Ex-candidatos à Presidência do Sporting

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Suponho que o pedido foi acompanhado do cheque para pagar a dita?
Um passado que regressa com a forma de futuro.


O betinho Madeira Rodrigues a por-se na fila para a expulsão de sócio  ::)

Ele tem direito a pedir a mesma. Mas acompanhado do direito existem deveres...
Um passado que regressa com a forma de futuro.


É caso para perguntar ao PMR:
“Onde é que tu estavas no tempo do Godinho, do Bettencourt, etc?”
A fazer amor com a prima, certamente...
O betinho Madeira Rodrigues a por-se na fila para a expulsão de sócio  ::)

Por mim era ele e outros tantos!!
Citar

MADEIRA RODRIGUES FORMALIZA PEDIDO DE AUDITORIA A DEZ TRANSFERÊNCIAS
SPORTING 16:45
Por
Redação
Candidato derrotado nas últimas eleições do Sporting, Pedro Madeira Rodrigues formalizou, através de carta registada ao presidente do Conselho Fiscal do clube, pedido de auditoria às contas do mandato da Direção presidida por Bruno de Carvalho.

Em causa, sobretudo, estão os processos de transferência de jogadores, nomeadamente de Alan Ruiz, Bruma, Bruno César, Cédric Soares, Fredy Montero, Junya Tanaka, Marvin Zeegelaar, Naldo, Paulo Oliveira e Rúben Semedo.

Madeira Rodrigues pretende ver esclarecido os quase 7 milhões de euros em comissões que terão sido pagas nestes negócios.

O pedido de auditoria, além de enviado presidente do Conselho Fiscal da SAD, António Rui Moreira de Carvalho, foi também enviado ao líder do mesmo órgão do clube, Nuno Silvério Marques, assim como a Gabriela Figueiredo Dias, presidente do Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Eis a carta na íntegra:

«Exmo. Sr., tendo em conta as recentes acusações públicas graves, nomeadamente a do crime de peculato, feitas contra o actual Presidente do Clube, Bruno de Carvalho, a respeito do processo de aquisição dos direitos económicos e desportivos do jogador Junya Tanaka, a que se seguiu uma defesa do próprio Presidente, cuja aparente contradição em relação aos factos daquele processo adensou a suspeita criada, venho por este meio solicitar a realização de uma auditoria urgente à transferência de alguns jogadores da equipa principal de futebol de forma a defender o nome do actual Presidente e do próprio Sporting Clube de Portugal e esclarecer quaisquer dúvidas que existam.

O facto do Ministério Público estar a investigar esta questão não invalida, antes reforça, que o Conselho Fiscal possa actuar de forma proactiva e ajudar a esclarecer nomeadamente os associados do Sporting Clube de Portugal e os accionistas da Sporting SAD em relação a este assunto.

Àquela polémica atrás referida já surgiu outra relacionada com a alienação dos direitos económicos e desportivos do jogador Ruben Semedo, que tem tido igualmente forte repercussão pública, pelo que se solicita que seja dada prioridade a este pedido de auditoria que complementará a prometida e, até agora infelizmente adiada, auditoria ao primeiro mandato da Direcção presidida por Bruno de Carvalho.

Para acelerar o processo da auditoria esta poderá, numa primeira fase, ficar limitada aos processos de transferência dos seguintes 10 jogadores, num modelo de amostra que se baseou nas notícias que têm surgido na comunicação social e que se debruce em particular sobre o destino final dos quase 7 Milhões de € em comissões que foram pagas nestes negócios:

- Alan Ruiz (aquisição) - Comissão declarada de 1 Milhão € (700 mil para a Admira Partners e 300 mil para a Costa Aguiar Sports);
- Bruma (alienação) - Comissão declarada de 800 mil € para a Buttonpath;
- Bruno César (aquisição) - Comissão declarada de 1 Milhão e 300 mil € para a Costa Aguiar Sports;
- Cédric Soares (alienação) - Comissão declarada de 600 mil € para a Buttonpath;
- Fredy Montero (alienação) - Comissão declarada de 350 mil € para a Proeleven (aqui a dúvida levantada prende-se com o valor real da alienação);
- Junya Tanaka (aquisição) - Comissão declarada de 500 mil para a B.I.S.C;
- Marvin Zeegelaar (alienação) - Comissão declarada de 300 mil € para a Buttonpath;
- Naldo (alienação) - Comissão declarada de 360 mil € para a Buttonpath;
- Paulo Oliveira (alienação) - Comissão declarada de 230 mil € para a Buttonpath;
- Ruben Semedo (alienação) - Comissão declarada de 1,4M € para a Buttonpath.

Solicito que, para protecção dos interesses superiores dos associados do accionista maioritário da sociedade e dos accionistas da Sporting SAD, esta auditoria se realize com a maior brevidade possível, com conclusão se possível até final deste ano e seja realizada por uma entidade externa e independente credenciada especializada em gestão de fraudes.

Agradeço desde já o acolhimento a esta proposta por parte de V.Exa., disponibilizando-me para, se necessário, custear a auditoria solicitada, passando nesse caso a ser da minha responsabilidade a escolha da empresa que procederá à auditoria.»

A Bola
Citar

MADEIRA RODRIGUES FORMALIZA PEDIDO DE AUDITORIA A DEZ TRANSFERÊNCIAS
SPORTING 16:45
Por
Redação
Candidato derrotado nas últimas eleições do Sporting, Pedro Madeira Rodrigues formalizou, através de carta registada ao presidente do Conselho Fiscal do clube, pedido de auditoria às contas do mandato da Direção presidida por Bruno de Carvalho.

Em causa, sobretudo, estão os processos de transferência de jogadores, nomeadamente de Alan Ruiz, Bruma, Bruno César, Cédric Soares, Fredy Montero, Junya Tanaka, Marvin Zeegelaar, Naldo, Paulo Oliveira e Rúben Semedo.

Madeira Rodrigues pretende ver esclarecido os quase 7 milhões de euros em comissões que terão sido pagas nestes negócios.

O pedido de auditoria, além de enviado presidente do Conselho Fiscal da SAD, António Rui Moreira de Carvalho, foi também enviado ao líder do mesmo órgão do clube, Nuno Silvério Marques, assim como a Gabriela Figueiredo Dias, presidente do Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Eis a carta na íntegra:

«Exmo. Sr., tendo em conta as recentes acusações públicas graves, nomeadamente a do crime de peculato, feitas contra o actual Presidente do Clube, Bruno de Carvalho, a respeito do processo de aquisição dos direitos económicos e desportivos do jogador Junya Tanaka, a que se seguiu uma defesa do próprio Presidente, cuja aparente contradição em relação aos factos daquele processo adensou a suspeita criada, venho por este meio solicitar a realização de uma auditoria urgente à transferência de alguns jogadores da equipa principal de futebol de forma a defender o nome do actual Presidente e do próprio Sporting Clube de Portugal e esclarecer quaisquer dúvidas que existam.

O facto do Ministério Público estar a investigar esta questão não invalida, antes reforça, que o Conselho Fiscal possa actuar de forma proactiva e ajudar a esclarecer nomeadamente os associados do Sporting Clube de Portugal e os accionistas da Sporting SAD em relação a este assunto.

Àquela polémica atrás referida já surgiu outra relacionada com a alienação dos direitos económicos e desportivos do jogador Ruben Semedo, que tem tido igualmente forte repercussão pública, pelo que se solicita que seja dada prioridade a este pedido de auditoria que complementará a prometida e, até agora infelizmente adiada, auditoria ao primeiro mandato da Direcção presidida por Bruno de Carvalho.

Para acelerar o processo da auditoria esta poderá, numa primeira fase, ficar limitada aos processos de transferência dos seguintes 10 jogadores, num modelo de amostra que se baseou nas notícias que têm surgido na comunicação social e que se debruce em particular sobre o destino final dos quase 7 Milhões de € em comissões que foram pagas nestes negócios:

- Alan Ruiz (aquisição) - Comissão declarada de 1 Milhão € (700 mil para a Admira Partners e 300 mil para a Costa Aguiar Sports);
- Bruma (alienação) - Comissão declarada de 800 mil € para a Buttonpath;
- Bruno César (aquisição) - Comissão declarada de 1 Milhão e 300 mil € para a Costa Aguiar Sports;
- Cédric Soares (alienação) - Comissão declarada de 600 mil € para a Buttonpath;
- Fredy Montero (alienação) - Comissão declarada de 350 mil € para a Proeleven (aqui a dúvida levantada prende-se com o valor real da alienação);
- Junya Tanaka (aquisição) - Comissão declarada de 500 mil para a B.I.S.C;
- Marvin Zeegelaar (alienação) - Comissão declarada de 300 mil € para a Buttonpath;
- Naldo (alienação) - Comissão declarada de 360 mil € para a Buttonpath;
- Paulo Oliveira (alienação) - Comissão declarada de 230 mil € para a Buttonpath;
- Ruben Semedo (alienação) - Comissão declarada de 1,4M € para a Buttonpath.

Solicito que, para protecção dos interesses superiores dos associados do accionista maioritário da sociedade e dos accionistas da Sporting SAD, esta auditoria se realize com a maior brevidade possível, com conclusão se possível até final deste ano e seja realizada por uma entidade externa e independente credenciada especializada em gestão de fraudes.

Agradeço desde já o acolhimento a esta proposta por parte de V.Exa., disponibilizando-me para, se necessário, custear a auditoria solicitada, passando nesse caso a ser da minha responsabilidade a escolha da empresa que procederá à auditoria.»

A Bola

Como sócio pagante tem todo o direito de pedir a auditoria (pagando do seu bolso), que aliás é uma boa prática em termos de cultivar a transparência na gestão do clube - isto apesar de a atual direcção já ter previsto auditorias ao seu próprio mandato.

Mas não deixa de ser motivada pelas piores razões (querer "aparecer" outra vez) e pelos canais mais idiotas: baseado em "notícias" veiculadas pelos mui sérios CM, Rascord e companhia, a maioria das quais entretanto desmentidas pelos protagonistas das mesmas.

Depois, vem pedir auditoria a 10 operações no volume de negócios de 7ME de comissões, o que hoje em dia, no mundo do futebol internacional, deve ser record em termos de valores mínimos pagos por comissões.

Enfim, mais um tiro no pé deste sujeito, que se caracteriza por uma profunda falta de noção em relação a tudo na vida.
Madeira, seu bicho carunchoso, não te atrevas aparecer me a frente la por alvalade 4º feira.. Senão vais ter uma surpresa desagradável, seu verme..
Por mim desde que a pague pode pedir (e deverá ser aceite pelo CF) a auditoria que entender. Não concordo, não aceito que publicite a vontade de fazer a mesma, e está completamente fora de questão a publicação dos seus resultados

Se existir alguma contradição o Presidente que se explique bem explicadinho aos sócios numa AGE, e MR ganha créditos!
Se não existir absolutamente nada, que se cale com este tema, e volte para o seu buraco!
Se os resultados da mesma for entregue à CS e/ou aos rivais deve ser proposta a sua expulsão de sócio!

"Se as coisas correrem mal, essa despesa ficará por minha conta!"- a respeito da contratação de José Peseiro- Sousa Cintra 01/07/2018
disponibilizando-me para, se necessário, custear a auditoria solicitada, passando nesse caso a ser da minha responsabilidade a escolha da empresa que procederá à auditoria.

Os holofotes vão-lhe ficar caros.
Deixa lá ver se eu percebo: quer uma entidade “externa e independente credenciada especializada em gestão de fraudes“ para fazer uma auditoria, mas se for ele a pagar já quer escolher a empresa (já não tem necessariamente de ser “externa e independente credenciada especializada em gestão de fraudes“)... só rir com este :lol:
Este caruncho da madeira, ainda anda com a cabeça de fora. O verme miserável ainda não percebeu a posição dele no mundo Sportinguista. Que escumalha de gente...
"De todos os presidentes que tivemos neste percurso, o mais explícito foi Bruno de Carvalho, que já na campanha eleitoral teceu rasgados elogios à nossa caminhada, talvez por conhecer a nossa forma de estar e o nosso trajeto. O atual presidente esteve connosco três anos, de 2006 a 2009, e apoiou-nos como sportinguista e empresário, numa equipa onde jogavam José Diogo, Pedro Delgado e André Pimenta, que ainda estão connosco, e outros que já saíram, como Gonçalo Alves, Miguel Rocha ou Diogo Neves. Este presidente prometeu e cumpriu!"

Engenheiro Gilberto Borges 13/05/2019
Este otário precisa de um tratamento à porto .
É bom que não apareça no estádio.

É verdade que tem direito a pedir a auditoria se a pagar (entre outros deveres), mas nunca a meio de um campeonato, antes de 1 jogo da champions.
Ainda por cima o  programa do Presidente, que foi sufragado por 86% dos sócios, já prevê ele próprio auditorias no mandato.

Portanto apesar de ele ter direito a pedi-la só o está a fazer por birra e por maldade.
E vamos ainda descobrir se a mando ou pedido de alguém doutro clube, porque se este também andou a trocar mails com o porco guerra ou outra m**** qq e se isso se souber então mais vale mudar de país.

Fica o aviso sr. madeira.
Madeira Rodrigues não tem direito a absolutamente nada. Era só o que faltava quem quer que seja, sócio ou não, ter o poder de meter uma empresa qualquer à escolha do próprio dentro do Sporting com acesso a tudo o que é documento confidencial. Não é a polícia judiciária.
Este gajo já fede, ninguém lhe puxa o autoclismo?
Acho que diz tudo o facto de enviar o pedido de auditoria e no mesmo dia a carta estar escarrapachada na comunicação social. Estar interessado em apurar situações, ok, mas querer fazer disto um circo mediático, para toda a gente saber, revela muito sobre as reais preocupações deste “senhor”.
Para mim é: o gajo quer a auditoria paga, depois o trabalho é feito e se não for encontrado nada é expulso de sócio e acabou-se. Ele e o PPC que se vão mamar aos dois, com o Guerra a fazer de “Lucky Pierre”.
Farto desta tropa fandanga, ó cacete...
"acusações públicas graves" = declarações de um condenado por denúncia caluniosa

"forte repercussão pública" = porrada num hotel entre dois empresários, incluindo um que parece nem ter licença e passa a vida a queixar-se de ser enganado

Partes divertidas, se não fosse triste
- "modelo de amostra que se baseou nas notícias que têm surgido na comunicação social"
- 10 negócios são a 1ª fase e com resultados até ao Natal
- "entidade externa e independente"... mas escolhida por mim (lol)
Os corruptos a digladiarem-se e, em vez de os vermos arder e nos fortalecermos, não. Tratamos de desviar as atenções do essencial.

Pior que um lampião. Nojo.
"Alianças só na mão esquerda da minha mulher"
Acho que diz tudo o facto de enviar o pedido de auditoria e no mesmo dia a carta estar escarrapachada na comunicação social. Estar interessado em apurar situações, ok, mas querer fazer disto um circo mediático, para toda a gente saber, revela muito sobre as reais preocupações deste “senhor”.
Para mim é: o gajo quer a auditoria paga, depois o trabalho é feito e se não for encontrado nada é expulso de sócio e acabou-se. Ele e o PPC que se vão mamar aos dois, com o Guerra a fazer de “Lucky Pierre”.
Farto desta tropa fandanga, ó cacete...

Subscrevo.

No Sporting - Braga no futebol feminino do ano passado vi o Severino a ser escorraçado pelas bancadas de Alvalade, desde então tem andado mais fino. Este PMR, se o vir em Alvalade nos próximos tempos vai ouvir das boas! Mas ele pensa que as pessoas são parvas?!?!

Onde estava ele quando o Sporting dava prejuízos sucessivos  e delapidava o seu património no tempo dos croquettes?

Vir com uma auditoria numa altura em que o Futebol Português está em clara guerra?! Quando já sabemos que há sportinguistas a fazê-lo mando do exterior? Quando o Pedro Guerra anda a tentar saber de forma insistente td sobre os mesmos?! Vai dar banho ao cão...

E dps, escarrapachar o pedido de imediato na comunicação social indicia claramente que o objectivo é por o Sporting na lama! NOJO
Mas o sôtor grande excelentíssimo Madeirinha não tem mais primas para papar? Muito gostam estes croquettes de estar contra o Sporting! Já disseram, são mesmo piores que lampiões, dasse! O clube deste gajo deve ser o Sporting Lisbon :cartao: