está também a ser pensado ao pormenor: “Quando falhamos no recrutamento, falhamos numa época. Estamos a fazer as coisas com muita calma, com tempo. Vamos recrutar quem queremos, não quem podemos.”

“O Sporting terá de conseguir competir com os três principais adversários da modalidade, a UD Oliveirense, o Benfica e o Porto. É esse o nosso projecto. Entre todos os níveis temos que estar entre os melhores. Nós somos os melhores”, rematou o agora Director de Basquetebol.


https://www.sporting.pt/pt/noticias/modalidades/basquetebol/2019-02-05/vamos-recrutar-quem-queremos-nao-quem-podemos
Ainda está tudo no segredo dos Deuses nesta secção? ninguém tem umas prendas para partilhar?
SL