Ricardo Sá Pinto - Treinador do Sporting Clube de Portugal

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Já me dei ao trabalho de, por uma vez, estruturar um post no tópico dos Génios da Tática que na altura não foi respondido e que acaba por ter a ver com a discussão que para aqui vai.

Este futebol bonito, praticado pelo Braga, é NECESSARIAMENTE obra do treinador? Ou seja, um treinador de futebol "ensina" a equipa a desenvolver jogadas de ataque? As perguntas são sinceras. Sou um perfeito ignorante no que toca ao treino no futebol.
Já me dei ao trabalho de, por uma vez, estruturar um post no tópico dos Génios da Tática que na altura não foi respondido e que acaba por ter a ver com a discussão que para aqui vai.

Este futebol bonito, praticado pelo Braga, é NECESSARIAMENTE obra do treinador? Ou seja, um treinador de futebol "ensina" a equipa a desenvolver jogadas de ataque? As perguntas são sinceras. Sou um perfeito ignorante no que toca ao treino no futebol.

Sinceramente, não sendo um "génio da táctica" mas gostando de dar os meus "dois cêntimos" no assunto: acho que o futebol praticado pelo Braga no momento tem vários aspectos a analisar:


Um treinador de futebol trabalha as movimentações, as combinações, as saídas para o ataque. Mas é também obra de uma base que está criada e fomentada há vários anos. E ainda pela capacidade criativa/técnica de vários jogadores que o Braga tem. Mas além do que se chama por aqui de futebol bonito, não deixei de ver passes de 40 metros. A questão é que foram quase sempre feitos com conta, peso e medida e essa questão tem também duas partes: quem passa, pela sua qualidade e quem recebe, por saber estar no local adequado.
Tanto Domingos, como o Sá Pinto ainda não conseguiram colocar uma equipa a jogar o tal futebol. Com uma equipa com jogadores de qualidade, internacionais, de quem é a culpa disto? Teremos assim jogadores sem capacidade de visão de jogo ou com debilidades no passe? Ou existe uma tática errada? Ou as movimentações não são trabalhadas como deveriam?

Assumo que respostas a estas perguntas serão meramente especulativas, mas intrigam-me de certa forma  :-\
Existem aqueles tecnicos, que com dois ou três meses de trabalho é suficiente para percebermos o seu cunho pessoal, seja mais ofensivo, defensivo, enfim nas várias vertentes de jogo. No Sporting, tivemos alguns em que isso foi evidente. Mesmo aqueles que não alcançaram enormes resultados desportivos, que foram infelizmente a maioria. A malta percebe logo o que aí vem, e de facto a equipa torna-se o espelho do técnico. Dois exemplos recentes e com filosofias de joga diferentes, Bento e Peseiro. É inegável que as equipas tinham um cunho pessoal dos técnicos, goste-se ou não. Aprecie-se ou não.

O que me faz muita confusão, é aqueles que ou demoram uma eternidade ou que nunca se chega bem a perceber o que vem dali. O caso mais recente mais evidente, foi essa amostra de técnico chamado Paulo Sérgio. Com o Domingos passou-se o mesmo e agora o Sá Pinto idem, idem aspas, aspas. E isso para mim, faz-me uma comichão dos diabos!
«Já vi o suficiente deste JJ e já lhe tirei as medidas. Com ele, o Sporting não vai a lado nenhum»
@SCP Always in forumscp 22-08-17

Queria aproveitar este momento conturbado e preocupante da vida do nosso Clube para publicamente reconhecer que o amigo tinha toda a razão. Ainda mais do que aquela que na altura todos suponhamos ser possível.
@Toca_do_lobo 18/05/2018
Tanto Domingos, como o Sá Pinto ainda não conseguiram colocar uma equipa a jogar o tal futebol. Com uma equipa com jogadores de qualidade, internacionais, de quem é a culpa disto? Teremos assim jogadores sem capacidade de visão de jogo ou com debilidades no passe? Ou existe uma tática errada? Ou as movimentações não são trabalhadas como deveriam?

Assumo que respostas a estas perguntas serão meramente especulativas, mas intrigam-me de certa forma  :-\

Nem todas são especulativas. O que está a bold não é verdade. A maioria já o demonstrou, fosse no Sporting, fosse noutro lado qualquer.

Quanto ao resto, sim, será chão para discussão de meses e sem conclusão. Aliás, tem sido discutido desde a época passada.


[...]O que me faz muita confusão, é aqueles que ou demoram uma eternidade ou que nunca se chega bem a perceber o que vem dali. O caso mais recente mais evidente, foi essa amostra de técnico chamado Paulo Sérgio. Com o Domingos passou-se o mesmo e agora o Sá Pinto idem, idem aspas, aspas. E isso para mim, faz-me uma comichão dos diabos!

Não concordo inteiramente. Que não o explicam não, o que é uma pena. Arrastam-se em horas de conferências sem qualquer conteúdo (eu sei que nem todos concordam com isto, apenas uma pequena minoria) e não esclarecem (ou até educam) o povo que quer saber.

Mas dá para ver. Talvez com as mudanças em Setembro no Domingos a coisa não tivesse ficado clara, mas de resto percebe-se. O Paulo Sérgio era claro nas intenções, queria um pinheiro a tabelar bolas. Sá Pinto utiliza a mesma receita desde que entrou e já disse que funciona.
“A lot of football success is in the mind. You must believe you are the best and then make sure that you are.” - Bill Shankly
Tanto Domingos, como o Sá Pinto ainda não conseguiram colocar uma equipa a jogar o tal futebol. Com uma equipa com jogadores de qualidade, internacionais, de quem é a culpa disto? Teremos assim jogadores sem capacidade de visão de jogo ou com debilidades no passe? Ou existe uma tática errada? Ou as movimentações não são trabalhadas como deveriam?

Assumo que respostas a estas perguntas serão meramente especulativas, mas intrigam-me de certa forma  :-\

Hmm... não concordo, o Domingos o ano passado, naquela fase entre o jogo em casa com o Vitória de Setúbal e o jogo fora com os lampiões praticou um futebol muito bom. Não sei o que queres dizer por "o tal futebol", mas eu achei que era de grande qualidade. E ainda foram quase uns dez jogos. Depois infelizmente perdeu o vapor e... pronto, vocês sabem.

Ou seja, o potencial está lá. Não falta qualidade à equipa.
Sim, mas foi a partir daí que começaram a aparecer umas decisões algo esquisitas da parte de Domingos e em que tudo se desmoronou.

Com Sá Pinto, vimos futebol mas só a espaços. Espero que as coisas mudem rapidamente. Para bem do Sporting e para bem dele.
Mais palminhas sff, ainda nos arriscamos a perder.
Não te faças à vida não, que não chegas a Dezembro.
Sá, como treinador és patético.
Vamos lá ver se não chegamos a Janeiro com o Oceano como treinador principal...  >:(
Com uma direcção cuja continuidade não dependesse de ti, não chegavas a Setembro, depois disto.
Vamos desperdiçar o melhor plantel dos últimos 10 anos deste clube.
Querem acabar de vez com a nossa paixão!
Não vamos deixar... porque nunca desistimos de ti!
Aperta contigo Sá Pinto !!!
Agora so falta vir dizer no final do jogo que o Sporting fez um grande jogo!!

 Mas o que e que se passa neste clube, treinadores principiantes , os resultados nao mudam , e estas opcoes por treinadores ainda em estagio ja se viu ha muitos anos que nao resulta, pelo menos no Sporting!!

Empatar com esta equipa?
Se eu fosse trienador do Sporting contra esta equipa so dizia uma coisa aos jogadores, divirtam-se, e seria o suficiente para levar de vencida esta equipa!!

Agora  jogadores amarrados a uma tactica que ninguem entende so pode dar nisto!! :wall: :wall:
« Última modificação: Agosto 23, 2012, 22:11 pm por lcustodio »
:mais: Substituições todas acertadas.

:mais: Substituição de Elias. Lentamente a vaca sagrada vai perdendo o estatuto.

:menos: Insistência no duplo pivot. Elias e Schaars desempenharam a mesma função em campo. A ausência de Rinaudo ou Gelson retira intensidade na recuperação de bola.

:menos: :menos: Betinho e Rubio jogam pela B, mas a equipa principal dá-se ao luxo de não ter nenhum ponta-de-lança no banco.
Quando vi a opção do Sá Pinto de Elias + Schaars para duplo-pivot só pensei:

 :lol:

É só a combinação a meio-campo mais falhada de sempre desde que estes 2 jogadores ingressaram no Sporting... mas o Sá teima neles, concerteza estará mortinho por fazer as malas. :twisted:
Está muito satisfeito... mas o Sá está a gozar com os Sportinguistas? Mas ele pensa que somos todos crianças?
Se estás satisfeito com isto, estás bom para treinar aqui o clube da terrinha.
És um grande ídolo como jogador, mas como treinador põe-te longe.

Um Sporting a jogar na retranca com duplo pivot defensivo,  mas isto cabe na cabeça de alguém?
No meio campo tudo fora das posições naturais, como é que ele quer que se criem jogadas de perigo?

Que saudades de ter um treinador de mentalidade ofensiva e mentalidade de clube grande.
O nosso grande mister já disse a frase da praxe na conferência de imprensa?
"Vamos, Vamos!"  e depois do golo do empate "Vamos continuar, vamos continuar!".
Se eu tivesse estado em coma, acordasse agora, e me dissessem que o treinador do Sporting tinha este comportamento, eu diria: "Porra! Mas continuamos com o Paulo Sérgio?"
Com uma direcção cuja continuidade não dependesse de ti, não chegavas a Setembro, depois disto.
Vamos desperdiçar o melhor plantel dos últimos 10 anos deste clube.
 :arrow: :arrow:

É o que pus a bold que me lixa, precisamos de um treinador que consiga potenciar este plantel!
99465