Rafael Leão

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

O pessoal fala muito das capas com litros de baba para os mega-craques da formação da pardalagem, mas pelos vistos queria igual aqui.  :mrgreen:

Deixem lá o puto crescer e evoluir com calma, sem hypes desmedidos e já a falar-se em transferências de 30, 40, 50M...  ^-^

Quanto menos folclore e capas melhor, só estraga.

 :arrow: :arrow:

[OFF TOPIC]
Os hypes desmedidos aqui no forum não fazem mal a ninguém, o problema é o hype das pessoas que gravitam á volta destes miúdos espero que não seja o caso do Leão.

O Bruma tinha o Pai, o Empresário o Advogado e sei lá mais quem a contar com o  euromilhões nas pernas do miúdo. 

Vai se ver os jogos dos júnior, iniciados e alguns pais são uma autentica vergonha, que tristeza.

[/OFF TOPIC]
[OFF TOPIC]
Os hypes desmedidos aqui no forum não fazem mal a ninguém, o problema é o hype das pessoas que gravitam á volta destes miúdos espero que não seja o caso do Leão.
[/OFF TOPIC]

Sem duvida... pessoas que ou nao acreditam no valor real do jogador, ou simplesmente so pensam a curto prazo.

Gerando o hype certo, seja nos bastidores ou na imprensa, e possivel fazer grandes negócios com jogadores praticamente desconhecidos. O mercado dos jogadores e basicamente uma BOLSA, ou um casino.

Exemplos conhecidos como o grande Bebe ou de variadíssimos jogadores sul-americanos...

Hoje em dia, devido a esta realidade, tens clubes a contratar putos de 11 anos ou mais novos ainda... na esperança do investimento ser menor / ter menos risco.

E preciso mais regulamentação e escrutínio.
Citar
«RAFAEL LEÃO? NÃO VAMOS INVENTAR UM JOGADOR…»
SPORTING 13:42
Por
Redação
Questionado se, depois da estreia no Campeonato frente ao Feirense, Rafael Leão pode, também, fazer o primeiro jogo na Liga Europa, Jorge Jesus atirou:

- Teve a primeira oportunidade frente ao Feirense, é um jogador que tem vindo a trabalhar com a equipa profissional e a fazer um trabalho específico mais virado para os fatores físico e tático. Tem talento, mas não vamos inventar um jogador. Tem muito que aprender e não vai jogar sempre, vai passo a passo porque sabemos o valor dele.

O treinador do Sporting falava na antevisão ao jogo de quinta-feira com o Astana, no Cazaquistão, referente à primeira ‘mão’ dos 16 avos de final da Liga Europa.

A Bola
Como quem diz... ainda é chinês para ele e tão cedo não deve jogar.
Já ficou com os olhos em bico
Saudades da verdadeira aposta na formação
A minha história e do meu tio contada por mim na Sporting Tv
Saudades da verdadeira aposta na formação

Só existiu essa aposta da forma que existiu, porque não havia dinheiro para mais. Não tenho saudades nenhumas desses tempos.
Saudades da verdadeira aposta na formação

Só existiu essa aposta da forma que existiu, porque não havia dinheiro para mais. Não tenho saudades nenhumas desses tempos.

Pois, mas curiosamente o melhor médio defensivo da liga é da formação do Sporting, guarda redes a mesma coisa, extremo a mesma coisa. A Selecção nacional que venceu o europeu estava cheia de jogadores formados no Sporting. É preciso um equilibrio sim, como é óbvio, mas isso do dinheiro...já gastamos muito dinheiro em muito jogador bem inferior ao que sai da formação.

Saudades da verdadeira aposta na formação

Só existiu essa aposta da forma que existiu, porque não havia dinheiro para mais. Não tenho saudades nenhumas desses tempos.

Sim o que uma coisa invalida a outra? Se não temos soluções plausíveis, e tendo uma das melhores academias de mundo. Os jogadores têm de sair de algum lado, porque temos que sempre comprar? o amigo abaixo, referiu exatamente isso, a maioria dos jogadores da selecção são formados no Sporting...
A minha história e do meu tio contada por mim na Sporting Tv
Saudades da verdadeira aposta na formação

Só existiu essa aposta da forma que existiu, porque não havia dinheiro para mais. Não tenho saudades nenhumas desses tempos.

O Barça por exemplo é dos clubes mais ricos do mundo e aposta bastante na formação.

Sim o que uma coisa invalida a outra? Se não temos soluções plausíveis, e tendo uma das melhores academias de mundo. Os jogadores têm de sair de algum lado, porque temos que sempre comprar? o amigo abaixo, referiu exatamente isso, a maioria dos jogadores da selecção são formados no Sporting...
A minha história e do meu tio contada por mim na Sporting Tv
Sim, mas a aposta na formação dar resultados não foi só porque sim-

O Sporting neste momento não tem jogadores para entrar na equipa e fazer a diferença. Temos vários que seriam boas 2as linhas, por exemplo continuo a pensar que o Medeiros e o Mané foram mal aproveitados, mas além deles quem mais é que temos que podia ter sido integrado? O resto é extremamente inconstante, estão bem a crescer sem pressão.
Francisco Geraldes,Matheus Pereira...mais jogadores que Bruno César, B.Ruiz e Ruben Ribeiro por exemplo.

Domingos Duarte, mais central que o Marcelo que vem para a próxima época.

Quando os da formação são melhores têm é que jogar, se conseguirmos contratar melhor que os da formação a história é outra...e não esquecer que neste momento da formação titulares temos 3 jogadores, 2 deles devem ser vendidos no Verão...fica o Rui.  ::)
Francisco Geraldes,Matheus Pereira...mais jogadores que Bruno César, B.Ruiz e Ruben Ribeiro por exemplo.

Domingos Duarte, mais central que o Marcelo que vem para a próxima época.

Quando os da formação são melhores têm é que jogar, se conseguirmos contratar melhor que os da formação a história é outra...e não esquecer que neste momento da formação titulares temos 3 jogadores, 2 deles devem ser vendidos no Verão...fica o Rui.  ::)

Deixa de dizer m**** e criar mitos pelo amor de Deus.  :menos:



Toda a gente sabe que o Jota só tem olhos para a Academia do Sporting.  :mais:
"Brace Yourselves, Winter is Coming. "
Gostei muito da entrada dele no jogo contra o Feirense, espero que tenha nova oportunidade de jogar hoje.

Para quem o conhece melhor, ele é mais PL ou para jogar atrás do PL?
Espero que sejas titular hoje ou que pelo menos entres na segunda parte e jogues atrás do Doumbia.
Quero que sejas mais objetivo e que só tenhas olhos para a baliza e não tenhas medo de partir o adversário.
Não tens nada a perder por isso vai-te a eles Leão.
Estou em guerra contra os croquettes.
Gostei muito da entrada dele no jogo contra o Feirense, espero que tenha nova oportunidade de jogar hoje.

Para quem o conhece melhor, ele é mais PL ou para jogar atrás do PL?
Atrás do PL
"O Sporting não é o clube do tass bem", Paulo Freitas
A aposta nos jovens é ponto de honra de quem é Sportinguista. Todos nós queríamos um plantel made in Alcochete. Agora, será isso possível no actual enquadramento da equipa? Pego num dos símbolos máximos da nossa formação. O grande Rui Patrício. Quantos anos esteve Rui a ser apupado pelos adeptos? Quantos anos esteve Rui a dar barraca e a perder pontos? Quantos anos esteve Rui no limbo de ser um fiasco ou um ídolo. Hoje batemos no peito que o Rui é um dos nossos e um dos melhores do mundo. Mas lembro-me bem do que era o frenesim nas bancadas cada vez que a bola ia na direcção da baliza. O Rui cresceu, progrediu mas com essa aposta o Sporting penou muitos pontos. Hoje temos um grande guarda redes mas o percurso até aqui chegar foi agoniante. Pensar em aposta na formação, temos igualmente de pensar se estamos preparados para perder pontos à custa dessa formação.

Neste momento, quem leu até agora, já se está a afiambrar para me lembrar que temos jogadores mais velhos mas menos talentosos ou ainda que não apostamos nos nossos mas vamos apostar em jovens promessas estrangeiras. Calma, também concordo com isso. O que eu defendo é que deve haver critérios bem definidos para a integração e protecção dos jovens valores e dos objectivos da equipa.

Falaram ai em cima de vários nomes de jovens jogadores que por uma razão ou outra não contam para o plantel. Alguns dos nomes, na minha opinião, não tem lugar e não terão lugar no Sporting. São jogadores formados no clube mas não tem talento suficiente para os enquadrar num plantel actual ou futuro. A solução para esses é valorizar e vender a baixo custo, ficando com percentagens sobre futuras vendas. Existem outros nomes, que apresentam um talento promissor mas que ainda não tiveram maturação suficiente para enquadrar o plantel actual mas que futuramente podem ser uma opção. A esses defendo um processo evolutivo consistente desde uma segunda Liga à primeira Liga em equipas com diferentes objectivos ou um empréstimo em outras ligas para moldar o talento e acrescentar maturidade. Uma evolução tanto a nível de objectividade como um claro acrescento de dificuldade em se afirmarem nessas mesmas equipas para que quando derem o salto para o Sporting, não aja dúvidas quanto ao seu crescimento e certeza de afirmação. Dou como exemplo Francisco Geraldes. Um talento mas inconstante. Passou a etapa da segunda Liga com brilhantismo, ajudou uma equipa com objectivos de manutenção a ser cumpridos, está actualmente numa equipa com objectivos europeus e quiçá para o ano terá crescido o suficiente e ter a maturidade competitiva para representar o Sporting. Mas, será que o Sporting tem capacidade para absorver Geraldes? É que não basta o jogador crescer por etapas. a equipa também tem de crescer etapas para poder absorver estes jovens. Eles não podem ser os Messias a salvar a equipa. Terá de a equipa ter condições de estabilidade para absorver os erros normais de crescimento dos jogadores sem hipotecar os objectivos da equipa.

Além disso, existia uma clara dependência económica da equipa que não permitia segurar as reais pérolas da academia. Por truta e meia lá ia um talento. Esse talento ia despontar já com as cores de outros emblemas. Temos uma Selecção made in academia mas onde é que eles se tornaram jogadores de futebol? Noutras paragens. Hoje, com orgulho, podemos pedir 100 patacas pelo Gelson. Temos condições de segurar por uns anos as nossas promessas. Podemos finalmente estabilizar uma academia que serve o plantel principal e dotar a equipa de jovens todos os anos que realmente de-ião retorno desportivo e consequentemente maior rendimento financeiro.

Por isso, acho que deixar crescer Leão, Iuri, Geraldes, Domingos e afins, não tem qualquer mal. Tem é de haver condições para um aproveitamento crescente e proveitoso desse talento, sem que os objectivos da equipa sofram.
Gostei muito da entrada dele no jogo contra o Feirense, espero que tenha nova oportunidade de jogar hoje.

Para quem o conhece melhor, ele é mais PL ou para jogar atrás do PL?
Atrás do PL

Ok!
(...) Dou como exemplo Francisco Geraldes. Um talento mas inconstante. Passou a etapa da segunda Liga com brilhantismo, ajudou uma equipa com objectivos de manutenção a ser cumpridos, está actualmente numa equipa com objectivos europeus e quiçá para o ano terá crescido o suficiente e ter a maturidade competitiva para representar o Sporting. Mas, será que o Sporting tem capacidade para absorver Geraldes? É que não basta o jogador crescer por etapas. a equipa também tem de crescer etapas para poder absorver estes jovens. Eles não podem ser os Messias a salvar a equipa.

Na minha opinião, há aí um erro e esse erro tem sido comum na abordagem a esta questão.

Óbvio que não podem ser os Messias. Mas não se pede que sejam os Messias.

"Messias" tinham que ser estes que jogaram numa final da Taça da Liga, há 10 anos atrás: Moutinho 21 anos, Adrien Silva, 18 anos, Veloso 21 anos, Pererinha 19 anos, Patricio 20 anos. E ainda havia Djaló, com 20.

Quem era o suporte competitivo desta equipa que tivesse qualidade acima da média e fosse topo no Tugão? Liedson, basicamente. Poucos mais.

A "inconstância" de alguns jovens valores se calhar tem muito a ver com a gestão que foi feita pelo clube.

Matheus Pereira, que teve um primeiro meio ano muito positivo no plantel principal e depois andou ano e meio a marinar.

O Chico, que era um dos destaques da primeira liga e foi resgatado para andar a jogar na B, numa divisão secundária.

O que se pede é que alguns destes jovens sejam um verdadeiro complemento à base da equipa, em vez de jogadores pagos a peso de ouro e que não são mais valias.
(...) Dou como exemplo Francisco Geraldes. Um talento mas inconstante. Passou a etapa da segunda Liga com brilhantismo, ajudou uma equipa com objectivos de manutenção a ser cumpridos, está actualmente numa equipa com objectivos europeus e quiçá para o ano terá crescido o suficiente e ter a maturidade competitiva para representar o Sporting. Mas, será que o Sporting tem capacidade para absorver Geraldes? É que não basta o jogador crescer por etapas. a equipa também tem de crescer etapas para poder absorver estes jovens. Eles não podem ser os Messias a salvar a equipa.

Na minha opinião, há aí um erro e esse erro tem sido comum na abordagem a esta questão.

Óbvio que não podem ser os Messias. Mas não se pede que sejam os Messias.

"Messias" tinham que ser estes que jogaram numa final da Taça da Liga, há 10 anos atrás: Moutinho 21 anos, Adrien Silva, 18 anos, Veloso 21 anos, Pererinha 19 anos, Patricio 20 anos. E ainda havia Djaló, com 20.

Quem era o suporte competitivo desta equipa que tivesse qualidade acima da média e fosse topo no Tugão? Liedson, basicamente. Poucos mais.

A "inconstância" de alguns jovens valores se calhar tem muito a ver com a gestão que foi feita pelo clube.

Matheus Pereira, que teve um primeiro meio ano muito positivo no plantel principal e depois andou ano e meio a marinar.

O Chico, que era um dos destaques da primeira liga e foi resgatado para andar a jogar na B, numa divisão secundária.

O que se pede é que alguns destes jovens sejam um verdadeiro complemento à base da equipa, em vez de jogadores pagos a peso de ouro e que não são mais valias.


Ora bem. :mais: