Afastamento de Izmailov por Costinha

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Se alguém souber alguma novidade, post aqui.
RTPN ( pontapé de saida), não garanto que se possa ver em directo as declarações do costinha, mas vejamos.
Como disse só ouvi a parte final da conferência de imprensa de Gomes Pereira, parece que ele se ressentiu da lesão e que não tinha confiança para jogar. Mas o Gomes Pereira referiu, que por ele, não era impeditivo. Foi apenas isto que ouvi.
Como fiz questão de ressalvar mais a frio no outro tópico, parece que afinal a questão sempre pode ser do foro clinico e não disciplinar...

Ou seja, muita desta confusão poderá ter nascido, não só do problemático passado recente em matéria disciplinar para os lados de Alvalade, como também da elaboração apressada daquele comunicado algo dúbio que se podia ler antes do jogo...
Como disse só ouvi a parte final da conferência de imprensa de Gomes Pereira, parece que ele se ressentiu da lesão e que não tinha confiança para jogar. Mas o Gomes Pereira referiu, que por ele, não era impeditivo. Foi apenas isto que ouvi.

E a justificação seria, que tinha sido afastado para proteger o grupo? Penso que há muito por explicar...
E a justificação seria, que tinha sido afastado para proteger o grupo? Penso que há muito por explicar...

Pode estar com gripe a.
Se não tiver havido nenhuma questão disciplinar, criou-se um tópico para nada. Obrigado.
Saudades do futuro.
Se não tiver havido nenhuma questão disciplinar, criou-se um tópico para nada. Obrigado.

É sempre melhor que andar a discutir este assunto no tópico do Costinha e do Izmailov. Caso isso se confirme, bloqueias este tópico :great:
Como disse só ouvi a parte final da conferência de imprensa de Gomes Pereira, parece que ele se ressentiu da lesão e que não tinha confiança para jogar. Mas o Gomes Pereira referiu, que por ele, não era impeditivo. Foi apenas isto que ouvi.

E a justificação seria, que tinha sido afastado para proteger o grupo? Penso que há muito por explicar...



Pois e agora inventam-se mil tretas depois do mal estar feito, com o Sá Pinto em 5 m soube-se de tudo, desta vez devem estar sem bateria nos telemóveis.
Se não tiver havido nenhuma questão disciplinar, criou-se um tópico para nada. Obrigado.

Topico criado a pedido do Celsus, pede a cabeça do "teu chefe" :P
Este assunto tá muito mal explicado.


Tão o grupo precisa de ser protegido (1ª justificação) duma situação normal como é a de um jogador estar debilitado fisicamente e como tal não ter confiança para jogar (supostamente, o complemento da 1ª justificação) ?



Isto tá muito mal explicado ...

... engraçado é que não há nada (informação) em lado nenhum (tirando aquilo que o Jal avançou), nem nos desportivos online, nem na tv, nem nada ... e já se passaram 20 e tal minutos desde o momento em que supostamente o Costinha estava na sala de imprensa.
« Última modificação: Março 18, 2010, 23:22 pm por [ - Em1n3m - ] SCP »
Alcool ou Droga... é a unica coisa que não me sai da cabeça.
É caso clinico.
É motivo de castigo.
É motivo para ser retirado da convocatória (controlo anti-doping).
É motivo para que não seja dita a verdade.
Na TSF deu para ouvir o Gomes Pereira a dizer que ele se queixou do joelho e não tinha confiança para o jogo, ao qual ele respondeu que estava a evoluir bem e sem agravamentos do ponto de vista médico... e depois cortaram a emissão.
São os consumidores deste tipo de temas que fazem o negócio dos bufos.

De certeza que o Costinha, o Carvalhal, o Gomes Pereira e o Bettencourt queriam ganhar o jogo e queriam poder contar com o Izmailov. Por isso, prefiro nada saber e que nada se saiba para não andarmos novamente nos jornais por dias a fio pelos piores motivos.

Tenha sido uma bezana, cafés a mais, um medicamento "proibido", de certeza que existiu um bom motivo para o Izmailov não jogar. Ainda há uma semana ele deu uma entrevista onde confirmou que preferiu o Sporting ao Lokomotiv por gostar do Clube e da Cidade... ainda que fosse ganhar 5 vezes mais!... Temos motivos de sobra para acreditar que não se trata de uma acção disciplinar e que, mesmo que o fosse, teria sido um acto isolado.

Por mim, o assunto morria aqui...
Até me custa a acreditar, sempre me pareceu um dos jogadores mais disciplinados, tanto dentro como fora do campo...

No tempo que cá tem estado nunca ouvi absolutamente nada sobre vida nocturna demasiado activa.

Só pode ser o grande mal deste grande jogador, lesões, Izma passa muito tempo no estaleiro.
Alcool ou Droga... é a unica coisa que não me sai da cabeça.
É caso clinico.
É motivo de castigo.
É motivo para ser retirado da convocatória (controlo anti-doping).
É motivo para que não seja dita a verdade.

Ninguém sabe nada de nada! Nem o Carvalhal quis falar.
Gomes Pereira explica situação em torno de Izmailov

O médico do Sporting, Gomes Pereira, esclareceu, em conferência de imprensa a situação em torno da ausência de Izmailov do jogo, desta quinta-feira, frente ao Atlético Madrid, para a Liga Europa.

«Por motivos clínicos e para que a situação fique muito clara decidi estar aqui. Marat Izmailov tem uma situação clínica que é conhecida e tem sido integrado em competição de forma progressiva com êxito. Isso tem sido verificado nos últimos jogos e no plano clínico considero que não existiu agravamento na situação clínica de Izmailov», começou por dizer Gomes Pereira.

O médico do Sporting explicou depois o que aconteceu: «No entanto, na relação entre um médico e um atleta existe a vertente técnica e cientifica e existe também a sensibilidade do atleta. Ontem, durante o estágio, ele disse que não se sentia confiante. Após uma análise clínica minuciosa entendi que não tinha existido agravamento relativamente à situação verificada nos últimos jogos. Transmiti isso mesmo a Marat Izmailov e fi-lo ver que, do meu ponto vista, não corria risco de participar em competição.»

Ainda assim, Gomes Pereira relembra que a opinião do jogador também tem de ser levada em conta: «Só que nesta relação existem duas partes e entre um médico e um atleta a relação não pode ser quebrada. Tive que levar em consideração que o jogador não sentia confiança para este jogo, apesar de na minha opinião não ter existido agravamento na lesão.»


In: Abola
« Última modificação: Março 18, 2010, 23:33 pm por [ - Em1n3m - ] SCP »
São os consumidores deste tipo de temas que fazem o negócio dos bufos.

De certeza que o Costinha, o Carvalhal, o Gomes Pereira e o Bettencourt queriam ganhar o jogo e queriam poder contar com o Izmailov. Por isso, prefiro nada saber e que nada se saiba para não andarmos novamente nos jornais por dias a fio pelos piores motivos.

Tenha sido uma bezana, cafés a mais, um medicamento "proibido", de certeza que existiu um bom motivo para o Izmailov não jogar. Ainda há uma semana ele deu uma entrevista onde confirmou que preferiu o Sporting ao Lokomotiv por gostar do Clube e da Cidade... ainda que fosse ganhar 5 vezes mais!... Temos motivos de sobra para acreditar que não se trata de uma acção disciplinar e que, mesmo que o fosse, teria sido um acto isolado.

Por mim, o assunto morria aqui...


Como já foi dito depois de algumas declarações, fica muito por explicar e fartos de areia para os olhos estamos todos. A época está perdida e o mínimo que podem fazer é dar condições aos sócios, (através da verdade), para que numas eleições antecipadas que estão mais que à vista, não se voltem a cometer os mesmos erros.
São os consumidores deste tipo de temas que fazem o negócio dos bufos.

De certeza que o Costinha, o Carvalhal, o Gomes Pereira e o Bettencourt queriam ganhar o jogo e queriam poder contar com o Izmailov. Por isso, prefiro nada saber e que nada se saiba para não andarmos novamente nos jornais por dias a fio pelos piores motivos.

Tenha sido uma bezana, cafés a mais, um medicamento "proibido", de certeza que existiu um bom motivo para o Izmailov não jogar. Ainda há uma semana ele deu uma entrevista onde confirmou que preferiu o Sporting ao Lokomotiv por gostar do Clube e da Cidade... ainda que fosse ganhar 5 vezes mais!... Temos motivos de sobra para acreditar que não se trata de uma acção disciplinar e que, mesmo que o fosse, teria sido um acto isolado.

Por mim, o assunto morria aqui...

 :arrow: :arrow: Mais a frio, e agora com a explicação do Gomes Pereira, concordo com tudo neste post do Gabriel.

Para mim, a bem do Clube, este pseudo-caso terminava aqui. Veremos é se a imprensa também pensa assim.  :arrow:
Gomes Pereira explica situação em torno de Izmailov

O médico do Sporting, Gomes Pereira, esclareceu, em conferência de imprensa a situação em torno da ausência de Izmailov do jogo, desta quinta-feira, frente ao Atlético Madrid, para a Liga Europa.

«Por motivos clínicos e para que a situação fique muito clara decidi estar aqui. Marat Izmailov tem uma situação clínica que é conhecida e tem sido integrado em competição de forma progressiva com êxito. Isso tem sido verificado nos últimos jogos e no plano clínico considero que não existiu agravamento na situação clínica de Izmailov», começou por dizer Gomes Pereira.

O médico do Sporting explicou depois o que aconteceu: «No entanto, na relação entre um médico e um atleta existe a vertente técnica e cientifica e existe também a sensibilidade do atleta. Ontem, durante o estágio, ele disse que não se sentia confiante. Após uma análise clínica minuciosa entendi que não tinha existido agravamento relativamente à situação verificada nos últimos jogos. Transmiti isso mesmo a Marat Izmailov e fi-lo ver que, do meu ponto vista, não corria risco de participar em competição.»

Ainda assim, Gomes Pereira relembra que a opinião do jogador também tem de ser levada em conta: «Só que nesta relação existem duas partes e entre um médico e um atleta a relação não pode ser quebrada. Tive que levar em consideração que o jogador não sentia confiança para este jogo, apesar de na minha opinião não ter existido agravamento na lesão.»


In: Abola

Medo? Lembrou-se um dia antes? ???