Bruno de Carvalho - Presidente do Sporting Clube de Portugal

0 Membros e 3 Visitantes estão a ver este tópico.

Mau.

Eu ando lixado com a postura do presidente, mas quer-se fazer mesmo, à conta das últimas semanas, exemplo para mais de 4 anos de mandato?

Acho piada a essa dos 250 mil do Ruiz. O que se diria se fosse Freitas? Mas quem está atento aos relatórios e numeros da SAD, vais mesmo entrar por aí?

PS:

Há aí um erro crasso. Nem para todos, as coisas são irrelevantes, mediante os resultados.

Mas a diferença de "negociata" é só se há lucro ou prejuízo no R&C?


Não. A diferença são os números públicos, constantes ou não constantes em RC, que mostram no global que os valores pagos em comissões nas transferências de jogadores, compras+vendas, são muito abaixo da média de mercado.

Portanto falha-me por completo a tua referência a Freitas. Mesmo no exemplo que pegas, quando se sabe que o irmão de Alan só veio por... Alan.

 Deixem o Presidente Bruno de Carvalho e o Treinador Jorge Jesus preparar a próxima época em paz e descansados, se vocês tem amor pelo clube chega de teatro!!!
Bill Shankly treinador do FC Liverpool (1959–1974)

"O clube pertence aos fãs que o apóiam. Os diretores estão lá apenas para assinar os cheques."

 O SPORTING VOLTOU A SER O CLUBE DOS "MANSOS"
Completamente ao lado do Presidente, apesar do mesmo ter cometido alguns erros pelo caminho, quero é que se concentre no Sporting e em criar condições para ganharmos. Quanto aos inflitrados e novos users que para aqui andam a querer incendiar os ânimos vão para o .!. SL aos Sportinguistas
Setinhas nisto
Muitas setas.
 :arrow: :arrow: :arrow: :arrow: :arrow:


@Void666, @KRUGER PARK, @Mocito, Rui Trindade o mundo dos yes man.

Eu não considero-me um "yes man"! Acho que realmente é Sportinguista está do lado do Presidente, eu pelo menos estou, agora se acho que está tudo bem, não, não está, mas não é por isso que não vou continuar de acreditar, de apoiar e de estar ao lado do Nosso Presidente! Essas últimas semanas tem sido um fartote de socos no estômago, mas é por isso mesmo que também sou Sportinguista, porque aguento bem esses socos! Neste momento é tentar manter a calma, colocar as diferenças para trás das costas e arregaçar as mangas. O passado já lá vai, agora é preparar o futuro, com cabeça, com coração, mas com muito, muito trabalho.

Não deixem de apoiar, o Sporting precisa disso também, as coisas só vão correr bem se estivermos todos focados no mesmo objectivo. A cartilha, infelizmente, está a resultar bem.

 :arrow: :arrow: :arrow:

Eu, não me preocupa se sou ou não yes man, eu apoio é o clube e o seu Presidente no qual votei e comigo votaram quase 90% de Sportinguistas, a partir daí quem estiver contra o clube está contra mim.

Com o que deixo a bold concordo a 100% porque infelizmente é a verdade.

Obviamente que devemos apoiar, acho é que aqui o cerne da questão é que não podemos dizer que sim a tudo só porque nos tirou do lodo. Não era isso que faziamos no tempo dos croquetes? Se um filho meu se quiser meter na droga não é por o adorar e apoiar em tudo que lhe vou dizer que sim força!

Temos de estar presentes para auxiliar nas más decisões e nos maus momentos. E isto não deve ser só para o Presidente, vejo pouco disso para com o JJ que obviamente teve uma época má mas pelo seu passado merece o benefício da dúvida de uma 3ª época. Ai sim poderemos ajuizar o seu trabalho.

Também estou de acordo que fique uma 3º época agora há que analisar em que condições fica, se é ficar só por ficar, por causa das questões monetárias, isso não interessa ao Sporting.
Estou em estado de choque.
Mais ou menos a partir do jogo contra os lampiões que comecei a verificar uma curva descendente a todos os níveis do futebol profissional do Sporting.
Nestas coisas costumo ter um pressentimento certeiro, no ano em que ganhámos com o Inácio foi um ano em que senti que havia uma onda positiva e inclusivamente fui ver dezenas de treinos da equipa durante a pré-época, ainda com o Materazzi. Sentia-se mística na equipa.
Nesta equipa, desde a saída do Slimani que não sinto mística.
É criticável a minha atitude, mas este ano não paguei quotas ainda.
Este projecto está a azedar, há aqui muita loucura, muito desespero, outras coisas que não consigo perceber...
Enfim, por alguma razão deixei de acreditar neste projecto, deixei de ir aos jogos (tenho gamebox) e neste momento já nem via os jogos (a melhoria de futebol que tivemos nunca me convenceu).
Neste momento, estou a equacionar pagar ou não as quotas e andava à espera de alguma coisa.. um laivo de sobriedade.
O nosso presidente, até agora, conseguiu sempre dar-me a volta mesmo quando achei que tinha errado, mas recentemente parece-me diferente. Parece-me que ele próprio está a ficar amargurado.
-Acho que é essencial fazer uma limpeza no Sporting. Em todos os quadros, quer sejam dirigentes, treinadores ou jogadores, deverão ser despachados TODOS os que pedirem para sair.
Adrien, William, Patrício???, JJ, etc etc
O Sporting precisa apenas dos que quiserem cá estar.
Isto é essencial.
-Depois despachar o Saraiva. Completamente inútil. Não evita o desgaste do Presidente (a sua única aparente função) e não beneficiou em nada a equipa nem a nossa comunicação.
-Deixar de dar entrevistas a jornais da cartilha benfiquista. Parece óbvio mas continuamos a compactuar com essa comunicação social reles.
-AG para medir o pulso aos sócios (como vi sugerir anteriormente). Pode parecer precipitado visto que tivemos eleições há pouco tempo, mas com a saída do JJ, que sugiro, acho que se deve seguir uma AG.
-Contratar um treinador estrangeiro. Quero alguém de cabeça fria, sem raízes no nosso futebol. Não é importante conhecer o nosso futebol, em meia dúzida de pinceladas uma pessoa inteligente percebe como funciona o nosso campeonato.
-Procurar jogadores Slimani-like. O Sporting precisa de ter 2-3 jogadores de raça em campo. Jogadores que querem sempre ganhar mesmo a feijões, que são ambiciosos, devoradores de relva. Esse deve ser o critério número 1 no acto de contratar.
Artistas temos nós muitos e formamos muitos. O que falta na nossa formação é garra e isso temos de importar.

Se fizermos isto estão lançadas as cartas para eu voltar a acreditar na equipa.
Caso contrário, vejo o caso muito mal parado e teremos 4 anos de miséria e de afastamento do presidente dos sócios.
E o Sporting é o nosso grande amor!
Mau.

Eu ando lixado com a postura do presidente, mas quer-se fazer mesmo, à conta das últimas semanas, exemplo para mais de 4 anos de mandato?

Acho piada a essa dos 250 mil do Ruiz. O que se diria se fosse Freitas? Mas quem está atento aos relatórios e numeros da SAD, vais mesmo entrar por aí?

PS:

Há aí um erro crasso. Nem para todos, as coisas são irrelevantes, mediante os resultados.

Mas a diferença de "negociata" é só se há lucro ou prejuízo no R&C?


Não. A diferença são os números públicos, constantes ou não constantes em RC, que mostram no global que os valores pagos em comissões nas transferências de jogadores, compras+vendas, são muito abaixo da média de mercado.

Portanto falha-me por completo a tua referência a Freitas. Mesmo no exemplo que pegas, quando se sabe que o irmão de Alan só veio por... Alan.

A publicidade também muda pouco. O dinheiro, montante considerável, saiu por um jogador que não vale um chavelho, nem seria um caso que engana alguém. E é um exemplo. Ora bem, veio pelo Alan que já teve comissão de um par de milhões. Eu tenho a certeza que noutro tempo isto seria chamado de negociata, mas ok. É só para ver que se formos classificar o que é um croquette por isso há por onde pegar.
Mau.

Eu ando lixado com a postura do presidente, mas quer-se fazer mesmo, à conta das últimas semanas, exemplo para mais de 4 anos de mandato?

Acho piada a essa dos 250 mil do Ruiz. O que se diria se fosse Freitas? Mas quem está atento aos relatórios e numeros da SAD, vais mesmo entrar por aí?

PS:

Há aí um erro crasso. Nem para todos, as coisas são irrelevantes, mediante os resultados.

Mas a diferença de "negociata" é só se há lucro ou prejuízo no R&C?


Não. A diferença são os números públicos, constantes ou não constantes em RC, que mostram no global que os valores pagos em comissões nas transferências de jogadores, compras+vendas, são muito abaixo da média de mercado.

Portanto falha-me por completo a tua referência a Freitas. Mesmo no exemplo que pegas, quando se sabe que o irmão de Alan só veio por... Alan.

A publicidade também muda pouco. O dinheiro, montante considerável, saiu por um jogador que não vale um chavelho, nem seria um caso que engana alguém. E é um exemplo. Ora bem, veio pelo Alan que já teve comissão de um par de milhões. Eu tenho a certeza que noutro tempo isto seria chamado de negociata, mas ok. É só para ver que se formos classificar o que é um croquette por isso há por onde pegar.

Quando vir o Sporting a esconder ou a encapotar comissões numa rubrica avulso do RC talvez te dê alguma razão. Até lá, falha-me por completo a tua referência.


Completamente ao lado do Presidente, apesar do mesmo ter cometido alguns erros pelo caminho, quero é que se concentre no Sporting e em criar condições para ganharmos. Quanto aos inflitrados e novos users que para aqui andam a querer incendiar os ânimos vão para o .!. SL aos Sportinguistas
Setinhas nisto
Muitas setas.
 :arrow: :arrow: :arrow: :arrow: :arrow:


@Void666, @KRUGER PARK, @Mocito, Rui Trindade o mundo dos yes man.

Eu não considero-me um "yes man"! Acho que realmente é Sportinguista está do lado do Presidente, eu pelo menos estou, agora se acho que está tudo bem, não, não está, mas não é por isso que não vou continuar de acreditar, de apoiar e de estar ao lado do Nosso Presidente! Essas últimas semanas tem sido um fartote de socos no estômago, mas é por isso mesmo que também sou Sportinguista, porque aguento bem esses socos! Neste momento é tentar manter a calma, colocar as diferenças para trás das costas e arregaçar as mangas. O passado já lá vai, agora é preparar o futuro, com cabeça, com coração, mas com muito, muito trabalho.

Não deixem de apoiar, o Sporting precisa disso também, as coisas só vão correr bem se estivermos todos focados no mesmo objectivo. A cartilha, infelizmente, está a resultar bem.

 :arrow: :arrow: :arrow:

Eu, não me preocupa se sou ou não yes man, eu apoio é o clube e o seu Presidente no qual votei e comigo votaram quase 90% de Sportinguistas, a partir daí quem estiver contra o clube está contra mim.

Com o que deixo a bold concordo a 100% porque infelizmente é a verdade.

Obviamente que devemos apoiar, acho é que aqui o cerne da questão é que não podemos dizer que sim a tudo só porque nos tirou do lodo. Não era isso que faziamos no tempo dos croquetes? Se um filho meu se quiser meter na droga não é por o adorar e apoiar em tudo que lhe vou dizer que sim força!

Temos de estar presentes para auxiliar nas más decisões e nos maus momentos. E isto não deve ser só para o Presidente, vejo pouco disso para com o JJ que obviamente teve uma época má mas pelo seu passado merece o benefício da dúvida de uma 3ª época. Ai sim poderemos ajuizar o seu trabalho.

Também estou de acordo que fique uma 3º época agora há que analisar em que condições fica, se é ficar só por ficar, por causa das questões monetárias, isso não interessa ao Sporting.

 O Jorge Jesus é Sportinguista, ele quer ser Campeão de certeza pelo Sporting, para poder lavar o chão com o carnide, por isso temos de apoiar o treinador.
 Eu acredito no Jorge Jesus e no Presidente, pode haver as críticas de vez em quando, mas eu acredito!!!
Bill Shankly treinador do FC Liverpool (1959–1974)

"O clube pertence aos fãs que o apóiam. Os diretores estão lá apenas para assinar os cheques."

 O SPORTING VOLTOU A SER O CLUBE DOS "MANSOS"
Completamente ao lado do Presidente, apesar do mesmo ter cometido alguns erros pelo caminho, quero é que se concentre no Sporting e em criar condições para ganharmos. Quanto aos inflitrados e novos users que para aqui andam a querer incendiar os ânimos vão para o .!. SL aos Sportinguistas
Setinhas nisto
Muitas setas.
 :arrow: :arrow: :arrow: :arrow: :arrow:


@Void666, @KRUGER PARK, @Mocito, Rui Trindade o mundo dos yes man.
Rui eu não sou yes man, não concordo com tudo.

Se acho mal a alteração da data por exemplo, acho, acho muito mal, agora não vou entrar em histerismo por isto, mostro o meu desagrado mas nunca nos moldes que por aqui se viu onde quase chamaram de rameira à namorada do presidente.
É penoso ver o Bruno ser gozado todos os dias no Correio da Manhã.

Desde que é presidente, é alvo do maldizer deste e doutros pasquins, mas agora, para além da maledicência junta-se o escárnio e a chacota.

...mas depois abre a porta e oferece uma entrevista exclusiva (fora o resto).

Não percebo.
Sporting Corporate de Portugal
Na 6ª o Fivelas, rodeado de gorilas, aturou os chatos dos sócios do CLUBE no Multidesportivo
Na 4ª o Fivelas, cheio de glamour, sorria junto dos partners do CORPORATE no Casino do Estoril
Completamente ao lado do Presidente, apesar do mesmo ter cometido alguns erros pelo caminho, quero é que se concentre no Sporting e em criar condições para ganharmos. Quanto aos inflitrados e novos users que para aqui andam a querer incendiar os ânimos vão para o .!. SL aos Sportinguistas
Setinhas nisto
Muitas setas.
 :arrow: :arrow: :arrow: :arrow: :arrow:


@Void666, @KRUGER PARK, @Mocito, Rui Trindade o mundo dos yes man.

Eu não considero-me um "yes man"! Acho que realmente é Sportinguista está do lado do Presidente, eu pelo menos estou, agora se acho que está tudo bem, não, não está, mas não é por isso que não vou continuar de acreditar, de apoiar e de estar ao lado do Nosso Presidente! Essas últimas semanas tem sido um fartote de socos no estômago, mas é por isso mesmo que também sou Sportinguista, porque aguento bem esses socos! Neste momento é tentar manter a calma, colocar as diferenças para trás das costas e arregaçar as mangas. O passado já lá vai, agora é preparar o futuro, com cabeça, com coração, mas com muito, muito trabalho.
Não deixem de apoiar, o Sporting precisa disso também, as coisas só vão correr bem se estivermos todos focados no mesmo objectivo. A cartilha, infelizmente, está a resultar bem.
Nunca fui a favor de seguidismos cegos, mas também nunca fui a favor de memória curta, e aquilo que B.C fez quando ganhou as eleições permitiu-nos ganhar a esperança de nos reerguermos depois de corrermos o sério risco de fechar portas. Foi óbvio que esta época foi um fracasso total e indesmentível, o que só mostra que tentámos lutar por algo, porque há uns anos seria quase indiferente para alguns, nem ia levantar ondas de indignação que atualmente verificamos aqui diariamente, umas legitimas de Sportinguistas com visões diferentes, outros apenas movidos por rancor, outras de infiltrados principalmente do Carnide e que só vêm para aqui jogar com as armas que melhor conhecem que é o jogo sujo e tentar inflamar opiniões como se fossem Sportinguistas preocupados. Como em qualquer organização há que identificar e corrigir aquilo que falhou, e penso que temos pessoas com capacidade para o fazer a nível técnico, noutras áreas temos de fazer melhor, seja no scouting, comunicação (que ultimamente parece que anda perdida) etc. o que aliado à conquista de um titulo por um rival, não tem ajudado nada, assim como erros de palmatória perfeitamente evitáveis. De resto aquilo que a C.S. fala mal do B.C. diz-me zero, aquilo que os rivais pensam diz-me zero. Quero é que se criem condições para ver o Clube conquistar titulos. E no final fazer um balanço e responsabilizar quem não estiver à altura das funções que representa, seja o tipo da limpeza seja o próprio B.C. O problema do Sporting não se encerra só no J.J. nem no saraiva, no B.C. etc, mas também numa questão de mentalidade colectiva que só conseguirá ser mudada com vitórias. O presidente já elevou a fasquia para ele próprio, e tem 4 anos para mostrar serviço, acredito que se não o conseguir será o primeiro a não se recandidatar. Tenho tolerância com o J.J por mais este ano por aquilo que já fez no passado, nomeadamente no 1º ano e mais uma vez acredito que o Presidente é o homem certo no lugar certo, desde que mantenha o foco para dotar o clube das melhores condições para o Sporting ganhar sem alinhar em histerismos colectivos, cada vez que alguma coisa corra mal. Prefiro mil vezes cair com as minhas convições do que alinhar em linchamentos em alturas menos boas e nisso como sócio e adepto dou a cara pelo meu clube e pelo meu Presidente. SL e quero é ver a bola correr e ganhar titulos.

 Aqui está o problema, há dois grupos extremistas no fórum, um que tudo o que Presidente faz é sempre errado, e o outro grupo que tudo o que faz é bem feito.
 Há falta de objetividade, tanto de um lado como do outro.
 «Casa onde não há pão, todos ralham e ninguém tem razão»
E depois há aqueles, que como eu, conseguem ver os dois lados da moeda.
Por ti contra tudo e todos!
"Todo soldado tem direito a um comando competente".
Julio César

Uma grande parte da discussão que aparece no forum foca-se na escolha dos soldados (Ou na escolha do chefe dos soldado, que terá sido promovido -a DD- a um nível hierárquico onde atingiu o seu nível de incompetência)*.

No entanto é mais que obvio que o problema não está aí.
O problema está no topo da hierarquia, e só não vê quem está refém de uma necessidade de consonância cognitiva exagerada.

(*) O Principio de Peter define como "nível de incompetência" - o grau a partir do qual as pessoas já não possuem competências para a posição que ocupam.

No topo da hierarquia temos 2 problemas que me preocupam:
- Não saber reconhecer o nível de incompetência dos subordinados (algo natural, é o erro mais comum, inclusive em bons gestores. Mas os realmente bons apercebem-se rápido e emendam).
- Não sabe reconhecer o seu próprio nível de incompetência (algo muito menos normal, dizendo-o duma forma simpática, nos bons gestores). Quando assim é, o gestor não se rodeia de pessoas competentes para o apoiar nas funções em que é limitado.

Vou ficar à espera dos próximos meses, sem grande participação para não contribuir para o levantar de ondas que são desnecessárias. Mas acho no entanto que, nesta fase, é nosso dever seguirmos uma das sugestões do Presidente: sermos exigentes. E em especial para o maior responsável pela época deplorável: Ele próprio. Porque se não leva uma chicotada que o traga de volta à realidade, temo que perderemos um dos últimos comboios para levar este clube ao sucesso no curto/medio prazo.

ACORDA BdC.
 
Bom post Italo. Basicamente é isto.

Ainda acredito mto no BdC, mas ele tem que acordar.

 Deixem o Presidente Bruno de Carvalho e o Treinador Jorge Jesus preparar a próxima época em paz e descansados, se vocês tem amor pelo clube chega de teatro!!!
Finalmente um comentario sensato.
50 marmelos a ver este tópico logo ás 9h da manhã. Porra.
Cheira a sangue como tal eles andam aí e a malta depois de já todos terem malhado forte e feio no presidente (com ou sem razão agora não interessa) continua a dar pérolas a porcos. 
« Última modificação: Maio 19, 2017, 16:17 pm por Astherion »
Nós somos da raça que nunca se vergará!
Esta na altura de BdC vir dar a cara. Que utilize a Sporting TV. De forma tranquila e sem grandes ondas.. acalmar os Sportinguistas, mostrar o q está a ser feito de bom para o Clube, elogiar todos os atletas e dar alguma esperança mostrando uma ponta ou outra do q está a ser feito para o departamento do Futebol e modalidades. Basta isso para entrar ventos favoráveis, e o barco mudar de rumo.

É nestas alturas que um líder tem de aparecer e saber comunicar. Vamos Sporting!!

Enviado do meu HUAWEI VNS-L31 através de Tapatalk
Obviamente respeito a opinião mas discordo. Por mim é blackout total até recomeçar a época neata altura tudo o que possa ser dito é gasolina para a fogueira basta ver que têm saido posições oficiais e a malta não acredita nelas portanto neata altura o silêncio é de ouro.
Nós somos da raça que nunca se vergará!
Completamente ao lado do Presidente, apesar do mesmo ter cometido alguns erros pelo caminho, quero é que se concentre no Sporting e em criar condições para ganharmos. Quanto aos inflitrados e novos users que para aqui andam a querer incendiar os ânimos vão para o .!. SL aos Sportinguistas
Setinhas nisto
Muitas setas.
 :arrow: :arrow: :arrow: :arrow: :arrow:


@Void666, @KRUGER PARK, @Mocito, Rui Trindade o mundo dos yes man.

Eu não considero-me um "yes man"! Acho que realmente é Sportinguista está do lado do Presidente, eu pelo menos estou, agora se acho que está tudo bem, não, não está, mas não é por isso que não vou continuar de acreditar, de apoiar e de estar ao lado do Nosso Presidente! Essas últimas semanas tem sido um fartote de socos no estômago, mas é por isso mesmo que também sou Sportinguista, porque aguento bem esses socos! Neste momento é tentar manter a calma, colocar as diferenças para trás das costas e arregaçar as mangas. O passado já lá vai, agora é preparar o futuro, com cabeça, com coração, mas com muito, muito trabalho.

Não deixem de apoiar, o Sporting precisa disso também, as coisas só vão correr bem se estivermos todos focados no mesmo objectivo. A cartilha, infelizmente, está a resultar bem.

 :arrow: :arrow: :arrow:

Eu, não me preocupa se sou ou não yes man, eu apoio é o clube e o seu Presidente no qual votei e comigo votaram quase 90% de Sportinguistas, a partir daí quem estiver contra o clube está contra mim.

Com o que deixo a bold concordo a 100% porque infelizmente é a verdade.

Obviamente que devemos apoiar, acho é que aqui o cerne da questão é que não podemos dizer que sim a tudo só porque nos tirou do lodo. Não era isso que faziamos no tempo dos croquetes? Se um filho meu se quiser meter na droga não é por o adorar e apoiar em tudo que lhe vou dizer que sim força!

Temos de estar presentes para auxiliar nas más decisões e nos maus momentos. E isto não deve ser só para o Presidente, vejo pouco disso para com o JJ que obviamente teve uma época má mas pelo seu passado merece o benefício da dúvida de uma 3ª época. Ai sim poderemos ajuizar o seu trabalho.

Também estou de acordo que fique uma 3º época agora há que analisar em que condições fica, se é ficar só por ficar, por causa das questões monetárias, isso não interessa ao Sporting.

 O Jorge Jesus é Sportinguista, ele quer ser Campeão de certeza pelo Sporting, para poder lavar o chão com o carnide, por isso temos de apoiar o treinador.
 Eu acredito no Jorge Jesus e no Presidente, pode haver as críticas de vez em quando, mas eu acredito!!!

Acredito no BC com todos os defeitos e erros que tenha cometido, quem não os comete, no JJ neste momento não acredito nem um bocadinho. Um tipo que só porque fez 86 pontos, a verdade é que só ganhou uma supertaça, ao fim do 1º ano de contrato faz exigências nomeadamente aumento salarial. JJ se tivesse consideração pelo homem, deu-lhe o que podia e o que não podia, andava com ele na palminha das mãos.

 Deixem o Presidente Bruno de Carvalho e o Treinador Jorge Jesus preparar a próxima época em paz e descansados, se vocês tem amor pelo clube chega de teatro!!!
Finalmente um comentario sensato.


Falem mas é do arguido do BPN!
Isto é só carvão!!


Acho que está na hora do pessoal acalmar para que quem de direito esteja mais tranquilo na planificação da próxima época. Vamos lá ao que realmente interessa.

P.s Grande posta do Leão de plástico.

http://leaodeplastico.blogspot.pt/2017/05/casa-onde-nao-ha-pao-trofeus.html
Nós somos da raça que nunca se vergará!
Citar
Casa onde não há pão (troféus)

BdC e direcção (a restante) estão sob ataque cerrado. Ponto. A cartilha sentiu o cheiro a sangue e motivada por uma profunda desilusão dos adeptos leoninos (uma série de resultados negativos em várias modalidades não são fáceis de gerir e havia…muitas expectativas) colocou em marcha uma ofensiva total. Não consigo olhar uma capa de jornal, escutar rádio ou ligar uma tv…sem que exista um qualquer novo ângulo a explorar um dos vários focos de incêndio que lavra por Alvalade.

Como é óbvio, é nestas alturas que se separam as águas, que se distinguem os carácteres, que se mostra o compromisso com o clube e os sócios. Os que se preocupam, acima de tudo, com a imagem perante uma opinião pública “lavada” pelas cartilhas, vão ceder. Vão quebrar. Vão escolher “limpar” a face à custa de uma deslealdade com o projecto do qual sempre nos quiseram fazer acreditar que faziam parte.

Se pensam que estou apenas a falar de dirigentes, desenganem-se. Muitos adeptos, primeiro desiludidos com as promessas falhadas e depois emprenhados pelos ouvidos dos eternamente descrentes, decidiram que era hora de retirarem o seu apoio a BdC. Vestiram o fato da indignação e as luvas de Pilatos…e cai vai disto. Li nas últimas semanas vários depoimentos de várias pessoas (da qual não ponho em causa o sportinguismo) que sem repararem assumiram que deixaram de apoiar BdC porque já não têm com ele aquele feeling de que estão perante um vencedor.

Os fantasmas de Alvalade, das assombrações de mau dirigismo e pesadelos de má gestão voltaram em barda, acordaram muita gente do sono e ainda a destilar suores frios, correram aos facebooks a levantar a bandeira da sua distância para com a actual gestão do clube. Nem por um momento se atreveram a questionar como chegámos todos a esta situação. É claro que têm sido cometidos erros e pior que isso, não tem sido feita uma gestão da crise que resultou da incompreensão que se errou.

Erro nº1
Bons treinadores, boas condições de trabalho e bons atletas não significam necessariamente vitórias (exemplos não faltam). E não vencer nem sempre significa que se fez algo de errado. No desporto há demasiados factores aleatórios. Se o projecto é bom, se os profissionais são bons, é manter o rumo e sobretudo a confiança e auto-estima elevadas. O sucesso nem sempre é imediato, os projectos antes de consolidados precisam de…consolidação.

Erro nº2
Deixar a pele em campo, não advém da exigência de terceiros, imposição de modelos de disciplina ou as chamadas “piçadas” depois de maus resultados. Hoje em dia, os atletas profissionais relacionam-se pouco com o emblema e reagem mal a imposições…é preferível criar uma forte vertente de trabalho psicológico e motivacional e várias oportunidades para conviverem com os adeptos (a proximidade e familiaridade normalmente ajuda a criar empatia). Um jogador crente no seu talento e confiante no espaço natural para errar, valerá muito mais do que um atleta em permanente stress competitivo.

Erro nº 3
Tornar pública a insatisfação perante maus resultados. Entendo que é necessário a clube como o Sporting (demasiado habituado a perder) ganhar uma auto-estima colectiva e um sentido de exigência condizente com as condições que o clube oferece às suas equipas. Mas não é com declarações, tomadas de posição mais ou menos mediáticas, que isso é conseguido. Há um processo, um trabalho de raiz que deve ser feito antes de se pensar que os comportamentos e atitude da liderança deve ser geminada nos adeptos. É quase o mesmo que tentar exigir atitudes de dominância a quem cresceu na sombra de outros vencedores. Leva tempo e sobretudo…conquistas. Ocorre-me a frase “lead the way…they will eventually follow you”.

Erro nº4
Escolher companheiros de luta, que não são propriamente bons para lutar. A composição de uma direcção não é uma tarefa fácil e no Sporting de BdC muitas vezes parece existir demasiada pacificação com o papel de “faz-tudo” do Presidente. Rever este estatuto era bastante ajuizado, pois muitas das vezes e nas alturas onde era importante exibir que o líder não está por “conta e risco”, há apenas um vazio…que BdC tenta ocupar…sozinho. Não pode.

Erro nº5
A elevadíssima exposição do responsável máximo nos media, gera cansaço. Nas fases de maior brilhantismo é excelente para afirmar créditos, para recolher louros, eleva o estatuto, carisma e preponderância no meio desportivo. Nas piores fases gera exactamente o contrário - descrédito, impaciência, ingratidão. É muito nobre a atitude de dar a cara e tentar “salvar a honra do convento”, mas quantas vezes deverá um líder ter de se afirmar com estes actos de coragem? A menos é mau, a mais…é péssimo.

Erro nº6
Antes de avançar para a guerra, contam-se se as armas primeiro. Acabarem-se as munições a meio da coisa é…trágico. BdC enfrenta de peito feito os nossos inimigos e o que imagina estar a entravar o nosso sucesso. Mas não pode fazê-lo à “Rambo”. O futebol português não é Hollywood e os combates são tudo menos leais. Antes de mais é o presidente dos Sportinguistas e deve preocupar-se também em estar alinhado com as lutas (e forma de lutar) que estes acreditam justas e no caso disso não ser uma realidade é contraproducente culpar-nos de sermos um mau exército. Ele também é parte do mesmo.

São sobretudo estes os problemas que acredito estarem na base das “broncas” mais recentes do Sporting. São felizmente reparáveis e urge o encontro dessa margem e vontade. A força de rivais que não perdoam a independência e rejeição a um papel secundário deste Sporting, o poder dos media e a desconfiança dos adeptos leoninos perante maus resultados não vão ajudar (nunca), mas acho que se todos nos concentrarmos no que o clube precisa e não nas agendas e egos pessoais, é completamente possível recuperar toda a forte ligação que existe entre esta presidência e a massa associativa, bem expressa nas urnas há poucos meses.

Ambas as partes têm de dar passos importantes: a Direcção deve assumir erros próprios, os adeptos devem rejeitar alarmismos e motins virtuais. Algures no meio, está a virtude de servir o clube, o clube real e não um emblema imaginário. O nosso Sporting Clube de Portugal tem problemas, mas também tem uma força inacreditável - os seus adeptos. Sem a energia, união e convicção de todos nós o clube definhará. Todos somos responsáveis pela criação desse ambiente. Todos!



Completamente ao lado do Presidente, apesar do mesmo ter cometido alguns erros pelo caminho, quero é que se concentre no Sporting e em criar condições para ganharmos. Quanto aos inflitrados e novos users que para aqui andam a querer incendiar os ânimos vão para o .!. SL aos Sportinguistas
Setinhas nisto
Muitas setas.
 :arrow: :arrow: :arrow: :arrow: :arrow:


@Void666, @KRUGER PARK, @Mocito, Rui Trindade o mundo dos yes man.

Eu não considero-me um "yes man"! Acho que realmente é Sportinguista está do lado do Presidente, eu pelo menos estou, agora se acho que está tudo bem, não, não está, mas não é por isso que não vou continuar de acreditar, de apoiar e de estar ao lado do Nosso Presidente! Essas últimas semanas tem sido um fartote de socos no estômago, mas é por isso mesmo que também sou Sportinguista, porque aguento bem esses socos! Neste momento é tentar manter a calma, colocar as diferenças para trás das costas e arregaçar as mangas. O passado já lá vai, agora é preparar o futuro, com cabeça, com coração, mas com muito, muito trabalho.

Não deixem de apoiar, o Sporting precisa disso também, as coisas só vão correr bem se estivermos todos focados no mesmo objectivo. A cartilha, infelizmente, está a resultar bem.

 :arrow: :arrow: :arrow:

Eu, não me preocupa se sou ou não yes man, eu apoio é o clube e o seu Presidente no qual votei e comigo votaram quase 90% de Sportinguistas, a partir daí quem estiver contra o clube está contra mim.

Com o que deixo a bold concordo a 100% porque infelizmente é a verdade.

Obviamente que devemos apoiar, acho é que aqui o cerne da questão é que não podemos dizer que sim a tudo só porque nos tirou do lodo. Não era isso que faziamos no tempo dos croquetes? Se um filho meu se quiser meter na droga não é por o adorar e apoiar em tudo que lhe vou dizer que sim força!

Temos de estar presentes para auxiliar nas más decisões e nos maus momentos. E isto não deve ser só para o Presidente, vejo pouco disso para com o JJ que obviamente teve uma época má mas pelo seu passado merece o benefício da dúvida de uma 3ª época. Ai sim poderemos ajuizar o seu trabalho.

@Kasshern, como sócio do Sporting Clube de Portugal e dado que este é o SPORTING pelo qual ambicionava e esperava desde a saída do Sr. José de Sousa Cintra apenas cumpro os mandamentos do meu clube do coração, nada tenho a criticar e se tiver que o fazer falo-ei em família e não por qualquer forum ou facebook, porque este é um Presidente que me ORGULHA como Sportinguista e pelo qual esperei uma vida inteira, não um qualquer crápula afinado e como tal nunca ninguém enquanto o Presidente for assim me demoverá do meu caminho.

Como Sportinguista cumpro os mandamentos do meu clube do coração.

1º Nunca digas mal do que não possas fazer melhor; a crítica é fácil, mas prejudica quando imerecida e perdes o direito moral de falar se não puderes realizar aquilo que amesquinhas.

2º Lembra-te que Directores são sete e coisas a dirigir mais de mil; exige àqueles o cumprimento do dever, mas moral e praticamente presta o teu incondicional apoio a quem trabalha para o bem de uma coisa que é tanto tua como sua.

3º Nunca em público amesquinhes os actos de quem represente o teu Clube; roupa suja lava-se em família e o teu dever é criar em toda a parte, pelas tuas palavras e pelos teus actos, um ambiente favorável ao Sporting, enaltecendo-o.

Jamais como sócio e adepto exigirei de alguém aquilo que nunca fui capaz de fazer melhor, se fosse melhor seria bem mais que um pobre triste atrás de um teclado, já muitas vezes aqui disse até para o porco afinado eu pedi união, esta minha forma de viver e de ser SPORTINGUISTA nunca ninguém mudará, na vida quando quero exigência e sou exigente é comigo mesmo, tentando ser a cada dia que passa um melhor ser humano do que o que fui ontem.
« Última modificação: Maio 19, 2017, 17:05 pm por Rui Trindade »
23-03-2013 O dia mais feliz da minha vida como sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem-haja Presidente!
23-06-2018 O pior dia da minha vida como sportinguista. Após campanha orquestrada entre lampiões, croquetes e comunicação social, cai o melhor Presidente da história do clube. Obrigado do fundo do coração Presidente por ter trazido um orgulho e alegria que estavam esmagados no meu coração para mim será eterno.