Wiki Sporting - a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções

José Carlos

Da Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ir para: navegação, pesquisa
Dados de José Carlos Joscarlos.jpg
Nome: José Carlos da Silva José
Nascimento: 22 de Setembro de 1941
Naturalidade: Vila Franca de Xira - Portugal
Posição: Defesa
Escalão Época Clube Jogos Golos Titulos Internacionalizações
JUV JUN ESP BB AA Golos
1ª Divisão 1960/61 CUF 1
1ª Divisão 1961/62 CUF 2
1ª Divisão 1962/63 SPORTING 33 1 Taça de Portugal 2
1ª Divisão 1963/64 SPORTING 22 1 Taça das Taças 4
1ª Divisão 1964/65 SPORTING 40 0 5
1ª Divisão 1965/66 SPORTING 37 0 Campeonato Nacional
Taça de Honra
7
1ª Divisão 1966/67 SPORTING 31 0 3
1ª Divisão 1967/68 SPORTING 41 0 4
1ª Divisão 1968/69 SPORTING 26 0 3
1ª Divisão 1969/70 SPORTING 33 0 Campeonato Nacional 2
1ª Divisão 1970/71 SPORTING 39 2 Taça de Portugal
Taça de Honra
3
1ª Divisão 1971/72 SPORTING 28 0
1ª Divisão 1972/73 SPORTING 30 0 Taça de Portugal
1ª Divisão 1973/74 SPORTING 8 0 Campeonato Nacional
Taça de Portugal
2ª Divisão 1974/75 Sp.Braga Zona Norte
Total = 368 4 1 36
Escalão Época Clube Obs. Jogos V E D Titulos
1ª Divisão 1975/76 Sp.Braga
1976/77
1977/78
1ª Divisão 1978/79 Boavista
1979/80
1ª Divisão 1980/81 Varzim
1981/82
2ª Divisão 1982/83 Águeda 2ª Divisão Centro
1ª Divisão 1983/84 Águeda
1984/85
1985/86
2ª Divisão 1986/87 Gil Vicente
2ª Divisão 1987/88 Gil Vicente
2ª Divisão 1988/89 Águeda
2ª Divisão 1988/89 Paredes
1989/90
2ª Divisão B 1990/91 Valpaços
2ª Divisão B 1991/92 Valpaços
1992/93
2ª Divisão B 1993/94 Lanhenses
Div.Honra 1994/95 Penafiel
Div.Honra 1995/96 Penafiel
3ª Divisão 1996/97 Sandinenses Campeonato Nacional
2ª Divisão B 1997/98 Sandinenses
1998/99
2ª Divisão B 1999/00 Sandinenses
2ª Divisão B 2000/01 Sandinenses
Total =
Recebendo a Taça

José Carlos foi um defesa rijo, autoritário e com um grande carisma e sentido de liderança, que o tornaram num dos históricos capitães de equipa do Sporting, posição que passou a ocupar depois da lesão de Fernando Mendes e na qual foi sucedido por Vítor Damas, outras duas grandes figuras do Clube.

Principiou no Oriental mas foi na CUF sob o comando Fernando Vaz que deu nas vistas, chegando então à Selecção Nacional, onde se estreou em Lisboa no dia 19 de Março de 1961, num jogo frente ao Luxemburgo, a contar para a fase de apuramento para o Mundial de 1962.

Foi nesse mesmo ano que se transferiu para o Sporting, onde ganhou imediatamente um lugar na equipa, casando na perfeição com Alexandre Baptista, actuando numa posição a que nesse tempo se chamava de "quarto defesa", e que era uma espécie de trinco da altura, numa fase de transição das então tradicionais linhas de três defesas, para os quartetos defensivos que se seguiram.

José Carlos actuou no Sporting durante doze temporadas, nas quais foi três vezes Campeão Nacional, ganhou quatro Taças de Portugal e a Taça das Taças de 1964, tendo actuado nos últimos seis jogos dessa brilhante campanha.

Alguns dos momentos de José Carlos no Sporting

Foi por essa altura que conquistou um lugar efectivo na nossa Selecção A, que representou por 36 vezes, fazendo parte da grande equipa que ficou em 3º lugar no Mundial de 1966, onde fez os últimos dois jogos.

Em 1970 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Atleta Profissional.

Na época de 1973/74, naquele que foi o seu último ano de Leão ao peito, ajudou o Sporting a conquistar a "dobradinha", e embora já jogasse pouco nessa altura, mas até aí tinha sido titular indiscutível durante 11 épocas a fio, primeiro à frente da defesa, depois como central e algumas vezes como defesa direito.

Saiu em grande, indo para o Braga, onde encerrou a sua carreira de futebolista e iniciou a de treinador, ajudando o Sporting local a regressar à 1ª Divisão.

Radicou-se então no norte do País, onde orientou vários clubes, tendo conseguido nova subida à 1ª Divisão com o Recreio de Águeda, entre outros trabalhos em clubes de alguma dimensão, como Boavista, Famalicão, Varzim, Chaves, Gil Vicente e Penafiel.

Numa fase mais adiantada deu prioridade aos seus negócios, não se recusando no entanto a colaborar com pequenos clubes das divisões inferiores e foi assim que em 1997 voltou a ser Campeão Nacional, agora ao serviço dos Sandinenses na 3ª Divisão.

To-mane 22h23min de 24 de Fevereiro de 2009 (WET)