Wiki Sporting - a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes

Orlando Duarte

Da Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Dados de Orlando Duarte OrlandoDuarte.jpg
Nome: Orlando Francisco Alves Duarte
Nascimento: 5 de Abril de 1957
Naturalidade: Lisboa - Portugal
Posição: Treinador - Futsal

Orlando Duarte começou a sua carreira de treinador no Atlético em 1987/88, onde permaneceu até 1991/92, tendo na época seguinte sido resgatado pela secção de Futsal do Sporting Clube de Portugal, o clube do seu coração. À frente da equipa leonina durante nove temporadas, o técnico conquistou o Campeonato Nacional da 1ª Divisão em cinco ocasiões (de 1993 a 1995 e depois em 1999 e 2001) e foi Vice-campeão em outras três, tendo sido também Campeão Distrital pelos Juniores A em três ocasiões.

Em 1999 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Técnico.

Em 2000/01 saiu do Sporting na condição de Campeão Nacional, de forma a concretizar um sonho: ser Seleccionador Nacional. Nos quadros da Federação Portuguesa de Futebol desde 1994, Orlando Duarte foi um dos treinadores que mais contribuiu para o desenvolvimento do Futsal em Portugal, habituando a Selecção Nacional a estar presente nos grandes palcos e a conseguir resultados satisfatórios. Entre os quais, um terceiro lugar no Mundial de 2000, na Guatemala, e um segundo posto no Europeu de 2010, disputado na Hungria. Já depois de abandonar a Selecção, Orlando Duarte foi galardoado com o prémio "Fernando Vaz", da Associação Nacional de Treinadores de Futebol, pelo bom trabalho realizado à frente da equipa das quinas.

Dez anos mais tarde, na época 2010/11, Orlando Duarte voltou ao Sporting e definiu como objectivos prioritários a conquista das quatro competições que a equipa verde e branca disputava: Supertaça, Taça de Portugal, Taça UEFA e Campeonato Nacional. Logo no início da época conquistou a Supertaça e, mais tarde, chegou à final da UEFA Futsal Cup e venceu o Campeonato Nacional e a Taça de Portugal frente ao eterno rival, o SL Benfica.

Em 2011 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Técnico pela 2º vez.

No final da época 2011/12 Orlando Duarte e o Sporting não renovaram o vínculo contratual que os unia e o treinador deixou o Clube, tendo sido substituido por Nuno Dias.