Wiki Sporting - a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções

Nuno Valente

Da Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ir para: navegação, pesquisa
Dados de Nuno Valente NunoValente.jpg
Nome: Nuno Jorge Pereira da Silva Valente
Nascimento: 12 de Setembro de 1974
Naturalidade: Lisboa - Portugal
Posição: Lateral esquerdo
Escalão Época Clube Jogos Golos Titulos Internacionalizações
JUV JUN ESP OLI AA Golos
Juvenis 1989/90 SPORTING
Juvenis 1990/91 SPORTING
Juniores 1991/92 SPORTING Campeonato Nacional
Juniores 1992/93 SPORTING
Honra 1993/94 Portimonense (emp)
1ª Divisão 1994/95 SPORTING 11 0 Taça de Portugal 1 0
1ª Divisão 1995/96 SPORTING 13 0
1ª Divisão 1996/97 Marítimo (emp)
1ª Divisão 1997/98 SPORTING 7 0
1ª Divisão 1998/99 SPORTING 12 1
1ª Divisão 1999/00 U. Leiria
1ª Divisão 2000/01 U. Leiria
1ª Divisão 2001/02 U. Leiria
1ª Divisão 2002/03 FC Porto Campeonato Nacional
Taça UEFA
Taça de Portugal
4 0
1ª Divisão 2003/04 FC Porto Supertaça
Campeonato Nacional
Liga dos Campeões
11 1
1ª Divisão 2004/05 FC Porto Supertaça
Taça Intercontinental
3 0
1ª Divisão 2005/06 FC Porto
Premier League 2005/06 Everton 11 0
Premier League 2006/07 Everton 4 0
Premier League 2007/08 Everton
Premier League 2008/09 Everton
Total = 43 1 33 1
Escalão Época Clube Obs. Jogos V E D Titulos
Premier League 2009/10 Everton Observador
1ª Liga 2010/11 SPORTING Adjunto
Total =

Defesa esquerdo das escolas do Sporting onde foi Campeão Nacional de juniores, antes de na sua primeira época de sénior ser emprestado ao Portimonense. Era acima de tudo um jogador seguro e forte nas marcações, fazendo uso da sua elevada estatura pouco habitual nos laterais portugueses.

Por indicação de Carlos Queirós, que acreditava nas suas potencialidades, regressou a Alvalade para integrar o plantel principal na época de 1994/95. Fez vários jogos participando na campanha que levou o Sporting à conquista da Taça de Portugal, mas acabou por ficar tapado por Vujacic que na altura o Professor resolveu adaptar ao lado esquerdo da defesa.

Com a chegada de Octávio Machado ao comando técnico da equipa passou a jogar ainda menos, e acabou por ser outra vez emprestado, agora ao Marítimo onde fez uma excelente época, justificando o regresso a casa.

Esteve então mais duas temporadas no Sporting, a primeira das quais discutiu com Pedrosa, Vinicius e até Quim Berto, um lugar que nunca teve dono, numa equipa que teve quatro treinadores, para na segunda ficar tapado pela chegada de Rui Jorge, acabando por ser dispensado quando totalizava 43 jogos pelo Sporting, nos quais marcou 1 golo.

Prosseguiu a sua carreira no União de Leiria, e foi lá que encontrou Mourinho, que o levou para o FC Porto, onde viveu os melhores anos da sua carreira, integrando uma equipa que ganhou a Taça UEFA, a Liga dos Campeões e a Taça Intercontinental, para além de várias competições internas, chegando assim à Selecção Nacional que representou por 33 vezes, marcando um golo, e participando nas brilhantes campanhas do Europeu 2004 e do Mundial 2006.

No decorrer da temporada de 2005/06, quando começava a ser massacrado pelas lesões, foi pressionado pelo FC Porto para abdicar da Selecção, e como não aceitou acabou por ser vendido ao Everton de Inglaterra, onde encerrou a sua carreira em 2009, já à beira dos 35 anos.

Nunca esqueceu o Sporting, e aderiu à campanha de angariação de sócios levada a cabo pelo então recém eleito Presidente José Eduardo Bettencourt, reconhecendo que devia ao Clube muito daquilo que havia conseguido ao longo da sua vida, e na época de 2010/11 foi integrado na equipa técnica liderada por Paulo Sérgio.

To-mane 21h59min de 3 de Novembro de 2009 (WET)