Skip to main content
Dados de Soeiro Manuel soeiro cromo.jpg
Nome Manuel Soeiro Esteves Vasques
Nascimento 17 de Março de 1909
Naturalidade Barreiro - Portugal
Posição Avançado
Escalão Época Clube Jogos Golos Titulos Internacionalizações
JUV JUN ESP BB AA Golos
1928/29 Luso
1929/30 Luso
1930/31 Luso
1931/32 Luso 1 1
1932/33 Luso
1ª Categoria 1933/34 SPORTING 12 14 Campeonato de Lisboa
Campeonato de Portugal
1ª Divisão 1934/35 SPORTING 33 34 Campeonato de Lisboa 1 1
1ª Divisão 1935/36 SPORTING 29 22 Campeonato de Lisboa
Campeonato de Portugal
2 1
1ª Divisão 1936/37 SPORTING 27 42 Campeonato de Lisboa
1ª Divisão 1937/38 SPORTING 25 16 Campeonato de Lisboa
Campeonato de Portugal
5 1
1ª Divisão 1938/39 SPORTING 28 25 Campeonato de Lisboa 2 1
1ª Divisão 1939/40 SPORTING 12 6 Regional de Reservas
1ª Divisão 1940/41 SPORTING 17 27 Campeonato de Lisboa
Campeonato Nacional
Taça de Portugal
1 0
1ª Divisão 1941/42 SPORTING 23 14 Campeonato de Lisboa
1ª Divisão 1942/43 SPORTING 12 4 Campeonato de Lisboa
1ª Divisão 1943/44 SPORTING 0 0
1ª Divisão 1944/45 SPORTING 1 0
Total = 219 204 12 5
Manuel Soeiro

Manuel Soeiro principiou a sua carreira de futebolista no Luso do Barreiro, chegando então à Selecção Nacional, onde se estreou no dia 3 de Maio de 1932, num jogo disputado em Lisboa, em que Portugal derrotou a Jugoslávia por 3-2, com um golo seu.

Nessa altura também praticava Atletismo em representação de Os Treze e chegou a ser Campeão Regional Junior do Lançamento do Disco, embora também participasse nas corridas de velocidade.

Transferiu-se para o Sporting em 1933, para logo se sagrar Campeão de Portugal, marcando os quatro golos com que os Leões derrotaram o Barreirense na final desse campeonato, naquela que foi a sua tarde de glória e que ficou para a história como o Poker de Soeiro.

Tornou-se então num dos maiores goleadores de sempre do Clube, totalizando 204 golos marcados em 219 jogos oficiais realizados pela equipa principal, e voltou a ser decisivo na Final do último Campeonato de Portugal em 1937/38, ao marcar dois dos três golos com que o Sporting derrotou o Benfica.

Ficou também para a história como o primeiro melhor marcador do Campeonato da Liga, em 1934/35, época em que marcou 14 golos. Repetiu a proeza em 1936/37 ao apontar 23 golos, estabelecendo um novo recorde da prova.

Ao longo das doze temporadas que jogou no Sporting, ganhou um Campeonato Nacional, três Campeonatos de Portugal, uma Taça de Portugal, nove Campeonatos de Lisboa e dois de Reservas, integrando a grande linha avançada que antecedeu os Cinco Violinos, ao lado de Mourão, Pireza, Peyroteo e João Cruz.

Representou por 12 vezes a Selecção Nacional, ao serviço da qual marcou 5 golos.

Mais tarde, encaminhou para o Sporting o seu sobrinho Manuel Vasques, que viria a ser um dos Cinco Violinos.

Foi também treinador, iniciando-se no Luso do Barreiro e nos Juniores do Sporting e mais tarde, na época de 1949/50, levou o Torres Novas pela primeira vez à 2ª divisão nacional.

Em 1975 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Saudade.

Faleceu em Fevereiro de 1977 com 67 anos de idade.

To-mane 21h20min de 10 de Abril de 2009 (WEST)