[Mundial 2014] 1/2 Brasil 1-7 Alemanha [8/7]

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Para aliviar o ambiente:








Viva aos nossos irmãos!  :twisted:
O que 90 minutos perfeitos fazem!  :lol:

 :lol: :twisted:

# todos querem pôr o bedelho na exibição de ontem. :clap: :mrgreen:

Pep, Van Gaal, Heynckes, é só obreiros de 90 minutos, os outros 360 que estão para trás ficam para o Low.
Não deixa de ser estranho é um país como o Brasil não ter uma opção credivel para o ataque.. é que neste momento tirando o Fred e o Jo que são fraquinhos, os melhores nomes lá são jogadores como o Pato, Leandro Damião, Walter (que andou no porco) ou Keirrison (que andou nos lamps).. Não há um ponta de lança Brasileiro em nenhuma equipa relevante na europa..

Havia Diego Costa...

E aí é lógico que Scolari tem muitas culpas...

Se neste momento o Diego Costa fosse internacional brasileiro, não teria assinado contrato com o Chelsea.
Em Inglaterra só entram extra-comunitários se forem internacionais pelo seu país com determinado número de jogos.

Ora, sendo internacional espanhol não é considerado extra-comunitário.

Scolari já admitiu que pensava convocá-lo se ele quisesse representar o Brasil. A escolha foi outra...

Podia ser internacional brasileiro e ter nacionalidade espanhola na mesma...
Mas para entrar no campeonato inglês teria que ter um número elevado de jogos pela selecção. Como nunca jogou pelo Brasil, não tinha esse número de jogos.

Com nacionalidade espanhola torna-se comunitário. Não precisa desses jogos para nada.
Lá está: tinha que ser internacional espanhol. Daí ele neste momento ter sido contratado pelo Chelsea. É o que tenho dito desde início.

Tu é que disseste que ele podia ter nacionalidade espanhola e jogar pelo Brasil. Mas nesta situação o que conta é por que país joga e não as nacionalidades que se tem.
Não deixa de ser estranho é um país como o Brasil não ter uma opção credivel para o ataque.. é que neste momento tirando o Fred e o Jo que são fraquinhos, os melhores nomes lá são jogadores como o Pato, Leandro Damião, Walter (que andou no porco) ou Keirrison (que andou nos lamps).. Não há um ponta de lança Brasileiro em nenhuma equipa relevante na europa..

Havia Diego Costa...

E aí é lógico que Scolari tem muitas culpas...

Se neste momento o Diego Costa fosse internacional brasileiro, não teria assinado contrato com o Chelsea.
Em Inglaterra só entram extra-comunitários se forem internacionais pelo seu país com determinado número de jogos.

Ora, sendo internacional espanhol não é considerado extra-comunitário.

Scolari já admitiu que pensava convocá-lo se ele quisesse representar o Brasil. A escolha foi outra...

Podia ser internacional brasileiro e ter nacionalidade espanhola na mesma...
Mas para entrar no campeonato inglês teria que ter um número elevado de jogos pela selecção. Como nunca jogou pelo Brasil, não tinha esse número de jogos.

Com nacionalidade espanhola torna-se comunitário. Não precisa desses jogos para nada.

Nao sei como nao entra na cabeca das pessoas, a cena dos comunitarios na inglaterra e metem sempre jogos da seleccao na conversa misturando as coisas!

Faz-me uma confusao e que ja foi explicado montes de vezes por mil e uma pessoa, e mesmo assim sempre aparece alguem a misturar as coisas novamente!
Podes explicar a situação?

Sorry pelo double-post.
Não deixa de ser estranho é um país como o Brasil não ter uma opção credivel para o ataque.. é que neste momento tirando o Fred e o Jo que são fraquinhos, os melhores nomes lá são jogadores como o Pato, Leandro Damião, Walter (que andou no porco) ou Keirrison (que andou nos lamps).. Não há um ponta de lança Brasileiro em nenhuma equipa relevante na europa..

Havia Diego Costa...

E aí é lógico que Scolari tem muitas culpas...

Se neste momento o Diego Costa fosse internacional brasileiro, não teria assinado contrato com o Chelsea.
Em Inglaterra só entram extra-comunitários se forem internacionais pelo seu país com determinado número de jogos.

Ora, sendo internacional espanhol não é considerado extra-comunitário.

Scolari já admitiu que pensava convocá-lo se ele quisesse representar o Brasil. A escolha foi outra...

Podia ser internacional brasileiro e ter nacionalidade espanhola na mesma...
Mas para entrar no campeonato inglês teria que ter um número elevado de jogos pela selecção. Como nunca jogou pelo Brasil, não tinha esse número de jogos.

Com nacionalidade espanhola torna-se comunitário. Não precisa desses jogos para nada.

Nao sei como nao entra na cabeca das pessoas, a cena dos comunitarios na inglaterra e metem sempre jogos da seleccao na conversa misturando as coisas!

Faz-me uma confusao e que ja foi explicado montes de vezes por mil e uma pessoa, e mesmo assim sempre aparece alguem a misturar as coisas novamente!
Podes explicar a situação?

Sorry pelo double-post.

Os jogos pela seleccao so tem importancia em jogadores que nao tem passaporte comunitario, e como D.Costa ja tinha um passaporte espanhol nao teve importancia nenhuma a sua decisao de jogar pela Espanha.

Ou seja ele para mudar para Inglaterra nao precisava da seleccao espanhola para nada, e se nao estou em erro ate ja podia ter o passaporte portugues que e a mesma coisa, ou seja comunitario e assim nao precisar de jogos na seleccao.
Não deixa de ser estranho é um país como o Brasil não ter uma opção credivel para o ataque.. é que neste momento tirando o Fred e o Jo que são fraquinhos, os melhores nomes lá são jogadores como o Pato, Leandro Damião, Walter (que andou no porco) ou Keirrison (que andou nos lamps).. Não há um ponta de lança Brasileiro em nenhuma equipa relevante na europa..

Havia Diego Costa...

E aí é lógico que Scolari tem muitas culpas...

Se neste momento o Diego Costa fosse internacional brasileiro, não teria assinado contrato com o Chelsea.
Em Inglaterra só entram extra-comunitários se forem internacionais pelo seu país com determinado número de jogos.

Ora, sendo internacional espanhol não é considerado extra-comunitário.

Scolari já admitiu que pensava convocá-lo se ele quisesse representar o Brasil. A escolha foi outra...

Podia ser internacional brasileiro e ter nacionalidade espanhola na mesma...
Mas para entrar no campeonato inglês teria que ter um número elevado de jogos pela selecção. Como nunca jogou pelo Brasil, não tinha esse número de jogos.

Com nacionalidade espanhola torna-se comunitário. Não precisa desses jogos para nada.

Nao sei como nao entra na cabeca das pessoas, a cena dos comunitarios na inglaterra e metem sempre jogos da seleccao na conversa misturando as coisas!

Faz-me uma confusao e que ja foi explicado montes de vezes por mil e uma pessoa, e mesmo assim sempre aparece alguem a misturar as coisas novamente!
Podes explicar a situação?

Sorry pelo double-post.

Os jogos pela seleccao so tem importancia em jogadores que nao tem passaporte comunitario, e como D.Costa ja tinha um passaporte espanhol nao teve importancia nenhuma a sua decisao de jogar pela Espanha.

Ou seja ele para mudar para Inglaterra nao precisava da seleccao espanhola para nada, e se nao estou em erro ate ja podia ter o passaporte portugues que e a mesma coisa, ou seja comunitario e assim nao precisar de jogos na seleccao.
Não te querendo desmentir tinha a ideia que seria mesmo necessário ter os jogos pela selecção.
Não deixa de ser estranho é um país como o Brasil não ter uma opção credivel para o ataque.. é que neste momento tirando o Fred e o Jo que são fraquinhos, os melhores nomes lá são jogadores como o Pato, Leandro Damião, Walter (que andou no porco) ou Keirrison (que andou nos lamps).. Não há um ponta de lança Brasileiro em nenhuma equipa relevante na europa..

Havia Diego Costa...

E aí é lógico que Scolari tem muitas culpas...

Se neste momento o Diego Costa fosse internacional brasileiro, não teria assinado contrato com o Chelsea.
Em Inglaterra só entram extra-comunitários se forem internacionais pelo seu país com determinado número de jogos.

Ora, sendo internacional espanhol não é considerado extra-comunitário.

Scolari já admitiu que pensava convocá-lo se ele quisesse representar o Brasil. A escolha foi outra...

Podia ser internacional brasileiro e ter nacionalidade espanhola na mesma...
Mas para entrar no campeonato inglês teria que ter um número elevado de jogos pela selecção. Como nunca jogou pelo Brasil, não tinha esse número de jogos.

Com nacionalidade espanhola torna-se comunitário. Não precisa desses jogos para nada.

Nao sei como nao entra na cabeca das pessoas, a cena dos comunitarios na inglaterra e metem sempre jogos da seleccao na conversa misturando as coisas!

Faz-me uma confusao e que ja foi explicado montes de vezes por mil e uma pessoa, e mesmo assim sempre aparece alguem a misturar as coisas novamente!
Podes explicar a situação?

Sorry pelo double-post.

Os jogos pela seleccao so tem importancia em jogadores que nao tem passaporte comunitario, e como D.Costa ja tinha um passaporte espanhol nao teve importancia nenhuma a sua decisao de jogar pela Espanha.

Ou seja ele para mudar para Inglaterra nao precisava da seleccao espanhola para nada, e se nao estou em erro ate ja podia ter o passaporte portugues que e a mesma coisa, ou seja comunitario e assim nao precisar de jogos na seleccao.
Não te querendo desmentir tinha a ideia que seria mesmo necessário ter os jogos pela selecção.

Mas nao e para um comunitario. So se mudaram algumas leis que desconheco, qualquer cidadao UE recebe um visto de trabalho.

edit: a título de curiosidade. fica aqui a explicação para esta alemanha. dito por quem sabe. e para que percebam que a ida de Pep para a alemanha não caiu do céu aos trambolhões.

[youtube=640,360]http://www.youtube.com/watch?v=H1Sp12LdUh8[/youtube]


Só por esse vídeo já aprendi mais futebol. Até pagava para assistir a palestras do homem!


edit: a título de curiosidade. fica aqui a explicação para esta alemanha. dito por quem sabe. e para que percebam que a ida de Pep para a alemanha não caiu do céu aos trambolhões.

[youtube=640,360]http://www.youtube.com/watch?v=H1Sp12LdUh8[/youtube]


Era trancar todos os dirigentes e treinadores da FPF numa sala e passar este vídeo. Não é só o Brazil que "vive do passado"...
"Se uma equipa de futebol fosse uma empresa de construção civil e o adepto comum um empreiteiro, os trabalhadores não construiriam segundo um projecto, mas trabalhariam incessantemente, colocando tijolos em tudo o que era sítio. Não haveria casa, mas ninguém os poderia acusar de não terem trabalhado." - Nuno Amado; Entredez


edit: a título de curiosidade. fica aqui a explicação para esta alemanha. dito por quem sabe. e para que percebam que a ida de Pep para a alemanha não caiu do céu aos trambolhões.

[youtube=640,360]http://www.youtube.com/watch?v=H1Sp12LdUh8[/youtube]


Era trancar todos os dirigentes e treinadores da FPF numa sala e passar este vídeo. Não é só o Brazil que "vive do passado"...

Aos 20:00 (+/-, já vi ontem, é mais minuto, menos minuto, e é acerca das reformas de fundo no futebol alemão) é que vem o suco maior da entrevista.

Por cá, as guerras são pelos conselhos de disciplina e de justiça, pelas nomeações e promoções dos Manéis Motas , etc etc etc

E depois que os alemães são isto e são aquilo.
- You're a real stone player, aren't you, Ma? You threatened to smother his children.
- What does that mean?
- You know, everyone thought Dad was the ruthless one. But I gotta hand it to you. If you'd been born after those feminists, you woulda been the real gangster.
- I don't know what you're talking about!




























































































































































































Xau aí Brasiu. :rotfl: :rotfl: