Treinadores [Discussão]

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Caso a moderação ache este tópico inapropriado, no sítio errado, ou caso já exista algum semelhante(que não encontrei), façam o que acharem apropriado.

Bem, a minha ideia é que se fale em treinadores, que se goste, ou não. Não no intuito de recomendar para o Sporting, mas simplesmente para discutirmos o tipo de treinador que gostamos mais, e nomes de treinadores emergentes no mercado nacional e internacional. Como existem tópicos para discutir o futebol de certos países, e a qualidade de jogadores, acho que pode haver um para se discutir sobre treinadores.
9.
Ora bem, o meu perfil de treinador, é um treinador de ataque, apoiando-se num jogo apoiado, bonito e trabalhado, carismático, sem medo de tomar decisões ou apostar em jovens, e com uma boa leitura de jogo, sabendo mexer nele, e entender as várias nuances do mesmo.
O treinador que melhor encaixa aqui é capaz de ser Marcelo Bielsa, apesar de Jurgen Klopp também ser um treinador que admiro imenso. Esses 2 estariam no meu Top3, ao qual acrescentaria José Mourinho(e não tenho ordem definida entre os 3).

Digam de vossa justiça :great:.
"Se uma equipa de futebol fosse uma empresa de construção civil e o adepto comum um empreiteiro, os trabalhadores não construiriam segundo um projecto, mas trabalhariam incessantemente, colocando tijolos em tudo o que era sítio. Não haveria casa, mas ninguém os poderia acusar de não terem trabalhado."
Parece-me bem o tópico e nada mais do que destacar, o que para mim é o treinador do momento:



Daqueles que eu gosto, que começa desde o "fundo", a mudar paradigmas, filisofias, modos de encarar o jogo e que não se escuda em orçamentos nem em "disciplinas bacocas".

Bielsa é outro nesse estilo, que também admiro imenso, mas perde para Klopp a nível de resultados...

Mourinho é o melhor da actualidade mas prefiro destacar estes dois, por serem mais do meu agrado mesmo a nível de interacção com o mundo futebolístico e porque nunca gozaram com o Sporting...
2h9m21s
O treinador do Southampton(penso que seja este) subiu duas ligas até a premir league em 2 anos e pelos jogos que vi tem muito potencial, tal como o treinador do Swassea que se mudou para Liverpool, dois que para mim prometem bastante.
"Sporting! Minha vida é o Sporting, minha paixão é o Sporting, meu amor é o Sporting, é o Sporting é o Sporting é o Sporting! Meu vício é o Sporting, minha família é o Sporting, Sporting, Sporting, Sporting, é o meu Sporting!"
O treinador do Southampton(penso que seja este) subiu duas ligas até a premir league em 2 anos e pelos jogos que vi tem muito potencial, tal como o treinador do Swassea que se mudou para Liverpool, dois que para mim prometem bastante.
Também gostei dos jogos que vi dele(do do Southampthon) contra os Manchesters, mas tem um bom plantel, tendo ainda um jogador com potencial brutal, e já com muita qualidade, que se destaca dos demais, que é Gastón Ramirez.
O Brendan, sou fanboy, deve ter sido das poucas decisões de jeito que os responsáveis do Liverpool tomaram nos últimos anos, nem me importava que substituisse o Ferguson.

Aliás, o Swansea tem um talento natural para escolher treinadores, pois começaram por apostar em Roberto Martínez, que é outro treinador que aprecio imenso, deram continuidade com a aposta em Brendan Rodgers, e agora foram buscar o Laudrup, outro ótimo treinador. Quem me dera que o Sporting tivesse metade da capacidade do Swansea nesse campo :wall:.

Chamo também a atenção para Armin Veh, que chegou ao Frankfurt há 2 anos, e conseguiu levá-los da 2ª divisão para o topo da 1ª. É prematuro falar, mas gostei dos jogos que vi do Frankfurt, tém um bom coletivo, e um Japonês que se destaca(não me recordo do nome).
"Se uma equipa de futebol fosse uma empresa de construção civil e o adepto comum um empreiteiro, os trabalhadores não construiriam segundo um projecto, mas trabalhariam incessantemente, colocando tijolos em tudo o que era sítio. Não haveria casa, mas ninguém os poderia acusar de não terem trabalhado."
Pedro Caixinha no campeão Santos Laguna do México  :o
« Última modificação: Novembro 20, 2012, 20:00 pm por Letista »
''Define os objectivos mais altos que conseguires e luta diariamente por eles, como um leão!'' - João Benedito
Pedro Caixinha no campeão Santos Laguna do México  :o
Hã!?

Quintero---Peralta é amor, vamos ver como se safa, foi esperto ele...
"Se uma equipa de futebol fosse uma empresa de construção civil e o adepto comum um empreiteiro, os trabalhadores não construiriam segundo um projecto, mas trabalhariam incessantemente, colocando tijolos em tudo o que era sítio. Não haveria casa, mas ninguém os poderia acusar de não terem trabalhado."
Pedro Caixinha no campeão Santos Laguna do México  :o

Este é daqueles que não deixa nada por dizer e não se importa de abrir guerra com quer que seja, muito directo e objectivo. No meio da total anarquia fez um bom trabalho em Leiria.

Boa Sorte para a carreira dele no México :great:!
Esforço, Dedicação e Devoção servem de pouco se não houver Competência e Rigor.

Acrescente-se definitivamente estes 2 pilares ao ADN do Sporting, para atingirmos a Gloria.
Pedro Caixinha no campeão Santos Laguna do México  :o

Este é daqueles que não deixa nada por dizer e não se importa de abrir guerra com quer que seja, muito directo e objectivo. No meio da total anarquia fez um bom trabalho em Leiria.

Boa Sorte para a carreira dele no México :great:!

Bom trabalho no Leiria??
Na 1ª epoca fez um trabalho muito razovel, tinha um plantel interessante e ficou em 10º lugar, depois no 2º ano foi despedido ao fim de 3 ou 4 jornadas com 0 pontos e depois de uma derrota em casa 2-5 com o porto.
No Nacional foi aquilo que se viu.

Conclusão:É um treinador fraquissimo e o  Santos laguna fez uma pessima opção, apesar disso desejo-lhe toda a sorte do mundo pois vai precisar muito dela.
Pedro Caixinha no campeão Santos Laguna do México  :o

Este é daqueles que não deixa nada por dizer e não se importa de abrir guerra com quer que seja, muito directo e objectivo. No meio da total anarquia fez um bom trabalho em Leiria.

Boa Sorte para a carreira dele no México :great:!

Bom trabalho no Leiria??
Na 1ª epoca fez um trabalho muito razovel, tinha um plantel interessante e ficou em 10º lugar, depois no 2º ano foi despedido ao fim de 3 ou 4 jornadas com 0 pontos e depois de uma derrota em casa 2-5 com o porto.
No Nacional foi aquilo que se viu.

Conclusão:É um treinador fraquissimo e o  Santos laguna fez uma pessima opção, apesar disso desejo-lhe toda a sorte do mundo pois vai precisar muito dela.

 :o

SC33, vê lá melhor a tua opinião... O Leiria da epoca passada estava condenado á partida, viesse quem viesse treinar o Clube Caixinha, Dominguez, Cajuda etc etc, sabiam que dificilmente escapavam a epoca passada da descida á II Liga. Só o Bartolomeu acreditava numa presença Europeia naquelas condições ^-^

A treinar sabe-se lá aonde, com a casa ás costas, sem Publico, sem receitas, sem salarios, sem jogadores, Caxinha fez o que pode em Leiria. E não o deixaram fazer muito que ao final da 3ª Jornada despediram-no depois de ter perdido 5-2 na Marinha com o Porto.

No Nacional fez um trabalho mais que razoavel. Sem o plantel de outros tempos, fez um bom trabalho e fez-nos a vida negra nas meias finais da Taça de Portugal. Valeu-nos quem nós bem sabemos.... :whistle:

Esta epoca foi o momento menos bom de Caixinha, e como tal foi mandado embora. Apesar deste mau inicio, não coloco em causa a valia de Pedro Caixinha. Não é fraquissimo, e espero que ele faça um grande trabalho no México.

Esforço, Dedicação e Devoção servem de pouco se não houver Competência e Rigor.

Acrescente-se definitivamente estes 2 pilares ao ADN do Sporting, para atingirmos a Gloria.
Só deixar cá o nome Steve Clarke, que fenomenal trabalho está a desenvolver no WBA.
"Se uma equipa de futebol fosse uma empresa de construção civil e o adepto comum um empreiteiro, os trabalhadores não construiriam segundo um projecto, mas trabalhariam incessantemente, colocando tijolos em tudo o que era sítio. Não haveria casa, mas ninguém os poderia acusar de não terem trabalhado."
Klopp, é sem dúvida "O" treinador neste momento. O trabalho no Dortmund é fantástico.

Benitez como o Sir Fergunson diz, é um homem cheio de sorte. Um dos coveiros do Liverpool, sem resultados positivos à muito tempo lá consegue chegar ao comando técnico do Chelsea. É daqueles treinadores que não queria ver nem pintado de ouro no Sporting.

José Mourinho está a desiludir-me um pouco no Real Madrid, principalmente esta época pois esperava muito mais.
Daqueles que eu gosto, que começa desde o "fundo", a mudar paradigmas, filisofias, modos de encarar o jogo e que não se escuda em orçamentos nem em "disciplinas bacocas".

Bielsa é outro nesse estilo, que também admiro imenso, mas perde para Klopp a nível de resultados...

engraçado teres falado de paradigmas... estou a ler o livro "Paradigma Guardiola" cuja "base" é o blog com o mesmo nome (o livro é uma compilação de artigos/textos publicados nesse blog). aconselho vivamente.

____

quanto ao tema, tenho 4 treinadores de eleição pelo trabalho abrangente que fazem/faziam.

Rinus Michels, Johan Cruyff, Frank Rijkaard (só de pensar que o podíamos ter como treinador no nosso SCP... até dói) e Pep Guardiola.
curiosamente ou talvez não, são "sequenciais". um pegou no trabalho do anterior e acrescentou-lhe o seu "cunho".

depois admiro a capacidade inacreditável de conseguir resultados do Mourinho. a loucura do Bielsa. e a qualidade inquestionável do Klopp.
let us fight until the end. let me try at least that - fight. Pep Guardiola
Anzhi: Hiddink admite terminar carreira no final da época

O holandês Guus Hiddink, 66 anos, admite encerrar a carreira de treinador no final da presente época, quando terminar o contrato que tem atualmente em vigor com os russos do Anzhi Makhachkala.

Hiddink explicou que ainda sente energia para se manter ligado ao futebol, mas não como treinador. «Talvez como conselheiro ou trabalhar na formação», referiu.

Ao longo da sua carreira, o holandês somou seis títulos de campeão na Holanda e uma Taça dos Clubes Campeões Europeus (em 1988, diante do Benfica). Por duas vezes atingiu as meias-finais do Campeonato do Mundo, com a Holanda (1998) e com a Coreia do Sul (2002).

PS- A ser verdade tenho muita pena. É um dos meus treinadores preferidos!
Sporting até morrer! Obrigada por me teres dado uma das maiores alegrias da minha vida, Campeão 1999/2000.
Vou ter pena se abandonar ja a carreira de treinador, um dos meus preferidos  :clap: :clap: :clap:
E aí está Scolari na selecção do Brasil.
''Define os objectivos mais altos que conseguires e luta diariamente por eles, como um leão!'' - João Benedito
Parece-me bem o tópico e nada mais do que destacar, o que para mim é o treinador do momento:



Daqueles que eu gosto, que começa desde o "fundo", a mudar paradigmas, filisofias, modos de encarar o jogo e que não se escuda em orçamentos nem em "disciplinas bacocas".

Bielsa é outro nesse estilo, que também admiro imenso, mas perde para Klopp a nível de resultados...

Mourinho é o melhor da actualidade mas prefiro destacar estes dois, por serem mais do meu agrado mesmo a nível de interacção com o mundo futebolístico e porque nunca gozaram com o Sporting...

Esse treinador é o meu sonho molhado.

Cada vez que vou tomar café a algum lado e está a dar um jogo do Borussia Dortmund, é como se o raio da televisão me puxasse pelas orelhas, fico boquiaberto e siderado a olhar par aa TV e nem ouço a conversa de quem está ao meu lado...

Pode parecer exagero, mas já me valeu chatices com a patroa...  :-[
- You're a real stone player, aren't you, Ma? You threatened to smother his children.
- What does that mean?
- You know, everyone thought Dad was the ruthless one. But I gotta hand it to you. If you'd been born after those feminists, you woulda been the real gangster.
- I don't know what you're talking about!
Um dos grandes Mestres do Futebol Italiano e Mundial:



Arrigo Sacchi


O Treinador do grande AC Milan do inicio da Década de 90 e o grande mestre do Catenaccio.

Carreira curta, mas implacável.

Regia-se pela maxima "O futebol é a coisa mais importante dentro das menos importantes".



Citar
Se formou técnico de futebol. Foi treinador da seleção italiana entre 1991 a 1996 e do Milan de 1987 a 1991 e na temporada 1996-1997. Sacchi nunca foi jogador de futebol profissionalmente, e antes de se formar técnico foi vendedor de sapatos.
Seu estilo de treinador foi marcado pela tentativa bem-sucedida de abandonar o antigo esquema de jogo da seleção italiana, que usava o catenaccio, que era extremamente defensivo, e trocando pelo 4-4-2, bem mais consistente, ofensivo. Apesar de ser utilizado pela maioria das equipes do mundo na época, ainda era um estilo praticamente inédito no país. Com ênfase no contra-ataque, ele é usado até hoje como referência pelos treinadores que o sucederam na seleção italiana.

Como técnico da seleção italiana de futebol, chegou a final da Copa do Mundo de 1994, perdendo nos pênaltis para a seleção brasileira do técnico Carlos Alberto Parreira, porém após a má campanha na Eurocopa 1996, quando foi eliminada na primeira fase, foi demitido do posto de treinador da Itália.

Treinando clubes o seu período de sucesso mais notável foi quando treinador do Milan. Pelo Milan conquistou tanto títulos nacionais e internacionais: além do campeonato italiano, comandou jogadores do calibre de Marco van Basten, Ruud Gullit, Frank Rijkaard, Carlo Ancelotti e Roberto Donadoni na cosquista de duas Taças dos Campeões Europeus, duas Supertaças Europeias e duas Taças Intercontinentais.[1] Numa das atuações mais marcantes da história da competição, viu seu Milan vencer o Real Madrid de Leo Beenhakker por 5 a 0 em uma semifinal.[2]

Campeonato Italiano de Futebol de 1988
Supertaça da Itália de 1988
Liga dos Campeões da UEFA de 1989 e 1990
Supertaça Européia de 1989 e 1990
Mundial Interclubes de 1989 e 1990

IN: Wikipedia
Esforço, Dedicação e Devoção servem de pouco se não houver Competência e Rigor.

Acrescente-se definitivamente estes 2 pilares ao ADN do Sporting, para atingirmos a Gloria.
Parece-me bem o tópico e nada mais do que destacar, o que para mim é o treinador do momento:



Daqueles que eu gosto, que começa desde o "fundo", a mudar paradigmas, filisofias, modos de encarar o jogo e que não se escuda em orçamentos nem em "disciplinas bacocas".

Bielsa é outro nesse estilo, que também admiro imenso, mas perde para Klopp a nível de resultados...

Mourinho é o melhor da actualidade mas prefiro destacar estes dois, por serem mais do meu agrado mesmo a nível de interacção com o mundo futebolístico e porque nunca gozaram com o Sporting...

Esse treinador é o meu sonho molhado.

Cada vez que vou tomar café a algum lado e está a dar um jogo do Borussia Dortmund, é como se o raio da televisão me puxasse pelas orelhas, fico boquiaberto e siderado a olhar par aa TV e nem ouço a conversa de quem está ao meu lado...

Pode parecer exagero, mas já me valeu chatices com a patroa...  :-[
 :arrow:(aproveito este post para puxar o tópico para cima)
É a única equipa que não me dizia nada, mas que, por força do futebol e do treinador deles, passei a apoiar(para além do Werder Bremen, mas essa apoio desde puto).

Quanto a treinadores portugueses, o único em que vejo claramente potencial para chegar muito longe, é o do Paços(Paulo Fonseca).
"Se uma equipa de futebol fosse uma empresa de construção civil e o adepto comum um empreiteiro, os trabalhadores não construiriam segundo um projecto, mas trabalhariam incessantemente, colocando tijolos em tudo o que era sítio. Não haveria casa, mas ninguém os poderia acusar de não terem trabalhado."
Apesar de não estar na CAN lembrei-me dele: evoluiu bastante, confesso até que nem estava à espera que tivesse a carreira interessante que está a ter mas soube procurar o reconhecimento lá fora e tem já algum prestígio em África. Refiro-me a Paulo Duarte, está a ser, pelo menos para mim, uma boa surpresa.

Como admirador da selecção da Zâmbia, não podia deixar também de referir Hervé Renard, brilhante trabalho que tem feito...e como referi no tópico da CAN, será mais uma vez posto à prova na defesa do título este ano.
2h9m21s


Olhem que voltou...  :whistle:
- You're a real stone player, aren't you, Ma? You threatened to smother his children.
- What does that mean?
- You know, everyone thought Dad was the ruthless one. But I gotta hand it to you. If you'd been born after those feminists, you woulda been the real gangster.
- I don't know what you're talking about!