Wiki Sporting - a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções

Fernando Manuel Mendes

Da Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página é sobre o lateral esquerdo Fernando Mendes. Se procura o médio e treinador e Capitão de equipa Fernando Mendes, consulte Fernando Mendes.
Dados de Fernando Manuel Mendes Fernando Mendes.jpg
Nome: Fernando Manuel Antunes Mendes
Nascimento: 5 de Novembro de 1966
Naturalidade: Setúbal - Portugal
Posição: Lateral esquerdo
Escalão Época Clube Jogos Golos Titulos Internacionalizações
INI JUV JUN ESP OLI AA Golos
1ª Divisão 1984/85 SPORTING 1 0
1ª Divisão 1985/86 SPORTING 33 0
1ª Divisão 1986/87 SPORTING 25 0 2 0
1ª Divisão 1987/88 SPORTING 29 0 Supertaça 2 0
1ª Divisão 1988/89 SPORTING 27 1 1 0
1ª Divisão 1989/90 Benfica
1ª Divisão 1990/91 Benfica Campeonato Nacional
1ª Divisão 1991/92 Boavista Taça de Portugal
1ª Divisão 1992/93 Benfica Taça de Portugal 4 0
1ª Divisão 1993/94 Est. Amadora
1ª Divisão 1994/95 Boavista
1ª Divisão 1995/96 Belenenses 2 0
1ª Divisão 1996/97 FC Porto Supertaça
Campeonato Nacional
1ª Divisão 1997/98 FC Porto Campeonato Nacional
Taça de Portugal
1ª Divisão 1998/99 FC Porto Supertaça
Campeonato Nacional
1ª Divisão 1999/00 Belenenses
Honra 2000/01 V. Setúbal
1ª Divisão 2001/02 V. Setúbal
2002/03
2003/04
3ª Divisão 2004/05 Montijo
Regional 2005/06 São Marcos
Regional 2006/07 São Marcos
Regional 2007/08 São Marcos
Regional 2008/09 O. Montijo
Total = 115 1 4 8 11 3 1 11 0

Fernando Mendes começou a jogar futebol no Montijo, transferindo-se para o Sporting quando ainda era iniciado, tornando-se internacional em todos os escalões jovens. Já era então apontado como um lateral esquerdo muito promissor.

Foi lançado na equipa principal do Sporting por Pedro Gomes, substituindo Mário Jorge aos 60m de um jogo a contar para a última jornada do campeonato de 1984/85, numa altura em que tinha apenas 18 anos e ainda era júnior.

Na época seguinte Manuel José apostou nele como titular, e Fernando Mendes rapidamente se afirmou como um lateral raçudo e muito rápido, que era capaz de fazer todo o corredor esquerdo e de cruzar com grande precisão.

Tornou-se então num titular indiscutível no Sporting, perdendo apenas o lugar durante algum tempo com o treinador inglês Keith Burkinshaw, com quem nunca se entendeu, mas mesmo assim foi com ele que conquistou a Supertaça em 1987.

Chegou à Selecção A em Outubro de 1986, quando ainda não tinha feito os 20 anos de idade, totalizando 11 internacionalizações, 5 das quais enquanto jogador do Sporting, Clube onde fez 115 jogos oficiais, marcando 1 golo.

Em 1989 em plena crise no Sporting, rescindiu contrato alegando ordenados em atraso, e mudou-se para o Benfica, onde nunca convenceu o treinador Sven Goran Erickson. que gostava de arreliar disparando a sua pressão de ar à porta do balneário do sueco. Depois acabou por ficar marcado por um jogo com o FC Porto, em que Kostadinov fez dele o que quis e pouco mais jogou.

Após duas épocas na Luz, foi emprestado ao Boavista onde reencontrou Manuel José, e conquistou uma Taça de Portugal, voltando às boas exibições.

Regressou então ao Benfica, mas outra vez sem sucesso, pelo que concluído o seu contrato foi para o Estrela da Amadora, confessando ter sido um erro trocar o Sporting pelo Benfica, que mais tarde apelidaria como "um clube foleiro".

Ainda voltou ao Boavista, mas foi no Belenenses que relançou a sua carreira, sendo então novamente chamado à Selecção Nacional, embora tenha ficado de fora dos convocados para o Euro 2000, o que fez com que arrasasse o Seleccionador Nacional Humberto Coelho, afirmando ser o melhor lateral esquerdo português dos últimos anos.

As boas exibições no Belenenses valeram-lhe a transferência para FC Porto, tornando-se assim no único jogador que representou os cinco clubes portugueses que já foram Campeões Nacionais, embora nessa altura o Boavista ainda não tivesse conquistado o seu titulo.

No Porto confirmou estar de volta aos seus melhores dias, e foi tri-campeão, para além de ter conquistado duas Supertaças e uma Taça de Portugal.

Ainda regressou ao Belenenses, encerrando depois a sua carreira de futebolista profissional no Vitória de Setúbal, que ajudou a subir à 1ª Liga, onde fez a sua última temporada já com 35 anos de idade.

Mais tarde ainda voltou ao futebol, primeiro para representar o Montijo, o clube daquela que diz ser a sua terra, apesar de ter nascido em Setúbal, e depois para jogar nos Regionais até aos 42 anos de idade.

Depois de uma carreira marcada por diversas polémicas, Fernando Mendes publicou um livro onde confessou ter-se dopado, arrasando o futebol português com a sua reconhecida frontalidade.

Faz parte do painel de comentadores do programa "Especial Jornada" da Sporting TV.

To-mane 22h46min de 2 de Janeiro de 2010 (WET)