Resumo do Porto-Sporting na SportTv

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Estou indignado com os comentários dum tal José Marinho (é o mesmo dos comentários em "off" sobre os penalties do Jardel) no resumo que ontem a SportTv apresentou no programa "Ultimas Noticias". Ofendeu e ridicularizou o Ricardo e a instituição Sporting Clube Portugal. Já enviei uma msg ao Sporting pedidndo para tomar uma acção fime em relação a esse individuo e à própria estação de televisão. Tambem mandei para a Sport Tv uma msg de repúdio, esperando que a estação tome as medidas necessárias para que esse individuo nunca mais "frequente" qualquer das instalações do Sporting Clube Portugal. Naturalmente se esse senhor voltar a aparecer nas nossas instalações ao serviço da SportTv só me restará cancelar a assinatura da SportTv.
Já não é a primeira vez que esse *** faz dessas...  :evil:
Ó Moura, eu não vi podes dizer o que se passou.

Já agora como é que o Polga apareceu a sangrar

É que não vi nem repetição do lance imediatamente anterior, nem nada sobre o assunto ????
EX SÓCIO » ADEPTO SEMPRE BANCADA LOW COST
SPOOOORTING
o que disse o Mourinho exactamente?
O mais chocante foi a maneira como ele ridicularizou o Ricardo no lance do 1º golo do Porto, onde entre outras coisas mencionou que desta vez o Ricardo estava a fazer publicidade ao frango de churrasco em vez do frango da Guia. Ainda por cima isto foi dito com o lance a ser passado em câmara lenta, onde se vê que o Jorge Costa faz 4 (!!!!) faltas nesse lance;
primeiro, solta-se apoiando-se sobre os ombros do Polga não deixando este saltar, depois no salto dá um encosto para trás fazendo com que o Ricardo largue a bola, depois na queda do salto, agarra com uma mão a camisola do Polga e com a outra a camisola do Custódio, deitando ambos  ao chão, abrindo uma "avenida" para o remate do Mc Carthy.
Durante todo o resumo, com o seu tom irónico ridicularizou a equipa no seu total, a defender. O seu tom de voz e a sua prosa era duma falta de respeito pelo clube que me "tirou" do sério.
A minha esposa andou com ele na escola secundária. Ele é um benfiquista fanático que na altura detestava e passava a vida a gozar com o Sporting. Normalmente com a idade as pessoas aprendem a comportar-se em publico, pelos vistos o individuo não cresceu ... ainda por cima está numa actividade de exposição publica.
Eu estou indignado!
Já tive oportunidade, infelizmente, de ouvir algumas 'pérolas' desse rato de esgoto, um anti-sportinguista primário que para além de tudo é bastante incompetente.
Também já enviei alguns emails à SportTv a reclamar dessa personagem, mas naquela casa privilegia-se a incompetência e um certo anti-sportinguismo, pelo que gajos como ele tem ali lugar garantido. :twisted:
FORÇA SCP!
Esse Marinho é das criaturas mais irritantes que existem naquele canal.

O homem tem a irritante tendência para abusar de trocadilhos uns a seguir aos outros, sendo o resultado final algo sem qualquer sentido. Então resumos de jogos feitos por ele é algo de patético, sobretudo porque o faz de uma forma algo arrogante, como se houvesse naquelas frases algum tipo de brilhantismo.

A ideia com que fico é que está ali alguém com um ego injustificadamente inchado que acredita estar ali a fazer a diferença, com tiradas supostamente geniais. Não haverá ninguém naquela redacção que ajude aquela criatura a perceber as figuras ridículas que faz?
Se estão à espera de alguma reacção do Sporting podem esperar sentados.

 :roll:
O Sporting não vai reagir mas os sportinguistas que passarem por este energúmeno lampião na rua podem reagir, nem que seja mandá-lo para o car....!!!

Estas atitudes são um costume a preservar na Sporttv e na TVI, estações que mais do que tudo são anti-sportinguistas, se um comentador for, além de mau profissional como é a maioria, lampião de pequenino então tem emprego certo, ambas priveligiam o degradante espectáculo da opinião bacoca e muitas vezes ofensiva em vez do comentário realístico das incidências do jogo, cambada de f..... da p....!!! :x
Hoje como sempre, tenho o FórumSCP na mente e o Sporting Clube de Portugal no coração!
A resposta que o Sporting poderia ter dado ao Marinho era pra ser dada em campo... no entanto limitou-se a dar-lhe razão, ao ser mais ridiculo do que qualquer anti-sportinguista primario poderia descrever por palavras.
Cá para mim são todos iguais (ou talvez uns mais que outros) e só dizem bacoradas!

O meu desejo era, tal como as soluções interactivas multicamera, ter a opção de só ouvir o som ambiente!
Eu sou responsável pelo que escrevo, não pelo que os outros entendem!

Nunca discutas com um idiota. Ele arrasta-te até ao nível dele, e depois vence-te em experiência.
Já uma vez aqui conseguimos que esse cromo fosse repreendido por escrito (a acreditar no mail que recebemos da SporTv), mas desta vez, ele pode gozar à vontade e nada a fazer...
"Recordo o que disse numa AG no mandato anterior. Estou disposto a dar o meu tempo, vida e alma ao Sporting, mas têm de estar comigo. Nos últimos dois anos tive duas hipóteses: ou me juntava aos interesses ou a vocês. Escolhi juntar-me a vocês."
Bruno de Carvalho, 17 de Fevereiro de 2018
Não assisti e fico de boca aberta:

Citar
"DEIXEM-ME EM PAZ"

As criticas às últimas exibições levaram o guarda-redes do Sporting a intervir em directo, por telefone, durante a emissão de um programa da Sport TV ("A Noite do Futebol"). Pedindo tratamento igual a outros jogadores, o número um português afiança ter sofrido falta no lance que resultou no primeiro golo no clássico

Ricardo mostrou-se ontem agastado com as críticas que lhe foram feitas a propósito do jogo com o FC Porto. O guarda-redes do Sporting aproveitou o facto de o programa "A noite do futebol", da Sport TV - Paulo Sérgio foi o anfitrião de um programa que contou com as presenças de Carlos Xavier (treinador-adjunto do Estoril), Norton de Matos (ex-treinador do Salgueiros) e com os comentários de Fernando Guerra (A Bola) e João Rosado (comentador do canal) -, estar a debater o clássico do Estádio do Dragão para rebater o que considerou críticas injustiçadas.

"De uma vez por todas, deixem de falar do Ricardo nos aspectos negativos e positivos. Façam-no como fazem com os outros, porque o Ricardo só tem defeitos a partir de há um ano para cá... O Ricardo trabalha dignamente há um ano e meio, todos os dias. Tem família e amigos, pessoas que gostam muito dele, e é por essas pessoas que continua a trabalhar todos os dias em prol do Sporting. Tenho muito orgulho em ter vindo para o Sporting", começou por salientar, algo agastado.

O camisola 76 "leonino" prosseguiu a intervenção, via telefone, acrescentando: "Este ano, tive a possibilidade de ir para fora e foi ponto assente ficar no Sporting, porque sei que não posso passar pelo Sporting sem ganhar nada. Se as pessoas tratarem o Ricardo de forma igual aos outros a vida do Sporting corre muito melhor. Deixem de bater no Ricardo por amor de Deus, sem nexo! De uma vez por todas, deixem-me em paz! Há pessoas que fogem à verdade e quem sofre é a minha família, não sou eu. A mim, critiquem-me na cara se forem capazes, porque há pessoas, sem dignidade, que me criticam pelos jornais e pelas costas...".

O lance do primeiro golo do FC Porto também mereceu comentários por parte do internacional português. "O que disse ao árbitro António Costa foi não ter sido falta quando larguei a bola, porque bati num jogador que estava à minha frente. Se repararem nas imagens, quando a bola cai para a frente eu quero ir ao lance e o Jorge [Costa] não me deixa ir, mas faz parte do jogo. Não me deixou ir com o braço e começou-me a puxar a mim e ao Polga...", afirmou.
(pasquim do norte)

Como tantas vezes acontece em campo, eis o Ricardo a enfrentar sozinho os ataques dos adversários, enquanto a sua "defesa" fica a ver.

Quando um jogador experiente, dezenas de vezes internacional e vice-campeão da Europa pelo seu país, se vê obrigado a intervir em directo num programa de televisão para defender a sua honra, isso só prova o estado de desnorte a que o Sporting deixou chegar este seu "activo", que pelos vistos sente estar a ser alvo de uma perseguição que tem directamente a ver com o facto de ter assinado pelo clube.

Esta indiferença traduz, uma vez mais (mas apenas para os que querem ver), a falta de tacto dos dirigentes do Sporting para estes assuntos, a falta de cuidado com os pormenores, e no fundo a sua incompetência e incompreensão do que é o futebol e do que o envolve. No campo da defesa dos jogadores, Duque e Ribeiro Telles foram as honrosas excepções nos últimos anos (até o truculento Manolo Vidal desapareceu de cena).

Os grandes clubes europeus têm verdadeiros "departamentos de  logística" só para auxiliar os jogadores. A procura de casa, a escola e o médico dos filhos, o ginásio da mulher, as viagens dos pais, tudo é tratado por profissionais do clube exclusivamente vocacionados para essas tarefas, na certeza de que um jogador joga melhor futebol se não tiver que se preocupar com mais nada.

Já o clube que quer ser «como os maiores da Europa», para além de não ter nada disto, ainda entrega o seu guarda-redes internacional ao auto de fé da imprensa e da opinião pública, e depois assiste em directo pela televisão enquanto ele se debate na fogueira.

Esperar o quê, quando em dia de derby ninguém põe a vista em cima do presidente e nas épocas de crise este está invariavelmente em África? No máximo uma nota na Bola Quadrada, entre o árbitro que compra um par de meias no centro comercial acompanhado pelo padrinho do tratador de relva do Porto, e o juiz do conselho de qualquer coisa que é sócio do compadre do preparador físico do Benfica.

Continuemos pois, cantando e rindo, amaldiçoando o sistema e o azar, enquanto estas "irrelevâncias" se acumulam. E sempre, mas sempre, inabalavelmente confiantes nos nossos dirigentes e suas nas infalíveis qualidades, que todos afiançam mas nunca ninguém viu.


PS1: Nada disto invalida que considere serem de mau pagador as desculpas do Ricardo quanto ao primeiro golo.

PS2: Num momento de perplexidade desportiva e encruzilhada financeira, não deixem de ler, na Bola Quadrada, o artigo que responde às preocupações profundas de todos os sportinguistas:
Citar
Patada T-T
 
As tristes incursões de um pato todo-o-terreno que não se aguenta em areias movediças e, por isso, sofre nefastos acidentes.
Pobre Clube... :cry: :cry: :cry:
Eu vi e gostei. Ricardo encostou às tabuas aqueles pseudo jornalistas. O tal Guerra do Pasquim chegou ao ponto de acusar Ricardo de falta de Humildade. Ricardo jogou ao ataque ( como não jogamos nas antas) e acusou-os de não conseguirem despir a camisola nesta guerra aberta ao guarda redes do Sporting.
O Ricardo está a ser alvo de uma cabala involuntária. :D

Mais a sério, é muito triste que ninguém do Sporting defenda o jogador Ricardo há ... 1 ANO E MEIO !!!!

Esta situação com Luis Duque ( até mesmo com Inácio ou Octávio Machado ) nunca se passaria.

Pobre Ricardo...mais valia teres ido para os lamps. Assim, já não terias esta perseguição e se a tivesses alguém te defenderia( nem que tivesse de entrar pelos estúdios da Sic notícias "adentro"  :wink:  )
Citação de: "FLL"
Não assisti e fico de boca aberta:

Citar
"DEIXEM-ME EM PAZ"

As criticas às últimas exibições levaram o guarda-redes do Sporting a intervir em directo, por telefone, durante a emissão de um programa da Sport TV ("A Noite do Futebol"). Pedindo tratamento igual a outros jogadores, o número um português afiança ter sofrido falta no lance que resultou no primeiro golo no clássico

Ricardo mostrou-se ontem agastado com as críticas que lhe foram feitas a propósito do jogo com o FC Porto. O guarda-redes do Sporting aproveitou o facto de o programa "A noite do futebol", da Sport TV - Paulo Sérgio foi o anfitrião de um programa que contou com as presenças de Carlos Xavier (treinador-adjunto do Estoril), Norton de Matos (ex-treinador do Salgueiros) e com os comentários de Fernando Guerra (A Bola) e João Rosado (comentador do canal) -, estar a debater o clássico do Estádio do Dragão para rebater o que considerou críticas injustiçadas.

"De uma vez por todas, deixem de falar do Ricardo nos aspectos negativos e positivos. Façam-no como fazem com os outros, porque o Ricardo só tem defeitos a partir de há um ano para cá... O Ricardo trabalha dignamente há um ano e meio, todos os dias. Tem família e amigos, pessoas que gostam muito dele, e é por essas pessoas que continua a trabalhar todos os dias em prol do Sporting. Tenho muito orgulho em ter vindo para o Sporting", começou por salientar, algo agastado.

O camisola 76 "leonino" prosseguiu a intervenção, via telefone, acrescentando: "Este ano, tive a possibilidade de ir para fora e foi ponto assente ficar no Sporting, porque sei que não posso passar pelo Sporting sem ganhar nada. Se as pessoas tratarem o Ricardo de forma igual aos outros a vida do Sporting corre muito melhor. Deixem de bater no Ricardo por amor de Deus, sem nexo! De uma vez por todas, deixem-me em paz! Há pessoas que fogem à verdade e quem sofre é a minha família, não sou eu. A mim, critiquem-me na cara se forem capazes, porque há pessoas, sem dignidade, que me criticam pelos jornais e pelas costas...".

O lance do primeiro golo do FC Porto também mereceu comentários por parte do internacional português. "O que disse ao árbitro António Costa foi não ter sido falta quando larguei a bola, porque bati num jogador que estava à minha frente. Se repararem nas imagens, quando a bola cai para a frente eu quero ir ao lance e o Jorge [Costa] não me deixa ir, mas faz parte do jogo. Não me deixou ir com o braço e começou-me a puxar a mim e ao Polga...", afirmou.
(pasquim do norte)

Como tantas vezes acontece em campo, eis o Ricardo a enfrentar sozinho os ataques dos adversários, enquanto a sua "defesa" fica a ver.

Quando um jogador experiente, dezenas de vezes internacional e vice-campeão da Europa pelo seu país, se vê obrigado a intervir em directo num programa de televisão para defender a sua honra, isso só prova o estado de desnorte a que o Sporting deixou chegar este seu "activo", que pelos vistos sente estar a ser alvo de uma perseguição que tem directamente a ver com o facto de ter assinado pelo clube.

Esta indiferença traduz, uma vez mais (mas apenas para os que querem ver), a falta de tacto dos dirigentes do Sporting para estes assuntos, a falta de cuidado com os pormenores, e no fundo a sua incompetência e incompreensão do que é o futebol e do que o envolve. No campo da defesa dos jogadores, Duque e Ribeiro Telles foram as honrosas excepções nos últimos anos (até o truculento Manolo Vidal desapareceu de cena).

Os grandes clubes europeus têm verdadeiros "departamentos de  logística" só para auxiliar os jogadores. A procura de casa, a escola e o médico dos filhos, o ginásio da mulher, as viagens dos pais, tudo é tratado por profissionais do clube exclusivamente vocacionados para essas tarefas, na certeza de que um jogador joga melhor futebol se não tiver que se preocupar com mais nada.

Já o clube que quer ser «como os maiores da Europa», para além de não ter nada disto, ainda entrega o seu guarda-redes internacional ao auto de fé da imprensa e da opinião pública, e depois assiste em directo pela televisão enquanto ele se debate na fogueira.

Esperar o quê, quando em dia de derby ninguém põe a vista em cima do presidente e nas épocas de crise este está invariavelmente em África? No máximo uma nota na Bola Quadrada, entre o árbitro que compra um par de meias no centro comercial acompanhado pelo padrinho do tratador de relva do Porto, e o juiz do conselho de qualquer coisa que é sócio do compadre do preparador físico do Benfica.

Continuemos pois, cantando e rindo, amaldiçoando o sistema e o azar, enquanto estas "irrelevâncias" se acumulam. E sempre, mas sempre, inabalavelmente confiantes nos nossos dirigentes e suas nas infalíveis qualidades, que todos afiançam mas nunca ninguém viu.


PS1: Nada disto invalida que considere serem de mau pagador as desculpas do Ricardo quanto ao primeiro golo.

PS2: Num momento de perplexidade desportiva e encruzilhada financeira, não deixem de ler, na Bola Quadrada, o artigo que responde às preocupações profundas de todos os sportinguistas:
Citar
Patada T-T
 
As tristes incursões de um pato todo-o-terreno que não se aguenta em areias movediças e, por isso, sofre nefastos acidentes.
Pobre Clube... :cry: :cry: :cry:


meu caro FLL: concordo com o que escreves e adianto: o Sporting- melhor, os dirigentes do Sporting- envergonham décadas de glória e títulos! envergonham os sócios e adeptos! envergonham este clube que amamos! até um Sousa Cintra vinha para o terreno e defendia o clube o melhor que podia e sabia! estes dirigentes, eleitos, cooptados e coisas adjacentes, viajam, passam horas a engendrar projectos cujos activos cobrem os passivos... é uma vergonha!!! estes dirigentes esquecem que uma equipa de futebol é compostas por homens- não por projectos economicistas adiados! eu quero ver Ricardo com paz de espírito! eu quero ver a equipa defendida da turba pasquineira e dos anormais dos árbitros liguistas! eu quero ver dirigentes que se dêem ao clube! será pedir muito???
no tempo feliz sonhei o poema
escrito no sol
Antes de mais nada devo dizer que com falta sobre o Polga ou sem ela o Ricardo foi culpado no primeiro golo do FCP.

Isso não invalida que ele até estivesse a jogar bem e que esta temporada ele esteja melhor do que esteve na anterior, apesar duma ou outra casa que todos dão.

Aqui chegamos ao ponto fundamental que é a forma como a imprensa ataca o nosso guarda-redes em contra ponto com a condescendência em relação aos erros dos guardiões dos nosso grandes rivais.

De um lado estão os apaixonados do Baía que não podendo fazer nada contra o Scolari destilam o seu ódio sobre o Ricardo que não tem culpa nenhuma das teimosias do nosso seleccionador.
Esta pérola do MST é o melhor exemplo do que acabo de escrever:
Citar
A vitória azul começou da maneira que todos os portistas desejavam: com um «frango» de Ricardo. Um clássico «frango» de Ricardo: saída falhada a uma bola alta na pequena área. Do alto da sua inabalável soberba, Ricardo declarou: «Infelizmente não se quer ver as coisas como elas são». Pois não, e ele é ainda o único que acredita que todos nós não vemos e que todos nós compreendemos as evidentes e gritantes razões pelas quais é ele o titularda baliza de Portugal...

Do outro lado estão os lamps que nunca perdoarão ao Ricardo a traição que foi a sua mudança de rumo, depois de toda a pasquinada fazer um grande alarido à volta de mais uma contratação notável daquele que na altura era um dos melhores guarda redes do mundo

Ricardo é que parece não estava preparado para isto
Eu não acho que ele teve culpa no primeiro golo. Foi falta do Jorge Costa que o impediu de chegar à bola. Claro que agora dizem que foi frango, comentário completamente ridículo.

Quanto aos outros golos, como deixei de ver o jogo quando começámos a perder, não sei.
Aquilo que está na "Bola Quadrada" deve ter sido escrito pelo Gágá da Cunha enquanto estava a cagar, depois de mais uma sessão de copos. Acho que nunca vi coisa tão falha de sentido, e já vi muitas.
Saudades do futuro.
Citação de: "Angel Lion"
Aquilo que está na "Bola Quadrada" deve ter sido escrito pelo Gágá da Cunha enquanto estava a cagar, depois de mais uma sessão de copos. Acho que nunca vi coisa tão falha de sentido, e já vi muitas.

Acabei de ler e não percebi nada.

De que serve colocar esses comentários de maneira tão codificada que só quem saiba do assunto percebe??

 :?  :?