Bruno de Carvalho - Presidente do Sporting Clube de Portugal

0 Membros e 10 Visitantes estão a ver este tópico.

45 minutos... que martírio.

vitimização - check!
conversa da treta - mega check!

(a do VAR por causa do facebook é mm WTF, "nao preciso de conselhos nenhuns" tb é mt bom...)
chantagem para aprovarem aquilo que ele quer - check (mas explicou devagarinho para ver se nós percebemos!  :lol:)

cada um interpreta como quiser.
eu apoio BdC porque é o melhor que temos (até ver) mas já chegava de tanto disparate.

continuo a não a acreditar na demissão sem recandidatura...

Vais-me desculpar, mas isto é ser um falso Sportinguista.

Se não concordas com o que ele defende e ainda assim votas a favor dele,acreditas no quê?

Eu vou votar a favor dos pontos porque concordo com os mesmos. Se não concordasse votava contra.

Acima de tudo espinha dorsal.

vou-te explicar devagarinho tb  :mrgreen:

não é uma questão de acreditar mas sim defender o que é melhor para o SCP (dentro das opçoes que temos).

o clube não se governa sem presidente e apesar de já estar FARTO de tantos disparates (como foi o caso), ele ainda é o melhor face ao que se apresenta como disponível. prefiro aturar conferencias de 45m de BdC e 30 posts por dia no Facebook a ver um madeira rodrigues lá.

a sorte dele é que não aparece concorrencial à altura... e ele sabe disso senão desconfio que não fazia rabulas destas.

fica mais claro?!...

Fica claro sim.

Mas o Bruno de Carvalho SEMPRE foi assim. Não entendo porque é que as pessoas pensam que um homem de meia idade vai mudar a sua personalidade! Esqueçam! As pessoas na idade adulta muito dificilmente mudam a sua personalidade!

E o que tem a ver com personalidade é-me irrelevante. A única coisa que tenho de avaliar é o que faz DENTRO do Sporting. E o que tem feito dentro do Sporting é extremamente positivo!

E ainda assim se eu não gostasse do que lia dos 2 pontos que vão ser discutidos, votava contra!

E é precisamente isso que agradeço a Bruno de Carvalho! Durante 20 anos queixámo-nos que não tínhamos voto na matéria no clube, que não havia democracia, que as AGs eram só para os reformados irem passar tempo, que só havia cooptações. Agora que temos democracia e voto na matéria...

"Ultimato"
"Chantagem"

 :liar:

não vou voltar a repetir o que escrevi em cima.

há mt coisa errada no que ele diz e que prefiro ja nem relembrar.
repito esta parte: enquanto não aparecer melhor... vou ter que o apoiar.

agora não penses que as pessoas são obrigadas a gostar disto... a democracia que estas a elogiar, ele esta a colocar em causa ao dizer que ou votam como ele quer ou bate com a porta (que eu duvido...) mas epah... fico por aqui.

Mas isto É democracia!

Ou escolhes uma opção, ou escolhes outra! Simples.

Não tens de o apoiar. Acredita que se ele sair não vão faltar candidatos. Agora acho esse princípio errado, o de "vou ter que o apoiar". Porque foi com pensamentos desses que ficámos reféns do Roquette, do Dias da Cunha, do Soares Franco, do Bettencourt, do Godinho....lembras-te? Que se eles saíssem, a banca não ia gostar e o Sporting falia, logo TÍNHAMOS de votar neles. E esse é o grande trabalho de BdC no Sporting, nós (sócios)estamos com possibilidade de escolher o nosso caminho, é a primeira vez em décadas que os sócios do Sporting REALMENTE têm a possibilidade de escolher o seu caminho sem ser em eleições.

Eu vou votar a favor das propostas, não a favor da continuidade de A ou de B, mesmo que por detrás esteja esse assunto subjacente, mas sim por concordo plenamente com as propostas  :)
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.

Mas o Bruno diz claramente que "no mínimo, para não sair, igual ao numero de votos das últimas eleições"

O vídeo tá mesmo ali em cima!! Onde é que aquele forista viu a dizer 75% no último ponto??
Ultimato, chantagem, despotismo, ditadura, ordinarices, impulsividade: que nojo, que nojo, saber que muitos dos que por aqui andam engolem estes versículos da cartilha — dos que só querem o Sporting pequeno outro vez, simpático outra vez, inofensivo outra vez, elitista outra vez.

Nojo.

Quero o Sporting grande, agressivo — doa a quem doer, custe a quem custar, doa a quem doer, ofenda quem ofender. É essa a escolha que no dia 17 teremos de fazer: existir ou não? Tudo o que seja regressar ao passado é o final da existência do meu Sporting. Do enorme. Do tão grande como os maiores da Europa.

Farei a minha parte. Conto com a inteligência de pelo menos dois terços dos meus consócios para fazerem a sua.

SL

Epa... os mesmos que dizem que o Sporting acaba no dia 17 sem o BdC são os mesmos que sem campeonato neste mandato vão estar a pedir a sua cabeça. Aliás, para alguns desconfio que era só anunciar a renovação do JJ. :mrgreen: Menos.
Senti o Presidente desolado e algo isolado.

Pode ser má interpretação minha mas sinto que a Direcção já na estará tão unida como tem estado.
O meu problema com estes estatutos não é não confiar no homem, é se o próximo presidente for um croquete e se aproveite destes estatutos, como é então?
Aproveita-se como?

Da mesma forma que BdC quer mais poder para sanear o Sporting, se amanhã vier o Godinho Lopes ou o Tiririca, também terão esse poder. O pessoal anda a pensar nos Estatutos como se fosse só para hoje, quando eles são para hoje e amanhã.

Os estatutos disciplinares também abrangem a direcção, não só os sócios.

Quando propõe-se que todos os Órgãos Sociais sejam derivados da mesma lista esperas imparcialidade quando for para decidir algo contra o Conselho Directivo?

Ou dito de outra forma, se não estivesse Eduardo Barroso na MAG quando deu entrada o requerimento do Movimento Dar Rumo ao Sporting e estivesse alguém da lista do Conselho Directivo, teria sido mais ou menos fácil todo o processo de AGE?

Os diferentes órgãos não têm de ser da mesma lista.
A mesa pode ser lista A, a direcção lista B e o CF lista C.

De acordo com a proposta o que não poderá ocorrer é o CF ser composto por membros de diferentes listas (A, B, C)

Então que quer dizer isto?

Citar
Artigo 49° (Processo eleitoral)
1 – As eleições da competência da Assembleia Geral far-se-ão   por  lista   completa, que   englobará todos  os órgãos  sociais  previstos  no  artigo  34º dos  presentes Estatutos

Só aqui fazes logo um corte ao impedir listas a apenas um órgão!

Significa que MAG, CF e CD são, cada um, eleitos por lista completa.
Lista completa não é lista única para todos os órgãos.
Lista completa é eleição de todos os membros, sem distribuição de mandatos de forma proporcional aos votos.

OU seja. A lista que ganhar um órgão por 50%+1 ganha todos os lugares desse órgão.
A lista que ganhar outro órgão idem.

Quem quiser apresentar uma lista só para MAG pode fazê-lo.
Quem quiser candidatar-se ao CD não tem de apresentar uma lista para MAG e CF.
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.
Caso a votação chegue ao ponto 3..

Enviado do meu HUAWEI VNS-L31 através do Tapatalk

Já foi esclarecido que é 75% em todos os pontos. E sim: se em qualquer um dos dois primeiros pontos não o obtiver, a demissão é imediata.

SL

Onde foi esclarecido, desculpa lá? Há algum link de notícia ou vídeo com isso mesmo sff?
Já escrevi aqui alguns 10 comentários e fechei sempre a janela, porque isto vai sempre dar barraca.  ;D

Não obstante, duas expressões de BdC não me saem da cabeça:

1) "estou farto de ouvir conselhos dos outros, não quero saber disso para nada"
Obrigado por sublinhar o óbvio...

2) "somos um clube profundamente autofágico"
E um espelho, chefe?


Deus nos livre que no fim da época morramos novamente na praia, a 2 pontos. Ah e tal, o polvo vermelho.

Ou bem que acabamos a uma dúzia de pontos ou bem que somos campeões. Não ser campeões por pintelhos, depois desta powerplay move destemperada e despropositada, ele não precisa de dizer que se demite, de certeza que alguém o vai lembrar com bastante antecedência.

Não é só ele que está cansado. A guerra dele, hoje, não foi contra os outros 10%, que se fartam de estrebuchar mas só têm mediatismo, não têm peso específico nenhum. A guerra dele foi contra os outros 90%, que a partir de agora ou o deixam cair ou nem sequer piam.

O clube dele, as regras dele. Foi isto que ele fez hoje.

Não me faz tanta confusão o produto final de concentração e reforço de poderes do presidente, como me está a fazer o processo pelo qual isso vai acontecer. Para se defender da oposição, a estratégia de BdC faz do clube a principal vítima, com ultimatos aos sócios pelo meio.

Enquanto o Bruno quiser ser presidente, acho que não consigo votar contra ele. Daí a dar-lhe o que ele quer vai uma grande reflexão, porque deixei de me rever no modelo de liderança dele. Não por uma questão de falta de confiança estratégica, mas precisamente porque não me revejo numa liderança nestes termos.
- You're a real stone player, aren't you, Ma? You threatened to smother his children.
- What does that mean?
- You know, everyone thought Dad was the ruthless one. But I gotta hand it to you. If you'd been born after those feminists, you woulda been the real gangster.
- I don't know what you're talking about!
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.

Mas o Bruno diz claramente que "no mínimo, para não sair, igual ao numero de votos das últimas eleições"

O vídeo tá mesmo ali em cima!! Onde é que aquele forista viu a dizer 75% no último ponto??

Foi esclarecido posteriormente: 75% em todos os pontos. O que o Bruno quis dizer foi isto: teria de ter, no ponto 3, o mesmo que nos outros dois pontos. Confusão de entendimento e/ou de comunicação do presidente.

SL
Já escrevi aqui alguns 10 comentários e fechei sempre a janela, porque isto vai sempre dar barraca.  ;D

Não obstante, duas expressões de BdC não me saem da cabeça:

1) "estou farto de ouvir conselhos dos outros, não quero saber disso para nada"
Obrigado por sublinhar o óbvio...

2) "somos um clube profundamente autofágico"
E um espelho, chefe?


Deus nos livre que no fim da época morramos novamente na praia, a 2 pontos. Ah e tal, o polvo vermelho.

Ou bem que acabamos a uma dúzia de pontos ou bem que somos campeões. Não ser campeões por pintelhos, depois desta powerplay move destemperada e despropositada, ele não precisa de dizer que se demite, de certeza que alguém o vai lembrar com bastante antecedência.

Não é só ele que está cansado. A guerra dele, hoje, não foi contra os outros 10%, que se fartam de estrebuchar mas só têm mediatismo, não têm peso específico nenhum. A guerra dele foi contra os outros 90%, que a partir de agora ou o deixam cair ou nem sequer piam.

O clube dele, as regras dele. Foi isto que ele fez hoje.

Não me faz tanta confusão o produto final de concentração e reforço de poderes do presidente, como me está a fazer o processo pelo qual isso vai acontecer. Para se defender da oposição, a estratégia de BdC faz do clube a principal vítima, com ultimatos aos sócios pelo meio.

Enquanto o Bruno quiser ser presidente, acho que não consigo votar contra ele. Daí a dar-lhe o que ele quer vai uma grande reflexão, porque deixei de me rever no modelo de liderança dele. Não por uma questão de falta de confiança estratégica, mas precisamente porque não me revejo numa liderança nestes termos.

Full disclosure: eu, novo nestas andanças, ainda sou um dos que andou por aí com os requerimentos a recolher assinaturas para expulsar Godilho Lopes e respectivos comparsas.

But we've come full circle now. Há algo nesta jogada de hoje que não é assim tão diferente do que foi feito anos antes. Não tanto o resultado final, como eu dizia, nem sequer uma eventual falta de confiança na estratégia desportivo-financeira da direcção, mas este ultimato pelo medo.

A democracia aplicada segundo o jugo do medo. É democracia, sim, mas não me agrada.
- You're a real stone player, aren't you, Ma? You threatened to smother his children.
- What does that mean?
- You know, everyone thought Dad was the ruthless one. But I gotta hand it to you. If you'd been born after those feminists, you woulda been the real gangster.
- I don't know what you're talking about!
Ultimato, chantagem, despotismo, ditadura, ordinarices, impulsividade: que nojo, que nojo, saber que muitos dos que por aqui andam engolem estes versículos da cartilha — dos que só querem o Sporting pequeno outro vez, simpático outra vez, inofensivo outra vez, elitista outra vez.

Nojo.

Quero o Sporting grande, agressivo — doa a quem doer, custe a quem custar, doa a quem doer, ofenda quem ofender. É essa a escolha que no dia 17 teremos de fazer: existir ou não? Tudo o que seja regressar ao passado é o final da existência do meu Sporting. Do enorme. Do tão grande como os maiores da Europa.

Farei a minha parte. Conto com a inteligência de pelo menos dois terços dos meus consócios para fazerem a sua.

SL

Epa... os mesmos que dizem que o Sporting acaba no dia 17 sem o BdC são os mesmos que sem campeonato neste mandato vão estar a pedir a sua cabeça. Aliás, para alguns desconfio que era só anunciar a renovação do JJ. :mrgreen: Menos.

Eis, plasmada na sua plenitude, a leviandade com que se fala no futuro do Sporting. Enfim. Oxalá haja inteligência — dois terços de inteligência — para entender a profundidade do que está, no dia 17, em causa.

SL
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.

Mas o Bruno diz claramente que "no mínimo, para não sair, igual ao numero de votos das últimas eleições"

O vídeo tá mesmo ali em cima!! Onde é que aquele forista viu a dizer 75% no último ponto??

Foi esclarecido posteriormente: 75% em todos os pontos. O que o Bruno quis dizer foi isto: teria de ter, no ponto 3, o mesmo que nos outros dois pontos. Confusão de entendimento e/ou de comunicação do presidente.

SL

Eu não estou a duvidar companheiro, simplesmente ele disse-o duas vezes com todas as letras da forma como todos percebemos e mais uma vez à comunicação social.
Todos os programas falaram mediante essa condição o que estás a dizer é-me totalmente novo.

Não será nesse excerto que meteste aí que aí sim se tenham enganado e arredondado todos os pontos para os 75%? Isso é de onde mesmo?
Ganhe mas é o campeonato que prometeu este ano e deixe-se de m*****.
Então que quer dizer isto?

Citar
Artigo 49° (Processo eleitoral)
1 – As eleições da competência da Assembleia Geral far-se-ão   por  lista   completa, que   englobará todos  os órgãos  sociais  previstos  no  artigo  34º dos  presentes Estatutos

Só aqui fazes logo um corte ao impedir listas a apenas um órgão!

Significa que MAG, CF e CD são, cada um, eleitos por lista completa.
Lista completa não é lista única para todos os órgãos.
Lista completa é eleição de todos os membros, sem distribuição de mandatos de forma proporcional aos votos.

OU seja. A lista que ganhar um órgão por 50%+1 ganha todos os lugares desse órgão.
A lista que ganhar outro órgão idem.

Quem quiser apresentar uma lista só para MAG pode fazê-lo.
Quem quiser candidatar-se ao CD não tem de apresentar uma lista para MAG e CF.


A leitura que faço do " que   englobará todos  os órgãos  sociais  previstos  no  artigo  34º" não é nada essa. A leitura que faço é que passas a ter que apresentar uma lista a todos os órgãos e não só a alguns.
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.

Mas o Bruno diz claramente que "no mínimo, para não sair, igual ao numero de votos das últimas eleições"

O vídeo tá mesmo ali em cima!! Onde é que aquele forista viu a dizer 75% no último ponto??

Foi esclarecido posteriormente: 75% em todos os pontos. O que o Bruno quis dizer foi isto: teria de ter, no ponto 3, o mesmo que nos outros dois pontos. Confusão de entendimento e/ou de comunicação do presidente.

SL

Eu não estou a duvidar companheiro, simplesmente ele disse-o duas vezes com todas as letras da forma como todos percebemos e mais uma vez à comunicação social.
Todos os programas falaram mediante essa condição o que estás a dizer é-me totalmente novo.

Não será nesse excerto que meteste aí que aí sim se tenham enganado e arredondado todos os pontos para os 75%? Isso é de onde mesmo?

O entendimento geral, e inicial, foi nesse sentido, sim; mas posteriormente, até por "fonte ligada ao Sporting", foi esclarecido que sim: 75% para todos os (três) pontos.

SL
Boas, para eu ficar esclarecido alguem me pode dizer quais são esses 3 pontos que estão em discusão?
Ultimato, chantagem, despotismo, ditadura, ordinarices, impulsividade: que nojo, que nojo, saber que muitos dos que por aqui andam engolem estes versículos da cartilha — dos que só querem o Sporting pequeno outro vez, simpático outra vez, inofensivo outra vez, elitista outra vez.

Nojo.

Quero o Sporting grande, agressivo — doa a quem doer, custe a quem custar, doa a quem doer, ofenda quem ofender. É essa a escolha que no dia 17 teremos de fazer: existir ou não? Tudo o que seja regressar ao passado é o final da existência do meu Sporting. Do enorme. Do tão grande como os maiores da Europa.

Farei a minha parte. Conto com a inteligência de pelo menos dois terços dos meus consócios para fazerem a sua.

SL

Epa... os mesmos que dizem que o Sporting acaba no dia 17 sem o BdC são os mesmos que sem campeonato neste mandato vão estar a pedir a sua cabeça. Aliás, para alguns desconfio que era só anunciar a renovação do JJ. :mrgreen: Menos.


Menos por que vai contra a vossa cartilha não é? Já reparaste que se o BdC sair vai ser o INFERNO para vocês também?
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.

Mas o Bruno diz claramente que "no mínimo, para não sair, igual ao numero de votos das últimas eleições"

O vídeo tá mesmo ali em cima!! Onde é que aquele forista viu a dizer 75% no último ponto??

Foi esclarecido posteriormente: 75% em todos os pontos. O que o Bruno quis dizer foi isto: teria de ter, no ponto 3, o mesmo que nos outros dois pontos. Confusão de entendimento e/ou de comunicação do presidente.

SL

Eu não estou a duvidar companheiro, simplesmente ele disse-o duas vezes com todas as letras da forma como todos percebemos e mais uma vez à comunicação social.
Todos os programas falaram mediante essa condição o que estás a dizer é-me totalmente novo.

Não será nesse excerto que meteste aí que aí sim se tenham enganado e arredondado todos os pontos para os 75%? Isso é de onde mesmo?

O entendimento geral, e inicial, foi nesse sentido, sim; mas posteriormente, até por "fonte ligada ao Sporting", foi esclarecido que sim: 75% para todos os (três) pontos.

SL

Obrigado mais uma vez....
 É uma jogada de poder. Há políticos que a usam muito bem.

 Porque para o que depois vai fazer, com a alteração dos regulamentos disciplinares, precisa de ver reforçada a sua maioria, ver reforçado o seu poder directivo. Agora, cabe a cada um votar de acordo com a sua consciência, consciência essa que o Presidente já está a pressionar. Mind-game. Porque os sócios têm medo, fez por isso na conferência de imprensa, e isso vai toldar a consciência no momento do voto.

 Esqueçam. Ninguém vai votar as alterações. O que vão votar é as alterações que o Presidente quer e precisa que constem dos regulamentos. Todo aquele circo na Assembleia Geral, no Sábado, começa a ficar claro que foi propositado. O Presidente está a jogar o "jogo do poder", entende que tem que ser ele a limpar o clube dos trafulhas, dos sanguessugas, dos hipócritas, dos usurpadores. O problema continuará, já que são alimentados, impulsionados, criados, pela rede de poder que há em Portugal; é a comunicação social que dá voz a estes energúmenos que proliferam no clube, comunicação social que é um boneco na mão de outros, nomeadamente pelo clube do regime.

 Podíamos ter feito isto de outra forma. Menos ruidosa, menos polémica e as alterações propostas passavam todas. Todas. Mas o Presidente quer algo mais que as alterações, que maior legitimação e entendo que queira ir por aqui. Vi outros usarem a estratégia e passarem com distinção. É um all-in, um pouco calculado, que vai correr bem.

Andamos a lêr Arte da Guerra :twisted:.....um dos comentários em que me revejo. Só me preocupa se isto pode afetar a prestação da equipa nos jogos até dia 17. ::) O resto, é muito simples: dia 17, para mim, é o dia D, dia de ver quem dos croquetes e outros que falam, falam, falam irão lá estar :whistle:.....e aí veremos se sabem usar da palavra fora do seu conforto do lado de lá do teclado ou dos grupinhos :naughty:....dia 17 é o dia em que saberemos quem são os leões e os ratos de esgoto :exclaim:....e já agora, um conselho aos que querem voltar ao antes de 2011, nesse dia da AG, veremos o que fazem sem terem as costas quentes .... :naughty:

SL

Sem duvida alguma...

Acrescentaria ai que pelo timing das AG, este reforço de poder, tem ainda o objectivo da tomada de uma decisão anti-popular no próximo Verão... que vai mudar a estratégia do futebol...
Peço desculpa se já responderam a esta questão, mas em à votação para a continuidade da direção serão necessários 75% ou os 90% com que ganhou as eleições?
75% ponto 1 e 2, 90% ponto 3

Não é 90%, será 86%. Mas penso que se tiver também 75% passa.

75% nos três pontos. O Bruno esclareceu-o claramente no final.

Está nas nossas mãos.

SL

O que ele disse na entrevista final é que queria uma votação no ponto 3 ao mesmo nível das eleições. Não apresentou um número concreto.

Mas o Bruno diz claramente que "no mínimo, para não sair, igual ao numero de votos das últimas eleições"

O vídeo tá mesmo ali em cima!! Onde é que aquele forista viu a dizer 75% no último ponto??

Foi esclarecido posteriormente: 75% em todos os pontos. O que o Bruno quis dizer foi isto: teria de ter, no ponto 3, o mesmo que nos outros dois pontos. Confusão de entendimento e/ou de comunicação do presidente.

SL

Eu não estou a duvidar companheiro, simplesmente ele disse-o duas vezes com todas as letras da forma como todos percebemos e mais uma vez à comunicação social.
Todos os programas falaram mediante essa condição o que estás a dizer é-me totalmente novo.

Não será nesse excerto que meteste aí que aí sim se tenham enganado e arredondado todos os pontos para os 75%? Isso é de onde mesmo?

O entendimento geral, e inicial, foi nesse sentido, sim; mas posteriormente, até por "fonte ligada ao Sporting", foi esclarecido que sim: 75% para todos os (três) pontos.

SL

Obrigado mais uma vez....

 :victory:

 :offtopic: Pearl Jam forever.  :venia:
Ganhe mas é o campeonato que prometeu este ano e deixe-se de m*****.
Esse é um defeito do BdC :

Prometer titulos ao invés de dizer que gostava de ganhar o titulo.
« Última modificação: Fevereiro 05, 2018, 23:52 pm por Gonçalo27 »