Coisas que me fazem LIDAR mal

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.


Eu sou cívico e paro como manda a lei. Agora, o pessoal não pode é ir a olhar para um lado e mudar de repente de direcção e atravessar-se à frente. Ou como acontece uma aqui na Póvoa... uma loja de calçado ali perto da BP dos Benguiados. A porta fica mesmo alinhada com a passadeira. O pessoal vem de lá de dentro e siga para a passadeira sem sequer olhar.

E olha que esses fundamentalismos não ficam bem a ninguém. Folgo que não te magoes à séria com essa atitude.

Como te percebo nessa zona hahahaha pior do que aí só a da junqueira e do mercado.

Atenção podes crer que se me magoar a séria o gajo do carro não se fica a rir, eu quando te digo que me meto é tu estares a ver a malta na passadeira e ainda tens mais que tempo, e mesmo assim cagas.

Aprendi a ser assim uma vez, em que não parava de chover a potes, e estive 10 mins a espera para atravessar e ninguém me deu a mão, e quando passei mandei me para a passadeira literalmente, e aqui na povoa já existem carros com a minha bota lá cravada, acredita.

Mas pior que nessa zona é nas caxinas, anarquia total!

Tens de ter sempre cuidado com as passadeiras agora o resto, já pus alguns a cagar as calças.

A melhor foi uma mãe de carrinho de bebe na av. dos banhos. Meteu-se para a estrada sem ver quem vinha, por sorte parei a tempo, mas sai do carro e só não f*** as bentas ao homem dela porque o puto estava a ver, virei-me para o gajo e disse-lhe que podia estar a chorar a morte do pequeno se fosse outro gajo, ou um velhote.

Zona sem passadeira!!! que as passadeiras agora ninguém tem desculpa para não serem vistas :D
Nem de propósito.

Ainda a semana passada parei numa passadeira onde estava um senhor já de certa idade, e que teimosamente depois de eu parar se recusou a atravessar...

Parece que só estava a ver as vistas...  :wall:
Sim... essa é outra. Un gajo para na passadeira e poem se a dar sinal com a mão para seguir.
odeio o mumble rap shit ... cancro para os ouvidos
Pessoal que se mete nas passadeiras como se fosse tudo deles, sem sequer repararem se o condutor vai parar ou não.


Nas passadeiras agora não tens chance, a prioridade é dos peões.
Tu agora reprovas se não parares(sempre que seja possível e em segurança) no exame de condução, para passar alguém numa passadeira.

Tu por lei és obrigado a parar, para deixar passar as pessoas!

Eu faço isso quando estou a ver um *** a vir na direção da passadeira e não abranda, mando-me para a passadeira, porque ele é que não quis parar, e no caso de me f****, o gajo está f*****... Ponto!

Quanto a isto podes discutir o que quiseres, mais vale ires a uma escola de condução e pedires a um instrutor para te explicar essa regra do código da estrada.


Se atropelares um desses malucos agora, também és tu e o teu seguro que ficam com as despesas e  responsabilidades.

Atenção que isto só é aplicado na passadeiras!

Tudo o resto, se não te apetecer travar, atropela á vontade :D(só não atropeles se achares que há passadeiras a mais de 50 metros).  :great:
Se atropelares um tipo fora da passadeira continuas a ter um trabalhão enorme durante uns 10 anos. A culpa presume-se do condutor.


Quanto ao caso da passadeira, também não é assim tão linear.

Enviado do meu Redmi Note 5 através do Tapatalk

Estar a almoçar/jantar ou até comer um pastel de nata e ter Gajos/as da mesa ao lado a olhar fdc.

Enviado do meu ASUS_Z017D através do Tapatalk

el 14 de los Verdes es un crack
Lido mal com pessoas que ligam aos lugares do bilhete de autocarro e me obrigam a trocar de lugar porque estou no lugar delas. Com o c****** do autocarro quase vazio. É preciso ser-se muito nabo, dass. Não é um lugar para o cinema, sentem-se no c****** de um banco qualquer e deixem-me em paz e sossego.
Lido mal com quem vai pagar contas da luz e da água nas bombas de gasolina ao almoço.  :hand:


Burros D'Ouro: @pimparel - 2 | @greenjam - 3 | @m1950 - 1 | @dakine - 1 | @Angus - 1
Lido mal com pessoas que ligam aos lugares do bilhete de autocarro e me obrigam a trocar de lugar porque estou no lugar delas. Com o c****** do autocarro quase vazio. É preciso ser-se muito nabo, dass. Não é um lugar para o cinema, sentem-se no c****** de um banco qualquer e deixem-me em paz e sossego.

Também nunca percebi essa teoria. Mas já me foi explicado, pelo condutor de um Expresso, que, em caso de acidente, as seguradoras só indemnizam os passageiros que forem no lugar correspondente ao bilhete. O que, diga-se de passagem, é uma teoria de m***a, já que se o autocarro capotar, as pessoas vão ser projectadas do lugar. Sabem lá as seguradoras onde é que um gajo ia sentado...

Além disso, também é uma teoria de m***a pelo facto de, nas Rápidas, tu poderes sentar-te em qualquer lado. :lol:
A informação que me chegou é que esta é a minha assinatura. Vale o que vale...
Lido mal com pessoas que ligam aos lugares do bilhete de autocarro e me obrigam a trocar de lugar porque estou no lugar delas. Com o c****** do autocarro quase vazio. É preciso ser-se muito nabo, dass. Não é um lugar para o cinema, sentem-se no c****** de um banco qualquer e deixem-me em paz e sossego.

Também nunca percebi essa teoria. Mas já me foi explicado, pelo condutor de um Expresso, que, em caso de acidente, as seguradoras só indemnizam os passageiros que forem no lugar correspondente ao bilhete. O que, diga-se de passagem, é uma teoria de m***a, já que se o autocarro capotar, as pessoas vão ser projectadas do lugar. Sabem lá as seguradoras onde é que um gajo ia sentado...

Além disso, também é uma teoria de m***a pelo facto de, nas Rápidas, tu poderes sentar-te em qualquer lado. :lol:

Eu duvido que isso seja verdade. Aliás no regulamento da transdev (que deve ser similar a outras empresas) diz que podes sentar-te num lugar qualquer, mas és obrigado a ceder o lugar quando o "dono" desse lugar o reclama. A seguradora ia ter regras diferentes da empresa? Duvido muito.

De qualquer maneira, não é por causa disso de certeza que estes nabiças vem reclamar o lugar. É porque são demasiado lorpas para perceber que tanto faz, e que escusam de me vir chatear quando tem o banco ao lado livre (ainda por cima muitad vezes estou entretido no PC e tenho que andar ali a transportar as minhas trouxas todas) :wall:
« Última modificação: Fevereiro 03, 2019, 22:53 pm por andrew619 »
Lido mal com humilhações.
Lido mal com este Sporting
Lido mal com pessoas que ligam aos lugares do bilhete de autocarro e me obrigam a trocar de lugar porque estou no lugar delas. Com o c****** do autocarro quase vazio. É preciso ser-se muito nabo, dass. Não é um lugar para o cinema, sentem-se no c****** de um banco qualquer e deixem-me em paz e sossego.

Também nunca percebi essa teoria. Mas já me foi explicado, pelo condutor de um Expresso, que, em caso de acidente, as seguradoras só indemnizam os passageiros que forem no lugar correspondente ao bilhete. O que, diga-se de passagem, é uma teoria de m***a, já que se o autocarro capotar, as pessoas vão ser projectadas do lugar. Sabem lá as seguradoras onde é que um gajo ia sentado...

Além disso, também é uma teoria de m***a pelo facto de, nas Rápidas, tu poderes sentar-te em qualquer lado. :lol:

Eu duvido que isso seja verdade. Aliás no regulamento da transdev (que deve ser similar a outras empresas) diz que podes sentar-te num lugar qualquer, mas és obrigado a ceder o lugar quando o "dono" desse lugar o reclama. A seguradora ia ter regras diferentes da empresa? Duvido muito.

De qualquer maneira, não é por causa disso de certeza que estes nabiças vem reclamar o lugar. É porque são demasiado lorpas para perceber que tanto faz, e que escusam de me vir chatear quando tem o banco ao lado livre (ainda por cima muitad vezes estou entretido no PC e tenho que andar ali a transportar as minhas trouxas todas) :wall:

Isso é um não-argumento. Não obstante, cheguei a obrigar algumas pessoas a mudar de lugar várias vezes. A razão é simples, quando compro bilhetes seguidos para ir com alguém ao lado, quero MESMO sentar-me com esse alguém ao lado e não com um desconhecido. Pelo que se não houver lugares suficientes que o permitam, vou pedir às pessoas que estão no meu lugar que se levantem e procurem o deles.
 Com a frustração.
“We have to be compact, close together tactically, and if you are close then you have options to play with. You don't always have to try the most risky ball if you are compact. You have to run, to fight, until the moment, and then ... bang, you take it.”

Jurgen Klopp
Lido mal com pessoas que ligam aos lugares do bilhete de autocarro e me obrigam a trocar de lugar porque estou no lugar delas. Com o c****** do autocarro quase vazio. É preciso ser-se muito nabo, dass. Não é um lugar para o cinema, sentem-se no c****** de um banco qualquer e deixem-me em paz e sossego.

Também nunca percebi essa teoria. Mas já me foi explicado, pelo condutor de um Expresso, que, em caso de acidente, as seguradoras só indemnizam os passageiros que forem no lugar correspondente ao bilhete. O que, diga-se de passagem, é uma teoria de m***a, já que se o autocarro capotar, as pessoas vão ser projectadas do lugar. Sabem lá as seguradoras onde é que um gajo ia sentado...

Além disso, também é uma teoria de m***a pelo facto de, nas Rápidas, tu poderes sentar-te em qualquer lado. :lol:

Eu duvido que isso seja verdade. Aliás no regulamento da transdev (que deve ser similar a outras empresas) diz que podes sentar-te num lugar qualquer, mas és obrigado a ceder o lugar quando o "dono" desse lugar o reclama. A seguradora ia ter regras diferentes da empresa? Duvido muito.

De qualquer maneira, não é por causa disso de certeza que estes nabiças vem reclamar o lugar. É porque são demasiado lorpas para perceber que tanto faz, e que escusam de me vir chatear quando tem o banco ao lado livre (ainda por cima muitad vezes estou entretido no PC e tenho que andar ali a transportar as minhas trouxas todas) :wall:

Isso é um não-argumento. Não obstante, cheguei a obrigar algumas pessoas a mudar de lugar várias vezes. A razão é simples, quando compro bilhetes seguidos para ir com alguém ao lado, quero MESMO sentar-me com esse alguém ao lado e não com um desconhecido. Pelo que se não houver lugares suficientes que o permitam, vou pedir às pessoas que estão no meu lugar que se levantem e procurem o deles.

Eu isso compreendo claro, mas quando tem os lugares todos vazios (muitos pares de lugares livres), não há justificação possível para querer aquele lugar especifico e não outro qualquer. É mesmo à morcão :mrgreen:
com o fim dos croissants com sementes do Lidl. Sem aviso nem nada, assim à bruta, de um dia para o outro deixaram de ser comercializados.

Vou resolver este problema da única maneira possível e sensata: emigrando
O keizero e o Usurpador do vatangas
Vatangas o Usurpador
#NasciLeãoNãoLampião
com o fim dos croissants com sementes do Lidl. Sem aviso nem nada, assim à bruta, de um dia para o outro deixaram de ser comercializados.

Vou resolver este problema da única maneira possível e sensata: emigrando

:lol:
Lido mal a ver os Lampiões a dar goleadas e o Sporting a andar de rastos!
Buildings burn, people die, but true love is forever!
"Good judgment comes from experience, and experience comes from bad judgment." - Barry LePatner