Digressão de Final de época - Àsia (Macau e China)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Segundo o primeiro post deste tópico o jogo não era a 23 de Maio?
Resolve tudo à cabeçada é o TONEL
http://antonioleonel.blogspot.com
A Selecção de Macau deve ser fortíssima.

Esta digressão foi uma oportunidade desperdiçada de projectar a Marca Sporting na Ásia e tentar parcerias económicas e desportivas. Uma pena que calhe no final de uma época em que houve Taça e esta confusão tremenda.

Que representem o Sporting da melhor forma possível. E que a maior parte saia do Clube quando regressarem.
"O Sporting é nosso outra vez!"
Segundo o primeiro post deste tópico o jogo não era a 23 de Maio?

Foi antecipado por ter ido a equipa B creio
A equipa B ganhou 7-0 a seleção de Macau. Marco Túlio marcou um dos golos.

Os marcadores foram Marco Túlio, Ary Papel, Ronaldo Tavares e Kenedy.
Andei à procura e não encontrei os jogadores integrantes desta comitiva (para além dos marcadores dos golos)...alguém conseguiu esta informação? Algum dos emprestados integrou a comitiva? Falou-se há umas semanas, por exemplo do Matheus Pereira integrar a equipa...mas não sei se acabou por acontecer.
Segundo o primeiro post deste tópico o jogo não era a 23 de Maio?

informação do Rascord , só podia dar nisto.
Segundo o Diogo Brás houve ontem mais um jogo em Macau e o Sporting CP B , venceu o Sporting de Macau por 9-1
Pelo video notam-se muitas facilidades, mas continua a ser um bom exercício para os jogadores.
LUÍS MARTINS E A DIGRESSÃO DO SPORTING À CHINA: «ALGUMAS COISAS ACABARAM POR NÃO ACONTECER»
Treinador da equipa B admite alguns imprevistos mas salienta a responsabilidade em representar o clube naquele país

Luís Martins e a digressão do Sporting à China: «Algumas coisas acabaram por não acontecer»
Foto: Hugo Monteiro

O Sporting, o primeiro clube a visitar a China antes do estabelecimento das relações diplomáticas com Portugal, em 1979, regressou a Macau 40 anos depois com a equipa B, num clima de celebrações e alguns imprevistos.

"Estava previsto que a nossa viagem fosse mais longa, que incluísse o território da China [continental]. Havia a ideia de que podíamos jogar ali alguns jogos e que alguns elementos, nomeadamente o presidente, pudessem cá estar, mas as coisas acabaram por não acontecer", disse à Lusa o técnico da equipa, Luís Martins.

O Sporting tem vivido dias conturbados. Em 15 de maio, antes do primeiro treino para a final da Taça de Portugal, a equipa de futebol do Sporting foi atacada na Academia do clube, em Alcochete, por um grupo de cerca de 50 alegados adeptos do clube, que agrediram técnicos e jogadores, tendo a GNR detido 23 dos atacantes.

"Temos de nos agarrar ao que temos, ao que fizemos e ao que devemos fazer, e não pensar no que não foi feito", disse o técnico, relativizando assim os acontecimentos.

"O nome do Sporting é de tal maneira importante que acaba por ser um prazer estar aqui, mas também uma responsabilidade. Entendeu a administração que devíamos representar Portugal aqui neste território e assim o fizemos com muito orgulho, com a consciência que tínhamos de ser dignos e responsáveis", concluiu.

Miguel Martins, um dos responsáveis pelo museu do Sporting, lembrou a "digressão histórica" de 1978, um ano antes do estabelecimento das relações diplomáticas entre a China e Portugal, em 1979.

FIM DA DIGRESSÃO Segundo o maisfutebol
« Última modificação: Maio 23, 2018, 16:24 pm por pedro1978 »
Tanta coisa e foi-se lá fazer um jogo para de seguida voltar.

Compreende-se, mas fica no ar que se podia fazer qualquer coisa mais.
"Para mim , o Sporting é como uma mulher que se ama logo à primeira vista. Um homem pode conhecer várias mulheres , mas há sempre ‘aquela’, a especial. Independentemente de ficarmos com ela ou não, lembramo-nos dela para sempre!" - Ivone De Franceschi
Não íamos jogar agora contra a equipa do Vitor Pereira??