Obikwelu reconhecido como campeão europeu de Munique-2002

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Francis Obikwelu foi esta terça-feira reconhecido oficialmente pela Federação Europeia de Atletismo (EAA) como campeão dos 100 metros da prova de Munique-2002, depois de anulada a vitória do britânico Dwain Chambers por doping.

O atleta luso-nigeriano, nascido em Onitsha há 27 anos, e naturalizado português em 2001, passa, assim, a contar com o primeiro título continental português em provas de velocidade, depois de já ter conseguido uma medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Atenas de 2004, também nos 100 metros.

Obikwelu tinha terminado a prova de Munique no segundo lugar, com 10,06 segundos, atrás de Chambers, com 9,96, mas com a anulação dos resultados do atleta inglês entre 1 de Janeiro de 2002 e 1 de Agosto de 2003, a vitória passa a ser atribuída ao atleta luso, enquanto o britânico Darren Campbell e o húngaro Roland Németh vão também subir um lugar na classificação final.

No final do ano passado, Chambers confessou à BBC que tinha recorrido ao esteróide tetrahidrogestriona (THG) depois de ter começado a treinar nos Estados Unidos no início de 2002. Chambers acabou por ser suspenso por dois anos em Fevereiro de 2004 depois de um controlo antidoping ter detectado THG, em Agosto de 2003, na Alemanha.
"And yet the country north of the Tagus, Lusitania, is the greatest of the Iberian nations, and is the nation against which the Romans waged war for the longest times" Strabo