Wiki Sporting - a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções

Ana Dias

Da Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal
Ir para: navegação, pesquisa
Dados de Ana Dias AnaDias.JPG
Nome: Ana Maria Guerreiro Dias
Nascimento: 15 de Janeiro de 1974
Naturalidade: Faro - Portugal
Posição: Atleta (crosse, fundo e meio fundo)

Natural de Faro, Ana Dias começou a correr num pequeno clube chamado Casa do Povo da Conceição, onde esteve até 1992, altura em que se transferiu para o Maratona Clube do Algarve, em representação do qual em 1993 foi Campeã Nacional Júnior de Corta Mato e Campeã Nacional dos 3000m, nos escalões de Juniores e de sub-23,

Chegou ao Sporting no final de 1994 com apenas 20 anos de idade, depois de nesse ano se ter sagrado Campeã de Portugal nos 3000m, numa altura em que já era apontada como uma promissora atleta de crosse, de fundo e meio fundo

Logo na sua primeira época ao serviço do Sporting Clube de Portugal, foi Campeã Regional de Corta Mato e conseguiu obter os mínimos dos 5000m para os Campeonatos do Mundo, marcando também presença nos Europeus e nos Mundiais de Corta Mato, obtendo um excelente 12º lugar na prova continental, um resultado que viria a melhorar no ano seguinte ao classificar-se no 9º lugar, a sua melhor prestação de sempre, numa competição onde participou 12 vezes, ajudando Portugal a ganhar 6 títulos de Campeão da Europa, uma Medalha de Prata e 4 de Bronze.

Daí para a frente confirmou-se como uma das melhores fundistas do nosso País e uma boa especialista de Corta Mato, variante em que foi Campeã Nacional no crosse curto em 2004 e várias vezes Campeã Regional.

Na provas de Estrada conquistou inúmeras vitórias e na Pista foi Campeã de Portugal dos 5000m em 2001, feito que repetiu em 2009, já enquanto atleta da Casa do Benfica de Faro, clube que passou a representar a partir de 2005.

Fez parte da equipa do Sporting que na época de 1997 ganhou o Grupo B da Taça dos Campeões Europeus de Atletismo, contribuindo para esse sucesso com um 2º lugar na corrida dos 1500m, e daí para a frente foi presença quase obrigatória nas equipas do Sporting que participaram em diversas edições dessa competição.

Nesse ano foi diagnosticada uma tuberculose que quase acabou com a sua carreira, obrigando-a a uma paragem de quase dois anos, mas conseguiu recuperar e voltou ás corridas, apostando então nas distâncias mais longas.

Também integrou a equipa do Sporting que em 2000 ganhou a 1ª edição dos Campeonatos Nacionais de Crosse Curto, classificando-se no 3º lugar dessa competição.

Estreou-se na Maratona em Setembro de 2003, em Berlim, onde fez logo os mínimos olímpicos, com o registo de 2,28,49h, garantindo assim a sua presença em Atenas, onde acabou por pagar caro o facto de ter arriscado muito na ambição de obter um bom lugar, passando então por grandes dificuldades e, só com muito sofrimento e alguma teimosia é que conseguiu entrar no Estádio Olímpico terminando a prova em 3,08,11h

Antes já tinha estado nos Jogos Olímpicos de 1996, realizados em Atlanta, correndo os 5000m e nos Jogos Olímpicos de 2000 realizados em Sidney, correndo os 10000m, mas em ambos os casos não passou das eliminatórias. Mais tarde em 2008, voltou aos Jogos para participar outra vez na Maratona, desta feita em Pequim, onde foi 46ª classificada.

Repetiu a presença nos Campeonatos Mundiais de Atletismo em 1999, 2001, 2005 e 2009, obtendo o 32º lugar na Maratona de 2005 e correndo os 10000m nas outras três ocasiões, tendo como melhor classificação um 15º lugar.

Nos Campeonatos da Europa participou nos 10000m em 2002 e 2012, obtendo um 7º lugar nesta última edição, e nas Maratonas de 2006, onde desistiu e de 2010, que concluiu no 18º lugar.

Participou em 12 edições dos Campeonatos do Mundo de Corta Mato, obtendo como melhores classificações um 13º lugar em 1999, um 19º lugar em 2009 e um 21º lugar em 2005, curiosamente em três ocasiões em que Portugal conquistou a Medalha de Bronze.

Representou Portugal em 6 edições da Taça da Europa, vencendo a corrida dos 3000m em 1999 e, esteve presente nos Campeonatos Ibero-americanos de 1998 disputados em Lisboa, obtendo o 5º lugar na corrida dos 5000m, embora tenha participado apenas como atleta extra, ou seja não fazendo parte da Selecção Nacional.

Conquistou duas Medalhas de Bronze na Taça da Europa dos 10000m, competição onde participou 10 vezes, contribuindo decisivamente para que Portugal ganhasse 6 Medalhas de Ouro, 1 de Prata e 3 de Bronze.

Foi distinguida por três vezes com o Prémio Stromp, a primeira na categoria Atleta em 1995, depois em 1999 na categoria Especial e finalmente em 2000 na categoria Especial Mundial.

Encerrou a sua carreira em 2012 já com 38 anos de idade, representando nesse ano o Maratona Clube de Portugal, que ajudou a ganhar os títulos nacionais de Corta Mato e Estrada, obtendo um 4º lugar no crosse e um 2º no asfalto.

To-mane 17h38min de 16 de Abril de 2013 (WEST)