Atletas portugueses medalhados

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Este ano tem se o exemplo do Estoril Open que tinha os courts todos vazios.

Acerca desses desportos que falas quer os canais dos clubes quer a bola TV transmite esses desportos. Eu vi as finais e os playoffs todos de andebol...

Ciclismo farta-se de passar na eurosport. Ténis passa também na eurosport e na Sport TV. Golfe tem canal próprio. NBA e a Euro league tens também na Sport TV. Os meeting de atletismo tens na eurosport. Bela falácia essa de não passar desporto para além de futebol em Portugal. Tomara muitos países passarem tanto desporto.

A final de andebol foi aquela onde clube x não queria deixar entrar os adeptos de clube y e depois a federação ameaçou tirar a vantagem casa ao clube x caso os adeptos do clube y não pudessem entrar quando antes, nas meias finais, o clube x fez o mesmo ao clube z e a federação não fez nada. É a esta final que te referes, correcto?

O desporto em Portugal vive num clima de guerra autêntico cheio de pessoas mesquinhas onde se tenta ganhar a todo o custo. Por algum motivo te dei o exemplo do basquetebol com a PT e a Oliveirense

E sobre o resto, qual é a divulgação que essas provas que passam na Eurosport têm? Como é suposto eu saber o que vai dar e em que canal? Só se estiver a fazer zapping e por acaso apanhar uma publicidade ou mesmo o evento em directo

Ainda há bocado fui ao site do record. O Barcos é o destaque no site deles.
Sporting good
Dream Team Summer 19: Renan, Rosier, Coates, Mathieu, Acuña, Battaglia, Wendel, Robertone, Raphinha, Camacho, Bas Bost
Vamos ser campeões manos
A questão é: a nossa imprensa é reflexo da sociedade ou a sociedade come o que a imprensa lhe dá? Provavelmente é um misto. Mas lá está, eu não aceito que no dia de abertura da competição mais importante do desporto a capa de um jornal desportivo seja o Castaignos.
Mas tu achas que a maioria da população não é influenciável? Achas que se, à semelhança da Marca ou do L'Equipe, as nossas capas dos jornais fossem com os JO, não haveria mais gente a entusiasmar-se e a perceber a importância disso? Basta ver como eram os nossos jornais desportivos há 20 anos atrás e a forma como os portugueses vibravam com outros desportos e comparar com agora, que só se pensa em futebol.
Falta para aí as medalhas de Bronze da Fernanda Ribeiro nos Jogos de Sydney em 2000, e do Rui Silva em Atenas em 2004, pelo menos que eu saiba.
SL
Falta para aí as medalhas de Bronze da Fernanda Ribeiro nos Jogos de Sydney em 2000, e do Rui Silva em Atenas em 2004, pelo menos que eu saiba.
SL

Na notícia falam delas.
Voltamos as bases.
É impossível a população em geral seguir outros desportos se não tem a tal "cultura desportiva".
O bicho ganha se praticando e investindo tempo e t€mpo.
Por exemplo,  os australianos são doidos por natação.
Porque têm imensos praticantes,  porque ganham e porque as pessoas vêem,  é pescadinha de rabo na boca.

Sent from my Redmi Note 3 using Tapatalk

Sempre Sporting!
Voltamos as bases.
É impossível a população em geral seguir outros desportos se não tem a tal "cultura desportiva".
O bicho ganha se praticando e investindo tempo e t€mpo.
Por exemplo,  os australianos são doidos por natação.
Porque têm imensos praticantes,  porque ganham e porque as pessoas vêem,  é pescadinha de rabo na boca.

Sent from my Redmi Note 3 using Tapatalk

Lógico. Se as crianças praticassem desde pequenas, os pais iam acompanhá-lo, iam ver as modalidades com eles na tv, iam-se entusiasmar e por aí adiante.
Basicamente, é isto...

“Tinha de ser o meu dia. É uma medalha conquistada com sangue lusitano"

Judoca portuguesa Telma Monteiro conseguiu a medalha de bronze na categoria - 57kg.




Telma Monteiro conseguiu a primeira medalha portuguesa nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e garantiu que esta é uma medalha de todos os portugueses e conseguida com muito esforço.

Regressada de uma lesão, a judoca afirmou que “Deus sabe tudo” e que foi “paciente para esperar, para continuar a trabalhar e nunca deixar de acreditar”.

“Hoje tinha de ser o meu dia”, confessou.

“Foi um dia de completa superação. Vinha de uma lesão, fui operada há menos de cinco meses e meio, competi com o joelho ligado e o mais importante é que acreditei, lutei, não deixei que a idade ou que os Jogos Olímpicos que passaram, que me não tinham corrido bem, fossem um fantasma”, explicou.

“Lutei com tudo o que tinha e acreditei que se estava aqui era para fazer história pelo meu país”

Telma Monteiro dedicou a medalha de bronze à família, ao clube e aos treinadores mas deixou uma mensagem especial aos portugueses.

“Quero agradecer a todos por me apoiarem, é uma medalha que não é minha, é nossa, uma medalha de Portugal, que eu conquistei com sangue lusitano, com a raça, com o querer”, disse, deixando ainda uma palavra de esperança aos mais novos: “A todas as crianças que me estão a ver, vale a pena lutarmos pelos nossos sonhos”

https://www.noticiasaominuto.com/desporto/635634/tinha-de-ser-o-meu-dia-e-uma-medalha-conquistada-com-sangue-lusitano?&utm_medium=social&utm_source=facebook.com&utm_campaign=buffer&utm_content=geral
Sangue lusitano.
É bem!
Parabéns.
Hoje ao ler um artigo sobre a Simone Biles, dei por mim a ver uma coincidência que tem com a Rafaela Silva (a brasileiro que ganhou no Judo). As duas passaram por psicólogos desportivos nos últimos anos. Continuo a dizer que em Portugal dá-se muito pouca importância a esta vertente do desporto e da vida.
EQUIPA OLÍMPICA PORTUGAL

Há 32 anos, no dia 12 de agosto de 1984, Carlos Lopes entrou decisivamente na história do desporto português, conquistando a primeira medalha de ouro lusa em Jogos Olímpicos, ao vencer a maratona dos Jogos Olímpicos de Los Angeles.

Hoje ao ler um artigo sobre a Simone Biles, dei por mim a ver uma coincidência que tem com a Rafaela Silva (a brasileiro que ganhou no Judo). As duas passaram por psicólogos desportivos nos últimos anos. Continuo a dizer que em Portugal dá-se muito pouca importância a esta vertente do desporto e da vida.

Concordo totalmente, é um aspeto a rever pelas federações e pelos clubes.
Daqui a umas horas isto precisa de ser actualizado.  :twisted:
vos nos últimos anos. Continuo a dizer que em Portugal dá-se muito pouca importância a esta vertente do desporto e da vida.

Concordo totalmente, é um aspeto a rever pelas federações e pelos clubes.

Quais as tuas esperanças?
Citar
Portugal no pódio olímpico
JORGE MIGUEL MATIAS e JOSÉ ALVES 20/08/2016 - 21:32 (actualizado às 00:00 de 01/01/1900)
Participou nos Jogos Olímpicos pela primeira vez em 1912 com seis atletas mas não trouxe nenhuma medalha. A primeira, de bronze, só aconteceu nos jogos de Paris em 1924. Desde essa altura até hoje já conquistou 24.