Wiki Sporting - a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções

Aniceto Simões

Da Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ir para: navegação, pesquisa
Dados de Aniceto Simões Aniceto14.jpg
Nome: Aniceto Silva Simões
Nascimento: 8 de Setembro de 1945
Naturalidade: Penacova - Portugal
Posição: Atleta (crosse e fundo)

Aniceto Simões iniciou-se no Atletismo no Salatinas, um pequeno clube de Coimbra, mas foi no Santa Clara da mesma cidade que se começou a evidenciar, quando em 1972 se sagrou Campeão de Portugal dos 10000m.

No ano seguinte transferiu-se para o Benfica, onde esteve três épocas, vencendo mais um Campeonato de Portugal dos 10000m, dois dos 5000m e um nos 3000m obstáculos, para além de ter sido Campeão Nacional de Corta Mato, em 1975.

Em 1976 regressou ao Santa Clara, e foi Campeão de Portugal dos 10000m pela 3ª vez, garantindo também um lugar nos Jogos Olímpicos de Montreal, onde teve uma excelente prestação, qualificando-se para a Final dos 5000 metros, onde foi 8º classificado, batendo o Recorde Nacional, que então pertencia a Carlos Lopes, ao percorrer a distância em 13,21,93s.

Aniceto Simões ingressou no Sporting Clube de Portugal após os Jogos Olímpicos, e começou logo por vencer o Grande Prémio do Natal de 1976 e o Grande Prémio dos Reis no início do ano seguinte, isto numa altura em que Carlos Lopes já era um dos melhores fundistas do mundo, enquanto Fernando Mamede para lá caminhava, pelo que não teve grandes hipóteses de ganhar muitas coisas, mas em 1979 ainda conseguiu ser pela 3ª vez Campeão de Portugal dos 5000m e vencer o Campeonato Regional de Corta Mato.

No Sporting Aniceto Simões foi acima de tudo um atleta de equipa, que contribuiu de forma decisiva para a conquista de inúmeros títulos colectivos, com natural destaque para as três primeiras Taças dos Campeões Europeus de Corta Mato que o Clube ganhou, nos anos de 1977, 1979 e 1981, com Aniceto sempre entre os três atletas leoninos que contribuíram para a pontuação final, tendo obtido como melhor classificação um 7º lugar, em 1979.

Participou também em várias edições da Taça dos Campeões Europeus de Atletismo, destacando-se na de 1977, altura em que ganhou as corridas dos 5000 e 10000m, contribuindo decisivamente para o 5º lugar do Sporting na classificação colectiva, que era o melhor resultado de sempre que o Clube obtia naquela competição .

Entre 1977 e 1981 fez parte das equipas do Sporting que ganharam essas cinco edições da Estafeta Cascais-Lisboa, cabendo-lhe habitualmente o percurso mais longo da prova.

Entre 1973 e 1981 participou em 7 edições do Campeonato Mundial de Corta Mato, tendo como melhor classificação um 45º lugar, obtido em 1978, quando foi o melhor atleta português em prova.

Representou Portugal em 4 edições da Taça Europa, e esteve presente nos Campeonatos da Europa de Pista de 1974 em Roma e de 1978 em Praga, correndo em ambas as ocasiões os 5000m, mas na Checoslováquia também apostou na Maratona, acabando por desistir e abandonar a ideia de se transformar num maratonista.

No início dos anos oitenta retirou-se da actividade de atleta de alta competição, mas continuou no Sporting como um dos treinadores adjuntos do sector de meio-fundo e fundo.

Foi considerado Sócio de Mérito do Sporting Clube de Portugal, e em 1990 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Dedicação.

Em 1997 a Câmara Municipal de Penacova atribuiu o seu nome ao Pavilhão Multidesportivo da localidade, homenageando assim um dos mais ilustres filhos daquela terra.

To-mane 15h43min de 27 de Setembro de 2012 (WEST)